CDU saúda “grande derrota” da coligação e perda de governabilidade

Tiago Petinga / Lusa

O secretário-geral do Partido Comunista Português (PCP) e líder da CDU, Jerónimo de Sousa

A CDU revelou-se satisfeita com a suposta perda de maioria absoluta da coligação Portugal à Frente (PSD/CDS-PP), desvalorizando o facto de surgir nas sondagens atrás do Bloco de Esquerda, na sua sede de candidatura, em Lisboa.

“Valeu a pena a luta do nosso povo, dos trabalhadores, da juventude, dos reformados que deixaram bem clara uma derrota eleitoral da coligação PSD/CDS que, independentemente das projeções, perderá a sua maioria absoluta”, disse o membro da comissão política do comité central do PCP Paulo Raimundo.

Relativamente ao facto de o BE poder vir a crescer em termos de votação, o responsável comunista limitou-se a frisar as “possibilidades reais de progressão do resultado eleitoral da CDU”.

Confrontado pela Agência Lusa com o facto de os partidos do executivo poderem ganhar o ato eleitoral e isso significar o triunfo daquilo a que os elementos da coligação que junta PCP e “Os Verdes” designam por “política de direita, Paulo Raimundo salientou a limitação do “espaço” de Passos Coelho e Paulo Portas.

“Eles ficam com menos espaço para continuarem, sem maioria absoluta. Sozinhos não têm condições para o fazer e é preciso alguém para o fazer. É preciso alguém que lhe dê esse auxílio e, da nossa parte, não o terão. Não podem fazê-lo sozinhos e, portanto, dificulta-os”, afirmou.

PSD/CDS perderam governabilidade – a não ser que “haja entorse”

O membro do comité central do PCP, Francisco Lopes, afirma que os resultados eleitorais significam uma grande derrota da coligação governamental por ir perder a maioria absoluta.

Em declaração na sede da candidatura, no centro de trabalho comunista Vitória, em Lisboa, o dirigente deu também pouca importância ao facto de o Bloco de Esquerda poder vir a ultrapassar a CDU em votação e em mandatos.

No espaço do centro de trabalho Vitória, gritou-se “CDU”, na altura das projeções, mas o estado de espírito geral é de pouca ou nenhuma animação.

Jerónimo destaca forte castigo a PSD/CDS e diz que PS tem condições para governar

O líder da CDU, Jerónimo de Sousa, sublinhou hoje que a homóloga Portugal à Frente (PSD/CDS-PP) foi “fortemente” castigada pelo povo português nas eleições e defendeu que o PS tem condições para formar Governo.

“O resultado de PSD e CDS, independentemente de ter sido a coligação mais votada, expressa uma clara condenação face aos quatro anos de governo”, afirmou Jerónimo de Sousa, na sede da candidatura, em Lisboa, enaltecendo a “luta e o combate trabalhadores, do povo e da CDU”.

“Seria intolerável que o Presidente da República quisesse dar posse ao Governo contra a vontade do povo português”, disse Jerónimo de Sousa.

O líder da CDU diz-se disponível para deixar passar um orçamento do PS, ainda que ache que “são os conteúdos desse orçamento que determinarão a posição do grupo parlamentar do PCP”.

/Lusa

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. o PCP vai resistindo e caindo até ao estertor final, sem conseguir ver o que lhe está a acontecer. O Jerónimo de Sousa atingiu o limite de Peter, façam-lhe o favor de o mandar gozar a reforma e arranjem alguém que pelo menos consiga pensar um bocadinho fora da caixa

  2. Nunca perdem, aliás ganham sempre. Desta vez foram eles que “evitaram a maioria absoluta” da coligação!
    Observo e interrogo-me pela presença de tantos ‘netos’ no décor… Entretanto
    o partido das “angélicas” (actrizes da ribalta), anti euro, tratado orçamental, anti nato, anti união europeia, a favor da nacionalização de tudo e mais qualquer coisa, consegue arrebanhar meio milhão de votos!!!

  3. Para os camaradas os outros são sempre os derrotados e eles sempre vitoriosos.
    Para eles 80 e tal por cento dos votantes são a reacção e os que votaram no PCP são o Povo!!!! Ditadores disfarçados de democratas até que um dia consigam o poder!!!

