Sócrates quer 50 mil euros pela demora no processo da Operação Marquês

Fernando Veludo / Lusa

José Sócrates quer uma indemnização de 50 mil euros do Estado pela demora em tomar uma decisão durante a fase de instrução do processo da Operação Marquês.

O antigo primeiro-ministro José Sócrates é um dos arguidos da Operação Marquês, tendo sido investigado durante anos, sem que o Ministério Público tomasse uma decisão final. Por aquilo que entende ser um “mau funcionamento da administração da justiça”, Sócrates pede ao Estado uma indemnização na ordem dos 50 mil euros.

A ação do ex-primeiro-ministro deu entrada no Tribunal Administrativo de Lisboa no dia 6 de fevereiro de 2017, mas só recentemente esteve disponível para consulta. A notícia é avançada esta quinta-feira pela revista Sábado. Está agora marcada para abril uma audiência preliminar.

José Sócrates é acusado de 31 crimes de corrupção passiva, branqueamento de capitais, falsificação de documento e fraude fiscal qualificada. Na altura em que a ação entrou em tribunal, Sócrates ainda não tinha sido formalmente acusado pelo Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), o que só viria a acontecer oito meses depois.

O principal arguido da Operação Marquês esteve em prisão preventiva durante seis meses e a sua equipa legal defende que a demora na investigação retirou-lhe o direito à “paz jurídica”, tendo ficado associado a crimes “especialmente desonrosos e gravíssimos”.

A equipa de defesa de José Sócrates argumenta que terminados os prazos previstos na lei para a fase de inquérito, o Ministério Público era obrigado a arquivar o caso ou submeter uma acusação.

A procuradora-geral adjunta do Supremo Tribunal de Justiça, Maria Ramalho Galego, está encarregue de defender o Estado nesta ação movida por Sócrates. Como defesa legal, sustenta-se num parecer de Cláudia Santos, professora de Direito na Faculdade de Direito de Coimbra.

“No fundo, o que inapagavelmente subjaz à ideia de que se pode investigar sem prazo é a convicção de que o arguido é culpado: ainda não se encontraram indícios bastantes da sua culpa, mas com mais tempo encontrar-se-ão“, lê-se no parecer, citado pela Sábado.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Só 50K euros? Até foi meiguinho…. Culpado ou não é já abuso o tempo que levam a decidir se existe ou não matéria para o processar. Enquanto isso o animal tem a vida congelada para o resto da vida?

  2. Congelada onde? Continua a ter vida de Lord á custa de todos os portugueses. Só não vai p/ onde quer, que pôr-se a andar de Portugal. Ele e os seus lacaios é que estão a emperrar que assumam as ladroagens que fizeram e processo já estava mais que encerrado.

    • Sabes que quando falei congelada falei na carreira politica? Como ele a muitos casos em que as pessoas ficaram sem emprego, sem familia e no fim declaram inocente…. não quero dizer que seja o caso dele. Já agora recomendo um chá de camomila que andas muito stress acumulado. Queres dizer que o tipo não tem direito a um julgamento justo ou pensas que só tu é que tens esse direito?

  3. Tendo em conta que ele foi PM (e portanto, “chefe” do Estado) durante anos, também deverá ser responsabilizado e processado pelos atrasos/problemas do Estado!!

    • Era um começo mas temos um problema. A separação de poderes que garante que um politico não possa “meter” as mãos e manipular a justiça como acontece em países em que são governados por um unico partido. Mas a ideia não era mal recebida por quem manda na justiça de verdade.

  4. Bem…….. Ele tem razão num ponto .. a cronica e talvez voluntária lentidão da Justiça !….. São “Mega Processos” diz inocentemente a Ministra da Justiça !

Há 1.400 anos, uma estranha luz vermelha apareceu no Japão (e já sabemos o que era)

O registo mais antigo de um fenómeno astronómico observado no Japão deixou uma marca importante na história japonesa e na literatura clássica. O fenómeno data de 30 de dezembro de 620 e há séculos que …

Cientistas convertem água em combustível solar

Uma equipa de investigadores britânicos usou uma metodologia única que permite transformar água em combustível solar, que pode ser uma solução para energia renovável. Esta metodologia única utilizada por uma equipa de cientistas da Universidade de …

"Em Casa d’Amália": RTP comemora cententário da fadista

A Fundação Amália Rodrigues junta-se à RTP para assinalar o centenário da fadista. O programa Em Casa d’Amália tem estreia marcada para a próxima sexta-feira (10) e reúne várias figuras da música portuguesa da atualidade. O …

Desapareceram 21 milhões de números de telefone na China. Mas o mistério foi resolvido

O porta-voz de uma das três maiores operadoras chinesas confirmou o desaparecimento dos utilizadores, mas deu uma explicação para este mistério. Nos últimos dias, surgiram vários relatos de notícias que davam conta de que, entre janeiro …

Mercadona doa 20 mil quilos de chocolate aos profissionais de saúde e aos mais carenciados

A Mercadona anunciou, esta quarta-feira, a doação de 20 mil quilos de chocolate ao Banco Alimentar Contra a Fome do Porto. O objetivo é proporcionar uma Páscoa mais doce aos mais carenciados e aos que …

"Paciente 1" em Itália recupera (e dá as boas-vindas a Giulia, a sua filha recém-nascida)

Giulia, a filha recém-nascida do "paciente 1" de Itália, veio para trazer alguma esperança ao país, em plena pandemia de covid-19. Mattia, de 38 anos, foi internado no dia 20 de fevereiro no hospital de Codogno, …

Investigadores transformaram o coronavírus em música (e já o podemos ouvir)

Uma equipa de investigadores do Instituto de Tecnologia de Massachussets (MIT) conseguiu transformar em som a estrutura da proteína spike, que permite que o novo coronavírus adira às células para infetá-las. Até agora, já pudemos ver …

Autoeuropa quer recorrer ao lay-off (e retomar produção a 20 de abril)

A administração da Autoeuropa quer promover um regresso gradual ao trabalho a partir de 20 de abril, pretendendo recorrer ao lay-off simplificado para os trabalhadores que não regressem ao trabalho nessa data. “O regresso ao trabalho …

Ex-mulher de astronauta acusada de mentir sobre o "primeiro crime espacial"

A ex-mulher da astronauta da NASA Anne McClain, Summer Worden, foi acusada formalmente de mentir sobre o "crime espacial" que McClain terá cometido. Em agosto de 2019, o jornal norte-americano The New York Times noticiou que …

Em Singapura, os parques de estacionamento são agora quintas urbanas

A pandemia de covid-19 está a obrigar alguns países a adaptarem-se. É o caso de Singapura, que está a transformar os parques de estacionamento em quintas urbanas para aumentar a produção alimentar. Só 1% do território …