Paula Brito e Costa, marido e filho continuam a receber salário da Raríssimas

João Relvas / Lusa

Raríssimas

Passou um mês e meio desde que Sónia Margarida Laygue foi eleita e assumiu a presidência da associação Raríssimas. A nova presidente revela que Paula Brito e Costa, marido e filho continuam a ser remunerados, apesar de suspensos.

Numa entrevista ao Observador um mês e meio depois de ter sido eleita, Sónia Margarida Laygue falou sobre as dificuldades que a Raríssimas atravessa e os planos da nova direção para manter a associação em funcionamento, apesar da crise financeira que atravessam.

A crise começou depois de uma reportagem da TVI ter posto a descoberto a gestão danosa levada a cabo pela sua antecessora, Paula Brito e Costa. A ex-presidente da Raríssimas levaria uma vida de luxo à custa do dinheiro da instituição que, em 2016, recebeu quase um milhão de euros do Estado.

Depois das revelações, a nova presidente encontrou uma associação com uma situação “muito delicada”, revelando que a quebra dos donativos dos mecenas foi significativa. Sónia Margarida, que também é mãe de uma criança com uma doença rara – a Ema, com 3 anos -, não baixou os braços.

Desde que está à frente da instituição, já devolveu um BMW ao stand, que custava 921 euros por mês à Raríssimas, e cortou no pessoal: dois funcionários da instituição saíram – porque “tiveram outras oportunidades de trabalho“, esclareceu – e, em vez de contratar novas pessoas, a direção optou por “reafetar outras pessoas para essas áreas”.

Entretanto, a direção vai estudando as respostas a serviços que a Raríssimas necessita existentes no mercado, “de forma a encontrar os melhores parceiros e reduzir custos também”. Para já, Sónia Laygue não prevê uma redução nos funcionários.

Isso quer dizer que a ex-presidente da associação, Paula Brito e Costa, o marido e o filho, vão continuar a receber os salários, apesar de estarem suspensos.

“Qualquer suspensão, até serem averiguados os factos e enquanto estiver a decorrer o inquérito interno, é remunerada. A Paula continua a ter um salário, tal como o marido e o filho”, explicou Sónia.

Por outro lado, quem não está a ser remunerada é Margarida. “Estou a fazer tudo pro bono, não tenho nenhum tipo de remuneração. Ser remunerada é uma situação que tem de ser votada e aprovada em Assembleia Geral. No entanto, no meu caso, nada disso se aplica, porque desde o primeiro dia disse que iria fazê-lo pro bono“. E acrescenta: “Tenciono manter-me assim.

ZAP //

PARTILHAR

13 COMENTÁRIOS

  1. Como é possível esta gente que andou a ROUBAR a instituição ainda continua a receber?? No mínimo congelavam o salario das 3 personagens “NO GRATAS”.
    Isto está mesmo tudo ao contrario os que roubam recebem quem lá está a trabalhar nada recebe.

  2. É uma vergonha, como é possível continuar a pagar a um ex-funcionário? Ainda por cima um funcionário que lesou a empresa em benefício próprio, despedido com justa causa?

    • Vê-se logo que não conheces a lei do trabalho(ou melhor, EMPREGO)…. É mesmo assim, tive um trabalhador que durante 2 anos ROUBOU 250.000 € da empresa (documentado e verificado)… Comprou uma casa de 140.000 euros e um carro de 70.000 em cash… Para despedi-lo (esteve 5 meses sentado numa secretária sem fazer nada, enquanto decorria o processo disciplinar). No fim, tive de lhe pagar 23.300 euros por decisão do tribunal e ainda ouvi o Juiz chamar-me de incompetente (porque deixei-o roubar). Acha que averiguaram a origem do dinheiro com que ele comprou a casa e o carro?….

        • Processo cível a decorrer à 3 anos e o dito cujo tem a casa em nome do filho menor de idade, alugada a outra pessoa (900 €/mês) . Vendeu o carro ao irmão e neste momento vive no Brasil ….. Apesar de 2 providências cautelares interpostas e ter TIR desde 07/03/2015 na sequência de queixa por burla, conseguiu sair do país em maio de 2015. Mas o problema está onde? No código de trabalho onde o trabalhador é SEMPRE tratado como a vítima….. Em taxas de justiça já paguei mais de 2.000 euros, já para nem falar dos custos com o meu advogado….. A justiça no seu melhor…..

        • O meu segundo comentário chegou depois da resposta, que, como eu dizia, temia intuir.
          Infelizmente, não há por onde, com sistemas “garantistas”.

