Linha de Fundo: TT, Turim e Tóquio

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Líder dá mais um passo. Heróis de Turim garantem mais uma vitória. Benfica no trilho certo. CR7 de boca em boca. Números e frases da semana. E o emocionante apuramento do andebol português para os Jogos Olímpicos, visto da Linha de Fundo.

Cada vez mais perto

  • CD Tondela 0 – 1 Sporting CP (Tiago Tomás 81′)

Não foi tarefa fácil para o Sporting sair de Tondela com os três pontos, mantendo firma a liderança. Os beirões não perdiam em casa desde 27 de novembro de 2020. Um golo de Tiago Tomás, na parte final do jogo, foi quanto bastou para terminar com o bom período caseiro do Tondela, garantindo o 19.º triunfo à equipa de Rúben Amorim.

A primeira parte foi bastante equilibrada. Muitos duelos, jogo intenso a meio campo. Boa réplica do Tondela, dificuldades leoninas para assustar o adversário.

Depois do intervalo surgiu um leão mais exposto e ofensivo. O Tondela explorou todas as possibilidades de incomodar, respondendo de igual forma. Sempre organizado, não mostrando sinais de desespero, insistiu o Sporting ganhando superioridade.

Depois de ter tido duas boas ocasiões para marcar, Tiago Tomás chegou ao golo. Cruzamento venenoso de Nuno Mendes para a grande área. Pedro Gonçalves recebe a bola e vai à procura de espaço para o remate, mas a bola acaba por ficar disponível para Tiago Tomás… desta vez não falhou e marcou o golo da vitória.

A exibição leonina esteve longe de ser brilhante. Pouca inspiração e dificuldades para se soltar da rigorosa capacidade defensiva do adversário. Mérito leonino para a forma tranquila como procurou ser feliz. A confiança está sempre presente.

Não foi preciso uma exibição exuberante para conquistar o pretendido, revelando mais uma vez eficácia e organização em todos os momentos do jogo.

Está dado mais um passo. O título é uma questão de tempo.

Heróis de Turim – parte II

  • FC Porto (Pepe 77′, Sérgio Oliveira 78′) 2 – 0 FC Paços de Ferreira

Pepe e Sérgio Oliveira, os dois grandes destaques da noite histórica de Turim, voltaram a estar em evidência, sendo decisivos na vitória frente ao Paços de Ferreira. Sem esquecer Marchesín, o guarda-redes voltou a ser determinante quando chamado a intervir.

Tendo pela frente uma das equipas sensação da Liga, o FC Porto mostrou dificuldades para ultrapassar a bem organizada equipa orientada por Pepa.

Cinco dias depois Turim e Sérgio Conceição repetiu o onze de gala, contra um adversário fiel aos seus princípios e respetivas ideias de jogo. Um duelo onde as duas equipas mostraram serem bem conhecedoras das valias uma da outra. Ambas se anularam durante muito tempo.

Depois do intervalo os dragões aceleraram o jogo, mostrando mais agressividade, o que acabaria por dar frutos. Um nó difícil de desatar para os campeões. Numa rajada tudo ficou resolvido. Sérgio Oliveira marcou rapidamente um canto e surgiu Pepe a desviar para o primeiro golo.

O segundo foi logo a seguir num remate de longe de Sérgio Oliveira, com o guarda-redes Denis a medir mal a abordagem à bola, permitindo ao médio marcar pelo terceiro jogo consecutivo.

De regresso a casa depois da missão europeia, o FC Porto foi competente, rigoroso e ganhou bem. Pepe e Sérgio Oliveira voltaram a vestir as capas de heróis.

Paciência e desperdício

  • SL Benfica (Seferovic 42′ e 52′) 2 – 0 Boavista FC

Mais uma vitória dos encarnados e, pela quarta vez consecutiva, sem sofrer golos. A expulsão de Chidozie, aos 8 minutos, colocou em causa toda a estratégia que o Boavista tinha para o jogo, limitando bastante a possibilidade de qualquer sucesso.

Ficou evidente que o resultado não merece reparo, com mérito total do Benfica na conquista dos três pontos.

O Benfica soube esperar e encontrar o caminho certo que, mais tarde ou mais cedo, iria acabar por surgir, tendo em conta a vantagem numérica durante 80 minutos.

