“Disfarçar o indisfarçável”. Passos arrasa Governo e Marcelo no caso SEF

PSD / Flickr

O ex-presidente do PSD, Pedro Passos Coelho

O ex-primeiro-ministro Pedro Passos Coelho criticou esta sexta-feira a atuação do Governo e do presidente da República no caso do cidadão estrangeiro morto nas instalações do SEF, e à reversão da privatização da TAP.

Numa homenagem ao industrial Alfredo da Silva, fundador da CUF, Pedro Passos Coelho deixou críticas contundentes à atuação do Governo e do presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, no caso SEF.

Numa das suas raras intervenções públicas desde que deixou a atividade política, o ex-primeiro-ministro diz que todos os dirigentes públicos fugiram às responsabilidades no caso da morte de Ihor Homeniuk, em março deste ano, nas instalações do SEF no aeroporto de Lisboa.

“Depois de meses de incompreensível inação após os factos serem conhecidos, com a autoridade do Estado seriamente abalada, e a confiança nas instituições públicas beliscada, tudo tem servido para disfarçar o indisfarçável“, acusou o ex-governante.

Passos Coelho apontou ainda a “superior dificuldade em admitir as falhas graves incorridas por não se ter atuado prontamente com diligência e sentido de defesa do interesse público”.

O ex-primeiro-ministro criticou a “incompreensível relutância” dos responsáveis políticos em “defender o Estado da fuga às responsabilidades dos seus dirigentes, que antes preferem lançar o opróbrio injusto” sobre o SEF, “nomeadamente apontado para o seu esvaziamento funcional em vez da simples e pronta assunção de responsabilidade”.

Tirar à Saúde para dar à TAP

O ex-primeiro-ministro teceu ainda críticas ao que diz ser a “insustentável leveza da irresponsabilidade pública” do Estado, que se prepara, “se obtiver autorização em Bruxelas, para canalizar o que lhe falta na Saúde, Educação, na Ciência ou na ajuda à Economia, para injetar numa TAP redimensionada, com milhares de despedimentos inevitáveis, e menos aviões, e menos atividade”.

Segundo Passos Coelho, o Governo não vai no entanto explicar ao país que “apenas o fará porque reverteu uma privatização que vários governos procuraram realizar, embora só um tivesse conseguido concretizar“.

Esta fatura “vai ser suportada por muitos anos, por muitos governos e demasiados contribuintes a quem o Estado não vê hoje com respeito nem parcimónia”, concluiu o ex-governante.

As declarações de Pedro Passos Colho surgem dois dias depois de também o ex-presidente da República, Cavaco Silva, ter lançado duras críticas à reversão da privatização da TAP pelo Governo de António Costa.

Desafio arrogante e “puro passa-culpas” do Governo

Pedro Passos Coelho criticou também esta sexta-feira a postura de “passa-culpas” que considera que caracteriza o atual Governo, assim como os casos “lamentáveis de fuga às responsabilidades” e de “ausência de humildade”.

“Chega a ser chocante ver responsáveis políticos e governantes a cederem ao autoelogio e ao desafio arrogante, quando não ao puro passa-culpas, em vez de assumirem responsabilidades, tanto por fracassos, como por verdadeiros escândalos que afetam a reputação externa do país e abalam a confiança dos cidadãos nas suas instituições”, considerou Pedro Passos Coelho.

Passos Coelho apontou ainda as declarações de João Costa, Secretário de Estado Adjunto e da Educação, que considerou que os maus resultados dos alunos portugueses do 4.º ano no Trends in International Mathematics and Sciense Study (TIMMS) são devido às políticas do ex-ministro da Educação, Nuno Crato.

Este é “um dos casos lastimáveis de fuga às responsabilidades e da ausência de humildade para corrigir políticas que, manifestamente, se revelaram desadequadas”, atenta o ex-primeiro-ministro no discurso do encerramento da conferência “Globalização em português: Revoluções e continuidades africanas”, a que a agência Lusa teve acesso.

“O facto de o atual governo ter preferido culpar o Governo que chefiei, e que já terminou funções há mais de cinco anos, por estes resultados, que incidem sobre o percurso escolar de alunos que iniciaram os seus estudos já no âmbito das reformas introduzidas pela atual equipa governativa, além do ridículo, apenas serve para sublinhar como o populismo e o facilitismo podem animar o debate político”, prosseguiu Passos.

Esta postura do executivo liderada pelo socialista António Costa, criticada pelo ex-primeiro-ministro, acaba “por desqualificar as políticas públicas e por impor um ónus sobre as futuras gerações que enfraquece” o país, acusa Passos Coelho.

No passado dia 8 de dezembro, João Costa, atribuiu os maus resultados obtidos na disciplina às políticas educativas do antigo ministro da Educação. Em seu entender, houve mudanças feitas pela equipa de Nuno Crato que geraram “maiores dificuldades na aprendizagem”.

“Nunca, na história da nossa democracia, se assistira a um passa-culpas deste nível”, lamentou o ex-ministro da Educação, Nuno Crato, que é também professor catedrático de Matemática, a propósito de declarações hoje divulgadas do secretário de Estado da Educação, João Costa.

Nuno Crato considerou que “depois de quase uma década de melhorias contínuas que nos levaram, em 2015, aos melhores resultados internacionais de sempre, tanto no PISA como no TIMSS, esta é uma descida que exige ser muito seriamente analisada”.

O TIMMS – Trends in International Mathematics and Science Study, recentemente divulgado, mostra que os alunos pioraram o seu desempenho a Matemática, tendo descido de 541 pontos nas provas de 2015 para 525 pontos, numa escala de 1 a 1000.

Armando Batista Armando Batista, ZAP // Lusa

PARTILHAR

147 COMENTÁRIOS

  1. Esta classe política devem sofrer todos de Alzheimer, como se algum governante desde há mais de 40 anos não usasse sempre o passa-culpa para os outros, tem sido sempre assim quando chegam ao governo a culpa é dos outros, sobre nomeações todos tem sido iguais, quando chegam ao governo nomeiam tanto para as forças de segurança como para empresas publicas e para todos os organismos públicos os seus militantes e simpatizantes, tenho nojo de toda a actual classe política, perguntar não ofende: diga quantos licenciados sem terem cartão dos partidos do arco da governação com licenciatura estão a dar aulas nas Universidades, o cartão tem muita força neste Sítio.

