Linha de Fundo: O verde está na moda

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Sporting ganha o dérbi e deixa o Benfica a nove pontos. Campeão firme na perseguição ao líder. A Libertadores voltou a ser nossa. Ainda os números e as frases da semana, visto da Linha de Fundo

Rugido de candidato

  • Sporting CP 1 (Matheus Nunes 90+2′)– SL Benfica 0

O herói do derbi, em 2018 jogava na 2ª Divisão Distrital de Lisboa, no Ericeirense. Ao mesmo tempo trabalhava numa pastelaria local. Nesse ano venceu a Divisão de Honra de Lisboa, sendo um dos destaques da equipa. No verão de 2018 assinou pelo Estoril, jogou nos Sub-23, mas em outubro estreou-se na equipa principal.

Após três meses rumou para o Sporting, também para os Sub-23. No final da época passada foi aposta de Rúben Amorim para a equipa principal leonina. No dérbi assumiu o lugar de Palhinha.

Foi dos melhores em campo, culminando a noite de sonho com o golo do triunfo, desatando o nó de um jogo com duas equipas muito encaixadas e expectantes. Essa foi a imagem quase total da história da partida. Muitos duelos, jogo musculado, mas pouco inspirado. Destaque para o rigor defensivo como prioridade. Na primeira parte, não houve um único remate à baliza. Os leões foram os que mais tentaram (4-1).

O Sporting foi a equipa mais equilibrada, perante um Benfica a revelar dificuldade na circulação de bola e na criação de lances perigosos. Para a segunda parte ambas as equipas mostraram mais audácia, outros sinais de mudança, apesar de ficar a ideia que a formação leonina estaria sempre mais perto do golo.

Assim foi. Numa jogada de insistência, após cruzamento largo de Jovane Cabral, Pedro Porro voltou a colocar a bola na área encarnada, Odysseas Vlachodimos não conseguiu afastar de forma eficaz e Matheus Nunes (92′) apareceu de cabeça para marcar e dar os três pontos aos de Alvalade.

José Sena Goulão / Lusa

Parecendo simples descodificar a forma como joga a equipa de Rúben Amorim, há sempre um trunfo na manga. É de sublinhar a muita competência, a tal estrelinha e, principalmente, consistência de ideias de uma equipa muito focada e robusta mentalmente.

Com esta importante vitória, o Sporting segue na liderança do Campeonato, com quatro pontos de vantagem sobre o FC Porto, e agora mais nove pontos que o rival Benfica.

O Sporting alcança a melhor pontuação dos últimos 72 anos.
Desde a época 1948/49, com os “5 Violinos”, que os leões não somavam 42 pontos à 16.ª jornada. 
Há quase 9 anos que o Sporting não vencia o Benfica em casa para a Liga e novamente por 1-0: 2021 Matheus Nunes aos 90’+2 e 2012 Ricky van Wolfswinkel aos 18′ (g.p.).

Taremi resolve sem marcar

  • FC Porto 2 (Luis Díaz 44′ e Evanilson 74′)– Rio Ave FC 0

Apresentando a habitual matriz, o campeão entrou forte no jogo, controlando o adversário, sendo capaz de criar forte volume atacante, mas a noite foi de desperdício. Sérgio Conceição não apresentou surpresas no onze inicial, com Luis Díaz a ocupar o lugar do lesionado Otávio. No primeiro onze de Miguel Cardoso um ponta-de-lança tradicional, Ronan David, dando mais liberdade a Dala. Os dragões foram dominantes, mas faltou inspiração, principalmente a Marega.

Valeu a clarividência de Taremi. O iraniano esteve nos lances que originaram os golos portistas. Com o final da primeira parte à vista, cruzamento de Zaidu, passe de Díaz com o peito para Taremi rematar para defesa de Kieszek, com o colombiano a aproveita para desviar e dar a vantagem que ia tardando.

Na segunda parte, o Rio Ave tentou incomodar, mas sem sucesso. Percebendo a maior audácia do adversário, coube ao FC Porto saber gerir a vantagem e o desgaste que a equipa foi apresentando. O momento da tranquilidade aos 74 minutos. Taremi outra vez em ação, jogada vistosa pelo lado direito e assistência para Evanilson, com o brasileiro a aproveitar para marcar o 2/0. Xeque-mate.