  4. Só posso dizer uma coisa, se calhar se fizesse como o BE que pôs alguém novo a frente do partido talvez tivesse melhores resultados, e antes de mais e que chocalhem não não sou do ps nem do psd

  5. Esta comunada que vão caindo aos poucos procuram sempre encobrir a sua desgraça com as vitórias ainda que mais pequenas dos outros e note-se que estes partiditos de extrema-esquerda arranjam sempre argumentos para com poucos votos ganharem sempre.

  6. Quando ontem ouvi as declarações do Jerónimo pensei que o PCP tinha ganho as eleições. Afinal já só é a quarta ou quinta força política. É sempre a descer, camarada! De vitória virtual em vitória virtual até ao descalabro total.

Responder a joao Cancelar resposta

"Huawei das infraestruturas" compra 23% da Mota-Engil por 169,4 milhões

A construtora portuguesa Mota-Engil anuncia que chegou a acordo com a chinesa Communications Construction Company (CCCC) para a venda de 23% das suas acções por 169,4 milhões de euros. A CCCC é considerada a "Huawei …

PSD confiante num plano de vacinação "a tempo e horas". CDS diz que se anda a "correr atrás do prejuízo"

O presidente do PSD considerou que o plano de vacinação para a covid-19 vai ser "polémico", mas disse acreditar que o Governo vai conseguir concluí-lo "a tempo e horas". Já o presidente do CDS-PP pediu …

Altice escreve a Costa a criticar leilão do 5G (e a informar sobre suspensão de projeto)

Os acionistas do grupo Altice Patrick Drahi (presidente) e Armando Pereira escreveram ao primeiro-ministro a criticar as regras do leilão do 5G, informando que, perante o atual panorama regulatório, veem-se forçados a suspender projetos. "Lamentamos que, …

Anulação de transferência para o Novo Banco foi um "percalço"

O presidente executivo do Novo Banco, António Ramalho, considerou hoje que a anulação, pelo parlamento, da transferência de 476 milhões de euros do Fundo de Resolução para o banco foi um "percalço". "O percalço que aconteceu …

Videojogos podem estar a ser usados para espalhar ideologia extremista e preparar ataques

Os videojogos 'online' podem estar a ser usados ​​para propagar ideologias extremistas e para preparar ataques terroristas, afirmou o coordenador antiterrorista da União Europeia (UE), Gilles de Kerchove. A 09 de novembro, Gilles de Kerchove já …

Ex-ministro grego Yanis Varoufakis pede boicote à "black friday" da Amazon

O economista e ex-ministro das Finanças grego Yanis Varoufakis pediu um boicote de um dia à Amazon, na 'black friday', enquanto sindicalistas, ativistas ambientais, defensores da privacidade e da justiça tributária planeiam ações coordenadas contra …

Bolsonaro nega ter chamado covid-19 de "gripezinha", mas fê-lo pelo menos duas vezes

O Presidente brasileiro negou na quinta-feira ter-se referido à covid-19 como "gripezinha", afirmando que não há nenhum registo que prove o oposto, apesar de a imprensa ter partilhado pelo menos dois vídeos com esse conteúdo. "Falei …

Cuba anuncia mais duas vacinas e já conta com quatro possíveis fármacos contra a covid-19

Cuba anunciou esta quinta-feira que vai começar os ensaios clínicos de dois projetos de vacinas contra a covid-19, que aumentam para quatro o número de possíveis fármacos deste tipo desenvolvidos na ilha para combater a …

Governo garante que não haverá limite de idade na vacinação. Marcelo fala em "ideia tonta"

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde garantiu, esta sexta-feira, que a vacinação para a covid-19 não terá qualquer limite de idade e que os idosos e doentes com comorbilidades serão uma prioridade. Numa conferência …

Descontos nas ex-SCUT poupam privados, mas é o Estado quem sai lesado

Os descontos nas ex-SCUT, aprovados em Parlamento esta quinta-feira, poupam os privados, mas geram perdas de 1.500 milhões de euros para o Estado. Uma maioria de deputados ditou a aprovação da parte de uma proposta do …