MP faz buscas em gabinete de Paulo Núncio, processo envolve a Líbia

PSD / Flickr

O Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio

O Ministério Público (MP) fez esta quarta-feira “averiguações” junto da Secretaria de Estado dos Assuntos Fiscais, no âmbito de um processo relacionado com tratamento fiscal que envolve uma empresa portuguesa e o Ministério da Saúde líbio.

Segundo um comunicado do Ministério das Finanças, as averiguações do MP junto da Secretaria de Estado tutelada por Paulo Núncio referem-se a “um processo relacionado com tratamento fiscal, em sede de IVA, relativo a uma transação entre uma empresa portuguesa e o Ministério da Saúde líbio“.

No mesmo comunicado, o Ministério das Finanças indica que “a Secretaria de Estado dos Assuntos Fiscais está totalmente disponível para colaborar com a investigação”.

O Correio da Manhã avançou que a PJ estava no gabinete do secretário de Estado Paulo Núncio a realizar buscas no âmbito do caso Vistos Gold.

No âmbito da Operação Labirinto, relacionada com a aquisição de vistos gold, 11 pessoas foram detidas em  novembro passado, incluindo o antigo presidente do Instituto de Registos e Notariados (IRN) António Figueiredo, que se encontra em prisão preventiva.

A ex-secretária-geral do Ministério da Justiça, Maria Antónia Anes, o ex-diretor-geral do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, Manuel Jarmela Palos, e o empresário chines Zhu Xiaodong são outros dos arguidos principais do processo.

Em causa na Operação Labirinto, investigado pelo Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), estão indícios de corrupção ativa e passiva, recebimento indevido de vantagem, prevaricação, peculato de uso, abuso de poder e tráfico de influência, relacionados com a atribuição de autorizações de residência para a atividade de investimento, vulgarmente conhecidos por vistos gold.

Entretanto, elementos da Polícia Judiciária estão desde a manhã desta quarta-feira a fazer buscas também nas instalações do Porto do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, revelou à Lusa fonte do SEF.

/Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Era exactamente essa a questão (onde estão as provas?) do 44 de Évora. E as provas lá vão aparecendo paulatinamente. Este vigarista também tem lugar reservado em Évora. Ele e a trupe toda.

    • As provas antecedem a formalização da acusação em qualquer processo de investigação! É claro! O mesmo é dizer que, enquanto se investiga não há provas e sim indícios… Até à produção de prova credível para (MP) julgamento

  2. Não cabem todos em Évora. Podem ir para os Estádios de Futebol que estão vazios. Aqueles que custaram os ‘ olhos da cara’ ao zé povinho!!

  3. Os estádios de futebol custa muito dinheiro os hospitais custam muito dinheiro as escolas tambem que tal viver no pais dos macacos?e darem o dinheiro todo dos nossos impostos aos pançudos.

    • Ninguém perguntou… Confesso que não tenho nada contra os bem nutridos ou anafados… Diferente é campos de prisioneiros ou outros.

Responder a Rosa Cancelar resposta

Imunidade de grupo não vai travar pandemia, diz estudo espanhol

Um estudo espanhol, que abrangeu mais de 60 mil pessoas, colocou em causa a viabilidade da imunidade de grupo como forma de combater a pandemia de covid-19, estimando que apenas 5% da população tenha desenvolvido anticorpos …

Na Colômbia, a "rebelião dos grisalhos" lutou contra o confinamento e a juíza deu-lhes razão

Um grupo de ilustres septuagenários, que liderou a iniciativa local da "rebelião dos grisalhos", na Colômbia, conseguiu uma grande vitória judicial. Na Colômbia, a "rebelião dos grisalhos" lutou contra o confinamento, exigindo mais tempo na rua …

EUA ponderam bloquear o TikTok e outras redes sociais chinesas

O secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, admitiu esta semana que os Estados Unidos estudam a possibilidade de bloquear a rede social de vídeos TikTok, bem como outras plataformas do género chinesas. Em entrevista à emissora …

Salgado acusa Banco de Portugal de "deslealdade" e "desonestidade"

Na contestação à coima aplicada pelo supervisor por violação de normas de prevenção de branqueamento de capitais, a defesa de Ricardo Salgado acusou o Banco de Portugal de ter sido “desleal e desonesto” na forma …

No Reino Unido, só 22% das pessoas que testaram positivo relataram ter sintomas

Um novo estudo acaba de revelar que, no Reino Unido, apenas 22% dos casos positivos tinha sintomas da covid-19 no dia em que fizeram o teste. Um estudo do Office for National Statistics (ONS) britânico, divulgado …

Administração Trump notifica formalmente o Congresso sobre saída da OMS

O Governo norte-americano informou esta terça-feira o Congresso sobre a sua saída forma da Organização Mundial da Saúde (OMS). A Administração Trump já notificou formalmente o Congresso norte-americano de que os Estados Unidos vão sair da …

“Não vou ser infetado e propagar a covid-19”. Burundi anuncia triagem maciça da população

O Governo do Burundi começou esta segunda-feira uma campanha de triagem maciça da covid-19, decisão que demonstra uma alteração das políticas implementadas pelo novo Presidente do país no sentido de combater mais assertivamente a propagação …

Despedida de Centeno e estreia de Leão. Eurogrupo elege presidente na quinta-feira

A eleição para a presidência do Eurogrupo, na quinta-feira, será a última reunião presidida por Mário Centeno e a estreia europeia de João Leão como ministro das Finanças. A eleição para a presidência do Eurogrupo é …

Governo está a preparar um programa específico de apoio ao Algarve

O Algarve terá um programa específico de apoio, que já está a ser preparado pelo Governo, avançou o ministro da Economia esta terça-feira. O ministro da Economia disse, esta terça-feira, que o Governo está a preparar …

OMS admite transmissão pelo ar e pede que se evitem espaços fechados

Depois do alerta de 239 especialistas, a Organização Mundial de Saúde diz que há novas provas de que o novo coronavírus se transmite pelo ar. A Organização Mundial de Saúde (OMS) admitiu, esta terça-feira, haver novas …