Um triunfo que reflete um jogo sério dos portistas, num resultado que peca por escasso. 
Pela 1.ª vez neste campeonato, o FC Porto consegue jogos consecutivos sem sofrer golos.

Foi o 10.º jogo consecutivo do FC Porto sem perder na Liga (9 vitórias e um empate). Os portistas conquistaram a 3.ª vitória consecutiva, sempre sem sofrer golos. O Rio Ave não ganha há 4 jogos.

Hugo Delgado / Lusa

Números da Semana

  • 16 – Paulinho é reforço do Sporting. Para garantir a aquisição do passe do internacional português, de 28 anos, a SAD do Sporting investiu 16 milhões de euros.
  • 250 – Tecatito Corona fez o jogo 250 com a camisola do FC Porto.
  • 650 – Messi marcou o golo 650 pelo Barcelona. Foi o 55.º golo de livre direto da carreira.
  • 555.237.619 – É este o astronómico número que fez manchete no jornal espanhol ‘El Mundo’, revelando que teve acesso ao contrato entre Lionel Messi e o Barcelona. O acordo contempla 138 milhões de euros por época, entre valores fixos e variáveis dependentes do rendimento do jogador e dos objetivos coletivos. O contrato contempla, de acordo com o referido jornal, um prémio de assinatura de 115 milhões de euros, e ainda uma cláusula de fidelidade de quase 78 milhões de euros. De acordo com o “El Mundo”, Lionel Messi já recebeu 92 por cento do valor global que consta do contrato. O Barcelona nega responsabilidade na divulgação do contrato de Messi, expressando apoio ao argentino e garantindo uma ação legal contra o ‘El Mundo’.
  • 30 – Tecatito Corona, avançado do FC Porto, lidera a lista dos jogadores mais valiosos da Liga portuguesa, segundo os valores atribuídos pelo site Transfermarkt. O internacional mexicano está avaliado em 30 milhões de euros, numa lista dominada por Benfica e FC Porto que, no conjunto, contam com dezoito jogadores da lista dos 25 mais valiosos que jogam em Portugal.
  • 23 – O SL Benfica gerou em 2019/20 receitas de 170,3 milhões de euros, o 23.º melhor registo mundial e o segundo mais alto de fora das chamadas cinco grandes ligas de futebol, segundo um estudo da Deloitte. De acordo com o relatório “Deloitte Football Money League” os encarnados sobem uma posição face a 2018/19, mas nesse ano tinham registado receitas de 197,7 milhões de euros, perdendo cerca de 27 milhões em receitas. De fora do top 30 está o FC Porto, que era 29.º em 2018/19, com uma receita calculada em 176,2 milhões, mas na 24.ª edição do relatório está ausente. O Barcelona está no primeiro lugar com 715,1 milhões de euros, menos de um milhão a mais do que o Real Madrid, no segundo lugar. Se os catalães desceram cerca de 125 milhões, os ‘madrilenos’ faturaram menos 40 milhões.
  • 1 – O Boavista conquistou a 1.ª vitória fora neste campeonato e Jesualdo Ferreira voltou a vencer na Liga quase 7 anos depois (última vitória em fevereiro de 2014). Só CD Tondela e Farense ainda não venceram fora na Liga 2020/2021.
  • 16 – O Eintracht Frankfurt venceu (3-1) o Hertha Berlim em casa e André Silva voltou a estar em evidência. O internacional português bisou, chegou aos 16 golos só no campeonato alemão, ultrapassando Haaland e ficando apenas atrás de Lewandowski na lista dos melhores marcadores. O internacional português também já igualou temporada de 2016/17, quando ainda era jogador do F. C. Porto e conseguiu o melhor registo, marcando por 16 vezes.
  • 150 – Lukaku, jogador do Inter de Milão, chegou aos 150 golos nas Ligas Top 5 UEFA: 
113 na Premier League e 37 na Serie A. Lukaku chegou, ainda, aos 20 golos na época, o que acontece pela 7.ª vez na carreira.400 – Aos 35 anos, Jesus Navas cumpriu o jogo 400 na Liga espanhola, onde marcou25 golos, alcançou 195 vitórias e nunca foi expulso. Fez a estreia em 2003, lançado por Caparrós e é o jogador com mais jogos pelo Sevilha na prova.
  • 250 – Nuno Espírito Santo fez uma doação pessoal de 250 mil libras (cerca de 282 mil euros) para o combate à pobreza na cidade de Wolverhampton, em tempos de pandemia. Um contributo destinado ao programa “Feed Our Pack”, que a Fundação Wolves lançou em parceria com várias instituições locais. “Os adeptos dos Wolves e o povo de Wolverhampton têm sido fantásticos para mim desde que aqui cheguei, há quase quatro anos, e eu queria dar algo em troca de forma a ajudar as pessoas que estão a sofrer com a pandemia”, referiu o treinador português, em comunicado.
  • 12 – Prémio inédito. O Palmeiras, vencedor da Taça Libertadores, foi premiado em pouco mais de 12 milhões de euros. A Confederação Sul Americana de Futebol – CONMEBOL – aumentou em mais de 300% o volume de prémios de todas as suas competições desde 2016. À quantia inédita é adicionado o que foi distribuído ao longo do torneio nas fases anteriores à final da 61.ª edição, pelo que o campeão soma pouco mais de 18,5 milhões de euros, o maior valor da história da mais prestigiada competição sul-americana.
  • 11 – Jogadores que venceram a Liga dos Campeões e a Libertadores: 
Sorin, Dida, Roque Júnior , Cafú, Tevez, Samuel, Ronaldinho, Neymar, Danilo, Rafinha e Ramires (fez 7 jogos este ano pelo Palmeiras, antes de abandonar o clube).
  • 13 – O Parma contratou o futebolista romeno Dennis Man ao Steaua Bucareste, por quatro épocas e meia, até 30 de junho de 2025. O negócio foi fechado por 13 milhões de euros, mais dois milhões variáveis, que correspondem aos 15 milhões pretendidos pelo Steaua para a saída do atleta. Trata-se de um valor histórico de uma transferência de um jogador do principal campeonato romeno, como sublinhou o Steaua, em comunicado, falando do “jogador vendido pela maior quantia da história” da liga romena.
  • 4 – Domingos Gonçalves foi suspenso por quatro anos por “uso de métodos e/ou substâncias proibidas”, segundo a lista atualizada de suspensões da União Ciclista Internacional. O campeão nacional de fundo de 2018 e de contrarrelógio em 2017 e 2018 fica impedido de participar em qualquer prova até 11 de dezembro de 2023. Os resultados desportivos do corredor de 31 anos são anulados entre 11 de julho de 2018 e a data da suspensão provisória, com Gonçalves a perder, entre outros, o nono lugar da Volta a Portugal de 2018, e a etapa que ganhou, e a prata nos nacionais de contrarrelógio do ano seguinte.

