Há 10 interessados na posição de Isabel dos Santos na Efacec

Eneias Rodrigues / Lusa

São dez os interessados em comprar os 67,2% que Isabel dos Santos detém na Efacec e que apresentaram esta sexta-feira, no último dia do prazo, propostas não vinculativas para ficar com a posição da filha do ex-Presidente angolano.

Esta sexta-feira, a Efacec anunciou ter recebido “cerca de uma dezena” de propostas não vinculativas de grupos industriais e fundos de investimento, nacionais e internacionais, para aquisição dos 67,2% de capital de Isabel dos Santos na empresa.

Numa nota enviada à Lusa no último dia do prazo para apresentação de propostas, o Conselho de Administração da Efacec Power Solutions considera que “o conjunto de propostas rececionadas evidencia o valor económico e estratégico reconhecido à Efacec no panorama nacional e internacional, nos setores da energia, mobilidade e ambiente”.

Segundo refere, no âmbito da alteração da estrutura acionista do grupo Efacec “foram entregues hoje cerca de uma dezena de propostas não vinculativas (non-binding) à Stormharbour, SL”, entidade responsável por assessorar o processo.

“À semelhança das entidades que manifestaram interesse no processo, as propostas não vinculativas foram apresentadas por entidades/investidores com diferentes perfis, nomeadamente grupos industriais e fundos de investimento, quer nacionais, como internacionais”, adianta.

Segundo acrescenta, “segue-se agora o processo de diálogo necessário entre todos os stakeholders relevantes para a prossecução do processo de alteração acionista”.

A saída da filha do ex-Presidente angolano, José Eduardo dos Santos, do capital da Efacec acontece na sequência do envolvimento do seu nome no caso Luanda Leaks, no qual o Consórcio Internacional de Jornalismo de Investigação revelou, em 19 de janeiro, mais de 715 mil ficheiros que detalham alegados esquemas financeiros de Isabel dos Santos e do marido que lhes terão permitido retirar dinheiro do erário público angolano através de paraísos fiscais.

A empresária angolana entrou no capital da Efacec Power Solutions em 2015, após comprar a sua posição aos grupos portugueses José de Mello e Têxtil Manuel Gonçalves, que continuam ainda a ser acionistas da empresa, enfrentando atualmente o grupo sérias dificuldades de financiamento devido à crise acionista que atravessa.

A situação levou já o Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras e Energia (Site-Norte) a reclamar, por diversas vezes, a nacionalização da Efacec, de forma a por a empresa “ao serviço do país” e a garantir a manutenção dos mais de 2.500 postos de trabalho.

“Todo o país concorda que a Efacec é uma empresa estratégica, altamente tecnológica e essencial para Portugal. Exigimos que o Governo proceda ao controlo público do grupo Efacec e à sua integração no setor empresarial do Estado”, sustentou o sindicato num comunicado distribuído na segunda-feira aos trabalhadores da empresa.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Esta noticia contém informações erradas! Isabel dos Santos não é accionista da Efacec. Quem é accionista da Efacec é uma empresa controlada por IS com sede na ilha de Malta que se chama Winterfell. Nessa empresa, IS é sócia de uma empresa pública angolana de distribuição de energia eléctrica, a Ende. Além disto, IS não comprou nenhuma participação à Efacec sgps (e não a Power Solutions). Foi feito um aumento de capital no qual foi permitida a entrada da Winterfell com os tais 67,2% das acções. Sr. Jornalista, tem de haver rigor de conteúdo, mesmo que esse conteúdo tenha um carácter acessório relativamente ao foco da notícia porque de contrário criam-se ideias distorcidas aos leitores com eventuais prejuízos para todos.

RESPONDER

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …

Roubar aos ricos para dar aos pobres. Misterioso grupo de hackers desviou dinheiro para doar à caridade

Um misterioso grupo de hackers, conhecidos como hackers Darkside, doou dinheiro a duas instituições de caridade - mas esse dinheiro foi roubado pelo mesmo grupo a grandes corporações através de um ataque de ransomware. Quase podia …

Desatualizados e com erros. IA vai vasculhar milhares de documentos da Casa Branca

O Escritório de Administração e Orçamento da Casa Branca (OMB) disse que as agências federais vão usar inteligência artificial (IA) para eliminar requisitos desatualizados, obsoletos e inconsistentes em dezenas de milhares de páginas de regulamentos …