México anula Brasil com guarda-redes super-herói

CBF

-

O México, apoiado numa grande atuação do guarda-redes Guillermo Ochoa, “anulou” esta terça-feira o Brasil e colocou-se em excelente posição para atingir os oitavos de final do Mundial 2014, tal como os canarinhos.

No seu oitavo jogo numa fase de grupos (três por Portugal), Scolari, muito conservador em todas as opções, não venceu e a maior culpa foi de Ochoa, autor de uma mão cheia de grandes intervenções, que manteve a baliza intacta.

O veterano Rafael Marquez, jogador de 35 anos do Leon, esteve imperial – como líder de uma defesa a cinco, com três centrais – no seu 122º jogo pelo México, no qual também se destacou o portista Herrera, isto num conjunto que fez bem mais do que só defender.

Os mexicanos só pecaram nos remates, pois a maioria saiu a rasar os postes e a barra da baliza de Júlio César, que só teve de intervir a sério já nos descontos.

Com Ramires em vez de Hulk, em relação à estreia, o Brasil entrou a dominar, como se esperava, perante um México mais expectante, em 5-3-2, mas o primeiro momento de emoção aconteceu apenas aos 24 minutos, num remate do portista Herrera.

Esta jogada como que acordou o conjunto brasileiro, que se tornou mais perigoso e quase marcou logo a seguir, aos 26 minutos, num cabeceamento de Neymar, após centro da direita de Dani Alves, ao qual Ochoa respondeu com uma grande defesa.

Depois, e com o Brasil por cima, seguiram-se remates menos perigosos de Oscar (29 minutos), Fred (35) e Marcelo (39), com resposta de Vasquez (41), que não acertou no alvo.

A última palavra voltou, porém, a ser de Ochoa, com nova defesa enorme, agora em resposta a um remate já na pequena área de Paulinho, que não conseguiu dar sequência a um grande passe com o peito de Thiago Silva, após livre de Neymar.

O início da segunda metade começou com uma arrancada com perigo na direita de Bernard, entrado para o lugar do canarinho Remires, mas a resposta mexicana foi pronta, com uma série de remates de longe, o mais perigoso de Herrera, aos 57 minutos.

A resposta de Scolari foi a troca do ponta de lança ( em vez de Fred), aos 68 minutos, que o público brasileiro recebeu com assobios, para, um minuto volvido, Ochoa voltar a brilhar, desta vez em resposta a um potente remate de Neymar.

Como o aproximar do final, o jogo tornou-se mais partido, com os mexicanos a refrescar a equipa com Javier Hernandez, Fabian e Jimenez, enquanto Willian, em vez de Oscar, foi a derradeira aposta dos canarinhos, mais uma vez com risco mínimo.

O Brasil ainda teve mais uma oportunidade enorme, mas Ochoa voltou a ser gigante, em resposta a um cabeceamento de Thiago Silva, depois de um livre de Neymar.

Por seu lado, e aproveitando algum balanceamento ofensivo dos anfitriões, os mexicanos também assustaram, num remate de Guardado por cima e num outro, já nos descontos, de Gimenez, que acertou na baliza.

Com este empate, as duas seleções lideram empatadas a 4 pontos a tabela do Grupo A – o Brasil à frente, por ter mais golos marcados. Croácia e Camarões, ambas derrotadas na primeira jornada, enfrentam-se esta quarta-feira às 22h na Arena da Amazónia, em Manaus.

 

Ficha do jogo:

Terça-feira, 17 de Junho de 2014
Brasil – México, 0-0

Jogo no Estádio Castelão, em Fortaleza.
2ª Jornada da fase de grupos.

Equipas:

Brasil:
Júlio César, Dani Alves, Thiago Silva, David Luiz, Marcelo, Luiz Gustavo, Paulinho, Oscar (Willian, 84), Ramires (Bernard, 46), Neymar e Fred (Jô, 68).
Treinador: Luiz Felipe Scolari.