Sempre dominante no jogo, superior ao adversário, só perto do intervalo chegou o golo que sossegou a equipa de Jorge Jesus. Rapidez de Diogo Gonçalves a ganhar espaço na direita, já dentro da área, uma assistência perfeita e Seferovic a marcar o primeiro golo da noite.

Mais do mesmo, com os mesmos protagonistas, o Benfica conseguiu ampliar nos primeiros minutos da segunda parte. Diogo Gonçalves a assistir e o suíço a bisar. Uma bela sociedade.

Noite tranquila do Benfica, mostrou paciência, controlo total do jogo, não tendo necessidade de correr riscos. O Boavista não foi capaz de incomodar. Segue-se para o Benfica um exame bem mais rigoroso. Joga em Braga no próximo domingo.

Números da Semana

  • 770 – Cristiano Ronaldo fez um hat-trick diante do Cagliari e alcançou a marca dos 770 golos na carreira, ultrapassando, assim, o registo de Pelé em jogos oficiais (767).
  • 73 – O FC Porto já garantiu mais de 73 milhões de euros na edição 2020/21 da Liga dos Campeões depois de eliminar a Juventus. A presença entre as oito melhores equipas da Europa permite aos dragões encaixarem mais 10,5 milhões de euros. No total, já entraram nos cofres azuis e brancos, até ao momento, 73,542 milhões de euros, quase o valor da última presença (78,44 milhões de euros em 2019/20).
  • 7 – Pela 2.ª época consecutiva o FC Porto participa nos oitavos-de-final da Champions e elimina uma equipa italiana para chegar aos quartos de final: Roma e Juventus.
    7.ª presença nos oito melhores clubes da Liga dos Campeões.
  • 5 – O FC Porto ultrapassa pela 5.ª vez os oitavos de final da Champions League em 16 presenças.
  • 1 – Foi a primeira vez na história do FC Porto que os dragões jogaram tantos minutos em desvantagem – 66 minutos – e qualificaram-se para a fase seguinte numa prova da UEFA. Histórico!
  • 1 – No formato Liga dos Campeões, Sérgio Conceição é o 1.º treinador a atingir os quartos de final por 2 vezes numa equipa portuguesa.
  • 2 – Sérgio Oliveira bisou pela primeira vez na carreira com dois golos de bola parada: grande penalidade e livre direto. Noite mágica em Turim.
  • 10 – Nas últimas três temporadas, ninguém defendeu tanto como Marchesín num jogo a eliminar da Liga dos Campeões. Total de dez defesas ao longo dos 120 minutos de jogo frente à Juventus.
  • 2004/05 – Quartos de final da Liga dos Campeões sem Cristiano Ronaldo nem Lionel Messi não acontecia desde 2004/05. Entre 2010/11 e 2018/19, Ronaldo e Messi estiveram sempre os 2 presentes nos quartos de final da prova.
  • 23 – O Sporting apresenta o seu melhor registo de golos sofridos de sempre no campeonato português, após 23 jogos (11 golos sofridos).
  • 1 – Bruno Fernandes foi eleito “jogador do ano” pela associação de adeptos de futebol de Inglaterra (Football Supporters Association). Foi a primeira vez que esta associação elegeu um jogador do Manchester United com esta distinção.
  • 3 – Mehdi Taremi, do FC Porto, é o Avançado do Mês da Liga NOS em fevereiro, com 31 % dos votos dos treinadores principais da prova. O internacional iraniano é distinguido pelo terceiro mês consecutivo e superou as votações obtidas por Piazón (Braga), que se ficou pelos 16%, e por Carlos Júnior. (Santa Clara), que recolheu 10% dos votos.
  • 3 – Antonio Adán foi eleito pela Liga de Clubes o melhor guarda-redes do mês de fevereiro, tendo recolhido 31,37 por cento dos votos dos treinadores principais da Liga, batendo a concorrência de Matheus, do Sp. Braga (13,73 por cento), e de Léo Jardim, do Boavista (9,15 por cento dos votos), que ficaram em segundo e terceiro lugares, respetivamente. O espanhol foi distinguido como o melhor guarda-redes do mês pela Liga pelo terceiro mês consecutivo.
  • 200 – Carlos Carvalhal cumpriu o jogo 200 na Liga: 21- CD Aves (estreia em 2000), 42 – Belenenses, 30 – Vitória FC, 17 – Marítimo, 20 – Sporting, 34 – Rio Ave e 36 – SC Braga.
  • 200 – André André, médio do Vitória SC, cumpriu o jogo 200 no principal escalão do futebol português. Aos 31 anos, contabiliza duas centenas de partidas, divididas entre Vitória SC (135) e F.C.Porto (65).
  • 50 – Jovane Cabral atingiu os 50 jogos pelo Sporting CP (21 a titular, 11 golos, 35 vitórias). Estreou-se em agosto de 2018, frente ao Moreirense, lançado por José Peseiro.
  • 14 – 14 anos depois, o Barcelona foi eliminado nos oitavos de final da Liga dos Campeões. Os catalães caíram perante o Paris Saint-Germain.
    Esta eliminação põe fim a um registo histórico na competição, o de clube com mais temporadas consecutivas a chegar pelo menos aos quartos de final da prova. No total, foram 13 épocas sempre com o Barcelona nos oito melhores da Europa. A última vez que o Barça não tinha passado dos oitavos foi em 2007: na altura, afastados pelo Liverpool.
  • 500 – Luis Suárez, jogador do Atlético de Madrid, marcou o golo 500 na carreira. Suárez é apenas o quinto jogador em atividade a marcar na carreira 500 golos ou mais. O internacional uruguaio junta-se a Cristiano Ronaldo (767), Lionel Messi (729), Zlatan Ibrahimovic (563) e Robert Lewandowski (527).
  • 20 – Haaland, jogador do Borussia Dortmund, continua a bater recordes na Champions: nunca um jogador chegou aos 20 em tão poucos jogos na história da competição (14).
  • 25 – Com 22 anos e 80 dias, Mbappé tornou-se o jogador mais jovem a chegar mais rápido aos 25 golos marcados na história da Liga dos Campeões, superando Lionel Messi. O argentino alcançou a marca com 22 anos e 286 dias.
  • 309 – Diego Simeone ultrapassou Luis Aragonés e tornou-se o treinador com mais vitórias pelo Atlético Madrid (Aragonés – 308 vitórias em 612 jogos) (Simeone – 309 vitórias em 514 jogos).
  • 65 – O Governo vai apoiar o sector desportivo com 65 milhões de euros, dirigidos a clubes e federações, numa medida de combate à pandemia de covid-19 presente na resolução do Conselho de Ministros.
  • 10.151 – A Federação Portuguesa de Futebol realizou, entre janeiro e fevereiro, mais de 10.000 testes de despiste ao novo coronavírus, nos cinco campeonatos por si organizados. Nos dois primeiros meses deste ano foram realizados 10.151 testes a jogadores, staff e dirigentes de todos os clubes envolvidos nas competições” sob a tutela do organismo, sendo que, em cada clube, têm sido testados “entre 25 a 30 elementos.

