“Peço desculpa por ter usado informação não confirmada”, lamenta Passos

PSD / Flickr

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho

O provedor da Santa Casa da Misericórdia de Pedrógão Grande admitiu à agência Lusa a sua “irresponsabilidade” ao dar uma informação errada ao líder do PSD, sobre um alegado suicídio na sequência dos incêndios.

“Admito que houve uma grande irresponsabilidade”, afirmou João Marques.

O provedor da Santa Casa da Misericórdia de Pedrógão Grande, que é também líder da concelhia do PSD e cabeça-de-lista do partido às autárquicas, explicou que às 10h00, em Vila Facaia, recebeu a informação, por “pessoas da freguesia” e na presença do presidente da junta, de que uma pessoa se teria suicidado. Por serem informações dadas por locais, que conheciam a alegada vítima, tomou-as como “fidedignas”.

Segundo o provedor da Santa Casa, não foram avisadas as autoridades competentes porque o responsável pressupôs “que as autoridades já teriam conhecimento” da situação, depois de no domingo ter alertado a Segurança Social e a Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC) sobre a necessidade de acompanhamento psicológico das populações afetadas pelo incêndio.

Às 10h30, João Marques alertou o líder do PSD, Passos Coelho, na vila sede do concelho, sobre o caso de suicídio, “com base na informação” que lhe tinha sido dada em Vila Facaia.

“Por volta das 15h00”, acabou por saber que a informação que lhe tinha sido dada estava “errada”, pedindo “desculpas” a Passos Coelho e “à própria pessoa” que supostamente se teria suicidado.

“Tomámos a notícia como verdadeira. Devíamos ter confirmado“, admitiu o também ex-presidente do município durante quatro mandatos.

“Peço desculpa por ter usado informação não confirmada”

“Eu peço desculpa por ter utilizado uma informação que não estava confirmada”, afirmou Passos Coelho à chegada a Odivelas para a apresentação da candidatura de Fernando Seara à Câmara Municipal.

No entanto, o líder da oposição pediu que tal facto não desvie a atenção do que considera ser o essencial, reiterando que “o Estado falhou” e o Governo tem de fazer chegar rapidamente o apoio público aos familiares das vítimas.

“Temos hoje a confirmação clara de que o Estado falhou quando tantas pessoas perderam a vida como perderam, era muito importante que houvesse um mecanismo rápido de reparação”, apelou.

O presidente do PSD disse hoje que o Estado falhou no apoio psicológico às vítimas do incêndio que começou em Pedrógão Grande, adiantando ter tido conhecimento de que um suicídio ocorreu por falta desse apoio.

“Tenho conhecimento de vítimas indiretas deste processo, de pessoas que puseram termo à vida, em desespero”, sinal de que “não receberam a tempo o apoio psicológico que lhes devia ter sido prestado”, declarou o líder dos sociais-democratas aos jornalistas, após uma visita ao quartel dos bombeiros de Castanheira de Pera.

À agência Lusa, pouco depois, o presidente da Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC), José Tereso, disse que não há, até hoje, “nenhum caso de suicídio com ligação” direta à zona afetada pelo incêndio que começou em Pedrógão Grande.

João Marques foi líder do executivo de Pedrógão Grande (distrito de Leiria) pelo PSD de 1997 até 2013, altura em que não se pôde recandidatar devido à lei de limitação de mandatos.

Em 2013, Valdemar Alves foi eleito presidente da autarquia, como independente, nas listas do PSD.

Quando se esperava uma recandidatura de Valdemar Alves pelo PSD, a concelhia liderada por João Marques aprovou o nome deste antigo presidente da Câmara como candidato social-democrata à autarquia.

Após esta decisão, Valdemar Alves tornou-se candidato independente pelo PS às eleições de outubro.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

12 COMENTÁRIOS

  1. Outro monte de lixo humano… falam (MENTINDO!!) do suicido de pessoas que foram vitimas de um incêndio terrível, sem qualquer noção ou respeito!!!

    • O seu comentário é mesmo reles e de quem é muito pobre de espírito. Sou do PS muito embora para aqui pouco interesse. Pelo que vi o homem foi mal informado por outra pessoa e depois retratou-se e explicou a situação. Acho que só fica bem. Quando se erra há que que assumir. E ele assumiu. Teve caráter.

      • Bem… acho que, com esse magnifico comentário, se nota bem quem “é muito pobre de espírito” aqui!…
        É do PS?!
        Mas o PS é algum clube de futebol?!
        Está comprovada a sua falta de sentido critico…
        .
        Quero lá saber do PS ou do PSD (etc)… nem isso tem NADA a ver com o caso!
        .
        O que interessa é que este parasita mentiroso incompetente (Passos), tentou dar um jeito ao amigo (que por acaso é candidato a presidente da Câmara de Pedrógão Grande pelo PSD), sem pensar (que também não seu forte!) nas consequências!!
        A falta de bom senso fez o resto – e o resultado foi o que se viu!!
        Mas, assumiu o quê?
        Assumiu que tentou tirar dividendos políticos de uma situação gravíssima com uma mentira?!
        Não vi essa parte…
        E, mesmo que fosse verdade, não é coisa que se venha apregoar publicamente de forma completamente leviana!…
        Isto já para não falar do aumento do numero de casos de suicido em Portugal durante o seu brilhante (des)governo!!
        Percebeu agora?!

      • Para o Chiiii, e mesmo que tivesse sido verdade!?
        Tenhamos decoro, não? Agora usamos estas coisas para beneficio politico?
        Pedro Passos Coelho é uma nódoa como ser humano e um incompetente no resto. Quem o conhece sabe bem!!!

