Raríssimas processa Paula Brito e Costa (e exige 384 mil euros)

A Raríssimas – Associação Nacional de Doenças Mentais e Raras está a exigir 384.618 euros e 13 cêntimos à fundadora e ex-presidente, Paula Brito e Costa.

Este valor, avançado pelo Correio da Manhã, está incluído no processo que deu entrada na passada quarta-feira no tribunal de Loures. Em causa estarão despesas de alimentação e de transporte pagas indevidamente pela IPSS à então presidente, afastada em dezembro de 2017 depois de denúncias de gestão danosa.

Em março, a Raríssimas, agora presidida por Sónia Laygue, já tinha revelado que a ex-presidente estava a dever cerca de 350 mil euros à associação, mas só agora o processo deu entrada na justiça.

De acordo com a denúncia tornada pública há cinco meses, através de um relatório divulgado na página da IPSS, no âmbito do processo disciplinar instaurado à ex-presidente foi identificado o pagamento de várias despesas não relacionadas com a atividade da Raríssimas, para além do reembolso de despesas de alimentação em simultâneo com o pagamento do subsídio de refeição e do pagamento de quilómetros por deslocações que nunca terão chegado sequer a ser feitas.

Apesar de estes pagamentos, de acordo com a associação, terem sido feitos tanto a Paula Brito e Costa como ao seu marido – que, tal como o filho de ambos, foi funcionário da Raríssimas -, o nome da ex-presidente é o único visado no processo. Paula Brito e Costa recebia cerca de três mil euros por mês e está indiciada por recebimento indevido de vantagem, peculato e falsificação de documento.

O CM recorda que também o ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva, esteve envolvido na polémica. Além da relação pessoal com a ex-presidente da instituição, Vieira da Silva omitiu, no seu registo de interesses que, entre 2013 e 2015 foi vice-presidente da Assembleia-Geral da associação. A par desta polémica, a Segurança Social terá recebido várias denúncias sobre a gestão da instituição, mas nenhuma foi investigada.

Também Manuel Delgado, antigo secretário de Estado da Saúde, demitiu-se a 12 de dezembro de 2017, dias depois de ter sido revelado o escândalo da Raríssimas. Entre 2013 e 2014, foi consultor da associação e ganhava três mil euros por mês.

A Raríssimas foi fundada em abril de 2002 e tem como finalidade apoiar pessoas com doenças raras.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Pois… neste país, rouba-se descaradamente, são descobertos e fica por isso mesmo – os ladrões em liberdade, gozando o dinheiro que roubaram às claras e é assim. È ou não um país de ladrões???? Vergonha…

  2. É mais uma prodidão dos xuxas.
    Agora peça ao “ministro” que lhe abone um subsidio para o reembolso..
    É preciso coragem e falta de decoro, para andar a gastar o nosso dinheiro em luxos, através de uma instituição de solidariedade, apoiada com fundos públicos.

RESPONDER

PSD a 3 deputados da maioria na Madeira. CDS afasta geringonças

Miguel Albuquerque, político experiente, apreciador de música e apaixonado por rosas, voltou hoje a vencer as eleições regionais da Madeira, mas tem agora pela frente a ‘espinhosa’ tarefa de negociar um entendimento que garanta estabilidade …

Porto 2-0 Santa Clara | E vão cinco vitórias consecutivas na Liga

O FC Porto respondeu ao triunfo do Benfica no sábado em Moreira de Cónegos com a quinta vitória consecutiva na Liga, na recepção ao Santa Clara, por 2-0. Num jogo morno, com uma segunda parte mal jogada …

Mazda entra na corrida e prepara lançamento do seu primeiro carro elétrico

A Mazda garantiu o lançamento do seu primeiro carro elétrico já no próximo ano. O veículo será apresentado no Salão Automóvel de Tóquio. A corrida dos veículos elétricos acelera a todo o vapor e a Mazda …

Descobertas evidências de um reino bíblico em pleno deserto israelita

A bíblia faz referência a um reino de Edom, do século X antes de Cristo. Novas evidências sugerem que este reino poderá ter estado assente no deserto de Arava, no Israel. A análise de arqueólogos a …

PSD vence regionais na Madeira mas perde maioria absoluta

O PSD venceu hoje as eleições legislativas regionais na Madeira, com 37% a 41% dos votos, o que lhe retira a maioria absoluta no parlamento, segundo a projeção da RTP/Católica. O Partido Social Democrata venceu as …

No Afeganistão, há mulheres a arriscar a vida por um golo

As jogadores da seleção de futebol feminino do Afeganistão não treinam no seu país por razões de segurança. Muitas sofreram abusos sexuais e correm risco de vida para poderem jogar futebol. Pelo menos alguma vez na …

Cientista diz que avanços científicos podem levar à extinção humana

A evolução da ciência e tecnologia pode ser fundamental para evitar catástrofes, mas, ironicamente, pode também ser a causadora do fim da nossa espécie. O estudo das mudanças climáticas baseia-se em simulações cada vez mais de …

A ilha mais remota do mundo tem nome português

Tristão da Cunha é uma ilha com apenas 250 habitantes, onde ninguém fala português. Não há hotel nem aeroporto. Há quem parta em busca de um lugar sossegado para evitar as grandes multidões turísticas. Caso esteja …

Costa não tinha dúvidas. O parecer da PGR sobre familiares é “absolutamente inequívoco”

O secretário-geral do PS, António Costa, defendeu hoje que o parecer da Procuradoria-Geral da República (PGR) sobre as incompatibilidades entre governantes e negócios com empresas de familiares é “absolutamente inequívoco”. “O parecer é absolutamente inequívoco sobre …

Jovens do mundo inteiro ocupam a ONU em inédita Cimeira do Clima

Mais de 500 jovens, representantes de mais de 140 países, ocuparam este sábado o espaço habitualmente destinado aos diplomatas da ONU. A United Nations Youth Climate Summit, primeira cimeira da juventude sobre o clima, em Nova …