Frases da Semana

“Até me dá vontade de rir. Nunca pensei na minha carreira ter de discutir se Ronaldo foi uma boa contratação ou não. Estamos a falar de um jogador que em 2020 marcou 41 golos, é o melhor marcador da Serie A, que já venceu vários troféus connosco e que para nós é um privilégio tê-lo na nossa equipa. Estamos felizes por ele estar connosco. Se faz parte do nosso futuro? Certamente representa isso.” Fabio Paratici, CEO da Juventus.

“Mais importante do que o número de vezes que caímos na vida, é a rapidez e a força com que recuperamos. Os verdadeiros campeões nunca cedem! É verdade que o passado pertence aos museus (e quem melhor para dizê-lo!), mas, felizmente, o futebol tem memória… e eu também! A história não pode ser apagada, é escrita todos os dias com resiliência, espírito de equipa, persistência e muito trabalho árduo. E aqueles que não compreendem isto, nunca alcançarão a glória e o sucesso.” Cristiano Ronaldo, jogador da Juventus, mensagem nas redes sociais.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Cristiano Ronaldo (@cristiano)

“Cristiano, cada um faz a sua própria jornada. E que bela jornada você está tendo! Eu te admiro muito, adoro te ver jogar e isso não é segredo para ninguém. Parabéns por quebrar o meu recorde de gols em partidas oficiais. A minha única lamentação é não poder te dar um abraço hoje.” Pelé, numa mensagem nas redes sociais dirigida a Cristiano Ronaldo.

