Joe Biden acusa Governo dos EUA de “abusar dos seus poderes”

patquinnforillinois / Flickr

O candidato presidencial democrata, Joe Biden, disse esta quarta-feira que “aqueles encarregados de fazer cumprir a lei estão a abusar dos seus poderes”, referindo-se ao governo do republicano Donald Trump.

Numa videoconferência para os finalistas de curso de Direito da Universidade de Colúmbia, Biden pediu aos futuros juristas para “protegerem os fundamentos da democracia”, insinuando que eles estão ameaçados pelo atual governo norte-americano.

“Confiem na autogovernança, porque ela está sob ataque”, disse o candidato democrata à Casa Branca.

“As mesmas pessoas que estão encarregadas de fazer cumprir o Estado de direito estão a abusar dos seus poderes, protegendo os seus amigos, enfraquecendo os princípios que fazem o nosso país funcionar”, acusou Biden.

Os comentários do ex-vice-Presidente e candidato democrata acontecem quando crescem teorias da conspiração sobre o comportamento inadequado de Barack Obama no processo que envolve a interferência russa nas eleições presidenciais de 2016.

“Não quero descer à lama com essas pessoas”, disse Biden, na terça-feira, quando lhe foi pedido que respondesse às insinuações de que Obama teria compactuado com a interferência russa nessas eleições.

Biden afirmou que Trump quer distrair a atenção das pessoas, no que considera ser uma má gestão do combate à pandemia de covid-19, que já matou quase cem mil pessoas nos Estados Unidos.

“Esse é o padrão: diversão, diversão, diversão“, declarou Biden, na terça-feira, referindo-se às manobras da Casa Branca para retirar a atenção pública das falhas na estratégia governamental para conter a propagação do novo coronavírus.

Esta quarta-feira, um comité do senado liderado pelo republicano Ron Johnson vai votar a possibilidade de iniciar uma investigação sobre o comportamento de Hunter Biden, filho do candidato Joe Biden, junto de uma empresa ucraniana, que esteve na base do processo de impeachment contra Donald Trump, no início do ano.

Os democratas consideram que Trump está a usar a maioria republicana no senado para fazer guerrilha política contra Biden e Obama, tentando envolvê-los em processos judiciais sem grande sustentação, apenas para tentar denegrir a sua imagem, em ano eleitoral.

“As pessoas conhecem-me”, respondeu Joe Biden, referindo-se ao que considera ser o prestígio de que goza junto do eleitorado e que lhe permitirá defender-se das insinuações e dos processos levantados pelos republicanos.

Joe Biden é o candidato do Partido Democrata às presidenciais e já reuniu o apoio de personalidades relevantes no meio democrata como, por exemplo, de Barack Obama, Hillary Clinton, Nancy Pelosi e dos ex-candidatos Bernie Sanders, Elizabeth Warren e Michael Bloomberg.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

RESPONDER

É a quantidade de alimento que determina quem se torna a abelha-rainha

Um novo estudo sugere que é a quantidade de alimento, e não a sua qualidade, como se pensava até agora, que determina quem se torna a abelha-rainha. Quais são os fatores que determinam qual é a …

Em Miami e Nova Iorque, os polícias ajoelharam-se por George Floyd

Em Miami e em Nova Iorque, alguns agentes da autoridade juntaram-se aos manifestantes por breves momentos, para mostrar o seu respeito pela memória de George Floyd. Nos Estados Unidos, os protestos pela morte de George Floyd …

A Nova Zelândia está em cima de uma enorme bolha de lava

A Nova Zelândia situa-se no topo dos restos de uma pluma vulcânica gigante. Este processo é o responsável pela atividade vulcânica e desempenha um papel fundamental no funcionamento do nosso planeta. Nos anos 70, vários cientistas …

Petição busca estatuto de vítima para crianças em contexto de violência doméstica

Uma petição lançada na sexta-feria que reivindica a criação do estatuto de vítima para as crianças que vivem em contexto familiar de violência doméstica já foi assinada por mais de 1300 pessoas, entre elas personalidades …

Assimétrica e flutuante. A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai "nascer" em 48 horas

A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai estar pronta no próximo mês para demonstrar a velocidade e a eficácia de uma técnica de construção que será sete vezes mais rápida e terá …

Anonymous garantem que princesa Diana foi assassinada para abafar caso Epstein

O movimento internacional de ciberativistas Anonymous - ou alguém que alega operar em seu nome - garante que a princesa Diana, que morreu num acidente de viação em agosto de 1997, foi, na verdade, assassinada …

Empresa de mineração pede desculpa por destruir cavernas sagradas aborígenes

A empresa mineira Rio Tinto admitiu que destruiu as cavernas pré-históricas que eram locais de culto para os aborígenes australianos e pediu desculpa. As cavernas de pedra Juukan Gorge 1 e 2 – dois locais de …

Itália exige "respeito": vai abrir fronteiras, mas excluir países que impõem restrições a italianos

Apesar de acredita "no espírito europeu", o ministro dos Negócios Estrangeiros italiano sublinhou que o país está pronto "para fechar as fronteiras" àqueles que não o respeitem. A Itália vai abrir as suas fronteiras internacionais a …

As Forças Armadas sul-africanas não estavam preparadas para um inimigo invisível

A Força de Defesa Nacional da África do Sul não está preparada para combater uma pandemia silenciosa como a da covid-19. Este "inimigo invisível" veio trazer à tona as fragilidades do país. As Forças Armadas da …

Putin convoca referendo sobre alterações constitucionais para 1 de julho

A aprovação da reforma constitucional permitirá ao atual Presidente da Rússia, Vladimir Putin, cumprir mais dois mandatos suplementares a partir de 2024. Vladimir Putin anunciou a data de 1 de julho para o referendo nacional de …