    • Como é que é possível haver gente tão tapada, como aqueles que vejo por aqui, a defender incompetentes e larápios.
      Um primeiro ministro, rebenta com o país e depois, em desespero, resolve pedir socorro ao estrangeiro. Emprestam-lhe cerca de 90 mil milhões sob condições muito severas para o país e para o povo. Outro primeiro ministro vem e tem que governar com o país em pré-bancarrota e com os novos credores metidos cá dentro a dar ordens face às orientações aceites no acordo de empréstimo de todos aqueles milhões. O povo é obrigado a contribuir para salvar o país. Tempos difíceis. A este primeiro ministro calhou-lhe a fava, o outro foi para Paris, para uma mansão de milhares de euros mensais. Depois regressou e foi apanhado e metido na cela 44 em Évora. Agora é o mesmo partido que, perante a privatização de uma companhia aérea, frequentemente em estado de falência, mal tomou posse, foi logo a correr a pô-la sob a dependência do Estado. Como era previsível, essa companhia aérea, está hoje em estado de agonia. Foi mais uma jogada miserável da laia daquela que o mesmo partido usou ao levar o país à quase falência. Estão os atuais pseudo-governantes desesperados, e possivelmente envergonhados por terem tomado esta decisão catastrófica…mais uma deste partido. Consta-se que nos próximos 4 ou 5 anos o povo vai ser chamado, mais uma vez a salvar o país deste desastre. É tempo de refletir sobre isto. O povo português tem que pensar no seu futuro, abstraindo-se de partidarismos irresponsáveis que estão a manter o país pobre e acabrunhado. Já é hora de repensarmos Portugal, porque, de contrário, podermos estar a caminhar para um terceiro mundismo, mesmo às portas da Europa.

      • Mais um “tapado” a querer contar estorinhas!…
        Ainda não vi aqui ninguém a defender o Sócrates – o tal que começou na JSD – tal como o Passos…
        Não devia ser necessário estar a explicar isto a adultos mas, nem todos são ceguinhos como a “carneirada da bola” e, não é por se criticar o Passos que se é a favor das negociatas do Sócrates!…
        O “ir além da troika”, desprezando os portugueses e vendendo o país ao desbarato, dando oportunidade às negociatas que se viram (como o tacho de luxo do Catroga no EDP – à custa de uns bons milhões ao erário publico) são opções que qualquer português digno desse nome tem condenar veementemente e, é por isso que eu nunca vou perdoar a esse traidor vigarista travestido de “salvador” da pátria!!
        Ainda para mais sendo um “artista” que não sabe o que é trabalhar e cuja vida se resume a andar na jota e a esquemas com fundos europeus (e que até se esqueceu de pagar a SS) – uma nulidade completa!!
        .
        O governo actual só administra a TAP desde Setembro de 2020 (há 3 meses!!!) – quando saiu o brasileiro contratado pela Atlantic Gateway.
        Além disso, o Estado ficou SEMPRE com a divida e com o risco do seu lado e, só por aí já se vê quão brilhante foi privatização da TAP (feita a correr e num governo de gestão!).
        .
        Era previsível??
        Mas tu já tinhas visto na tua bola de cristal que vinha aí o Covid e que os aviões iriam ficar praticamente todos em terra?
        Que visionário!… podias ter avisado!…
        Vou só relembrar que a França vai meter 12 mil milhões na AirFrance/KLM (onde tem apenas 14,3% do capital – a Holanda tem 14% e vai meter 3,4 mil milhões) e a Alemanha 9 mil milhões na Lufthansa (onde tinha 0% e vai ficar com 20% do capital)…  e, acho que o governo do Costa não passou por lá…

        • Você o “Eu”” é um dos causadores da triste situação em que Portugal se encontra, situação essa muitíssimo agravada pela geringonça, onde você votou, porque os “Eu” deste país são todos de esquerda. A esquerda governou 19 dos últimos 25 anos, destas competências saíram a reversão dos rendimentos e tenho dito, mais nada de nada, a não ser a eutanásia, a adoção de infelizes crianças por 2 homens ou duas mulheres, os casamentos entre eles, a boca cheia de defesa da democracia, a caça ao fascista, a violência doméstica (como se não houvesse violência doméstica de mulheres sobre os homens, usando aquelas os meios de que dispõem – e não são poucos), a reversão das 40 para as 35 horas na função pública, o aumento da dívida pública e, por fim, pôr-nos cada vez mais bem posicionados, mas a contar do fim. e vem para aqui o “Eu” com a cassete do costume. Você é um fanático.

          • Mais um básico alucinado… ZERO contra-argumentos e, ainda por cima, chama fanático aos outros!…
            De esquerda (seja lá o que isso for) deves ser tu… pelo menos, em capacidade de raciocínio e de argumentação, és um autêntico “zero à esquerda”!..
            Eu não votei em qualquer geringonça (que eu saiba, nem a geringonça foi a votos) – nem sequer votei em qualquer partido da chamada geringonça!!
            Nem sei se o governo do Costa é de esquerda ou de direita – sei que, entre o seu governo e anterior não há assim grande diferença (há mais competência, mais respeito pelas pessoas, menos cobardia e menos vendas de património nacional ao desbarato – como no tempo do Passos) mas, basta olhar para as politicas do Ministério da Finanças nos últimos anos para perceber que a diferença não é muita – o Centeno podia perfeitamente ser ministro das finanças do Passos – isto é claro para quem está minimente atento e vê alguma coisa; não para ti que, claramente, não “vês boi” do que se passa à tua volta!…
            .
            Cada um pode casar com quem quiser e cada um tem direito a escolher viver ou morrer quando lhe apetece – convém relembrar que a maioria do PSD votou a favor do casamento entre o mesmo sexo e a favor da eutanásia – e bem!!
            Eu também NÃO sou a favor da adopção por casais do mesmo sexo porque envolver terceiros (menores) – mas ainda podia ser pior para as crianças adoptadas – se fossem parar às mãos de lerdos como tu!
            .
            Convém também relembrar que quem criou as 35h na função publica foi um “artista” chamado Cavaco…

  2. Passos tem tanta responsabilidade quantos os outros todos que estiveram no poder. Isto passasse há anos e ele tb nada fez. Agora atira a pedra com uma mão mas esconde a outra. Desprezível…

      • Passos tentou fazer omeletes sem ovos, enquanto que ao Costa deram-lhes os ovos e ele fez ovos (re)mexidos. Quem critica o Passos, gostaria que me dissesse se gere melhor a sua casa com dinheiro ou sem dinheiro! Depois do desastre de Socrates, foi preciso ser muito anjinho para votar no Nº 2 do Socrates. Somos um pais de masoquistas!