“A minha admiração eterna e incondicional pelo senhor Edson Arantes do Nascimento, assim como o respeito que tenho pelo futebol da primeira metade do século 20, levou-me a considerar a sua marca para 767 golos, assumindo os 9 golos pela Seleção do Estado de São Paulo, assim como o seu único golo pela Seleção Militar Brasileira. O mundo mudou desde então e o futebol também mudou, mas isso não significa que podemos simplesmente apagar a história de acordo com os nossos interesses. Hoje, ao atingir o golo 770 na minha carreira profissional, as minhas primeiras palavras vão diretamente para Pelé. Não há jogador no Mundo que não tenha crescido a ouvir história sobre os seus jogos, os seus golos e as suas conquistas. Eu não sou exceção. Por essa razão, encho-me de felicidade e orgulho ao reconhecer o objetivo que me colocou no topo da lista dos melhores marcadores da história, superando o recorde de Pelé, algo que nunca poderia ter sonhado quando era uma criança na Madeira. Agora, mal posso esperar pelos próximos jogos e desafios! Pelos próximos recordes e troféus! Acreditem em mim, esta história está longe de estar acabada. O futuro é amanhã e há muito para ganhar pela Juventus e por Portugal!” Cristiano Ronaldo, jogador da Juventus.

“A 9 de março, em Turim, outros heróis construíram mais uma página notável no nosso percurso europeu. A eliminação da Juventus, uma equipa nove vezes campeã de Itália nos últimos nove anos e candidata assumida à vitória na Liga dos Campeões, só foi possível porque a nossa equipa técnica e os nossos jogadores souberam transportar para o relvado o verdadeiro ADN do FC Porto. Ouvir o que os comentadores ingleses ou o selecionador da Bélgica disseram sobre o nosso clube devia fazer corar de vergonha os Ruis Santos e Delgados desta vida, o que só não é possível porque vergonha é coisa que eles não têm.” Pinto da Costa, presidente do FC Porto, editorial Revista Dragões.

“Sinto sempre uma ligação emocional ao meu passado e o FC Porto é um período importante desse passado. Fico sempre muito feliz quando esse meu passado fica contente. Foi uma grande noite do FC Porto em Turim e estou muito contente.” José Mourinho, treinador do Tottenham.

“Porto Vintage Colheita 2021⁣. Produzido por Sérgio Conceição.⁣ Engarrafado por Pinto Da Costa. Castas Invicta e Draconiana. Dedicado a Alfredo Quintana⁣. Coração Azul e Branco.” André Villas-Boas, antigo trenador do FC Porto.

“O FC Porto fez uma eliminatória brilhante, que aumentou a pontuação no ranking da UEFA, num estádio onde já fomos felizes. Parabéns ao FC Porto por este feito. O feito do FC Porto valoriza o futebol português.” Jorge Jesus, treinador do SL Benfica.

“Festejei a vitória em Turim agarrado aos candeeiros do hotel.Eles nunca me viram assim, não sabiam que eu podia ser tão doido.” Benny McCarthy, treinador do AmaZulu.

“Sérgio Conceição está ao nível dos melhores treinadores do mundo neste momento. Tem tido um papel importantíssimo. Quando ao nosso presidente é uma inspiração, é impressionante ver alguém com a sua experiência motivadíssimo e a sofrer de uma forma genuína. O presidente é o nosso grande mestre e líder, é a nossa locomotiva. Está cada vez melhor.” Vítor Baía, administrador da SAD do FC Porto.

“Segredo? É muita rapadura. Muita rapadura lá do Nordeste. ” Pepe, jogador do FC Porto. A rapadura é feita a partir da cana-de-açúcar após moagem, fervura do caldo, moldagem e secagem. É considerado um alimento com alto valor nutritivo.

“Trabalho, muita paixão, amo aquilo que eu faço. O clube dá todas as possibilidades. Estou muito feliz.” Pepe, jogador do FC Porto.

“Há jogadores que já aqui passaram, que quando se vence ou fazem um golo, beijam o emblema e no dia seguinte estão a pedir para sair e a tentar negociar contratos com outros. O Pepe veio para o FC Porto pelo coração, porque podia ter ido para qualquer clube ganhar 5 vezes mais.” Pinto da Costa, presidente do FC Porto, entrevista Jornal O Jogo.

