Polícia usa gás pimenta contra os lesados do BES

Mário Cruz / Lusa

Lesados do BES em confrontos com a polícia num protesto em frente à sede do Novo Banco

Um grupo de lesados do papel comercial do Banco Espírito Santo (BES) voltou a protestar, nesta quarta-feira, junto à sede do Novo Banco em Lisboa. Houve confrontos com a polícia que recorreu a gás pimenta para dispersar os manifestantes.

O protesto foi convocado pela Associação dos Indignados e Enganados do Papel Comercial do BES (AIEPC) e motivou o corte de trânsito na rua que circunda a sede do Novo Banco na capital.

Os manifestantes usavam apitos, tambores e cartazes, onde se podia ler “Novo Banco – o ladrão das minhas poupanças” e “Desistir nunca”.

Na zona do protesto há um forte dispositivo policial com várias carrinhas da PSP.

O advogado que representa a AIEPC interpôs este verão uma providência cautelar contra o Banco de Portugal e o Fundo de Resolução, na qual os clientes exigem que o banco central informe o comprador do Novo Banco do montante de papel comercial devido aos cerca de 2.500 subscritores, que ronda os 530 milhões de euros, ou seja, que inclua esse montante como uma imparidade nas contas da instituição financeira.

A 03 de agosto do ano passado, o Banco de Portugal tomou o controlo do BES, após a apresentação de prejuízos semestrais de 3,6 mil milhões de euros, e anunciou a separação da instituição em duas entidades: o chamado ‘banco mau’ (um veículo que mantém o nome BES e que concentra os ativos e passivos tóxicos do BES, assim como os acionistas) e o banco de transição, que foi designado Novo Banco.

No início do mês, o Banco de Portugal anunciou que terminou sem acordo o período de negociação com o potencial comprador do Novo Banco, apontado pela imprensa como sendo a chinesa Anbang. A imprensa noticia entretanto que o supervisor vai agora negociar com o outro concorrente chinês, a Fosun, mantendo-se ainda uma terceira proposta vinculativa válida, a dos norte-americanos da Apollo.

Na altura, o advogado de lesados do BES disse que os seus clientes estão satisfeitos com a possibilidade de a Fosun liquidar parcialmente o investimento, caso compre o Novo Banco, mas garantiu que continuarão em tribunal até recuperarem todo o dinheiro.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Será que não houve nenhum polícia a ficar sem as suas poupanças?!
    E porque raio o Estado, que dá de mão beijada dinheiro as estes banqueiros parasitas da sociedade (p.ex.BPN) e às pessoas que perderam as poupanças de uma vida, dá ZERO?!
    Reclamam e com muita razão! Depois admiram-se que as pessoas percam a cabeça… Coitadas, não queria estar no lugar delas.

    • Ambos particulares, comerciais, o BPN foi nacionalizado para proteger o eventual efeito dominó (e certa gama de clientes) e o Bes foi “aproveitado” através do fundo interbancário dito de resolução do qual, parte dos bancos ainda não devolveram o 4 Mil Milhões e tal que o estado lhes emprestou para o tal fundo… O resto foi puro risco e actividade criminosa o que para isso, existem os tribunais dado tratar-se de actividade privada. Mais, qualquer crime só o é depois de descoberto. Até lá. o criminoso desconhecido além dos próprios familiares pode enganar instituições, o regulador, PR, PM e os próprios clientes “profissionais” quanto mais os pequenos… Parece que só falta o Regulador, a CMVM, o Presidente da Rep. o Primeiro Ministro, os auditores enrolados em tramas criminosas serem presos e responsabilizados por conta dos verdadeiros criminosos…
      Seria o mesmo que, numa planície alentejana, um GNR mandar parar um gajo de fato e gravata montado num topo de gama com reluzentes cachuchos nos dedos, nada havendo a apontar, o deixasse seguir e posteriormente vir a verificar-se que o tão bem montado apropriou-se de milhares por contos do vigário e o tal GNR vir a ser acusado pela populaça de não o ter impedido… E por isso “linchado”.

Responder a XUXAS Cancelar resposta

Turista danifica escultura do século XIX enquanto posa para fotografia (e é apanhado pelas câmaras de vigilância)

A polícia italiana identificou um austríaco de 50 anos que danificou uma estátua do século XIX num museu em Itália, enquanto posava para uma fotografia. O incidente ocorreu no passado dia 31 de junho, segundo …

Covid-19: Brasil supera as 100.000 mortes

O Brasil ultrapassou hoje a barreira das 100.000 mortes associadas à covid-19, quase cinco meses depois da confirmação do primeiro óbito no país, indicam dados oficiais divulgados pelas secretarias regionais de Saúde. Segundo os mais recentes …

As vacas leiteiras têm relações complexas (que se alteram quando mudam de grupo)

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Chile e dos Estados Unidos concluiu que as vacas leiteiras vivem em redes sociais complexas que se alteram quando estes animais são movidos para outros grupos.  Para …

Virgin Galactic quer desenvolver avião comercial supersónico (que promete superar a velocidade do som)

A Virgin Galactic vai aliar-se à Rolls-Royce para criar um avião comercial supersónico, ainda mais rápido do que o mítico Concorde. A empresa de turismo espacial Virgin Galactic anunciou uma parceria com a Rolls-Royce para desenvolver …

PayPal resiste à pandemia. Volume de pagamentos cresce 30% no segundo trimestre

O volume de pagamentos através do PayPal cresceu 30% no segundo trimestre. A empresa parece resistir à pandemia de covid-19, que abalou o setor das viagens, cujos pagamentos estão muitas vezes associados a meios eletrónicos. …

Quatro pessoas morreram nos Estados Unidos depois de beberem desinfetante para as mãos

Quatro pessoas morreram nos Estados Unidos depois de ingerirem desinfetante para as mãos à base de álcool, revelou um relatório do Centros de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC) do país esta quarta-feira publicado. De …

Jim Hackett deixa a Ford após três anos de liderança

Ao fim de três anos como CEO da Ford, Jim Hackett será substituído por Jim Farley. Um mandato que fica marcado por problemas financeiros, de produção e pela morte dos três volumes e utilitários. O mandato …

Covid-19: Portugal tem mais 186 casos e quatro pessoas morreram desde sexta-feira

Portugal regista hoje mais quatro mortos e 186 novos casos de infeção por covid-19 em relação a sexta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde. De acordo com o relatório da DGS sobre a situação …

Versão americana da Eurovisão chega em 2021

O Festival Eurovisão da Canção — o maior espetáculo de entretenimento televisivo do mundo — vai chegar aos Estados Unidos no final do próximo ano. A novidade foi divulgada, esta sexta-feira (7), em comunicado oficial. A …

Contratações na TVI após apoios financeiros "suscitam preocupação"

O professor universitário e ex-ministro Miguel Poiares Maduro manifestou "preocupação" relativamente às contratações na TVI, da Media Capital, grupo que beneficia do apoio do Estado, através da compra antecipada de publicidade institucional. Em entrevista à Lusa, …