Frases da Semana

“Hoje conseguimos a glória eterna. A primeira coisa de que me lembrei foi da minha família e depois do primeiro título que ganhei, em 2011, pelos juniores do Sporting. Foi ali que tudo começou. Por isso agradeço a todos os jogadores que treinei, de forma muito especial a estes. Não me posso esquecer dos jogadores dos juniores do Sporting, dos da equipa B do Sporting, da equipa B e A do Sp. Braga, onde fizemos trabalho extraordinário. E por que não falar do presidente do SC Braga, que me deu a oportunidade? Nunca na história do Braga alguém tinha apostado num treinador de formação, que não tinha feito nada na primeira divisão. Agradeço também ao dono do PAOK, que pagou uma fortuna para eu ir para lá sem nenhum título e que me vendeu porque eu pedi para que me deixasse vir para aqui. Ninguém ganha sozinho. Hoje sou melhor treinador, mas sou pior pai, filho, irmão, tio… Não imaginam a quantidade de vezes que me deitei à noite, na minha almofada, e chorei sozinho de saudade. Chorei muito no final do jogo, sim. Sou uma pessoa de família, adoro as minhas filhas e a minha esposa. Atravessei o Atlântico a acreditar numa coisa antes dela acontecer. Sou muito melhor treinador, mas como disse sou pior filho, pai, marido, tio. Mas há sempre algo que temos de sacrificar”. Abel Ferreira, treinador do Palmeiras.