“Se eu treinasse uma equipa, pegava nas jogadas de Pepe no jogo de Turim e mostrava-os a todos os jovens centrais para verem o posicionamento, vontade, comunicação, atenção, noção do perigo e utilização do corpo. Hoje em dia os jovens centrais são bons na defesa da bola. E a grande área? Foi uma exibição quase perfeita em termos de defesa do espaço e isso é algo que deve ser mostrado a todos os jovens.Rio Ferdinand, antigo internacional inglês.

“Tem sido um dos melhores centrais na última década a ler o jogo. No relvado cobriu tudo e esteve impecável sobre a bola. Ainda é um dos cinco melhores na Europa.” Joe Cole, antigo médio do Chelsea.

“Muito bem defensivamente, Pepe é um dos melhores que já vi jogar, está há muito tempo nisto.” Paul Merson, antigo internacional inglês.

“Só devemos à história aquilo que lhe podemos acrescentar. Parabéns FC Porto estamos nos quartos-de-final da Champions. Isto é o Porto.” Sérgio Oliveira, jogador do FC Porto, numa publicação em que colocou duas imagens: uma do festejo do seu segundo golo de ontem e outra, de Costinha, no célebre Manchester United-FC Porto (1-1) de 2004 que, também colocou os dragões nos quartos-de-final da prova – nesse ano a caminhada portista só terminou com o título europeu.

“É um sonho estar entre os oito melhores. Tive a sorte de ser campeão em Portugal, ganhar o prémio de melhor guarda-redes da Liga e sinto que tenho trabalhado muito e feito as coisas bem. É um orgulho fazer parte da seleção e isso é um sonho para qualquer jogador. “ Agustín Marchesín, guarda-redes do FC Porto.

“Grande clube. É um momento histórico. Há 17 anos, o FC Porto eliminou o Manchester United contra todas as probabilidades. Era algo que estava escrito nas estrelas.” Roberto Martínez, selecionador da Bélgica.

“O Cristiano tem a carreira na mão. Com estes grandes jogadores, sabemos que quando eles decidem terminar com uma equipa e ter outra experiência, são eles que decidem e tens de respeitar a decisão. Estamos aqui para cumprir o contrato. E ver como estará no próximo ano, como se sentirá, se para continuar ou não.Fabio Paratici, diretor para o futebol da Juventus.

“Perdeu o Cristiano Ronaldo e perdeu o Real Madrid. Eu não o teria deixado sair. São relações que têm de durar uma vida.” Sergio Ramos, jogador do Real Madrid.

“É uma má contratação. O Cristiano Ronaldo é um grande campeão, mas é demasiado caro. Pagam-lhe um milhão de euros por cada golo marcado. Têm de avaliar se vale isso. Para mim, deveriam libertá-lo no final da época.” Giovanni Cobolli Gigli, ex-presidente da Juventus entre 2006 a 2009.

“É gravíssimo um jogador como Cristiano Ronaldo virar as costas na barreira, como aconteceu no livre. É imperdoável. A Juventus cometeu erros elementares: na primeira parte, exagerou ao querer jogar a partir da defesa. Depois, esteve desatenta à segunda parte do FC Porto. Ofereceram o penálti e Demiral foi ingénuo ao ficar atrás do atacante.” Fabio Capello, antigo treinador.

“Ele é o rei da Champions, a Juventus falha há 25 anos. Diverte-me ver como as pessoas duvidam do Cristiano Ronaldo, alguém que foi o melhor do mundo em cinco ocasiões, venceu 5 Liga dos Campeões e é o melhor marcador da história da competição.” Antonio Cassano, antigo internacional italiano.

“Consigo perceber as críticas por causa da eliminação da Champions, mas seria de loucos duvidar da influência de Ronaldo. Com ele campo, entras logo a ganhar 1-0.” Fernando Llorente, internacional espanhol da Udinese.

“Digo à minha mulher que quando acabar o contrato no Brasil vou tentar falar com o presidente e dizer que jogava de graça no Porto dois meses só para voltar a pisar o Dragão.” Lucho González, antigo jogador do FC Porto.

“Posso garantir que não houve incumprimento. Estou de consciência tranquila, o Sporting também e não tememos nada. A minha preocupação foi igual a quando saiu a acusação ao Palhinha. Perguntei aos advogados se podia estar contra no jogo contra o Tondela, disseram que sim e o foco está no próximo jogo. Não tenho qualquer receio sobre isto, já passei por isto numa altura mais difícil da vida, sem esta ajuda. Na primeira vez que me aconteceu isto o Casa Pia subiu à segunda liga, pode ser bom pronúncio.Rúben Amorim, treinador do Sporting CP.

