Ex-presidente da Raríssimas exige 147 mil euros por ter sido despedida

Rarissimas / Facebook

A ex-presidente da Raríssimas, Paula Brito e Costa

A ex-presidente da associação Raríssimas exige mais de 147 mil euros de indemnização por considerar que o seu despedimento foi ilegal.

De acordo com o jornal Público, Paula Brito e Costa avançou com uma ação no Tribunal de Trabalho de Loures, em fevereiro de 2019, que tem como objetivo impugnar o seu despedimento, bem como o pedido de devolução de 384 mil euros exigido pela Raríssimas.

O diário escreve que o início do julgamento estava marcado para esta quarta-feira, mas foi suspenso porque se aguarda a transferência da ação da associação, no Tribunal Cível de Loures, para eventual junção num único processo.

A ex-presidente da associação demitiu-se, em dezembro de 2017, depois de terem sido feitas denúncias por alegada gestão danosa. Segundo o matutino, Paula Brito e Costa tinha, porém, contratos de trabalho para ser diretora-geral da Casa dos Marcos, na Moita, e passou a apresentar-se assim no local de trabalho até ser suspensa.

Contratos esses que a associação entendeu serem nulos porque não foram executados pela ex-presidente, nem foram legalmente aprovados.

A par destes dois processos, adianta o Público, corre ainda um inquérito no Ministério Público (MP) à gestão da ex-presidente, no qual é arguida, estando a ser feitas perícias contabilísticas.

A Raríssimas – Associação Nacional de Deficiências Mentais Raras foi fundada em abril de 2002 e tem como finalidade apoiar pessoas com doenças raras. Em dezembro de 2017, uma reportagem da TVI denunciou irregularidades na gestão da associação.

O escândalo levou à demissão do então secretário de Estado da Saúde, Manuel Delgado. Entre 2013 e 2014, foi consultor da associação e ganhava três mil euros por mês.

ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Como se já não tivesse usado o suficiente os dinheiros da Raríssimas, para mordomias pessoais, ….existe tanta gente sem um pingo de vergonha na cara, neste país….esta senhora é certamente, uma delas!

RESPONDER

Netflix passa a mostrar "top 10" diário de séries e filmes

A Netflix disponibiliza, desde esta segunda-feira (24), uma nova feature para os utilizadores do serviço de streaming: uma lista com os 10 filmes e as 10 séries mais vistas no país em cada dia. Esta nova …

A Realidade Virtual pode ser a próxima terapia para tratar pânico, fobias e distúrbios

A Oxford VR, empresa britânica de realidade virtual, acaba de acumular mais de 13 milhões de euros para investir na terapia com a tecnologia do futuro. A companhia surgiu a partir do departamento de psiquiatria da …

Apple não deixa que vilões de filmes usem iPhones

A Apple não deixa que os vilões dos filmes de Hollywood usem os telemóveis iPhone no grande ecrã. Esta é apenas uma das empresas que não permite este tipo de coisa. Os filmes podem ter uma …

O coronavírus pode ser a "doença X" temida pelos especialistas

O coronavírus, que já matou 2.700 pessoas e infetou mais de 80 mil desde dezembro, está a tornar-se "rapidamente" no primeiro grande desafio pandémico do mundo, enquadrando-se nos moldes da "doença X" temida por especialistas. O …

Media Capital passou de lucros a prejuízos de 54,7 milhões

A Media Capital registou prejuízos de 54,7 milhões de euros no ano passado, contra lucros de 21,6 milhões de euros um ano antes, anunciou hoje a dona da TVI, que está em processo de compra …

Camas na classe económica dos aviões podem vir a tornar-se uma realidade

A companhia aérea neozelandesa Air New Zealand está a pensar incluir camas na classe económica de alguns dos seus voos mais longos. A ideia deverá avançar dentro de um ano. A companhia aérea neozelandesa Air New …

Temperatura do planeta pode estabilizar nos valores de há três milhões de anos

A temperatura no planeta pode estabilizar nos valores de há três milhões a cinco milhões de anos, caso a humanidade consiga estancar as emissões de gases com efeito de estufa até 2030, diz a especialista …

Operação Lex. Juiz Vaz das Neves arguido por corrupção e abuso de poder

O ex-presidente do Tribunal da Relação de Lisboa Vaz das Neves é arguido na Operação Lex por suspeitas de corrupção e abuso de poder relacionadas com a distribuição eletrónica de processos, disse à Lusa fonte …

Governo quer licenças de trabalho parcial pagas para pais no primeiro ano dos filhos

O Governo quer implementar licenças de trabalho parcial remuneradas para pais e mães de crianças no seu primeiro ano de vida, no âmbito do programa para a conciliação entre vida profissional e vida familiar e …

Covid-19. Portugal "tem de preparar-se para o pior" e ter plano de contingência

Ricardo Mexia, presidente da Associação Nacional de Médicos de Saúde Pública, defende que Portugal tem de se preparar para o pior e, por esta altura, já devia ser conhecido o plano de contingência em ação. "Convém …