MP abre sete inquéritos contra Isabel dos Santos. Casa do advogado alvo de buscas

Manuel Araújo / Lusa

Isabel dos Santos

Na madrugada desta quinta-feira, decorreu uma megaoperação de buscas em Lisboa, no Porto e no Algarve no âmbito do caso Luanda Leaks, sendo a principal visada a empresária angolana Isabel dos Santos.

As buscas judiciais, autorizadas pelo juiz Carlos Alexandre do Tribunal Central de Instrução Criminal, foram avançadas pela SIC Notícias e pelo Jornal Económico e confirmadas pela Procuradoria-Geral da República.

De acordo com o semanário Expresso, os mandados de busca estarão relacionados com a Matter Business Solutions, companhia offshore no Dubai considerada suspeita pelas autoridades angolanas, e a empresa Burgate, sediada em Malta, através da qual Isabel dos Santos detém uma moradia na Quinta do Lago, no Algarve.

As casas e escritórios de Jorge Brito Pereira, antigo advogado da empresária, foram alvo de buscas. Também o espaço da sociedade de advogados Uría Menéndez Proença de Carvalho, onde Brito Pereira trabalhava quando o caso Luanda Leaks foi revelado, também foi analisado.

A Matter Business Solutions, controlada por quatro pessoas de confiança de Isabel do Santos, está ligada a transferências de cerca de 100 milhões de euros da Sonangol para o Dubai. A Burgate é uma 13 empresas que a empresária angolana tem sediadas em Valeta, Malta, através da qual detém participações em cascata.

O Observador relata que os responsáveis do escritório manifestaram colaboração com as autoridades e disponibilizaram toda a documentação requerida pelo procurador Rosário Teixeira.

Segundo o Jornal Económico, as buscas tinham exclusivamente a ver com a atividade de Brito Pereira enquanto advogado de Isabel dos Santos e de empresas associadas à empresária angolana.

De acordo com o Observador, em causa estão pelo menos sete inquéritos abertos contra a filha do ex-Presidente angolano José Eduardo dos Santos por suspeitas de diversos crimes económico-financeiros.

A divulgação de documentos confidenciais, que ficou conhecida por Luanda Leaks, levantou suspeitas sobre a verdadeira origem da fortuna de Isabel dos Santos. Em causa estará o desvio de dinheiro do Estado angolano, através de contas em paraísos fiscais.

O principal caso à volta dos Luanda Leaks está relacionado com ordens de transferência de uma conta da Sonangol no EuroBic, sediado em Lisboa, para uma empresa offshore no Dubai, alegadamente controlada por Isabel dos Santos, no montante de cerca de 90 milhões de euros, em cerca de 24 horas, num período de tempo que se seguiu à demissão da empresária da liderança da petrolífera angolana.

Isabel dos Santos foi constituída arguida, em Angola, na sequência das revelações do caso Luanda Leaks. Foram revelados, no final de janeiro mais de 715 mil ficheiros, que detalham esquemas financeiros de Isabel dos Santos e do marido, Sindika Dokolo, que terão permitido retirar dinheiro do erário público angolano, utilizando paraísos fiscais.

Isabel dos Santos tem as suas contas bancárias em Portugal arrestadas pelo Ministério Público português, que respondeu ao pedido de cooperação das autoridades judiciais angolanas, que investigam Isabel dos Santos e o alegado desvio de fundos.

Desde que o caso dos Luanda Leaks veio a público, a empresária está a desfazer-se das posições que detém em empresas portuguesas.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Em tempos,os governantes corruptos deste país achavam que esta senhora era a salvadora da pátria e agora? claro que a mentira tem perna curta.

    • Quem não se lembra do tempo em governo do Passos andou com a Isabelinha (e família) ao colo?
      Tudo boa gente…
      “Luanda Leaks. Os dias em que o Governo de direita se ligou à família dos Santos”
      expresso.pt/luanda-leaks/2020-01-23-Luanda-Leaks.-Os-dias-em-que-o-Governo-de-direita-se-ligou-a-familia-dos-Santos

RESPONDER

O Hawaii quer remover a sua "escadaria para o paraíso" - e a culpa é dos turistas

Em causa estão preocupações com a segurança e vandalismo, que têm aumentado com a explosão de popularidade da escadaria Ha‘ikū nas redes sociais. É caso para dizer que a Stairway to Heaven vai para o inferno …

Inventou o ZX Spectrum e mudou o mundo. Morreu Clive Sinclair

O empresário britânico e inventor do computador doméstico ZX Spectrum, Clive Sinclair, morreu hoje aos 81 anos na sua casa, em Londres (Reino Unido), devido a doença prolongada, informou a filha ao jornal “The Guardian”. Morreu …

Esta torre construída na Suécia não é gigante em altura, mas em sustentabilidade

Para além de ser feito de um material sustentável — fornecido por florestas locais com gestão consciente e transformado por uma serração nas proximidades, o Centro Cultural dispõe de múltiplas tecnologias que fazem dele mais …

Empresa canadiana debaixo de fogo por publicar anúncios de emprego destinados a não vacinados

Uma empresa de canoagem, sediada no Canadá, está debaixo de fogo depois de ter colocado anúncios de emprego destinados, exclusivamente, a pessoas não vacinadas contra a covid-19. "Por favor, NÃO se candidate se tiver tomado quaisquer …

Disparam ataques a jornalistas. Bruxelas insta países da UE a aumentar proteção

Os países da União Europeia (UE) foram instados por Bruxelas a tomar medidas para proteger os jornalistas, após um aumento no número de ataques a membros da imprensa. A Comissão Europeia exortou os governos a criarem …

Facebook e Google criticados por anúncios de "reversão do aborto"

O Facebook já veiculou anúncios de "reversão do aborto" 18,4 milhões de vezes desde janeiro de 2020, de acordo com um relatório do Center for Countering Digital Hate (CCDH), promovendo um procedimento "não comprovado, antiético" …

Líder militar dos EUA temeu que Trump iniciasse guerra nuclear com a China - e chegou a ligar aos chineses

As revelações aparecem em Peril, o novo livro de Bob Woodward e Robert Costa sobre os bastidores da Casa Branca. Trump já respondeu. O General Mark Milley, o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas dos EUA, …

França suspende 3.000 profissionais de saúde que recusaram vacina contra covid-19

A França suspendeu 3.000 profissionais de saúde sem remuneração por se recusarem a tomar a vacina contra a covid-19, revelou o ministro responsável pela pasta, Olivier Véran. Segundo Véran, citado esta quinta-feira pelo Guardian, "várias dezenas" …

Austrália, Reino Unido e EUA assinam pacto de defesa para conter China

A Austrália, os Estados Unidos (EUA) e o Reino Unido anunciaram o "Pacto de Aukus", que visa frente às pretensões territoriais da China no Indo-Pacífico e envolverá a construção de uma frota de submarinos com …

Governo tem margem de 1600 milhões de euros nas negociações do Orçamento

Os dados são de um relatório do Conselho das Finanças Públicas, que deixa alertas para que o executivo não se estique muito no aumento da despesa e no corte à receita. Segundo escreve o Público, o …