Sócrates foi libertado há um ano

João Relvas / Lusa

O ex-primeiro-ministro, José Sócrates (D), acompanhado do seu advogado, João Araújo, à chegada à casa onde ficará em prisão domiciliária

O ex-primeiro-ministro, José Sócrates (D), acompanhado do seu advogado, João Araújo, à chegada à casa onde ficará em prisão domiciliária

O fim das medidas privativas da liberdade de José Sócrates completa domingo um ano sem que tenha havido acusação e numa altura em que o Ministério Público adiou para março de 2017 o prazo para conclusão da investigação.

O antigo primeiro-ministro socialista, vindo de Paris, foi detido a 21 de novembro de 2014, no aeroporto de Lisboa, por suspeitas dos crimes de fraude fiscal qualificada, branqueamento de capitais e corupção passiva para ato ilícito, tendo ficado preso preventivamente no Estabelecimento Prisional de Évora.

Durante os mais de nove meses em que esteve preso em Évora, Sócrates reclamou inocência, recebeu a visita de amigos e colegas de partido, incluindo do antigo Presidente da República Mário Soares, mas todos os pedidos de `habeas corpus” para a sua libertação foram rejeitados pelo Supremo Tribunal de Justiça.

Já depois de outros arguidos terem deixado de estar em prisão preventiva na Operação Marquês, Sócrates passou, a 04 de setembro de 2015, para prisão domiciliária, com vigilância policial e proibição de contactos com outros arguidos.

Antes, o antigo líder do PS ter recusado a possibilidade de ficar preso em casa com pulseira eletrónica.

A sua chegada a casa, de ténis e t-shirt, tornou-se num dos acontecimentos mais mediáticos desse verão, com eleições legislativas à porta.

Nesse momento, as atenções dos investigadores estavam viradas para o alegado envolvimento do antigo primeiro-ministro no licenciamento do empreendimento de Vale de Lobo, num negócio que trazia também à colação o empresário Hélder Bataglia e os amigos de longa data de Sócrates – Armando Vara e Carlos Santos Silva, também arguidos na Operação Marquês.

João Araújo e Pedro Delille, advogados de Sócrates, vieram então, em conferência de imprensa, classificar o processo de “patetico, sem orivas ou factos”, contrariando notícias que apontavam o antigo líder socialista como o beneficiário de muitos milhões de euros que circularam pelas contas de Carlos Santos Silva.

A 16 de outubro, já depois das legislativas, Sócrates foi libertado por decisão judicial, mas proibido de se ausentar para o estrangeiro, após o Ministério Público considerar que estavam consolidados os indícios recolhidos nos autos, bem como a integração juríidca dos factos imputados.

O Ministério Público (MP) previu concluir o inquérito em março deste ano, adiando depois a data para 15 de setembro, altura em que a Procuradoria-Geral da República concedeu mais 180 dias (meio ano) para “a realização de todas as diligências de investigação consideradas imprescindíveis”.

Este novo adiamento – duramente criticado pela defesa e por Sócrates, que ameaçou recorrer às instâncias internacionais – foi justificado pelo MP com o surgimento de “novos factos, integráveis no objeto do processo” e que implicam pedidos de cooperação judiciária internacional.

Em causa estarão suspeitas de corrupção com negócios da PT no Brasil, envolvendo o Grupo Espírito Santo (GES).

Recentemente, numa entrevista à SIC, o juiz do TCIC Carlos Alexandre aludiu ao facto de ter que trabalhar bastante por não ter amigos pródigos, o que foi interpretado como uma indirecta a Sócrates, que acusou o juiz da Operação Marquês de “abuso de poder” ao “corroborar publicamente as injustas e falsas teses da acusação”.

No seguimento das declarações e de uma queixa dos advogados de Sócrates, o Conselho Superior da Magistratura – órgão de gestão e disciplina dos juízes – vai analisar as declarações de Carlos Alexandre.

Na terça-feira o Tribunal da Relação de Lisboa rejeitou o pedido de afastamento do juiz apresentado pela defesa do ex-primeiro-ministro.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Bilardo foi "distraído" para não saber da morte de Maradona

Carlos Bilardo continua sem saber que Diego Maradona morreu. Família tenta proteger saúde do antigo selecionador argentino. Diego Armando Maradona morreu em novembro e Carlos Bilardo continua sem saber desse falecimento. A família tenta proteger a …

Processo de envelhecimento é imparável, revela estudo

Um novo estudo, que envolveu cientistas de 14 países, confirmou que provavelmente não podemos diminuir a velocidade com que envelhecemos, devido a restrições biológicas. A pesquisa, publicada na quarta-feira na Nature Comunications, inclui especialistas da Universidade …

Inglaterra 0-0 Escócia | Nulo total no dérbi britânico

A Inglaterra empatou hoje 0-0 com a Escócia, em jogo da segunda jornada do Grupo D do Euro 2020 de futebol, e desperdiçou a oportunidade de garantir já um lugar nos oitavos de final do …

Infeção pelo coronavírus pode não garantir proteção prolongada, revela estudo

Um novo estudo britânico sugere que uma infeção pelo SARS-CoV-2 não garante que o hospedeiro desenvolva uma resposta imunitária prolongada contra o vírus, sendo a imunidade "altamente variável de pessoa para pessoa". Segundo a pesquisa do …

Ex-ministro da Bolívia planeou um segundo golpe usando mercenários dos EUA

O vazamento de gravações telefónicas e e-mails revelam que um ex-ministro da Defesa boliviano estava a preparar-se para usar tropas estrangeiras para impedir que o partido de esquerda MAS regressasse ao poder. Os documentos e registos …

Espécie rara de orquídea encontrada em telhado de banco de investimentos em Londres

Uma espécie rara de orquídea, que se acredita estar extinta no Reino Unido, foi descoberta no jardim do telhado de um banco de investimentos em Londres. Segundo o The Guardian, a Serapias parviflora, uma espécie rara …

Pintura de David Bowie comprada por três euros vai agora ser leiloada por milhares

A pintura do ícone do rock, David Bowie, deverá ser vendida por milhares de dólares num leilão de arte online. O retrato, intitulado "DHead XLVI", faz parte de um conjunto de aproximadamente 47 obras que David …

Vila Nova de Milfontes vai ter praia para cães

A praia pet friendly, que fica próxima de Furnas-Rio, vai funcionar já esta época balnear de forma experimental. Uma praia concessionada que também admite cães vai funcionar, nesta época balnear, de forma experimental, em Vila Nova …

Podia ser um quadro de Dalí, mas é só o degelo glacial na Islândia

Na Islândia, o degelo glacial criou uma paisagem deslumbrante que o fotógrafo espanhol Manuel Ismael Gómez de Almería não deixou passar em branco. Faz lembrar a arte surrealista de Salvador Dalí, mas é uma versão ampliada …

Digby, o cão dos bombeiros, ajudou a salvar uma mulher do suicídio

O cão Digby desempenhou um importante papel ao salvar uma mulher que estava a ponderar pôr fim à sua própria vida no Reino Unido. Digby é um cão terapeuta que ajuda as pessoas a lidar com …