Ricardo Moraes / EPA

“Isso agora torna difícil para os portugueses irem para o Brasil. Cada um que vai ganha a Libertadores.” Rúben Amorim, treinador do Sporting CP.

“Não tem sido fácil. Não só para mim, mas para os outros. Não é nada fácil pela densidade competitiva que temos tido. Nem temos 72 horas em relação ao último jogo. Não são as condições ideais, muito sinceramente. No final é o treinador quem tem de dar a cara para assumir os resultados nestes jogos, mas não é nada fácil. É a Covid, ficar em casa algum tempo, voltam apesar do trabalho que fazem, que foi algo que já elogiei, mas não é a mesma coisa, claro que não! Depois não esquecer que nestes últimos tempos temos jogado uma série de jogos incrível e vamos continuar. Tem de se rever a calendarização, muita coisa tem de mudar no futebol português, principalmente nas equipas que estão na Europa. Há que analisar, não podemos ser carne para canhão, siga!”. Sérgio Conceição, treinador do FC Porto.

“Brilhante. Desde o primeiro dia que quis mudar o ambiente na equipa, a forma de jogar, o próprio staff… Foi uma grande contratação. É muito humilde e trabalha duro. Tem opinião própria, é um vencedor. Gosta de ser influente nos jogos, não gosta de falar apenas depois. Quer muito vencer e sabe muito de futebol. Vê todos os jogos que dão na televisão, especialmente jogos grandes. Se lhe perguntarem o que vê à noite, ele diz que vê sempre o jogo, seja ele qual for. Isso vai permitir-lhe tirar o máximo da sua carreira.” Ole Gunnar Solskjaer, treinador do Manchester United. A 30 de janeiro de 2020, Bruno Fernandes era oficialmente apresentado como reforço do Manchester United, que pagou 55 milhões de euros ao Sporting pelo passe do médio.

“É uma honra absoluta jogar pelo Manchester United e com este símbolo no meu peito. A história deste clube foi feita sobre vitórias, muitas vitórias. Vim para aqui para ajudar e continuar esse legado e não vou descansar até conseguir. Quero agradecer a todos os adeptos pelo vosso incrível apoio. Estou esperançado que este foi o primeiro de muitos anos juntos. Glória para o Manchester United.” Bruno Fernandes, jogador do Manchester United.

“O Bruno Fernandes é um dos melhores jogadores da Liga a marcar livres. É incrível. Pode decidir jogos nesses momentos.” David Luiz, jogador do Arsenal.

“Eu lembro-me de o ver quando era mais novo, a rematar e a cruzar de trivela. Foi surreal o momento em que cheguei ao treino e vi o Ricardo Quaresma connosco. As pessoas podem pensar que, olhando à idade dele, ele está em fim de carreira, mas ele não falhou um único treino ou jogo esta época. A atitude dele é fenomenal. Ele chega cedo aos treinos e fica a trabalhar depois do treino acabar. Quando tu vês isto e sabes o que ele já conquistou, só podes aprender coisas boas. Ele é um vencedor!” Suliman, defesa-central do Vitória SC.

“Para nós não é importante marcar em todos os jogos, é importante vencer. Neste jogo fez uma bela assistência para o segundo golo. Está bem mesmo quando não consegue marcar.” Andrea Pirlo, treinador da Juventus. Cristiano Ronaldo não marcou qualquer golo nas últimas três jornadas da Serie A.

“Com certeza, sim, penso eu. Na posição em que estamos, é mais do que normal. Já tinha dito a mesma coisa em dezembro, que pela prestação deste ano, é normal. É verdade que vai um pouco contra o que é dito pela direção, mas penso que sim, que vai ser o fim.” André Villas-Boas, treinador do Marselha.

