China confirma a 26ª vítima mortal do novo coronavírus e alarga quarentena a 33 milhões de pessoas

A China anunciou esta sexta-feira a morte de uma pessoa devido ao coronavírus, perto da fronteira com a Rússia, a segunda fora do epicentro do surto, com origem na cidade de Wuhan, aumentando para 26 o número de vítimas fatais.

A vítima em causa morreu em Heilongjiang, no nordeste, uma província na fronteira com a Rússia, disseram autoridades locais à agência de notícias France-Presse sem fornecerem mais detalhes. Esta província está localizada a mais de 1.800 quilómetros da cidade de Wuhan.

Horas antes, a comissão de saúde de Hebei, uma província que faz fronteira com Pequim, disse que um homem de 80 anos morreu após regressar de uma estadia de dois meses em Wuhan.

De acordo com o semanário Expresso, as autoridades anunciaram que vão construir de urgência um hospital para atacar o coronavírus e confirmaram que o número de pacientes infetados com o vírus, identificado como 2019-nCoV, aumentou para 881. O hospital está a ser edificado na periferia de Wuhan – cidade com 11 milhões de habitantes e epicentro da crise -, tendo as obras começado esta quinta-feira e que deverão estar concluídas a 3 de fevereiro.

A ideia de construir um novo hospital especializado é a de centralizar os pacientes infetados, replicando a situação de 2003, quando ocorreu a epidemia do Síndrome Respiratório Agudo Severo, semelhante ao atual coronovírus e que causou mais de 700 vítimas mortais. Nesse ano, foi construída em Pequim uma clínica especializada em Xiaotangshang, na periferia da capital, numa semana.

Além disso, a China alargou a quarentena a 33 milhões de pessoas. Na quinta-feira, estavam três cidades em isolamento: Wuhan, o epicentro do surto, Huanggang, a cerca de 70 quilómetros de distância e Ezhou. As cidades foram fechadas aos transportes e os seus habitantes fecharam-se em casa em quarentena.

O Shanghai Disney Resort anunciou também, em comunicado, o “encerramento temporário” das instalações a partir de sábado, devido à ameaça de propagação do coronavírus. A direção do parque afirma que esta é uma medida de “prevenção e controlo da doença”, para “garantir a saúde e segurança” de “clientes e funcionários”. O Shanghai Disney Resort vai permanecer em contacto com o governo local e que a reabertura será anunciada mediante confirmação.

O parque temático vai proceder ao reembolso dos bilhetes através do “canal oficial de venda de bilhetes” e que os procedimentos de reembolso serão detalhados no site oficial “o mais breve possível”.

O surto surge numa altura em que milhões de chineses viajam, por ocasião do Ano Novo Lunar, a principal festa das famílias chinesas, equivalente ao natal nos países ocidentais. Segundo o Ministério dos Transportes chinês, o país deve registar um total de três mil milhões de viagens internas neste período.

As autoridades de saúde anunciaram medidas para conter a doença, incluindo desinfeção dos sistemas de ventilação de aeroportos, estações e centros comerciais.

A Comissão Nacional de Saúde da China tinha já alertado que este novo tipo de coronavírus, uma espécie de vírus que causa infeções respiratórias em seres humanos e animais, “pode sofrer mutações e espalhar-se mais facilmente”. De acordo com a Comissão Nacional de Saúde da China, o período de incubação do vírus pode estender-se até 14 dias.

Fora da China, foram confirmados casos do novo coronavírus entre viajantes chineses na Coreia do Sul, Japão, Tailândia, Taiwan, Macau e Estados Unidos, Singapura e Vietname, todos também oriundos de Wuhan. A Coreia do Norte vai encerrar temporariamente as fronteiras para se proteger do novo coronavírus.

A ansiedade em torno da doença aumentou depois de um especialista do Governo chinês ter assumido que o novo tipo de coronavírus, uma espécie de vírus que causa infeções respiratórias em seres humanos e animais, é transmissível entre seres humanos. Até à data, as autoridades diziam que não havia evidências nesse sentido. A nova estirpe de coronavírus pode ter surgido em morcegos ou cobras.

Segundo investigadores britânicos, o número de pessoas infetadas com o vírus ultrapassa provavelmente o milhar de casos e é muito superior àquele avançado pelas autoridades locais.

O Centro Europeu de Controlo de Doenças (CECD) considerou moderada a probabilidade de a nova pneumonia chegar ao espaço europeu. Por outro lado, a Organização Mundial de Saúde (OMS) optou por não declarar uma emergência internacional face ao surto de coronavírus.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Arquitetura óssea pode inspirar asas de aeronaves mais fortes

Uma nova descoberta na estrutura interna do osso pode levar a um melhor tratamento da osteoporose e a componentes de aeronaves mais duráveis. A densidade tem sido a referência para medir a força óssea. No entanto, …

Até as estrelas têm auroras (e já as podemos ver)

Uma equipa internacional de astrónomos observou sinais de rádio estranhos vindos de uma anã vermelha. Estas ondas bizarras estavam a ser produzidas pela interação com um exoplaneta que orbitava a estrela, criando uma aurora. Apesar de …

Tiroteios em dois bares fazem oito mortos na Alemanha

Pelo menos oito pessoas morreram hoje em dois tiroteios em dois bares na cidade alemã de Hanau, no centro do país, indicou a polícia local, sem precisar o número. O primeiro tiroteio ocorreu num bar de …

Descobertos sarcófago e altar dedicado ao fundador de Roma do século VI a.C.

Os dois objetos foram descobertos numa área subterrânea perto da Cúria, foi anunciado esta terça-feira. Um sarcófago considerado "excecional" e um altar do século VI a.C., que poderá ter sido dedicado a Rómulo, fundador de Roma, …

40 anos depois, cientistas identificam falha fundamental na eficiência dos painéis solares

Os painéis solares são uma das invenções mais impressionantes, mas é emergente descobrir como torná-los ainda mais eficientes. Recentemente, uma equipa de cientistas resolveu um mistério de 40 anos em torno de um dos principais …

SIC vai lançar serviço de streaming e canal de e-sports este ano

A SIC vai avançar para uma plataforma de streaming ainda em 2020. A "Netflix à portuguesa" ainda não tem nome, mas tem como objetivo "encontrar mais e novas audiências". Em entrevista ao jornal Público, o CEO …

Dagmar Turner tocou violino enquanto lhe era removido um tumor do cérebro

Uma paciente do King's College Hospital, no Reino Unido, tocou violino enquanto os médicos lhe removiam um tumor do cérebro. Desta forma, foi possível preservar a sua capacidade de tocar e a sua paixão de 40 …

"Não é aceitável". Tribunal de Contas refuta acusações de Manuel Heitor

O Tribunal de Contas (TdC) refutou as acusações do ministro do Ensino Superior sobre a auditoria ao modelo de financiamento do setor, considerando-as inaceitáveis e infundadas. "O tribunal tem o máximo respeito pela opinião dos auditados, …

"Lava que se farta". Isabel dos Santos recorre da absolvição de Ana Gomes

A empresária angolana recorreu para o Tribunal da Relação de Lisboa por causa das publicações no Twitter nas quais a antiga eurodeputada acusa a empresária, por exemplo, de "lavar que se farta". Em janeiro, o Tribunal …

Ministro considera "inaceitável" que TAP pague prémios em ano de prejuízos

O ministro das Infraestruturas e da Habitação considerou "inaceitável" que a TAP, empresa que "tem 100 milhões de euros de prejuízos" em 2019, atribua prémios a uma minoria de trabalhadores. "É uma falta de respeito para …