Não há razão nenhuma para não ser corrupto em Portugal

RTP / Flickr

O economista e ex-ministro Daniel Bessa

O economista e ex-ministro Daniel Bessa

O ex-ministro da Economia Daniel Bessa considera que há um “sistema de incentivos e de administração” que leva a que não haja “razão nenhuma para não ser corrupto em Portugal”.

Em declarações divulgadas pelo Jornal de Negócios e proferidas durante a participação num debate sobre competitividade, organizado pela Porto Business School, Daniel Bessa,  economista e professor universitário que foi ministro da Economia do Governo de Guterres, considerou que “não há razão nenhuma para não ser corrupto em Portugal“.

“Mesmo que venha a ser condenado judicialmente, para a cadeia não vai“, notou Daniel Bessa, realçando que “a coisa há-de prolongar-se o tempo suficiente até que morra. E isso é um tema de sistema de incentivos e de administração”, concluiu.

O ex-ministro da Economia também responsabiliza os incentivos públicos por alguns erros do sector privado e fala em concreto do caso da electricidade, em Portugal, que é a quarta mais cara dos 28 países da União Europeia.

Grande peso na factura da luz têm os muito falados, nos últimos dias, Custos de Manutenção do Equilíbrio Contratual ou “rendas excessivas” que estão no centro das suspeitas em torno da EDP e que levaram à constituição de António Mexia como arguido.

O Expresso anunciou que a EDP foi deliberadamente beneficiada, pelos Governos no poder, em mais de mil milhões de euros, em prejuízo dos consumidores.

“Não há problema nenhum, é tudo legal”, ironiza Daniel Bessa a propósito da formação dos preços da energia.

“Há aqui uma questão que tem a ver com o sistema de incentivos, com uma série de interesses que condicionam a legislação e a administração no sentido de determinado tipo de investimento”, acrescenta ainda o economista.

Estas declarações surgem depois de António Costa ter dito que a EDP tem “manhas” e de o ex-ministro Álvaro Santos Pereira ter referido que “o lóbi da energia é dos mais fortes em Portugal”.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Pois não vai p/ lado nenhum. Efetivamente ser corrupto em Portugal compensa… Se houvesse JUSTIÇA neste país bem como muitos outros. Não era prisão que isso era manter VADIOS era sim delapidarem de todos os bens e dinheiros quer em Portugal quer nos off shores, aí sim conseguia-se resultados, porque os corruptos só quando lhe vão ao bolso…

  2. Uma declaração completamente estúpida. Há várias razões para quem se norteia por princípios, valores. Não para quem actua em função de ser ou não facilmente apanhado pela justiça. Mas eu sou menos resçponsável. Nunca fui ministro…

  3. Mas será que está a descobrir a pólvora, até perece que no seu tempo de ministro a “coisa ” era diferente, olhe! o défice tarifário, mas bonito é a lei das taxas audiovisuais e mais não digo, até porque sou do povo e não politico…. as vezes apetece-me ser…

  4. O estado a que isto chegou…
    Até a própria classe política se pode gabar – perante o que chamam a “massa suja” – do que faz – e continuar a roubar e a enganar o povo, de modo impune.
    E, ainda assim – de tão estúpida e cobarde que é “gentinha” deste país – ninguém vai fazer nada em relação a isto…

  5. Daniel Bessa tem toda a razão no que diz.
    Mas o facto de o ter dito, só tem a utilidade da válvula na panela de pressão. Assim não rebenta…
    Serve para consumo das massas, para todos sabermos que há alguém atento a este lamaçal, e dar-nos a leve esperança de que ISTO um dia será resolvido.
    Este texto nunca será objecto de estudo no parlamento, e nenhuma medida lá será tomada para alterar um milímetro ao que hoje se faz.

  6. Houve alguém que disse que o vinho alimentava uns tantos portugueses
    Eu digo alimenta uns tantos que ainda se dão ao trabalho de ir votar

Secretário da Cultura brasileiro vai ser demitido depois de se inspirar em discurso nazi de Goebbels

Roberto Alvim, secretário da Cultura brasileiro, fez um discurso esta quinta-feira copiando um discurso muito conhecido do ministro da propaganda de Adolf Hitler, Joseph Goebbels. O secretário da Cultura do Brasil, Roberto Alvim, divulgou um vídeo …

Presidente da Guatemala anuncia corte de relações com Venezuela

O novo Presidente da Guatemala, Alejandro Giammattei, anunciou na quinta-feira que ordenou o corte de relações com a Venezuela e o encerramento da embaixada neste país. Alejandro Giammattei, médico e ex-diretor do Sistema Penitenciário da Guatemala, …

Bolsonaro vai manter secretário acusado de irregularidades no Governo

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, defendeu hoje o titular da Secretaria Especial da Comunicação Social (Secom, órgão da Presidência), Fabio Wajngarten, acusado de alegadas irregularidades em contratos, garantindo que o manterá no cargo. “Pelo que eu …

FC Porto empresta Waris ao Estrasburgo com opção de compra obrigatória

O avançado ganês foi emprestado pelo FC Porto ao Estrasburgo até ao final da temporada, num negócio que inclui uma cláusula de opção de compra obrigatória. No final do empréstimo, o Estrasburgo fica obrigado a contratar …

Miguel Guimarães reeleito bastonário da Ordem dos Médicos

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, foi eleito esta quinta-feira para um segundo mandato, com 93% dos votos. De acordo com os resultados provisórios avançados pela Ordem, estando contados 16.723 votos, Miguel Guimarães foi …

Governante sugere "chazinhos e bolos" para acabar com agressões nas salas de espera dos hospitais

"Salas de espera com bom aspecto, com televisão, revistas" e com "chazinhos e bolos" podem ajudar a reduzir o "clima de tensão" que se vive em alguns hospitais, contribuindo para acabar com as agressões a …

Detidos cinco suspeitos da morte de jovem cabo-verdiano em Bragança

A Polícia Judiciária anunciou, esta sexta-feira, que foram detidos cinco homens, suspeitos de estarem envolvidos na morte do estudante cabo-verdiano, em Bragança. A Polícia Judiciária (PJ) anunciou, em comunicado, que procedeu, esta quinta-feira, a "buscas domiciliárias, …

Cláudio Monteiro renuncia a cargo de juiz do Tribunal Constitucional

O juiz renunciou ao mandato do Tribunal Constitucional por ter sido, entretanto, nomeado Juiz Conselheiro do Supremo Tribunal. O juiz Cláudio Monteiro renunciou, esta quinta-feira, ao mandato de juiz do Tribunal Constitucional (TC), de acordo com …

Proposta do BE sobre IVA da energia vai ser rejeitada pelo Governo, revela PS

Uma proposta do Bloco de Esquerda (BE) para reduzir o IVA sobre a eletricidade e o gás natural, sem impacto no Orçamento de Estado para 2020, vai ser rejeitada pelo Governo, por não corresponder à sua …

Petição quer enfermeiros como profissão de desgaste rápido e subsídio de risco. 2.500 já assinaram

Mais de 2.500 pessoas já assinaram uma petição online que defende a atribuição do estatuto de profissão de desgaste rápido aos enfermeiros, bem como a atribuição de um subsídio de risco. No texto, os promotores defendem …