Salgado revela que Zeinal Bava recebeu 8 milhões do “saco azul” do Panamá

(dr) telecom.pt

Zeinal Bava, ex-presidente da PT e da Oi

Ricardo Salgado, ex-presidente do BES, terá revelado aos investigadores do Ministério Público que Zeinal Bava, ex-presidente da Portugal Telecom e da Oi, terá recebido cerca de oito milhões de euros do “saco azul” do Grupo Espírito Santo.

Fusão PT-Oi

O ex-banqueiro terá revelado estas informações no âmbito dos interrogatórios do processo Monte Branco, conforme avança o Correio da Manhã, notando que estas supostas “luvas” terão sido pagas, em Julho de 2014, como “um prémio de gestão” a Zeinal Bava.

O valor terá sido uma gratificação pessoal concedida ao então presidente executivo da Portugal Telecom, agora chamada Pharol, pelo impulso que deu à concretização do negócio de compra da brasileira Oi, onde foi também presidente executivo.

Zeinal Bava negou sempre ter recebido qualquer bónus ou prémio deste tipo.

Estes alegados oito milhões terão sido pagos através da offshore ES Enterprises, baseada no Panamá e considerada o “saco azul” do Grupo Espírito Santo (GES). Através desta sociedade, o GES terá feito pagamentos por baixo da mesa da ordem dos 300 milhões de euros a diversos políticos, empresários e jornalistas.

Zeinal Bava era o presidente executivo da PT quando a empresa investiu cerca de 900 milhões de euros em títulos de dívida de curto prazo na RioForte, holding do GES, numa altura em que o grupo já vivia uma situação financeira difícil.

No Parlamento, em comissão de inquérito, Zeinal Bava garantiu que nunca soube de nada sobre este investimento ruinoso.

Os 900 milhões caíram no GES como uma confortável almofada que ajudou a adiar o colapso, embora não o evitando, nomeadamente com a queda do BES, que era o maior accionista da PT, com cerca de 10% do capital.

A Pharol avançou com um processo contra Zeinal Bava e contra outros ex-administradores da outrora PT, imputando-lhes responsabilidades directas pelos prejuízos que o investimento na Rio Forte causou à empresa.

ZAP

PARTILHAR

12 COMENTÁRIOS

  1. Leia-se 300 milhões de euros a diversos políticos, empresários e jornalistas.
    Como pode andar o Pais para a frente se o próprio jornalismo os esconde, já nem se pode dizer País de vígaros pois não a nome para o que fazem hoje em dia

  2. ATÈ QUANDO VAMOS SER OS ETERNOS LORPAS? Vamos continuar a permitir que todos que metem a mão no dinheiro dos portugueses fiquem a rir-se e nada se faz? CHEGA. Isto é democracia? Então não a queremos. Esta democracia é só p/ politicos, governantes, Banqueiros e jornalistas p/ os manter calados…

  3. Este Zeinal Bava depois de ter recebido este saco azul de 8.000.000,00€, ainda o foi indemnizado pela PT em 5.400.000,00€ por ser o incompetente e trafulha que é!

  4. Esta “democracia” assim não serve!!!
    País de partidarites, tachos e cleptocratas, nunca há culpados, os casos prescrevem ou nunca são condenados (e quando são é a meia dúzia de anos, se tanto).
    São os lobbies e os maçónicos que mandam nisto, e o resto é conversa.

  5. o Zeinal já pagou o IRS dessa massa toda que recebeu? é bom que pague porque se não a máquina fiscal está a falhar muito mesmo.

RESPONDER

Elon Musk doou 1.000 ventiladores a hospitais (mas eram do tipo errado)

Nos últimos dias, Elon Musk, CEO da Tesla, recebeu muitos elogios por ter doado mil ventiladores a hospitais da Califórnia, que enfrentam um número esmagador de casos de coronavírus. Porém, os ventiladores não eram do …

Coronavírus pode replicar-se na boca e nariz durante uma semana antes de infetar pulmões

O coronavírus pode permanecer e replicar-se na boca e no nariz durante uma semana antes de infetar aos pulmões, à traqueia e aos brônquios, revela um estudo, que mostra igualmente que é expulso do organismo …

PSP vai utilizar câmaras portáteis em drones no estado de emergência

A PSP vai utilizar 20 câmaras portáteis de videovigilância, 18 das quais vão ser instaladas em ‘drones’, durante o estado de emergência devido à pandemia de covid-19, anunciou esta quinta-feira o Ministério da Administração Interna …

Em Nova Iorque, prisioneiros são usados para cavar valas comuns

Nova Iorque está a oferecer seis dólares por hora e material de proteção individual aos prisioneiros de Rikers Island que aceitem ajudar a cavar valas comuns. Projeções da Fundação Gates apontam que, em Nova Iorque, o …

EUA estará a pagar para desviar carregamentos de máscaras adquiridas por França

As autoridades francesas estão a acusar os Estados Unidos de terem pago para desviar um carregamento de máscaras faciais oriundo da China. Este episódio é apenas mais um na saga sobre a escassez de máscaras de …

Cerca de 1200 reclusos podem vir a ser libertados

Cerca de 1200 reclusos podem vir a ser libertados antecipadamente para prevenir a propagação da pandemia de covid-19 no meio prisional, revelou esta quinta-feira a ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, em declarações à RTP3. A …

OMS e EUA ponderam alargar recomendação para uso de máscaras

A Organização Mundial de Saúde (OMS) vai reavaliar as suas recomendações sobre o uso de máscaras para prevenir a contaminação com covid-19, disse esta quinta-feira o presidente do grupo de especialistas que vai discutir o …

Covid-19. Mais de 95% das vítimas mortais na Europa tinham mais de 60 anos

O diretor regional para a Europa da Organização Mundial de Saúde (OMS), Hans Kluge, revelou esta quinta-fera que mais de 95% das vítimas mortais da covid-19 na Europa têm mais de 60 anos de idade. Em …

Curva portuguesa mostra abrandamento de novos casos (mas é preciso "cautela")

Portugal tem assistido desde o dia 25 de março a um abrandamento do aumento percentual diário de novos casos de covid-19, segundo dados divulgados pelo Barómetro Covid-19 da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP). Segundo Carla …

"Ganhámos a primeira batalha". Presidente renova estado de emergência

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, anunciou oficialmente a renovação do estado de emergência nesta quinta-feira por mais quinze dias, prolongando-se este estado de exceção até 17 de abril. Numa mensagem ao país a …