Fosun rejeita pagar mais pelo Novo Banco

Fosun

Guo Guangchang, chairman do grupo chinês Fosun

Guo Guangchang, chairman do grupo chinês Fosun

Depois do acordo falhado com a Anbang, é a vez dos chineses da Fosun voltarem à mesa de negociações.

Um grupo de técnicos e assessores financeiros da Fosun deve chegar entre esta quinta e sexta-feira à capital para auxiliar nas negociações com o Banco de Portugal, apurou o Diário Económico.

O grupo não quer subir o preço da oferta, que está ligeiramente acima dos 2 mil milhões de euros, porque os riscos são elevados, segundo o auditor PricewaterhouseCoopers no parecer às contas semestrais do banco.

Este valor está abaixo da proposta de 2,5 mil milhões de euros da Anbang, posteriormente recusada pelo Banco de Portugal, valor no qual se acrescentava ainda um capital de mil milhões.

Embora não queira subir a oferta, a Fosun está disponível para rever as condições da sua oferta abrindo a porta, por exemplo, a uma dispersão em bolsa do Novo Banco, que poderia ser utilizada para reembolsar mais rapidamente o Fundo de Resolução e cobrir uma parte do prejuízo que este deverá ter com o “banco bom”.

Já o Banco de Portugal quer apostar na negociação direta com a Fosun para conseguir convencê-la a subir o preço, até porque o grupo já controla a seguradora Fidelidade, da qual poderá extrair sinergias com a operação.

De acordo com o Económico, a equipa técnica é composta por elementos da Fosun e por quadros da KPMG e do Morgan Stanley, assessores financeiros que apoiam o grupo chinês nesta operação.

Já a assessoria jurídica está a cargo da portuguesa ABBC, escritório de advogados que já apoiou o grupo, em 2013, na compra da Caixa Seguros.

Numa altura em que cada vez surgem mais dúvidas sobre a venda do Novo Banco, o presidente Guo Guangchang e outros membros de topo só vêm a Portugal, caso estas primeiras negociações, que devem arrancar nos próximos dias, decorram de forma favorável.

Caso não seja vendido, a solução para o Novo Banco passa por um plano de reestruturação e por um aumento de capital por via de novos empréstimos do Estado ou da banca ao Fundo de Resolução, conclui o Económico.

Neste panorama, a instituição fica na posse do Fundo de Resolução, no máximo, até 2019. O Fundo de Resolução entrou com 4900 milhões de euros para criar o Novo Banco. Deste valor, 3900 milhões foram concedidos pelo Estado e os restantes foram emprestados pelos bancos.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

"Nomadland" é aposta na reabertura das salas de cinema

As salas de cinema reabrem já na segunda-feira e a grande aposta é Nomadland – Sobreviver na América, da realizadora Chloé Zhao. O premiado filme Nomadland – Sobreviver na América, da realizadora Chloé Zhao, é a …

Invasão ao Capitólio recriada através de vídeos divulgados nas redes sociais

A VICE recriou a invasão ao capitólio, no dia 6 de janeiro de 2021, através de vídeos divulgados pelos manifestantes nas redes sociais. Os resultados das eleições presidenciais norte-americanas não convenceram toda a gente. Uma parcela …

França cria delito de "ecocídio" para punir poluição ambiental

A lei resulta de uma recomendação da Convenção de Cidadãos pelo Clima e visa penalizar casos de poluição ambiental com crime específico. A câmara baixa francesa aprovou, este sábado, a criação do delito de “ecocídio” para …

Estação de metro abandonada em NY é o set de filmagens secreto mais bem guardado de Hollywood

A Bowery Station, uma estação de metro em Nova Iorque, permaneceu abandonada durante cerca de 20 anos, mas desfruta agora de uma nova vida. Tudo começou em 2016, quando Sam Hutchins, um veterano da indústria cinematográfica, procurava …

Nacional 0-1 FC Porto | Dragão cansado não facilita

O FC Porto foi à Madeira vencer o Nacional por 1-0. Quem pensou que seria jogo de goleada para os “azuis-e-brancos” enganou-se por completo. Os insulares deram luta, só permitiram um golo, por parte de Mehdi …

João Leão aposta num OE de "expansão" (e mantém a fé num acordo à esquerda)

O ministro das Finanças, João Leão, acredita que o sétimo Orçamento do Estado será aprovado com os partidos à sua esquerda. Ao semanário Expresso, João leão explicou que os próximos Orçamentos do Estado não serão de …

Português investigou histórias por detrás das dedicatórias de Beethoven

A dedicatória do compositor Beethoven da famosa "Sonata ao Luar" a uma alegada musa foi, afinal, uma forma sarcástica de se vingar pela forma como se sentiu desrespeitado, descobriu o musicólogo e pianista português Artur …

Nos canais de Utrecht, os peixes têm uma "campainha" para passar pela barreira

Quando os peixes desovam pelos canais de Utrecht, nos Países Baixos, costumam ser bloqueados pela eclusa Weerdsluis. Agora, a cidade lançou a primeira campainha para peixes do mundo. De acordo com o Dutch Review, o sistema …

Jorge Jesus acusa Gil Vicente de antijogo: "Fez o que o árbitro permitiu"

Este sábado, o Gil Vicente visitou o Benfica e saiu com os três pontos na bagagem ao vencer por 2-1, num duelo relativo à 27ª jornada da Liga NOS. O Benfica perdeu no Estádio da Luz …

Site chinês "apaga" mulheres que não querem casar ou ter relações com homens

Vários grupos de feministas com ideias mais radicais começaram a ser bloqueados de um dos sites mais influentes na China. Num país conhecido pelo seu regime ditatorial e conservador, um grupo de mulheres uniu-se para lutar …