        • Sem dinheiro?!
          Com maior venda de património público (ao desbarato) de sempre, a maior carga de impostos de sempre, com os maiores cortes de sempre na saúde, na educação, etc, etc??
          Está boa…
          Só na privatização da ANA (que o gangue do Passos foi a correr entregar aos mafiosos da Vinci e, cuja venda foi um autêntico crime de lesa-pátria!) o governo do Passos recebeu mais de 3 mil milhões!…
          Se isto é “sem dinheiro”, eu vou ali e já venho…
          Tu e o Passos devem gerir mesmo muito bem a vossa casa!…
          Olha que bem – tudo lucro para os franceses:
          ANA LUCROU MAIS MIL MILHÕES DEPOIS DA PRIVATIZAÇÃO DOS AEROPORTOS
          “Desde a privatização, em 2013, a ANA Aeroportos teve um lucro operacional mil milhões de euros acima do que indicara então como previsões ao Estado. E investiu menos 87 milhões do que o prometido”
          2020-01-24
          tvi24.iol.pt/

          • Não foi o seu amigo socretino que disse publicamente que as dívidas não são para se pagar? Abra os olhos e a mente e vai verificar que são todos a cópia e sósias uns dos outros! Isso de esquerda e direita é treta para contar nos infantários!

            • Deves ter-te enganado no comentário…
              Desconhecia que o Sócrates era amigo do Passos – a única coisa que é publica é que, tanto o Sócrates como o Passos, tiraram o “curso de políticos” na JSD!…
              Esquerda e direita é como PS e PSD: duas faces da mesma moeda…

    • o governo de PPC limitou-se a ter de seguir a cartilha aprovada em Bruxelas levada pelos criminosos que destruiram o país, nomeadamente o putativo engº

      como é que queriam que esse governo fizesse algo de radical?

      • Exatamente ! Mas a corja esquerdalhoide quando fala das dificuldades que tivemos de enfrentar durante o governo de Passos Coelho, esquece-se sempre de dizer que ele herdou o país quase falido, em pré-bancarrota, deixado pelo socialista Sócrates. Porque é que eles sempre se esquecem disto, como, por exemplo, estes Torres e Queiroz ?

    • Não é verdade que PPC.tenha tanta responsabilidade quanto os outros,ele deixou o SNS.depalperado sem investimento nenhum,até os mandou o emigrar, mas não era preciso porque ao nivel que atingiu o desemprego os Portugueses teriam mesmo que emigrar,tirou dinheiro a todas as classes incluindo os reformados com reformas miseráveis,se tivesse um pouco de vergonha nem abria a boca cheia de babozeiras.

      • Concordo, e ainda não relembrou a expressão “para além da trioka” quando se referiu a aumento de impostos.
        Não devemos esquecer que PPC se apoderou do poder quando fez rejeitar o PEC4 do Sócrates, que não era bom, mas aplicou a mesma receita de austeridade, só que aumentada.
        Até parece que houve algum “santo” no poder desde o 25 de Abril, gente esquecida e facciosa.

        • Oh Raul, não seja pateta. O PEC4, como o nº indica, era a 4ª proposta de Sócrates de aumento de impostos. Era o aumento de impostos camuflado, às prestações, para o povo não notar tanto. Quando Passos derrotou Sócrates em eleições (ele não se apoderou do poder – foi o povo que lhe deu a vitória), o país estava num estado maravilhoso. Sócrates tinha os cofres do Estado cheios como um ovo. Nem foi preciso pedir um tostão emprestado. Passos Coelho é que roubou que se fartou e depois foi preso na cela 44 em Évora.

          • Caro Pantomineiro, ou você não sabe ler, ou não sabe interpretar o que lê, ou está a tentar defender uma facção política que eu não ataquei.
            Se ler bem o meu comentário vai aperceber-se que trato os políticos todos como farinha do mesmo saco.
            O PEC4 era o 4º Plano de Estabilidade e Crescimento, como bem diz, os 3 anteriores foram aprovados pela AR, também com o apoio do PPC.
            Todos sabemos que era um pacote de impostos, não precisa de o lembrar, também o referi no meu comentário.
            Quando chegou ao PEC4 o PPC aliou-se aos restantes partidos para reprovar o diploma e fazer cair o governo que estava em funções, apoderando-se assim do governo pois sabia que havendo eleições estaria bem posicionado devido ao desgaste do governo do 44.
            A TROIKA foi chamada com o apoio de todos os partidos, incluindo o PPC e o 44, ainda na vigência do governo cessante.
            O que lhe disse também no meu comentário é que o PPC, depois de ganhar as eleições, aplicou um pacote muito parecido com o PEC4, só que bastante mais austero (estamos a falar de impostos), utilizando a expressão que “foram para além da TROIKA” para justificar, com alguma infelicidade, o facto de ter proposto e aprovado medidas mais austeras do que a TROIKA pedia, sendo o seu plano muito idêntico ao PEC4 que ele teve a iniciativa de chumbar.
            Vou-lhe dizer de um modo que possa perceber, não defendo nenhum governante ou político, foram todos, sem excepção, muito prejudiciais para o país, todos afundaram este pobre Portugal, até o 44 e o PPC, são tudo farinha do mesmo saco.
            Assim, escusa de atacar o 44 defendendo o PPC, foram todos desgraças que o povo recebeu, desde 1974 que este país anda a saque por conta dos políticos ditos democráticos.
            Não fique ressabiado, eu quero tanto mal ao PPC como a qualquer político que passou pela governação, todos roubaram, nem as moscas mudam…
            Fique bem, acalme-se e deixe de ofender as outras pessoas.

            • “Apoderar-se do poder ” parece conter implícito algum golpe de Estado. Não entendo a expressão. Comparar o PEC4 com um programa de salvação nacional, sob a égide da Troika, é, no mínimo ridículo. Mais que é isso é comparar, em termos de igualdade ou semelhança, aquele que rebentou o país e aquele a quem calhou a fava de, juntamente com os portugueses, terem a espinhosa missão de o reabilitar. Inadmissível e miserável é tentar pôr em plano de igualdade o estouvado saca milhões e Pedro Passos Coelho. Isto é de uma desonestidade atroz.

