MP suspeita que Isabel dos Santos construiu mansão no Algarve (com dinheiro do Dubai)

Tiago Petinga / Lusa

O Ministério Público (MP) suspeita que a empresária angolana Isabel dos Santos será a proprietária de um imóvel de luxo na Quinta do Lago, no Algarve. A mansão está avaliada em mais de três milhões de euros.

De acordo com o Correio da Manhã, o imóvel de luxo no Algarve, que pertencerá à empresária angolana Isabel dos Santos, será um projeto turístico. Os investigadores do Ministério Público (MP) suspeira que a mansão terá sido edificada com parte do dinheiro transferido da Sonangol para o Dubai em 2017.

Segundo o CM, o MP suspeita ainda que a mansão será detida por Isabel dos Santos, através da sociedade offshore Burgate. A mansão terá comeado a ser construída em 2017 após ter sido constituída, em Portugal, a Burgate Properties LLC – Sucursal.

Jorge Brito Pereira, antigo advogado da empresária angolana, é o representante desta entidade. As contas da sucursal da Burgate mostram que, em 2017 e 2018, foram investidos mais de três milhões de euros na construção do imóvel.

O MP e a Polícia Judiciária fizeram buscas ao imóvel de luxo este mês no âmbito da investigação a Isabel dos Santos. Dias depois das buscas, em comunicado, a empresária angolana negou ser dona da moradia na Quinta do Lago. O comunicado referia ainda que “a empresária Isabel dos Santos e o seu marido, Sindika Dokolo, não têm propriedade alguma no Algarve”.

Em meados de junho, decorreu uma megaoperação de buscas em Lisboa, no Porto e no Algarve no âmbito do caso Luanda Leaks. As casas e escritórios de Jorge Brito Pereira foram alvo de buscas. Também o espaço da sociedade de advogados Uría Menéndez Proença de Carvalho, onde Brito Pereira trabalhava quando o caso Luanda Leaks foi revelado, também foi analisado. Depois das buscas, Brito Pereira foi constituído arguido no âmbito das investigações do Luanda Leaks.

O principal caso à volta dos Luanda Leaks está relacionado com ordens de transferência de uma conta da Sonangol no EuroBic, sediado em Lisboa, para uma empresa offshore no Dubai, alegadamente controlada por Isabel dos Santos, no montante de cerca de 90 milhões de euros, em cerca de 24 horas, num período de tempo que se seguiu à demissão da empresária da liderança da petrolífera angolana.

Isabel dos Santos foi constituída arguida, em Angola, na sequência das revelações do caso Luanda Leaks. Foram revelados, no final de janeiro mais de 715 mil ficheiros, que detalham esquemas financeiros de Isabel dos Santos e do marido, Sindika Dokolo, que terão permitido retirar dinheiro do erário público angolano, utilizando paraísos fiscais.

Isabel dos Santos tem as suas contas bancárias em Portugal arrestadas pelo Ministério Público português, que respondeu ao pedido de cooperação das autoridades judiciais angolanas, que investigam Isabel dos Santos e o alegado desvio de fundos.

Na semana passada, a Procuradoria-Geral da República (PGR) angolana admitiu a possibilidade de avançar, “em coordenação com as entidades judiciárias portuguesas”, para a emissão de um mandado de captura contra Isabel dos Santos.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Com dinheiro do Dubai? Com dinheiro do povo angolano! Força Isabelinha, as lições de comunismo que o papá aprendeu na Rússia sempre serviram para alguma coisa de útil.

    • Absolutamente. Todo o mundo vê que a fortuna que se diz ter, foi à custa do suor dum povo marterizado. Nem a IURD conseguiria fazer tal milagre.

  2. Até eu era grande empresario com dinheiro do povo….

    Dinheiros deveria ser todo devolvido angola

    primeiro tirar os gastos dos servicos por ca

    assim terminava este filme

RESPONDER

Cientistas investigam estranho gelo cor-de-rosa num glaciar dos Alpes italianos

Uma equipa de cientistas anunciou esta segunda-feira estar a tentar averiguar a origem de gelo cor-de-rosa num glaciar nos Alpes italianos. O fenómeno deverá ser provocada por algas que aceleram os efeitos das mudanças climáticas. A origem …

Especialistas de 32 países alertam OMS: covid-19 também se transmite pelo ar

Numa carta aberta à Organização Mundial de Saúde, 239 cientistas pedem que a organização reveja as recomendações que tem emitido, alertando para o facto de a covid-19 poder transmitir-se pelo ar. Numa carta dirigida à Organização …

Moreirense 0-0 Sporting | Nulo em jogo de pólvora seca

A 30ª jornada fechou no Minho com um nulo entre Moreirense e Sporting, que continua sem derrotas sob o comando de Rúben Amorim. A formação leonina poderia muito bem ter vencido em Moreira de Cónegos, pois …

Armazém flutuante. A China está a guardar petróleo no mar (e já se sabe porquê)

A China está a guardar uma quantidade épica de petróleo no mar. De acordo com a CNN, o país comprou tanto petróleo estrangeiro a preços baratos que formou um congestionamento maciço de navios-tanque no mar, …

Peregrinos em Meca proibidos de tocar ou beijar a Caaba por causa da covid-19

Os muçulmanos que vão participar na peregrinação a Meca não poderão tocar ou beijar a Caaba nem a "pedra negra", presentes na Grande Mesquita, local considerado como um dos mais sagrados pelo Islão, informaram as …

Países Baixos continuam a abater milhares de martas. 20 quintas afetadas pela pandemia

Esta segunda-feira, as autoridades holandesas abateram milhares de martas em mais duas fazendas onde foram detetados surtos de covid-19. Esta segunda-feira, as autoridades abateram milhares de martas em mais duas fazendas, sendo agora 20 as quintas …

Cientistas criam robô para fazer testes à covid-19 (e proteger os profissionais de saúde)

O Korea Institute of Machinery & Materials (KIMM) desenvolveu um novo robô de coleta remota de amostras que elimina o contacto direto entre os profissionais de saúde e os pacientes, potencialmente infetados com o novo …

"Não use desodorizante". A peculiar estratégia de Berlim para promover o uso de máscaras nos transportes públicos

"Não use desodorizante". Esta é a peculiar campanha adotada pela empresa que controla os transportes públicos em Berlim, na Alemanha, para promover o uso correto de máscaras, evitando assim novos casos de covid-19.  Tal como escreve …

Vírus pode ter estado adormecido antes de surgir na China, diz investigador de Oxford

O novo coronavírus pode ter estado adormecido algures no mundo antes de ter surgido na China, defendeu o investigador da Universidade de Oxford, Tom Jefferson, apontando para várias descobertas de amostras do vírus em Espanha, …

Federer sente falta de Wimbledon. "Deu-me tudo"

Roger Federer admitiu sentir a falta de Wimbledon, o torneio do "Grand Slam" que, se não tivesse sido cancelado devido à pandemia de covid-19, estaria a decorrer em Londres. O tenista suíço Roger Federer admitiu, esta …