México:
Ochoa, Aguilar, Rodriguez, Rafael Marquez, Moreno, Layun, Vasquez, Herrera (Fabian, 76), Guardado, Geovani Dos Santos (Gimenez, 84) e Peralta (Javier Hernandez, 74).
Treinador: Miguel Herrera.

Árbitro: Cuneyt Cakir (Turquia).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Ramires (45), Aguilar (59), Vasquez (62) e Thiago Silva (79).

Assistência: Cerca de 60.000 espectadores.

1ª Jornada da fase de grupos:

Quinta-feira, 12 de Junho de 2014
Brasil – Croácia, 3-1
Sexta-feira, 13 de Junho de 2014
México – Camarões, 1 – 0
Espanha – Holanda, 1 – 5
Chile – Austrália, 3-1
Sábado, 14 de Junho de 2014
Colômbia – Grécia, 3-0
Uruguai – Costa Rica, 3-1
Inglaterra – Itália, 1-2

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Capital das tempestades, Júpiter tem relâmpagos bizarros e chuva "mole" nunca antes vista

Com tempestades constantemente a devastar a sua superfície e uma Grande Mancha Vermelha que se agita há séculos, Júpiter é conhecido como a "capital das tempestades do Sistema Solar". Agora, a missão Juno, da NASA, …

Metro de Nova Iorque pede à Apple para melhorar sistema de reconhecimento facial

A autoridade que gere o metro de Nova Iorque, nos Estados Unidos, pediu à gigante tecnológica Apple para melhorar o reconhecimento facial dos seus dispositivos depois de serem observados vários passageiros a retirar a máscara …

Rival da Tesla diz que o seu carro terá uma autonomia de 832 quilómetros

A empresa Lucid Motors, concorrente direta da Tesla no mercado automóvel elétrico, afirma que o seu carro Air terá uma autonomia de 832 quilómetros. A confirmar-se a autonomia deste carro, o automóvel da Lucid Motors ultrapassará …

Moradores das Maurícias estão a cortar o próprio cabelo para ajudar a evitar um desastre ambiental

Moradores das Maurícias estão a cortar o seu próprio cabelo para para tentar minimizar os danos causados pelo derrame de petróleo de um navio janponês encalhado nos recifes de coral ao largo da ilha. Estima-se que …

Atalanta 1-2 PSG | Reviravolta épica vale bilhete para as “meias”

Um final impróprio para cardíacos e o epílogo perfeito num excelente jogo. O PSG esteve a perder desde o minuto 27, mas em apenas três minutos dos descontos deu a volta ao texto diante da …

Um emblemático transplante nos EUA aconteceu graças a um coração "roubado"

Um dos primeiros transplantes de coração realizados no mundo aconteceu no Estados Unidos. O que muitos não sabem é que este caso de sucesso também deu aso ao primeiro processo civil no país por homicídio …

"Pandemia de sem-abrigo" nos EUA. Há 30 milhões de pessoas sob risco de despejo

Nos Estados Unidos da América avizinha-se uma "pandemia de sem-abrigo". Até ao final de setembro, 30 milhões de norte-americanos estão em risco de despejo devido à covid-19. Nos Estados Unidos, a pandemia de covid-19 pode estar …

Tráfego nas autoestradas cai para quase metade. Foi o pior trimestre de sempre

A rede da Associação Portuguesa das Sociedades Concessionárias de Autoestradas ou Pontes com Portagens (APCAP) registou de abril a junho "o pior trimestre de circulação e tráfego médio desde que há registos", recuando 46% devido …

Bielorrússia cortou acesso à internet e tentou fazer com que parecesse um acidente

No seguimento da reeleição de Alexandr Lukashenko na Bielorrússia, multiplicam-se os apagões de internet. O Governo diz que se trata de um ataque cibernético, mas há suspeitas de que seja um plano do presidente. Os protestos …

Resgatados 28 cães sem registo ou vacinas de barracões onde também vivia a proprietária em Lisboa

Vinte e oito cães foram retirados pela PSP terça-feira de barracões em Lisboa onde também vivia a proprietária, avança a agência Lusa, detalhando que os animais serão depois colocados para adoção.  Os animais foram posteriormente recolhidos …