            • Caro infantiloide “A defender o “Pantomineiro”.”, qual é o buraco que conhece onde se pode cozer bacalhau? As furnas ainda só cozinham carne, que eu saiba. Comentário da treta.

              Caro infantiloide “O que é isto?!…”, eu sei a diferença entre PEC e PREC, não os confunda. Estude a história dessa época, ou informe-se com quem passou activamente por esse processo e não seja faccioso por qualquer partido político e depois opine com bases concretas, sem disparates. O seu PPC foi um santo para Portugal, esse, o 44, o Cavaco,etc.

              Passo-me com estes infantiloides que pensam serem muito inteligentes, que, a coberto do anonimato, se acham muito iluminados e sabedores de tudo, e são defensores incondicionais de uma cor política.
              Tem um chavão que serve na perfeição para esta gente:
              Há aqueles que são contra a corrupção seja qual for o partido e há aqueles que são a favor do partido seja qual for a a corrupção.

      • Se tivesses um pouco de vergonha dizias: Por causa desse pantomineiro Sócrates, tivemos rodos que sofrer. Não foi por causa de Passos Coelho – foi por causa do país em pré-bancarrota que esse socialista, muito honesto, nos deixou.

    • Parasita é esta gente que nos derrete de impostos. E já agora, a propósito, quando acaba aquele imposto sobre os combustíveis, que dá milhões e milhões e que o Centeno introduziu apenas por meio ano? Já lá vão 5 anos. Esqueceram-se de terminar com ele? E o povo gosta destes ladrões?

  3. O governo deste sr. conseguiu concretizar esta privatização e a de outras empresas, também, como os CTT, a EDP, que entregou a um estado comunista, e vem armado em santo com este discurso oportunista , pondo mais uma acha para o derrube do governo. A negociação da privatização dos TAP foi feita de tal forma que o accionista nada arriscaria no caso de ser revertida a privatização. E, de facto, assim aconteceu! O acionista deixou os TAP com uma choruda indemnização como se o estado fosse o único culpado daquele desastre. E alguém acredita que os TAP davam prejuízo com todo aquele tráfego transportando turistas de todos os cantos do mundo para Lisboa, transformando-a numa cidade onde não se podia viver com o constante movimento aéreo e com as ruas atulhadas de turistas?

    • Resumindo: este “res pública” gosta que se enterrem milhões e milhões na TAP, durante os próximos anos. Eu, não. Quero lá saber desta empresa constantemente falida. Quero saber é da descida de impostos e das melhorias na Saúde e na Educação e um país com mais dinâmica empresarial e mais e melhores empregos.

        • Está com problemas de cérebro. Quero o mesmo que Passos quis: desfazer-se de uma empresa do Estado em constante agonia financeira. Quanto ao restante, Passos também o quereria, mas não te esqueças que o país estava hipotecado. Disto, esta gentinha esquerdoide esquece-se sempre. Porque será?!

          • Hahahaaa… o teu problema é bem mais grave de o que a amnésia que afecta a tal “gentinha esquerdoide”!…
            O Passos, enquanto esmifrava os portugueses com o maior aumento de impostos de sempre, cortou na Saúde, na Educação, etc, etc, enquanto vendia ao desbarato empresas públicas que davam lucro ao país e NUNCA tiveram prejuízo; como a EDP, a REN, os CTT, a ANA, ETC, etc, etc..
            Ainda conseguiu a proeza de entregar a TAP a privados – enquanto o risco e a dívida ficaram do lado do Estado – um negócio mesmo à medida de vigaristas como o Neelman!…

            • Pior do que a amnésia com factos passados, é o esquecimento seletivo dos factos recentes.
              Em primeiro lugar, o Passos não vendeu ao desbarato as empresas porque davam prejuízo, vendeu porque precisava do dinheiro para retirar o país do fosso em que estava, ou não te lembras?
              Em segundo lugar, o Passos fez o maior aumento de impostos de sempre… até então. Com a diferença de que veio à TV dizer (via Vitor) na nossa cara “vamos fazer um brutal aumento de impostos”.
              Com o Costa, é tudo falinhas mansas, mas temos a maior carga fiscal de sempre (não me obrigues a ir buscar links, pls). Só que em vez de um aumento brutal, tivemos aumentos poucochinhos como o Costa gosta, por todo o lado, em taxas e taxinhas mansas, e principalmente em impostos indiretos. Que são mais fáceis de fazer o povo engolir.
              Portanto, não me venhas com a falácia do aumento do Passos. O Costa foi muito mais longe, e se tu comes e calas, não esperes que o resto das pessoas sejam cegas ou burras.
              aahhh… mas tu na realidade na comes e calas, pelo contrário… sabes o que comes, mas és a corneta do Costa.

            • Este artolas até desconhece as vendas que seriam obrigatórias face ao acordado com a Troika. E esquece-se que hoje, sem Troika, estamos a suportar o maior volume de impostos de sempre. Querer camuflar o enorme desastre que os socialistas nos ofereceram, com Sócrates, só pode ser amnésia grave.

    • Concordo consigo, apenas com um reparo.
      Os TAP sempre deram prejuízo enquanto os políticos tiveram funções administrativas, a excepção está na direcção do brasileiro Fernando Pinto quando consegui correr com os políticos, os TAP começaram a dar lucro.
      Mas como toda a bela tem o seu senão, os políticos correram com o homem, reinstalaram-se novamente no poder e os TAP voltaram ao mesmo, aos prejuízos.
      Parece que os TAP não são assim tão inviáveis, têm é que ser geridos com mais honestidade, se alguém ainda souber o que isso é…

      • Está a dar-me razão. Foi com o governo socialista que Fernando Pinto saiu da TAP. Então é este governo que mais uma vez nos está a desgraçar, indo agora enterrar lá mais uns valentes milhões, tipo Novo Banco. Com a escória socialista não passamos disto.

        • Caríssimo sem nome, eu não ataco nem defendo políticos nem governantes, até hoje nenhum prestou, falei de acontecimentos, se bem me entende.
          Também não lhe dou razão em coisa nenhuma, para isso precisava de estar a defender um lado, o que não é o caso.

