Governo manda preparar aulas à distância. Há 700 escolas para filhos de trabalhadores de serviços essenciais

António Cotrim / Lusa

.

O Ministério da Educação já deu instruções aos estabelecimentos de ensino para começarem a preparar as aulas à distância. Enquanto isso, há cerca de 700 escolas de acolhimento disponíveis para receber os filhos de trabalhadores de serviços essenciais.

O Correio da Manhã avança esta segunda-feira que o Ministério da Educação já deu indicações às escolas para começarem a preparar o ensino à distância.

“Tendo as escolas, na preparação do ano letivo, previsto o funcionamento em regime não presencial, este deve estar preparado para poder ser ativado”, lê-se num email de “instruções e recomendações” enviado aos diretores na quinta-feira passada, dia em que o Governo anunciou a interrupção das aulas durante duas semanas.



Segundo o CM, o documento assinado por João Miguel Gonçalves, diretor-geral dos Estabelecimentos Escolares, informa que as escolas voltam a ter acesso a plataformas de editoras e outros recursos oferecidos no ano letivo passado para apoiar a implementação do ensino à distância.

Em declarações ao Jornal de Notícias, o Ministério da Educação esclareceu que o email enviado incluía “várias informações redundantes, mas necessárias para que toda a organização escolar ocorra devidamente”, e que tal não indica uma decisão do Governo.

O regresso ao ensino à distância deverá retomar no próximo dia 8 de fevereiro. Porém, há cerca de 200 mil alunos da Ação Social Escolar sem os computadores prometidos pelo Governo.

“O regime não presencial está ativado há muito tempo, faltando no entanto a entrega dos recursos tecnológicos prometidos pelo Governo”, disse Arlindo Ferreira, diretor do Agrupamento de Escolas Cego do Maio, em declarações ao CM.

Filinto Lima, diretor da Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas, disse acreditar que “as autarquias vão continuar a apoiar no fornecimento de equipamentos aos mais carenciados”.

O Governo prometeu que ia entregar computadores com Internet a 1,3 milhões de alunos e professores, mas até agora só entregou 100 mil aos cerca de 300 mil estudantes com Ação Social Escolar. O Ministério da Educação já adquiriu mais 335 mil computadores, que espera começar a entregar neste 2º período.

Há 700 escolas para filhos de trabalhadores essenciais

Com as escolas fechadas durante o confinamento geral, o Governo anunciou que vão estar disponíveis cerca de 700 escolas de acolhimento para filhos e outros dependentes dos trabalhadores de serviços essenciais que têm mesmo de ir trabalhar, não podendo ficar em casa com os filhos.

Estas escolas servirão também refeições aos alunos abrangidos por apoios no âmbito da Ação Social Escolar, segundo um comunicado do Ministério da Educação citado pelo ECO.

“A partir desta segunda-feira, as escolas continuam assim a cumprir uma função social imprescindível, em todo o território, garantindo diariamente, às crianças e jovens que o necessitem, acolhimento ou uma resposta alimentar adequada”, acrescentou o Ministério.

É possível consultar a lista de estabelecimentos que vão estar abertos durante o confinamento geral no site da Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares.

CDS quer ouvir ministro da Educação

De acordo com o jornal Público, o CDS quer ouvir o ministro da Educação com urgência no Parlamento sobre os próximos passos a dar pelo Governo no plano escolar deste ano letivo.

Para o partido liderado por Francisco Rodrigues dos Santos, a decisão de encerrar as escolas por 15 dias sem permitir o ensino à distância não contribui para minimizar as desigualdades entre os alunos.

“Se a situação se prolongar por mais de 15 dias, como muitos especialistas aventam, qual será o plano?”, questionou a deputada Ana Rita Bessa.

No requerimento da audição, que foi enviado para a comissão parlamentar de Educação, o CDS considera que “a proibição de as escolas, estatais ou privadas poderem continuar em ensino a distância não serve os alunos, não ajuda os pais – entretanto em teletrabalho –, minoriza a escola pública e aprisiona a escola privada”.