“Acho que os adeptos do Sheffield Wednesday estão com saudades minhas e o sentimento é recíproco. Já disse que gostaria de voltar ao clube e a minha intuição diz-me que um dia isso acontecerá.” Carlos Carvalhal, treinador do SC Braga, em entrevista à revista FourFourTwo.

“A vitória é dos jogadores, dos funcionários e dos adeptos. Não vou mentir, sou o homem mais feliz do mundo, porque esta foi uma semana muito particular. O futebol é paixão, e isto ainda não tinha vivido. Teremos de lutar muito até ao final, mas este foi um início muito positivo. Uma vitória, três pontos, e ainda por cima num dérbi, melhor era impossível, e vocês puderam ver no relvado como os jogadores ficaram felizes.” Julio Velázquez, treinador do CS Marítimo. O técnico espanhol estreou-se a vencer o dérbi da Madeira frente ao CD Nacional (1-2).

“O que falta a Félix para aparecer mais? Somos uma equipa, não um jogador. Precisamos de todos para que a equipa funcione e as individualidades e o talento sobressaiam. Sem vontade o talento não se alcança e nós tentamos ter vontade para que apareça o talento natural dos jogadores. O João é um jogador importantíssimo para a nossa equipa e seguramente estará bem até ao final da época.” Diego Simeone, treinador do Atlético de Madrid.

“Marcou-me, claro. Gosto de dizer que ele foi muito importante. Cresci muito com Jorge Jesus como jogador e pessoa. Isso nunca vou esquecer. É um treinador de alto nível. Tenho saudades dele. Se um dia tiver tempo, voltarei para Portugal para lhe pagar um jantar porque ele merece. Para mim, o Benfica ficou sempre no coração. Vamos ver o que vai trazer o futuro. Se um dia o Benfica pensar que precisa de mim outra vez, vamos pensar nisso.” Nemanja Matic, jogador do Manchester United.

“Neymar e Mbappé são do PSG e vão continuar no PSG.” Nasser Al-Khelaifi, presidente do Paris Saint-Germain.

“É um grande jogador com muito talento. Vi em 2017 que ia ser o melhor jogador do mundo, a jogar tantos jogos e a marcar muitos golos. O Mbappé foi muito importante no campeonato que ganhámos porque tinha qualidades muito boas que fazem a diferença. Se o Real Madrid tem a possibilidade de contratar Mbappé será uma garantia para a equipa. Vai ser uma equipa mais forte, tal como as equipas que tenham Cristiano, Haaland, Messi…. Jogadores com grandes condições para dar mais força à equipa.” Leonardo Jardim, treinador do futebol.

“Outros ganharam a Bola de Ouro, como Cristiano Ronaldo, mas Messi é o génio que faz coisas com uma qualidade e velocidade que são impensáveis para os demais. Utiliza os pés como se fossem mãos.” Fabio Capello, antigo treinador de futebol.

“Tem sido um período difícil para todos nós, porque não esperávamos nem nos nossos piores pesadelos que estaríamos nesta posição na Premier League, mas tentamos ter o melhor desempenho possível e melhorar.” Thiago Alcântara, jogador do Liverpool.

“Penso que foi a decisão mais correta, começar-se a fazer mudanças em 2019, para que esta jovem geração atinja o seu potencial em 2024. Sempre disse que a equipa precisa de espaço, precisa de tempo e de desenvolvimentoJoachim Löw, selecionador de futebol da Alemanha. O treinador falou pela primeira vez após o anúncio da saída do cargo.

“Na noite anterior ao jogo em que marcou pelo 11.º jogo consecutivo, estávamos no quarto de hotel e tínhamos o nosso ritual. Pedimos ao motorista da equipa para nos comprar uma garrafa de vinho do Porto e escondê-la no nosso quarto. Eu bebi um copo e o Jamie Vardy bebeu o resto da garrafa. No dia seguinte, bateu o recorde.” Ritchie De Laet, jogador do Royal Antuérpia, jogava no Leicester na famosa época do título.

