//

Salgado revela que Zeinal Bava recebeu 8 milhões do “saco azul” do Panamá

12

(dr) telecom.pt

Zeinal Bava, ex-presidente da PT e da Oi

Ricardo Salgado, ex-presidente do BES, terá revelado aos investigadores do Ministério Público que Zeinal Bava, ex-presidente da Portugal Telecom e da Oi, terá recebido cerca de oito milhões de euros do “saco azul” do Grupo Espírito Santo.

O ex-banqueiro terá revelado estas informações no âmbito dos interrogatórios do processo Monte Branco, conforme avança o Correio da Manhã, notando que estas supostas “luvas” terão sido pagas, em Julho de 2014, como “um prémio de gestão” a Zeinal Bava.

O valor terá sido uma gratificação pessoal concedida ao então presidente executivo da Portugal Telecom, agora chamada Pharol, pelo impulso que deu à concretização do negócio de compra da brasileira Oi, onde foi também presidente executivo.

Zeinal Bava negou sempre ter recebido qualquer bónus ou prémio deste tipo.

Estes alegados oito milhões terão sido pagos através da offshore ES Enterprises, baseada no Panamá e considerada o “saco azul” do Grupo Espírito Santo (GES). Através desta sociedade, o GES terá feito pagamentos por baixo da mesa da ordem dos 300 milhões de euros a diversos políticos, empresários e jornalistas.

Zeinal Bava era o presidente executivo da PT quando a empresa investiu cerca de 900 milhões de euros em títulos de dívida de curto prazo na RioForte, holding do GES, numa altura em que o grupo já vivia uma situação financeira difícil.

No Parlamento, em comissão de inquérito, Zeinal Bava garantiu que nunca soube de nada sobre este investimento ruinoso.

Os 900 milhões caíram no GES como uma confortável almofada que ajudou a adiar o colapso, embora não o evitando, nomeadamente com a queda do BES, que era o maior accionista da PT, com cerca de 10% do capital.

A Pharol avançou com um processo contra Zeinal Bava e contra outros ex-administradores da outrora PT, imputando-lhes responsabilidades directas pelos prejuízos que o investimento na Rio Forte causou à empresa.

ZAP

Fusão PT-Oi

12 Comments

  1. Leia-se 300 milhões de euros a diversos políticos, empresários e jornalistas.
    Como pode andar o Pais para a frente se o próprio jornalismo os esconde, já nem se pode dizer País de vígaros pois não a nome para o que fazem hoje em dia

  2. ATÈ QUANDO VAMOS SER OS ETERNOS LORPAS? Vamos continuar a permitir que todos que metem a mão no dinheiro dos portugueses fiquem a rir-se e nada se faz? CHEGA. Isto é democracia? Então não a queremos. Esta democracia é só p/ politicos, governantes, Banqueiros e jornalistas p/ os manter calados…

  3. Este Zeinal Bava depois de ter recebido este saco azul de 8.000.000,00€, ainda o foi indemnizado pela PT em 5.400.000,00€ por ser o incompetente e trafulha que é!

  4. Esta “democracia” assim não serve!!!
    País de partidarites, tachos e cleptocratas, nunca há culpados, os casos prescrevem ou nunca são condenados (e quando são é a meia dúzia de anos, se tanto).
    São os lobbies e os maçónicos que mandam nisto, e o resto é conversa.

  5. o Zeinal já pagou o IRS dessa massa toda que recebeu? é bom que pague porque se não a máquina fiscal está a falhar muito mesmo.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.