O CDS está contra o que chama de “férias compulsivas” ao não ser permitido o ensino à distância – nem que fosse apenas para consolidar matéria ou fazer revisões.

“Não é indiferente os alunos estarem confinados em casa a ver televisão ou terem acesso a aulas ou a algum ensino ainda que de forma aliviada e apesar de ter de haver sempre uma compensação com aulas presenciais noutros momentos do ano”, defendeu a deputada, em declarações ao Público. “Isto é que era uma política ativa de correção de desigualdades”.

A centrista disse-se preocupada com as decisões que o Governo tomará daqui a 15 dias, tendo em conta que “vários especialistas” avançam com a probabilidade de a situação grave da pandemia “se prolongar até fevereiro ou até março”.

O requerimento para ouvir o ministro da Educação deve ser discutido e votado esta terça-feira.

Maria Campos, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

António Costa reeleito secretário-geral do PS com 94% dos votos

António Costa foi reeleito no sábado secretário-geral do PS, com 94% dos votos, para um novo mandato de dois anos, de acordo com resultados provisórios divulgados hoje pela Comissão Organizadora do Congresso (COC) do PS. O …

"Pessoas como nós". Presidente da República alerta contra indiferença no Dia Mundial do Refugiado

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, alertou contra a indiferença e os "discursos oportunistas" numa mensagem alusiva ao Dia Mundial do Refugiado, que hoje se assinala. “Este ano sob o mote ‘Juntos cuidamos, aprendemos …

Três portugueses entre os cinco mortos em colapso de escola na Bélgica

No dia de ontem, as autoridades belgas confirmaram a morte de cinco pessoas, entre as quais três portugueses, no desabamento de uma escola em obras na cidade de Antuérpia, na Bélgica. Para além dos dois corpos …

Descoberto mecanismo que pode aumentar a expectativa de vida

Ao longo do tempo foram descobertas várias causas para o envelhecimento, mas permanece a questão de saber se existem mecanismos subjacentes comuns que determinam o envelhecimento e a expectativa de vida. Um equipa de investigadores do …

"Trabalhador atravessou faixa de rodagem". MAI diz que carro de Cabrita não se despistou

O Ministério da Administração Interna esclareceu que não existia sinalização para alertar os condutores dos “trabalhos de limpeza em curso" na autoestrada A6, no Alentejo, na sexta-feira, quando a viatura do ministro atropelou mortalmente um …

Caracol carrega o menor computador do mundo (e desvenda mistério sobre extinção em massa)

A decisão de introduzir caracóis não nativos no Taiti levou à extinção de 56 espécies de caramujos arbóreos. Contudo, uma das espécies sobreviveu. Para perceber como este "milagre" aconteceu, uma equipa usou o menor computador …

Cientistas estudam a presença de água líquida em exoluas de planetas "fugitivos"

Astrofísicos calcularam que tais sistemas poderiam abrigar água suficiente para tornar a vida possível - e sustentá-la. A água - no estado líquido - é o elixir da vida. Tornou a vida possível na Terra e …

Portugal tem o segundo melhor ataque do Euro. E a terceira pior defesa

Fechada a segunda jornada da fase de Grupos do Euro 2020, a seleção nacional tem o segundo melhor ataque da prova, com 5 golos marcados, atrás apenas da Itália. Mas tem também a terceira pior …

Espanha 1-1 Polónia | Hino ao desperdício trama La Roja

A Polónia, comandada pelo treinador português Paulo Sousa, empatou hoje a um golo com a Espanha, em Sevilha, em encontro da segunda jornada do Grupo E do Euro2020, mantendo-se ambas sem vitórias. A formação espanhola, que …

Já pode ajudar a NASA a batizar o manequim que vai até à Lua

A agência espacial norte-americana está a pedir ajuda para batizar o "Moonikin", o manequim que vai a bordo da nave Orion, durante a missão lunar Artemis I, ainda este ano. Quando a nave espacial Orion, da …