          Ultima consideração:
          O tipo está fugido, não se goza da casa nem do carro…
          Porque é que o fazem?…

      • Ha ai qualquer coisa estranha.
        E teve de lhe pagar 23.000 porque ?

        Se ha um processo disciplinar só poderá ser dado como culpado no fim
        Esteve 5 meses sem fazer nada porque ? Porque nao queria trabalhar ou porque lhe tirou o trabalho ?

        • Só tinha duas opções, ou tolerava a presença do fulano no local de trabalho e no horário, ou mandava-o para casa com vencimento. Mas a segunda opção podia ser usada pelo adv do sindicato na defesa do “artista”. 5 meses foi o tempo que demorou a acção em tribunal…. 23.300 por falta de prova factual de ilícito (roubo) e consequente indeminização por despedimento sem justa causa visto o “artista” não querer retomar o posto de trabalho (alegou incompatibilidade com o gestor de recursos humanos). E ainda o tribunal decidiu que era ao “artista” que competia escolher a reintegração ao saída como veio a acontecer…. Ainda acha isto estranho?? Então veja acórdãos de recursos em direito de trabalho dos tribunais de relação… Não recorri porque achei que a acção cível ía repor a verdade…. Naife…..

  3. Uma coisa é certa, no dia das eleições eu tenho a certeza de quem fica em casa. São por estas e outras que não acredito em política e outras politiquices…

RESPONDER

NASA revela novos fatos espaciais que os astronautas vão levar para a Lua (e são pura ficção científica)

A NASA apresentou na terça-feira, na sua sede, em Washington, Estados Unidos, os novos fatos espaciais que os astronautas da missão Artemis vão usar em 2024, quando voltarem à Lua. Fatos feitos em modelos 3D, à …

Panama Papers. Mossack Fonseca não gostou do filme e processou Netflix por difamação

A dupla de sócios do escritório de advogados Mossack Fonseca, envolvido no caso “Panama Papers”, moveu um processo em tribunal por difamação contra a Netflix. A plataforma anuncia a estreia, para esta sexta-feira, do filme “Laundromat: …

Porsche e Boeing unem-se em projeto de táxi aéreo premium

A Porsche e a Boeing estão a unir esforços para explorar o mercado de mobilidade área urbana. Aproveitando os seus pontos fortes, as duas empresas prometem desenvolver um táxi aéreo para o futuro. Numa verdadeira fusão …

Fotografia com pombos? Na Tailândia, há "profissionais" contratados para assustá-los

A área de uma das portas da cidade, Tha Pae, parte do que resta da muralha vermelha que protegia a cidade antiga em Chiang Mai, na Tailândia, é uma das maiores atrações turísticas locais. Os turistas …

Sky News lança canal sem qualquer notícia sobre o Brexit

O canal Sky News Brexit-Free foi esta quarta-feira para o ar às 17h horas, sendo que os seus programas serão transmitidos até às 22h, de segunda a sexta-feira. O grupo de televisão britânico Sky vai lançou …

Vacina contra o cancro da mama pode estar disponível dentro de 8 anos

Investigadores da Clínica Mayo desenvolveram uma vacina contra o cancro ovário e da mama que poderá estar disponível comercialmente dentro de apenas oito anos. A ideia da vacina é estimular o próprio sistema imunológico dos pacientes …

Busca pelo avião de Amelia Earhart só encontrou chapéus, detritos de um naufrágio e uma lata de refrigerante

A mais recente busca pelos restos do avião de Amelia Earhart, a famosa aviadora americana que desapareceu sobre o Pacífico em 1937, terminou sem resultados. De acordo com o jornal norte-americano The New York Times, a investigação …

Protestos em Hong Kong. LeBron acusado de apoiar regime chinês

A super estrela do basquetebol LeBron James juntou-se à polémica entre a NBA e a China, após apelidar de “mal-informado” o treinador dos Houston Rockets, Daryl Morey, que expressou apoio aos manifestantes em Hong Kong …

Acordo para o Brexit está "prestes a ficar fechado"

A chanceler alemã, Angela Merkel, e o Presidente francês, Emmanuel Macron, disseram esta quarta-feira que um acordo para o Brexit está em finalização e poderá ser apresentado quinta-feira para aprovação no Conselho Europeu. "Quero acreditar que …

Em Chernobyl, estão a desaparecer "as memórias que as pessoas deixaram para trás"

Chernobyl é, atualmente, a maior atração internacional da Ucrânia e o novo presidente, Volodymyr Zelenski, já apresentou um projeto para trazer ainda mais turistas. No entanto, estão a desaparecer "as memórias que as pessoas deixaram …