      • Raul, Raul… mais disparates e uma “realidade alternativa” que só aconteceu na tua cabeça!!
        O Fernando Pinto esteve na TAP 18 anos (2000-2018) e é responsável pelo negócio mais RUINOSO de sempre da TAP – o investimento no Brasil, que já levou centenas de milhões da TAP – e que ainda não está resolvido!
        Para os que, como tu, andam a leste da realidade, relembro que o F. Pinto esteve 18 anos a comandar a TAP – 18 ANOS!!!

        • Caro disparatado, gostas de aparecer e vir descarregar as tuas frustrações com argumentos fora de contexto.
          Para ti tenho que pegar numa máxima popular e dizer que “não discuto com idiotas, rebaixam-me ao seu nível e vencem-me por acumulação de experiência”, fica bem.

          • Mais uma vez: O Ferndado Pinto esteve 18 anos a administrar a TAP e fez o negócio mais ruinoso de sempre da companhia ao comprar aquele “poço sem fundo” no Brasil!!

            • O Raul já te despachou. Oh “Eu!” vai para casa que já são horas e a tua mãe já está aflita!

        • Pois, mas agora o comportamento vem na linha e em consonância com estes pobres pseudo-governantes que temos. “Diz-me com quem andas e dir-te-ei quem és”.

        • Portugal também já existe deste o tempo de D. Afonso Henriques, culparam a Monarquia da má gestão e pobreza do povo e contudo a República continua a albergar ladrões, vigaristas, políticos de meia tigela e mistura destes todos … Que culpa tem Portugal disto? Toda, porque Portugal somos nós, somos nós que votamos, fazemos revoluções e continuamos a ser pouco exigentes na apreciação do trabalho politico … vem você dizer que estavam lá todos? Tem a certeza? Regra geral, e isto é meio cientifico, o PS muda sempre as lideranças quando força Governo .. tem a certeza que os lideres do SEF são os que estavam lá ao tempo do Governo PPC? Não tenha tanta certeza … veja o que se passou com os incêndios de 2017 .. as chefias mudaram em Janeiro, meteram lá os boys, e o que aconteceu no Verão foi a tragédia que se viu … nessa altura não foram tão elegantes como você foi aqui.. disseram que a culpa foi dos “elementos” .. a incompetência tem sempre desculpa ara tudo . o Povo gosta.. Portugal é isto.. e o SEF também …

    • Sem dúvida. Se a privatização da TAP não tivesse sido revertida, os contribuintes não teriam agora que injectar milhares de milhões na empresa. Dinheiro que teria usos bem mais úteis!

      • Ora nem mais. A esquerdalhada reverteu a privatização e agora vai gastar milhões e milhões (dinheiro dos contribuintes) para tentar atenuar o desastre.

  4. O timing foi perfeito e juntaram esta intervenção à entrevista de Cavaco Silva, o padrinho de PPP, quase uma a seguir à outra. Foi programado como forma de ataque ao governo. A popularidade do PS, essa não pára de subir… Não sei lá como é….

    • Pois, por isso é que os impostos estão a descer e o povo cada vez vive melhor. Na próxima sondagem o PS chega à maioria absoluta.

    • Nem o Covid/confinamento nos livra destas personagens sinistras…em poucos dias apareceu a “múmia” Cavaco, o “salvador” Passos, o “tachos” Durão (que está a ajudar a máfia da Goldman “Sucks” a roubar mais um pouco de Portugal) e até o “troca-tintas” do Santana…
      Uma desgraça nunca vem só… só faltou aparecer o Sócrates e o Paulinho da Feiras!…

  5. Este artista esteve onde? Acordou agora? São todos iguais. A nossa miserável classe política, é composta por um bando de oportunistas, sempre à espera do melhor momento para entrar em cena. Tudo tudo muito bem organizado e preparado, para que a sua aparição produza o efeito desejado. Este esteve muito sosssegado à espera que assentasse a poeira da borrada que fez no seu (des)governo, com algumas tragédias pessoais entretanto ocorridas, que também contribuiram para que apostasse na reconhecida falta de memória do povo. E como alguém dizia, quem escolhe os políticos, não é que lê jornais, mas quem limpa o rabo a eles!

    • (des)governo ?! Deixa-me rir. O país que ele herdou estava num paraíso. Nem o seu antecessor pediu socorro financeiro nem a Troika esteve cá 3 anos! O que é que ele tinha para desgovernar, com o país depenado?! Fomos é todos fodricados para o reabilitar, mas a culpa é de quem nos levou para o abismo, não de quem teve que governar com a Troika cá dentro durante 3 anos. Se sofre de amnésia porque não procura curar-se?

      • Cure-se V.Exª e tenha juízo. Haja seriedade, que é coisa que volta a pessoas como V.Exª, e ainda por cima vem para aqui falar de amnésia. Passos tem tanta responsabilidade quantos os outros todos que estiveram no poder. Isto passa-se há anos e ele também nada fez. Agora atira a pedra com uma mão mas esconde a outra. Desprezível…

        • PPC tem a mesma responsabilidade que o bancarroteiro e vigarista Sócrates?! Esta eu nunca tinha ouvido! Cure-se, caro doutor Sousa, que deve estar com problema grave de saúde.

          • Não costumo perder tempo com idiotices e comentários abstratos e sem sentido, mas como estamos no Natal, considere esta minha exceção como um presente, já que a quadra festiva assim o sugere. Por acaso poderá ajudar-me a entender a sua confusão mental, e dizer-me em que parte dos meus comentários referi o Sócrates? Por acaso perdeu o norte e já não se lembra qual o motivo destes comentários? Será que o artigo é sobre Sócrates e só eu é que não li?

  6. Um político sem vergonha! Um dos grandes culpados de tudo o que de mau aconteceu ao país. Um roubo constante ao bolso dos portugueses. Hoje, com uma enormíssima lata tenta criticar os outros!

  7. Em referência ao PREC, Sá Carneiro disse várias vezes que os militares “tinham feito uma revolução para eles”. Só não referiu que a seguir vieram os políticos e fizeram “uma Constituição para eles”. Deficiente, com mal-formações congénitas, a nossa democracia está longe de corresponder áquilo que os portugueses desejam dela. Já teria acabado, prematuramente, se a UE não se dispusesse a pagar por enquanto, tal “falperra de roubo e corrupção”.