“Tem melhorado bastante, estamos a falar de um miúdo de 18 anos, tem feito jogos, o que é muito bom para crescer e aprender. Sem dúvida que, com o tempo, vai estar melhor. O Fábio Silva em todas as qualidades para ser um avançado de topo, tem de continuar a trabalhar, ouvir os conselhos de todos. Sem dúvida que acredito que vai estar no topo. Também é muito importante fazer o que tem feito e trabalhar para aprender e crescer.” Rui Patrício, guarda-redes do Wolverhampton, prevendo grande sucesso para o jovem colega de equipa.

“No mundo de Zlatan não há espaço para o racismo. Somos todos da mesma raça – somos todos iguais!!! Somos todos jogadores, uns melhores que outros.”, escreveu Ibrahimovic no Twitter. O jogo dos quartos de final da Taça de Itália ficou marcado por um desentendimento entre Zlatan e Lukaku, com insultos sucessivos e a intervenção de companheiros de equipa de ambos a afastá-los, evitando um eventual confronto físico no fim da primeira parte. Houve cabeças encostadas, empurrões e viram ambos com o cartão amarelo, fatal para Ibrahimovic que veria o segundo aos 58 minutos.

Cesar Greco / Palmeiras

Treinador da Semana

Abel Ferreira e a vitória da família

“Vamos, família.” Foi bem audível o grito de incentivo de Abel Ferreira. O jogo aproximava-se do final. O Santos ameaçava com mais intensidade. O Palmeiras resistia. O sonho continuava vivo. Em três meses à frente da equipa, incutiu um cunho pessoal, deu-lhe outra vivacidade, criou uma família.

Teve o mérito de unir um plantel que herdou com alma e coração. Ao samba juntou pragmatismo. Reuniu valores num bem comum. Ganhou com humildade, qualidade, raça e elegância. Soube agregar qualidade e vontade. Receita infalível para o sucesso. Depois de Jorge Jesus, agora é a vez de Abel Ferreira mostrar a bandeira portuguesa, novamente numa vitória emocionante, dramática e épica.

O jogo foi fraco, as cautelas foram muitas, mas os momentos festivos ficam na memória, assim como as lágrimas de Abel Ferreira. O treinador viveu um momento intenso, a milhares de quilómetros fomos atingimos pela sua alegria, foi emocionante a partilha do técnico com os jogadores. Único, marcante e revelador da importância de Abel Ferreira na equipa. Competência, forte personalidade e carácter escreveram uma página dourada da história do Palmeiras.

Valeu, professor. Parabéns, Abel Ferreira e a toda a equipa que o acompanha nesta epopeia: Carlos Martinho (treinador adjunto), Vítor Castanheira (treinador adjunto), João Martins (preparador físico) e Tiago Costa (observador).

Abel Ferreira tem agora uma semana para preparar as meias-finais do Mundial de Clubes, que se realiza no Catar entre o dia 4 e 11 de Fevereiro.
O Palmeiras defronta nas meias, a 7 de fevereiro, o Tigres ou o Ulsan.

Jogador da Semana

Breno Lopes, o herói que foi comendo quieto pelas beiradas

17 jogos e dois golos pelo Palmeiras, um deles valeu a conquista da Libertadores. Jogava na Serie B do Juventude, quando foi contratado em novembro pela equipa treinada por Abel Ferreira. Desde a sua chegada foi comendo quieto pelas beiradas…

Lançado no jogo aos 39 minutos da segunda parte, Breno estaria longe de imaginar que a glória lhe estava destinada. Depois de um cruzamento olímpico de Rony, Breno saltou para a história. Solto de marcação, ganhou nas alturas e de cabeça colocou a bola fora do alcance do guarda-redes do Santos.

“Deus me abençoou….”, expressou o herói de um currículo modesto, aposta de Abel Ferreira após a lesão de Wesley. É o único reforço do plantel, que custou cerca de 1,1 milhões de euros pela compra de metade do passe.

“Prefiro um jogador menos forte e com grande caráter do que um craque sem caráter. Encontramos esse perfil. Veio com fome, com espírito de luta. Vimos potencial e o lado humano”, explicou Abel Ferreira sobre a escolha.

