Sócrates diz que novas buscas são pretexto para adiar fim do inquérito

José Coelho / Lusa

-

A defesa de José Sócrates declarou esta quinta-feira que as novas investigações do Ministério Público dizem respeito a factos com que o arguido não foi confrontado, como pretexto para o alargamento do prazo para o encerramento do inquérito.

O Ministério Público realizou esta quinta-feira buscas em duas instituições bancárias no âmbito da Operação Marquês, para recolher elementos de prova relativos a “serviços prestados pela Caixa BI e pelo antigo BESI (atual Haitong) a um cliente”.

Num comunicado divulgado ontem à noite, os advogados de Sócrates, João Araújo e Pedro Delille, afirmam que “as investigações agora alardeadas, em torno de negócios da Portugal Telecom, se disserem respeito a factos, têm a ver com suspeitas com que o engenheiro José Sócrates jamais foi confrontado e servem apenas para, acolhendo-as ao Processo Marquês, pretextar razões que expliquem a nova violação, que se adivinha, de mais um prazo para o encerramento do inquérito”.

“E, entretanto, pretende o Ministério Público continuar a fazer novas diligências e a lançar para o espaço público novas suspeitas, que, neste quadro processual, não passam de mais insultos”, adianta a nota.

A Procuradoria-Geral da República (PGR) esclareceu que nas buscas desta quinta-feira não estão em causa a responsabilidade das referidas entidades bancárias.

De acordo com a PGR, neste processo, que corre termos no Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), investigam-se factos suscetíveis de integrarem os crimes de corrupção, fraude fiscal e branqueamento de capitais.

No passado dia 14, o Ministério Público realizou igualmente buscas, também no âmbito da Operação Marquês, a sociedades do grupo PT, residências de antigos gestores da empresa e a um escritório de advogados.

Em causa, adiantou na altura a PGR, estavam “eventuais ligações entre circuitos financeiros investigados neste inquérito e os grupos PT e Espírito Santo”.

A Operação Marquês já conta com mais de uma dezena de arguidos, entre os quais o ex-primeiro-ministro José Sócrates, que está indiciado pelos crimes de fraude fiscal qualificada, branqueamento de capitais e corrupção passiva para ato ilícito.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Este ainda vai ser condecorado. E já de seguida vem aqui os defensores deste ladrão. Os fanáticos pela ideologia Sócrates. A ideologia do roubo!

RESPONDER

Braços robóticos controlados remotamente podem vir a realizar cirurgias delicadas

Um equipa de investigadores está a trabalhar para eliminar movimentos rígidos nos braços robóticos, de modo a torná-los mais ágeis. O objetivo é que no futuro estes possam empilhar pratos ou até realizar cirurgias delicadas. Os …

Alemão foi forçado a remover estátua do pai por esta se parecer com Hitler

Um alemão foi obrigado a retirar uma figura de madeira de um cemitério, que seria para homenagear o seu falecido pai, por ter semelhanças com o antigo ditador nazi. As autoridades do município de Weil im …

Podcast evita morte de um condenado (seis vezes)

Curtis Flowers foi julgado seis vezes pelo mesmo promotor de justiça. Um programa de investigação mudou o seu destino. O promotor continua a acreditar que Curtis é culpado. A própria equipa responsável pelo 60 Minutes, programa …

EUA venderam álbum único dos Wu-Tang Clan (que pertencia a Martin Shkreli)

O álbum do grupo Wu-Tang Clan, confiscado em 2018 ao antigo gestor de fundos Martin Shkreli, também conhecido como "o empresário mais odiado do mundo", foi agora vendido pelo Governo norte-americano. Num comunicado divulgado esta terça-feira, …

Bezos ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA para entrar na corrida da próxima viagem à Lua

O empresário norte-americano ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA numa tentativa de reacender a batalha espacial entre a sua empresa, a Blue Origin, e a do "rival" Elon Musk, a SpaceX. De acordo com …

Clientes com certificado digital válido impedidos de entrar em restaurantes

Estão a ser reportados vários casos de clientes que, ao apresentarem o certificado digital para poderem entrar num restaurante, não conseguem fazê-lo porque o documento está a ser considerado inválido pelos dispositivos eletrónicos. Segundo a rádio …

Covid-19 trouxe "paranoia" ao mercado

Diretor do Norwich City, da Premier League, acha que os responsáveis por alguns clubes não sabem bem o que estão a fazer nos últimos tempos. O Norwich City iria jogar contra o Coventry City, num encontro …

Israel cria "task force" para reverter boicote da Ben & Jerry's na Cisjordânia

Israel criou uma task force para pressionar a empresa de gelados norte-americana Ben & Jerry's e a sua proprietária, Unilever, a reverterem a decisão de boicotar a ocupação israelita na Cisjordânia. "Precisamos de aproveitar os 18 …

Violência armada. 430 mortos na última semana nos EUA e 2021 pode ser dos piores anos de sempre

Só na semana passada registaram-se cerca de 430 mortos e mais de 1000 feridos associados a tiroteios, num ano que está a ser marcado pelo aumento da violência armada nos Estados Unidos. O ano passado foi …

Principais indicadores da crise climática estão a atingir "ponto de inflexão", revela estudo

Um novo estudo sobre os sinais vitais do planeta revelou que muitos dos principais indicadores da crise climática estão a piorar e a aproximar-se ou ultrapassar os pontos de inflexão, à medida que as temperaturas …