Governo admite lei para aplicar o “direito a desligar” do trabalho

partidosocialista / Flickr

O ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social, José António Vieira da Silva

O ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social, José António Vieira da Silva

Em França, vigora, desde o início do ano, uma Lei que permite aos trabalhadores “o direito a desligar” o email e o telemóvel profissionais após o horário de trabalho. Espanha equaciona fazer o mesmo e o governo português admite que o tema pode ser discutido na Concertação Social.

“O direito à desconexão por parte dos trabalhadores faz parte de matéria mais vasta da organização do tempo de trabalho que deve efectivamente ter na negociação colectiva a sua sede mais eficiente”, destaca fonte do Ministério do Trabalho e da Segurança Social em declarações ao jornal Público.

“Faz sentido que sejam as empresas a negociar com os trabalhadores os precisos termos daquele direito de “desligar” do trabalho e as formas mais adequadas de reduzir a intrusão do trabalho nas suas vidas privadas”, acrescenta o ministério, atirando para o cenário da Concertação Social a possibilidade de vir a adaptar esta lei que entrou em vigor em França.

Espanha também prepara a aplicação do “direito a desligar” do trabalho, segundo sublinha o Público.

Em Portugal, a ideia só avançará caso empresas e sindicatos cheguem a acordo. Certo é que, para já, o governo português não prevê efectuar qualquer alteração ao Código do Trabalho nesse sentido.

Até porque este já prevê que, “em especial o período de férias não pode ser violado, o trabalhador não tem qualquer obrigação em manter-se ligado por meios remotos ao trabalho, logo não poderá ser penalizado”, sustenta a mesma nota do Ministério.

ZAP //

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. Também deve ser contemplado o Dever de desligar o mail, o telemóvel e facebook por partes dos trabalhadores. Passam hooooooras a serem absolutamente inúteis a quem lhes paga.

    • Se há efetivamente trabalho funcionário nenhum fica nestes aplicativos, mas não pode ser considerado trabalho a obrigação de achacar para conseguir clientes.

  2. Por exemplo a “classe criativa”nao consegue desligar e o seu cérebro está permanentemente a funcionar mesmo quando está a comer ou a ter outra actividade…

    Com vai ser vai cortar a corrente?

  3. Claro que sim, já peca por tardia… mas infelizmente o Tuga arranja sempre forma de contornar os obstáculo, e este será mais um (bem sucedido)!

  4. Eu tenho que concordar como ser humano que todos temos que ter o nosso espaço. A Família é importante, os Amigos são muito importantes, etc
    Mas, caros Amigos, o Mundo “mudasti”, há já muitos anos-luz
    Como é que é? Somos ingénuos?
    Ê preciso fazer um desenho?
    Isto perece conversa dos distraídos do Bloco e do Pc, que ainda pensam que nós os trabalhadores só temos direitos. Até o direito de ganhar 600 euros de salário mínimo.
    Mas aquele que se atrever a querer ganhar mais, porque merece e faz por isso, Vai ter o direito de se reduzir ao desemprego porque afinal o Ser Humano é ambicioso.
    Por Favor… poupem-me ao esforço mental

  5. Devia ser o Governo a legislar porque já se sabe que o patronato manda mais que o Sindicato.
    Mas tem remédio. Não estando em horário laboral é uma questão de desligar o mail e o telemóvel. Isto para quem tem telemóveis oferecidos pela empresa porque os que têm o telemóvel pessoal não têm obrigação de o atender fora de serviço. Digam que não têm telemóvel e/ou mail. Simples. Era só o que faltava!

  6. Na Alemanha também já foi aplicada esta lei. Os patrões estão proibidos de contactar os funcionários depois do horário de trabalho.

  7. Alguma vez este Ministro vai prejudicar os patrões? Jamais? Basta atentarmos nas benesses que lhes foi dada aquando do aumento do SMN…baixaram a TSU. Que maravilha! E com a Lei Laboral em vigor que mais não é que uma lei de despedimentos fáceis…O trabalhador não é senão um pau mandado mas cada qual tem o que merece. Vão a manifestações de futebol mas às que são importantes, como estes casos, poucos aparecem.

  8. Numa economia avançada não há patrões e trabalhadores apenas líder e companheiros de trabalho a equipa a trabalhar para o bem comum

  9. Desde que, e ao contrário das leis actuais, as consigam fiscalizar e fazer cumprir em tempo util… Seria bom de ver.
    Mas como em quase tudo sairá mais uma lei, cheia de exepções, e para não cumprir. Daquelas “para inglês ver”!

Liverpool vence Manchester United e vê o título cada vez mais perto

O Liverpool continua imparável na rota do título de campeão que lhe foge há três décadas, depois de ter vencido por 2-0 na receção ao Manchester United, este domingo, em jogo da 23.ª jornada da …

Novo mapa das freguesias na gaveta do Governo há dois anos

A ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão, voltou a garantir, na passada sexta-feira, que o Governo quer reverter a fusão de algumas das 1168 freguesias que se extinguiram em 2013. …

Juventus reforça liderança em Itália com bis de Ronaldo

Dois golos de Cristiano Ronaldo deram a vitória à Juventus, este domingo, na receção ao Parma (2-1), na 20.ª jornada da Liga italiana, com os campeões em título a reforçarem a liderança no campeonato. Frente à …

Salvini tem trunfo na manga para pedir novamente eleições antecipadas

Uma vitória da Liga nas eleições regionais de Emilia Romagna pode dar a Matteo Salvini o pretexto para exigir eleições antecipadas em Itália. Matteo Salvini continua de olhos postos no cargo de primeiro-ministro e pode voltar …

Trocar garrafas de plástico por descontos só será possível em março

O projeto-piloto para o depósito de garrafas de plástico a troco de talões de desconto nos supermercados estava previsto arrancar em janeiro. Porém, o atraso em desbloquear fundos de financiamento pode empurrar o arranque para …

Depressão Glória. Quedas de árvores, falhas de eletricidade e um ferido grave

A depressão Glória já provocou várias quedas de árvores, falhas na eletricidade e um ferido grave. Coimbra, Viseu e Castelo Branco são os distritos mais afetados. "O concelho mais afetado, neste momento, é Coimbra", afirmou o …

Ministério Público contratou ex-agente da PJ para analisar contas da Operação Tutti Frutti

As contas do caso Tutti-Frutti foram entregues a Edígio Cardoso, antigo diretor da Unidade de Perícia Financeira e Contabilística (UPFC) da Polícia Judiciária, reformado há mais de um ano. A investigação do caso Tutti-Frutti iniciou-se em …

Reconstruções em Pedrógão. Gulbenkian exige indemnização de meio milhão por suspeita de ilegalidades

A Fundação Calouste Gulbenkian exige uma indemnização de meio milhão de euros por ilegalidades na reconstrução de casas de Pedrógão. Estão em causa cinco habitações. A fundação Calouste Gulbenkian exige uma indemnização de meio milhão de …

Austrália. Depois dos incêndios, chega o granizo (e já está a provocar estragos)

A Austrália está a recuperar dos enormes incêndios dos últimos meses. No entanto, a costa oriental do país debate-se agora com chuvas intensas que tem provocado inúmeras inundações. As fortes chuvas que caíram esta segunda-feira proporcionaram …

Taxa sobre produtos poluentes rendeu 200 milhões em dois anos

A taxa aplicada sobre produtos poluentes - plástico, cartão, embalagens de vidro, entre outros -, rendeu ao Estado português 199,6 milhões de euros em dois anos, avança o Jornal de Notícias esta segunda-feira. O valor, arrecadado …