  8. No governo de Sócrates todos os ministros se tentam orientar com fraudes , luvas e afins.
    Depois entra Passos com mão pesada pois era a única solução para o nosso país, que em pouco tempo começa a endireitar.
    Mas quando tudo começa a mostrar melhorias entra o Costa e facilmente faz com que muitos amigos somem muitos milhões e o país cá em queda livre para a bancarrota.
    Sorte a nossa haver COVID que despolitizo a bazuca Europeia, caso contrario a desgraça seria muito maior e fulminante que o vírus…

    • O Passos Coelho o “salvador”… Agora sim ,ouvi tudo! O PPC foi apenas o pior de todos os primeiros ministros que Portugal alguma vez teve! Foi o “homem” que vendeu a TAP (num negócio absolutamente ruinoso para o Estadao, ou seja, nós todos!) quando já estava em gestão, ou seja, ilegalmente. Vendeu tido o que havia a vender com uma enorme ruina para Portugal. E depois ainda fala em Sócrates. O engenheiro pode ter muitos defeitos (e acusações que nunca serão provadas) mas ele fez! O PPC desfez! O Costa, mal ou bem, tentou refazer a b osta toda que o casal PPC e portinhas fez ao país durante 4 anos e meio (o meio ano, cortesia do então o pior Presidente da República de sempre – Aníbal Cavaco Silva que, enquanto primeiro ministro, desbaratou tudo (quase tudo) de produção que havia em Portugal (pescas, agricultura, etc e deu uma “ajudinha” preciosa aos “amigos” e, como Presidente, (quase) patrocionou a destruição de Portugal, no que respeita ás suas riquezas). Não conseguiu porque a b osta foi bem profunda. E ainda falam em Sócrates. O PPC andara a “botar faladura” porque não quer que as pessoas se esqueçam dele. Azar. Apesar das c agadas que fez e de ser o pior Primeiro que Portugal teve, será sempre absolutamente irrelevante na história geral da política portuguesa.

      • Eh, pá! Este gajo quer a TAP, nem que tenhamos todos que contribuir com milhões e milhões durante a próxima meia dúzia de anos. Este artolas fala muito em bosta. Será que está a pensar no socialista Sócrates?! A sua família política é que inventou as cagadas. Foram os socialistas que já ofereceram aos portugueses 3 bancarrotas. Passos deu-nos uma bancarrota ou teve que governar com o país espatifado, depois de uma bancarrota XUXA? Esta gente que comenta anti-Passos parece perdida. Não têm o mínimo de nexo. Deve ser por influência da habitual escória governativa socialista. Um conselho: curem-se, para ver se a honestidade ainda vos pode bafejar.

        • Muita parvoíce que aqui vai sr /sra “As cagadas xuxas”. Não me vou dignar a responder-lhe. Mas tenho uma pergunta para si: Onde é que eu digo (escrevo) ou dou a entender que “Este gajo quer a TAP”? Onde!? PS: Caso tenha lido algo que não escrevi, fique sabendo que defendo em absoluto o fim do poço sem fundo que é a TAP. Mas defendo isso já há muito tempo!

          Definitivamente a sua obsessão anti “xuxa” (como lhe chama) impede-lhe a capacidade visual e cognitiva. Sugiro-lhe uma desintoxicação de tantas laranjas e azuis (PSD e CDS). Tolda-lhe o espírito.

    • Muito bem visto. Passos Coelho recebeu o país (de Sócrates) com um défice de 11% e entregou-o a Costa com um défice ligeiramente abaixo dos 3%, mesmo tendo que governar 3 dos 4 anos, sob a vigilância da Troika. Costa recebeu o poder em circunstâncias fabulosas se comparado com o seu antecessor e mesmo assim, ainda nos foram contemplar com novos impostos, quando se previa que iriam descê-los. Agora estão-se a meter neste desastre da TAP, aonde querem estoirar milhões e milhões de euros, anualmente. Será que já estamos novamente a caminho do abismo? Não auguro nada de bom com esta seita.

  9. Li os comentários na diagonal e constato que em Portugal há muitos palermas. Enfim, quererem imputar o estado do país ao Passos quando antes houve um 44.

    • Li o seu comentário e constato que tem uma memória bem fraca. O que veio antes do 44 (penso que tem nome, mas…)? Não veio um Barroso? E antes? E antes disso? E refiro-me de igual forma, governos de direita e de esquerda. Não se lembra desses? Ou só se lembra de um? O que foi apanhado? E os outros que não foram? Esqueceu-se? Fraca memória. E não chega a ser palerma, porque esses têm alguma!

      • A tua memória é que está fraca. Tivemos governos periclitantes, mas Portugal desembocou numa bancarrota foi com o “saca milhões” Sócrates. Este é que nos fodricou a todos e ainda sacou e de que maneira. Portanto, este é que o grande protagonista político do século XXI.

    • Pois claro! Se formos capazes de ignorar-mos a existência de qualquer Primeiro Ministro, concerteza que será o melhor! Ou será? Pois… Tava a mentir. Mesmo que fosse o único, seria uma b osta de qualquer forma! Não é possivel ser tão mau. Mas ainda é possível encontrar algum pior. Só espero que esse (ou essa) nunca chegue a Primeiro Ministro!

  10. O Coelho deixou a toca para nos lembrar que o “estamos a viver à cima das nossas possibilidades” e que é preciso é dar dinheiro aos empresários para sufocarem os seus trabalhadores. Se ao menos viesse pedir desculpas às famílias pelos rendimentos que lhes tirou e pedir perdão por ter empobrecido o país… Regressa aoo teu covil e leva contigo alguns dos teus seguidores como o (des)Ventura.

  11. O Cavaco Silva também podia ir para a toca da coelha! Quem o topava bem era este deputado da Madeira! E lá estaria muito bem acompanhado sobretudo pelo seu amigalhaço Dias Loureiro que vive ,hoje, numa opulenta mansão que pertenceu ao Jorge de Brito e que subrepticiamente conseguiu escapar à enorme fraude do BPN cujo administrador era amicíssimo de Cavaco, E se estivessem calados para não nos trazerem à memória estes tristes factos??