  2. Só acontece porque andam exacerbadamente à procura do diabo, se é que não andam de mão dada com ele. medonhamente tristes, perdidos em seu próprio mundo.

    • Pois, “medonhamente” tristes é realmente um grande defeito, pois o que o povo português precisa é de sorrisos, humor e optimismo, mais nada. Mesmo que depois morramos às dezenas de um modo que nunca se viu…

  3. UIIIII mais um tiro nos pés do Passos Coelho.
    Primeiro teve conhecimento de vitimas que se suicidaram depois não havia confirmação mas foi uma noticia de pessoa que até era de família, até nem teve dúvidas (cavaquice), no fim pede desculpa e afinal a culpa é do provedor.
    Esse CUelho é mesmo bosta é nojento, tinhoso, ressabiado, rancoroso, mesquinho por mim deveria superar o suicídio politico que tem vindo a praticar no dia a dia e passar ao físico.

  4. Mas afinal o que anda a media a fazer?, porque é que não vão investigar o acordo com o SIRESP, quando o António Costa era Advogado da Motorola 1995, e agora vêm dizer que desconheciam o que está no contracto? São todos do mesmo saco

  5. O verdadeiro líder não lamenta o erro cometido! Assume-o, com todas as consequências, e sofre-as! Mais nada!…

  6. Este Sr. Coelho é o exemplo vivo de como nós portugueses estamos entregues à bicharada.
    Enquanto deputado e fazendo as contas, se entrou no parlamento com 18 anos +\- e se fez 12 anos como deputado, este Sr. e outros usufruíram de uma reforma vitalícia com pouco mais de 30 anos, enquanto aos portugueses de segunda é exigido que trabalhem até à cova.
    Além de opinar sobre tudo, mesmo que para isso se limite a debitar lugares comuns, também tem uma memória curta, que a outros cidadãos deste país custou-lhes caro. Refiro-me ao esquecimento de declarar rendimentos. O que aconteceria a outros cidadãos que estivessem fora da lista VIP da AT de tivessem feito o mesmo.
    Consequências dos actos deste e de outros Srs. politicos desta nação? Total impunidade.
    Uma palavra para os jornalistas, façam um resumo das gafes e frases deste e de outros políticos e façam-lhes as perguntas para as quais eu e todos os portugueses queremos resposta.

Viagens expresso no Sistema Solar. Nave espacial pode chegar a Titã em apenas 2 anos

Uma equipa de cientistas está a trabalhar num propulsor de nave espacial que, segundo eles, poderia alcançar a misteriosa lua de Saturno, Titã, em menos da metade do tempo que o satélite Cassini demoraria. Apesar de …

Depois do "selo Brexit", os correios da Áustria emitem o "selo corona" impresso em papel higiénico

O serviço postal da Áustria uniu dois pontos da pandemia do novo coronavírus ao criar um selo impresso em papel higiénico que, segundo os correios, as pessoas também podem, a qualquer momento, usar para ajudar …

A Moog celebra os 100 anos do Theremin com um novo instrumento: o Claravox Centennial

Este ano marca o 100º aniversário do Theremin - um dos primeiros instrumentos musicais completamente eletrónicos, controlado sem qualquer contacto físico pelo músico. Para celebrar vai ser lançado o Claravox Centennial. Foi em 1920 que Leon Theremin, …

Depósito inexplorado na Sibéria tem uma das maiores reservas de ouro do mundo

O maior produtor de ouro da Rússia, PJSC Polyus, anunciou esta semana que o seu depósito inexplorado em Sukhoi Log, na região siberiana de Irkutsk, possui uma das maiores reservas mundiais deste metal preciosos. De …

Os novos iPhones não trazem carregador. Apple poupa muito nos custos, mas não no ambiente

A Apple decidiu vender os seus novos iPhones sem carregador ou auscultadores, alegando que a alteração tem em conta o ambiente, uma vez que serão utilizados menos produtos na embalagem dos telemóveis, mas os especialistas …

Caça ao tesouro secular. Lendária ilha pode esconder Santo Graal, manuscritos de Shakespeare e jóias reais

Perto da Nova Escócia, no Canadá, há uma lendária ilha com misteriosos túneis e estranho artefactos. Há quem acredite que esconde o Santo Graal, os manuscritos de Shakespeare e um tesouro de um capitão. Porém, …

Aprender "baleiês" pode evitar choque de navios com o animal

Uma equipa de cientistas da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, tem uma nova ideia para salvar as baleias-azuis em migração das colisões com navios. Durante a época de migração das baleias-azuis, os animais enfrentam sérios …

Afinal, os carros elétricos não são a melhor resposta para combater as alterações climáticas

Os carros elétricos, surgem como alternativas mais sustentáveis aos veículos a gasolina ou gasóleo, podem não ser a melhor forma de combater as alterações climáticas no âmbito dos transportes, de acordo com um novo estudo. …

Seria Jesus um mágico? Há arte romana que parece sugerir que sim

Em alguma arte antiga, Jesus é retratado a fazer milagres com algo na mão que parece ser uma varinha. Investigadores sugerem que se trata de um cajado, que era usado como símbolo de poder. Segundo a …

Nem todos os clubes estão a afundar – alguns estão a prosperar durante a pandemia

Nem todos os clubes estão a sofrer às mãos desta pandemia de covid-19. Alguns deles têm conseguido bons resultados financeiros apesar da crise. A covid-19 provou ser um adversário devastador para o desporto profissional em todo …