Na antevisão do jogo, questionado sobre o valor do elenco à disposição, Abel Ferreira falou de Breno como o único reforço garantido após a sua chegada, embora o Palmeiras também tenha contratado Alan Empereur e Kuscevic. ”Os meus pais sempre me ensinaram que podemos gastar o que temos, e não o que não temos. Desde que cheguei fizemos uma contratação, o Breno. Tem sido um jogador muito utilizado. Estava na Série B e vai disputar a final.”

Breno começou a carreira como profissional pelo Joinville, passou por outras equipas modestas, casos da Juventus e Palhoça, e teve uma rápida passagem pelo Athletico Paranaense, clube no qual fora dispensado. No segundo semestre do ano passado, destacou-se na Série B com o Juventude, onde marcou nove golos em 19 jogos.

“É um dia inesquecível, fazer o golo da conquista da Libertadores. A torcida merece. O Palmeiras trabalhava há muito tempo para chegar a este título. Os meus pais estão aqui no estádio. Estou muito feliz, não sei explicar a emoção”, referiu o herói da Taça Libertadores. Um predestinado.

Teófilo Fernando Teófilo Fernando, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Caso do avião com cocaína. PJ vai vigiar Aérodromo de Tires 24 horas por dia

A Polícia Judiciária (PJ) vai vigiar as movimentações de aeronaves e passageiros que chegam e saem do Aeródromo de Tires 24 horas por dia. A informação foi adiantada pelo Correio da Manhã, que falou com …

Facebook paga 650 milhões para encerrar litígio sobre vida privada nos EUA

O juiz federal norte-americano James Donato aprovou a indemnização de 650 milhões de dólares (540 milhões de euros) a 1,6 milhões de utilizadores do estado norte-americano do Illinois por parte do Facebook. Este acordo, assinado na …

"Retoma da normalidade". Bruxelas propõe este mês livre-trânsito digital para vacinados e recuperados

A Comissão Europeia vai apresentar este mês uma proposta legislativa para criar um livre-trânsito digital que permita retomar as viagens em altura de pandemia de covid-19, comprovando a vacinação ou a recuperação dos cidadãos. A informação …

Noiva de Khashoggi pede "punição imediata" de Mohammed bin Salman

As declarações da noiva de Jamal Khashoggi surgem depois de as autoridades norte-americanas terem publicado um relatório em que Mohammed bin Salman é acusado de ter ordenado o assassínio do jornalista. Joe Biden está a ser …

Covax permite que países mais pobres comecem a receber a vacina (mas só garante 20% da vacinação)

A Covax visa fornecer vacinas contra a covid-19 a 20% da população de 200 países e territórios que estão incluídos no sistema através de um sistema de financiamento que permite a 92 economias de baixo …

Reino Unido vacinou 20 milhões com 1.ª dose. País deteta casos de variante de Manaus

O ministro da Saúde britânico, Matt Hancock, anunciou no domingo que mais de 20 milhões de pessoas no Reino Unido já receberam a primeira dose da vacina contra covid-19. "Estou absolutamente encantado por informar que mais …

Famílias numerosas já podem pedir desconto no IVA da luz

As famílias com cinco ou mais elementos podem pedir a redução do IVA da eletricidade ao seu fornecedor a partir desta segunda-feira e têm de comprovar a sua condição de família numerosa. Em causa está a …

Netflix foi a grande vencedora da noite dos Globos de Ouro

  A 78.ª edição dos Globos de Ouro decorreu de forma virtual, com apresentação de Tina Fey e Amy Poehler e a participação de alguns dos laureados do ano passado. Os Globos de Ouro, prémios de cinema …

Portugal regista mais 34 óbitos e 394 novos casos. O número mais baixo desde setembro

Portugal registou esta segunda-feira 394 novos casos de infeção por covid-19 e mais 34 mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS), nas …

Nicolas Sarkozy condenado a três anos de prisão por corrupção

Nicolas Sarkozy foi esta segunda-feira condenado a três anos de prisão por corrupção e tráfico de influências, tornando-se o segundo chefe de Estado condenado em França, após Jacques Chirac em 2011. O ex-Presidente francês foi condenado …