  12. A esquerda tem aqui nos comentários, muitos ativistas .. espero que os leitores façam a devida filtragem… no Governo de PPC o SEDF não matou ninguém, possivelmente porque as chefias era responsáveis e humanas. No tempo de PPC os estudantes do 4º ano, melhoravam os seus desempenhos no TIMMS, enquanto agora baixam e o atual Governo de extrema esquerda culpa o Governo de PPC por esse facto. Andam a brincar com os portugueses pois eles, e esta plêiade de “anónimos” comentadeiros, apenas pretendem manter o status quo .. PPC teve de fazer privatizações que a equipa liderada pelo socialista Teixeira dos Santos negociou com a Troika … esta gente vive do “passa culpas” .. ainda bem que PPC fez essas privatizações . de outra forma agora não era só a TAP a “mamar” dos contribuintes .. “mamavam” muitas mais empresas públicas donde imperava a gestão imposta pelos interesses dos sindicatos… O preço da reversão da privatização da TAP devia sair dos bolsos dos atuais governantes e comentadeiros que os apoiam …

      • Este Torres é um pobre, coitado. Não tem pedalada escritural. Tentou meter esta espécie de metáfora, mas esbarrou-se. A aldrabice inculcada tolda-lhe o raciocínio.

        • Esbarrou-se !!!! Ahahahah. Mas que grande argumento. Estou abismado…

          E tu dizes tanto sobre o assunto que nem vês uma parede à tua frente. Que tal, em vez de me chamar nomes e, com isso, perder toda a razão, contribuir para a discussão e explicar/criticar o que disse em vez do ad hominem duma criança de 10 anos. Que grande fartote ! Isto é, se os teus papás deixarem, claro…

    • Hahahaaa…. é só rir com estes catneitos alucinados, que olham para a política como para a “bola”!…
      “Mais humanas” no governo que emifou os portugueses enquanto vendia o país ao desbarato?!…
      Lindo…

    • “PPC teve de fazer privatizações que a equipa liderada pelo socialista Teixeira dos Santos negociou com a Troika”. P o rra!!! Lá está a memória fraca outra vez. O PPC “PPC teve de fazer privatizações que a equipa liderada pelo socialista Teixeira dos Santos negociou com a Troika”? Esqueceu-se que o PSD e o CDS também assinaram esse memorandum! Eles sabiam o que lá estava e acederam! Não fizeram qualquer sacrifício ao seguir o acordo com a Troika. Foram além do acordo, fazendo todos os portugueses sofrerem mais que deveriam!
      Fala na reversão do negócio (ruinoso para o Estado – que somos todos) da TAP… Ainda bem que o Costa lá conseguiu reverter uma parte da b osta feita pelo PPC que não podia ter vendido a mesma porque estava em gestão. Foi um péssimo negócio, concordo, mas conseguiu mitigar o ainda pior negócio feito pelo PPC!
      Fala que no governo do PPC não morreu ninguém no SEDF (penso que queria dizer SEF). Tem a certeza? As chefias eram responsáveis e humanas? Muito provavelmente seriam as mesmas de agora. E se não eram era alguém treinado pelos mesmos. Seja lá o que fôr que se passa e passou no SEF, infelizmente passa-se há muito tempo, assim como o que se passou em Tancos e outros escândalos que vieram ao de cima estratégicamente num governo de esquerda. A escola não estava mal com o PPC e agora está? Onde vive? A escola está mal há muitos anos (mesmo antes do PPC!)! Ponha nessa cabecinha formatada que a direita só tem uma coisa em mente: capital! A esquerda, dá primazia ao povo que você também faz parte! Acorde! O PPC fez um mal desgraçado ao país, bem maior que o que dizem que o Sócrates fez! E há provas! Basta avaliar os negócios que fez com todas as privatizações que fez. Ainda estamos a pagar as suas bacuradas e vamos pagar durante muito tempo!

      • “Foi um péssimo negócio, concordo, mas conseguiu mitigar o ainda pior negócio feito pelo PPC!” Esta é uma frase deste palonço. Inacreditável que haja gente deste calibre miserável. Reparem misto: Passos Coelho, privatizar a TAP, foi um negócio de lesa-cidadão e Costa e os contribuintes terem que meter milhões e milhões durante os próximos anos, por um capricho ideológico, é uma atitude patriótica! Como podemos assim sair desta pobreza portuguesa?! Pobre país.

        • Pobre país mesmo. Quando alguém “lê” algo e conclui algo completamente absurdo que não consta do texto. O Sr/sra vê alhos onde há bogalhos. É… pobre país habitado por gente assim…

          ““Foi um péssimo negócio, concordo, mas conseguiu mitigar o ainda pior negócio feito pelo PPC!” Esta é uma frase deste palonço.” Palonço? O insulto (gratuito) só confirma o que referi anteriormente. Pobre país…

  13. Realmente, este país está a saque. E o povo continua a não “ver um padeiro”. Temos a desgraça do Novo Banco e agora este governozeco arranjou o “Novo Banco com Asas”, leia-se TAP, onde vão ser enterrados milhões de milhões euros, durante anos. Há dias entregaram-se em Coimbra pai e filho socialistas, para cumprirem os anos de cadeia e o Sócrates espera ainda por um desiderato que, tudo indica, será igual. É urgente que este país tome tino e que os contribuintes deixem de ser constantemente penalizados com estas misérias governativas.

    • Por falar em Novo Banco, ninguém pediu ao vigarista mentiroso para comentar estas suas “perolas”:
      “Passos sobre BES: «Não é dinheiro dos contribuintes»”
      tvi24.iol.pt/economia/passos-coelho/passos-sobre-bes-nao-e-dinheiro-dos-contribuintes
      .
      “BES: Passos reafirma que Estado não usará dinheiro dos contribuintes”
      tvi24.iol.pt/economia/passos-coelho/bes-passos-reafirma-que-estado-nao-usara-dinheiro-dos-contribuintes
      .
      Agora era apresentar-se a conta!..

  14. Como é possível alguém sem qualquer credibilidade, como o PPC vir tecer qualquer tipo de comentário/crítica a seja o que fôr? Especialmente depois de “tudo” que ele fez pelo país? Vamos andar muitos anos a sofrer pela gestão brilhante deste senhor que nem será nota de rodapé na história política portuguesa. Só se vai dizer que houve um minsitro da direita que pôs Portugal de joelhos na Europa e no Mundo. E deu cabo da vida de muitos portugueses!… E muitos deles continuam a sofrer os seus efeitos!

    • Pois foste, assim como eu e a maior parte dos portugueses. Temos que agradecer ao “saca milhões” socialista que esteve na gaiola em Évora. Mas atenção que seita governativa atual vai continuar a sacar milhões e milhões. Nem digo aonde, porque tu sabes.