“São sempre notícias negativas, mas também faz parte de um processo que o ciclismo tem vindo a sofrer nos últimos anos, de credibilização, e que agora demonstra que o sistema funciona. Lamento imenso o que está a acontecer, porque é negativo, mas é o caminho que foi traçado internacionalmente e que está a ser traçado também em Portugal e que tem como principal objetivo credibilizar a nossa modalidade e demonstrar que, neste caso, estamos na vanguarda da luta antidoping.” Delmino Pereira, presidente da Federação Portuguesa de Ciclismo, sobre a suspensão de 4 anos por doping a Raúl Alarcón.

“Quero dizer que não conseguimos isto sozinhos. Para chegar aqui houve uma pessoa que nos ajudou muito, o Alfredo Quintana. Por isso, quero agradecer-lhe muito tudo aquilo que ele fez por nós. Estes jogadores são grandes pessoas, grandes competidores, são grandes guerreiros e nem o melhor treinador do Mundo, que eu seguramente não sou, não conseguia nada disto se não tivesse gente com este caráter. Portugal conseguiu uma grande proeza e, insisto, um obrigado a ele, ao Quintana. Para os Jogos Olímpicos, sendo coerentes, é lutar pelas medalhas. Iremos lá lutar por tudo.” Paulo Jorge Pereira, selecionador nacional de Andebol.

“Temos de manter unidas todas as partes interessadas. E digo aos atletas: vamos continuar a caminhar juntos, a construir de mão na mão um círculo em que se incluam todos os atletas do mundo. Venham a Tóquio com essa mentalidade.” Seiko Hashimoto, presidente do comité organizador dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020.

Jogador da Semana: Pepe, o dragão alagoano!

Impressionou tudo e todos, aos 38 anos. Contra a Juventus, foi um gigante, 18 cortes efetuados de todas as maneiras e feitios. Deu-se ao luxo de aos 123 minutos conseguir fazer um deles com um pontapé de bicicleta. Nunca falhou.

O capitão que é a voz de comando e o exemplo para todos. Com uma rara rara visão de jogo, percebe onde estará o perigo… e ele lá está para anular qualquer investida do adversário. Deu um recital, num jogo memorável para o FC Porto. Mais um para a coleção gloriosa de Pepe, jogador detentor de um currículo impressionante.

Nos clubes por onde passou conquistou 3 Liga dos Campeões, 2 Campeonatos do Mundo, 1 Supertaças Europeias, 1 Taça Intercontinental, 3 Ligas portuguesas, 2 Taças de Portugal, 2 Supertaças Cândido de Oliveira, 3 Ligas espanholas, 2 Taças do Rei e 2 Supertaças de Espanha.

Peça Seleção de Portugal – fez a estreia a 21 de novembro de 2007 – foi Campeão Europeu, em mais um jogo memorável, onde foi considerado o “Homem do Jogo”, e venceu a Liga das Nações. Total de 23 títulos, 9 internacionais e 14 nacionais!!! Chegou a Portugal para jogar no Marítimo em 2001. Em 2004 foi contratado pelo FC Porto. Virou galáctico em 2007, onde passou 10 temporadas gloriosas. Custou 30 milhões de euros ao clube espanhol. Em 2007 segui para o Besiktas.

Regressou a casa – FC Porto – no dia 8 de janeiro de 2019. “Estou bastante emocionado. Para mim é um privilégio voltar a vestir esta camisola. O FC Porto é um clube que me deu tudo e me projectou para o futebol mundial”, afirmou nesse dia o internacional português. Termina contrato em 2023.

Segredos da longevidade? “Procurei sempre onde poderia melhorar depois de um jogo, a nível de recuperação para o jogo seguinte. Lembro-me de estar com o Cristiano Ronaldo no Real Madrid e chegávamos às duas da manhã e íamos fazer água fria”, referiu numa conferência da Web Summit.

Depois da noite época de Turim, revelou outro: “É muita rapadura. Muita rapadura lá do Nordeste.” A rapadura é feita a partir da cana-de-açúcar após moagem, fervura do caldo, moldagem e secagem. É considerado um alimento com alto valor nutritivo. É mesmo muita rapadura!

Tranquilo e sorridente fora das quatro linhas, Kepler Laveran Lima Ferreira (Pepe), de 38 anos, nascido em Maceió, transforma-se numa verdadeira máquina de guerra quando entra em campo. Um caso sério de estudo.

Momento da Semana (I): “A vitória póstuma de Quintana”

Um feito notável e inédito! A seleção nacional de andebol venceu a França em Montpellier, este domingo, por 29-28, com um golo de Rui Silva no último segundo do jogo, e apurou-se para os Jogos Olímpicos de Tóquio. Um apuramento histórico.

“Por Portugal e por ti”, numa referência ao malogrado Alfredo Quintana, que morreu a 26 de fevereiro na sequência de uma paragem cardiorrespiratória, foi o mote para uma jornada empolgante.

Trata-se da primeira vez na história que o andebol português chega aos Jogos Olímpicos e a primeira vez que uma modalidade coletiva que não o futebol representa Portugal no maior evento desportivo do Mundo.

Estamos perante o maior feito da história do andebol português, por parte de uma geração que em 2020 foi 6.ª no Europeu e já este ano 10.ª no Mundial. Foi a terceira vitória de Portugal frente a França, seis vezes campeã do Mundo e uma das melhores seleções do planeta, em pouco mais de um ano. Bravo, “Heróis do Mar”. Faltam palavras, sobra a forte emoção por uma conquista emocionante.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, felicitou a seleção de andebol de Portugal pela qualificação para os Jogos Olímpicos Tóquio2020, adiados para este verão, considerando-a “a vitória póstuma de Quintana”. Numa nota publicada no pela Presidência, o Presidente da República sublinha “a dedicação e empenho de todos os jogadores”, felicitando também a equipa técnica e a Federação de Andebol de Portugal.

Teófilo Fernando Teófilo Fernando, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

No dia da Terra, os líderes mundiais juntaram-se para "passar à ação"

A Casa Branca organizou uma Cimeira de Líderes sobre o Clima, que decorre de forma virtual e durante dois dias. Começou esta quinta-feira, dia em que se comemora o Dia da Terra, e junta cerca …

Detido em Itália homem que terá fornecido arma ao autor do atentado de Nice em 2016

Um homem que teria fornecido uma arma ao autor do atentado com um caminhão na cidade francesa de Nice, em 14 de julho de 2016, foi detido na Itália, anunciaram na quarta-feira vários veículos de …

"Invisibilidade" do LGBTI nos Censos é alvo de críticas

A Associação ILGA Portugal - Intervenção Lésbica, Gay, Bissexual, Trans e Intersexo e o Bloco de Esquerda estão a criticar os Censos 2021 devido à ausência de perguntas relacionadas com identidade de género, o que …

Rússia vai dar início à retirada de tropas perto da fronteira com a Ucrânia

A Rússia anunciou que vai iniciar, esta sexta-feira, a retirada das suas tropas concentradas perto da fronteira com a Ucrânia e na Crimeia anexada, referindo que os exercícios foram concluídos. "As tropas demonstraram a sua capacidade …

KPMG desconhecia problemas no BESA que justificassem reserva às contas

A KPMG Portugal afirmou, numa carta enviada à comissão de inquérito do Novo Banco, que desconhecia factos no BES Angola que pudessem levar a uma opinião com reservas às contas do BES. A KPMG Portugal desconhecia …

Ferro Rodrigues está "perfeitamente de acordo" com Marcelo sobre enriquecimento ilícito

O presidente da Assembleia da República (AR) concorda com o Presidente quanto à urgência de melhorar a lei contra o enriquecimento ilícito e diz que isso pode ser feito sem pôr em causa princípios constitucionais. Numa …

Índia regista subida drástica de infeções e mortes. EUA com 200 milhões de vacinas tomadas

O número de novas infeções pelo coronavírus dispararam na Índia, com a falta de preparação do Governo e a forma como a pandemia tem sido gerida apontadas como causas para a subida dos casos e …

Técnicos de diagnóstico. Depois de mais uma coligação da oposição, Executivo avalia o que fazer

Depois de mais uma coligação da oposição, o Governo "está a avaliar" o que irá fazer em relação à aprovação das mudanças na carreira de Técnico Superior de Diagnóstico e Terapêutica.  De acordo com o semanário …

Diretor de Finanças de Lisboa está em substituição desde 2015. Já ultrapassa tempo de comissão de serviço

Fernando Lopes, a maior estrutura regional da Autoridade Tributária e Aduaneira (AT), é diretor da Direção de Finanças de Lisboa em regime de substituição desde março de 2015. Quando a então diretora regional, Helena Borges, foi …

Portugal regista mais quatro mortes e 636 novos casos de covid-19

Portugal registou, esta quinta-feira, mais quatro mortes e 636 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 636 …