      • P o r r a !!! Só foi o Sócrates o saca milhões?! Só foram socialistas os saca milhões?! E os outros? Foram todos santos (incluindo o PPC)? A TAP estava bem e agora é que está mal? Em que mundo vive? ACORDE!!!

  15. Existe uma forte tendência de as pessoas justificarem os seus erros com os erros dos outros e os políticos fazem-no descarada e constantemente, esquecendo a seguinte frase:
    “Quando apontares um dedo, lembra-te de que há três dedos virados para ti. (Provérbio inglês)”

  16. Em primeiro Passos Coelho, não mandou emigrar. Referiu que quem tivesse a oportunidade de ter um melhor emprego no estrangeiro deveria aproveitar. Contrariamente quem mandou emigrar foi mesmo o Sr Antonio Costa quanto disse que “deveríamos sair da nossa zona de conforto”. Ou seja Passos Coelho aconselhou os Portugueses a procurar melhores condições e o Sr. Costa para além de mandar emigrar ainda diz que o faça para ter piores condições. Sair da zona de conforto? Vai tu!

    • Em resumo, PPC foi um santo, os portugueses têm que lhe prestar “vassalagem”.
      Se não fosse tão mau, poderia até ser hilariante esse comentário

      • Pois acredite, foi no tempo da troika em que melhor vivi. O Sr. Costa foi tão aldrabão mas tão aldrabão que disse que ia acabar com a sobretaxa no IRS e a primeira coisa que fez foi abolir uma alínea do código do IRS que esse “malvado” Passos Coelho tinha introduzido para obrigar a que fossem devolvidas todas as quantias a que o contribuinte tinha direito. Com o aldrabão do Costa ao abolir essa cláusula todas as quantias inferiores a 25 euros ficaram retidas nas Finanças. Sabia disso? Pois eu sei porque no tempo da troika em julho recebia sempre o dinheiro da sobretaxa com juros, com o Sr Costa ficaram com 23 euros da sobretaxa. O Sr. Costa não passa de um pantomineiro. Não falta muito e o país está á venda outra vez, como em 2011. Aponte para não se esquecer.

        • Caro Zumba, fico satisfeito que se tenha dado bem no tempo da Troika, o mesmo não digo eu nem milhares de portugueses.
          Estou a falar de pobreza “encapotada”, daqueles que tiveram que recorrer ao banhos públicos por não terem dinheiro para comprar gás, daqueles que ficaram sem as suas casas porque ficaram sem emprego e não puderam pagar os empréstimos, daqueles que traziam o seu parco almoço e iam comer para dentro do carro escondidos dos olhares do povo por vergonha, daqueles que tiveram que se valer do banco alimentar para terem alguma coisa para comer, daqueles que tivera que se socorrer dos pais reformados para se abrigarem, etc.
          Como deve perceber, você foi um sortudo, a vida correu-lhe bem nessa época, o seu problema eram só 23€.
          Mas pode ficar descansado, hoje em dia voltamos ao mesmo, não devido a uma qualquer Troika mas a uns confinamentos desmedidos, a fome já voltou.
          Desejo-lhe que, daqui a uns anos, possa voltar a dizer que os tempos que estamos agora a passar foram os que melhor vida lhe deram, pelo menos alguém que se safe no meio da desgraça colectiva.

          Nota:
          Para que saiba, não tenho preferências políticas, nenhum ainda me tratou bem, são todos a mesma m…a, não defendo ninguém dessa gente nem vou bater palminhas para os comícios e outros afins.

          • Eu não gostei da Troika. Fodricou-me, como a tantos milhares se não milhões de portugueses. Mas aqui é que reside a questão. Não foi Passos Coelho que rebentou o país e que obrigou ao pedido de socorro de 90.000.000.000 de euros. Aí é que o Raul está completamente equivocado. Sejamos honestos e não politiqueiros ou facciosos extremistas.

            • Caro José Soares, considero-me honesto, não tenho cor partidária, melhor, nunca tive, por isso não sou politiqueiro nem faccioso e muito menos extremista, são demasiados atributos errados para mim.
              Como deve estar recordado, a crise dessa altura começou com o “crash” da bolsa, que obrigou as economias a afundarem.
              Como todos sabemos, os diversos PECs foram uma espécie de orçamentos rectificativos encapotados, aprovados os 3 primeiros pela AR com a quase totalidade, senão a totalidade, dos votos dos partidos representados, nesses inclui-se o PSD e o seu líder PPC.
              O meu comentário anterior não tem nada a ver com este facto mas sim com a tentativa de ilibar o PPC da austeridade que promoveu, indo inclusivamente para além da troika, se se lembra.
              Esse senhor pegou no PEC4, o qual chumbou, fez-lhe uns “melhoramentos” (mais austeridade) e apresentou como se fosse uma ideia sua, o que fica muito longe da verdade.
              É nisso que bate o meu comentário, o 44 não prestou, todos sabemos, mas o PPC também não foi nenhum santo, aliás, ainda não apareceu ninguém de jeito a governar este país de a revolução de Abril, é a minha opinião.
              Para finalizar, as tentativas de ofender os comentadores adjectivando-os sem os conhecer só ficam mal, não trazem nada de positivo para o debate, apenas provocam respostas à altura, se bem me entende.

        • “Pois acredite, foi no tempo da troika em que melhor vivi.”
          Normal… os abutres/parasitas costumam dar-se bem com a desgraça dos outros!…
          Viveste melhor tu e muitas mais sanguessugas “amigas do regime” (incluindo chineses, angolanos, etc) – aqueles que estão sempre à espera do infortúnio dos outros para deitar a mão ao pote…
          .
          A viver tão bem no tempo da troika e, agora queixa-se por não ter recebido 23€?!…
          Hahahaaa… há gente que não tem mesmo noção do ridículo!…

    • Curioso… Diz que o “Passos Coelho, não mandou emigrar. Referiu que quem tivesse a oportunidade de ter um melhor emprego no estrangeiro deveria aproveitar.” E depois diz “Contrariamente quem mandou emigrar foi mesmo o Sr Antonio Costa quanto disse que “deveríamos sair da nossa zona de conforto””. O PPC não disse realmente para emigrar (com todas as letras) mas… o Costa também não (com todas as letras. Onde está a sua imaprcialidade? Nenhum é concreto! Oportunidade de melhor emprego e sair da zona de conforto não diz de todo para se emigrar! Mas… O PPC sugeriu mesmo que os portugueses emigrassem!

  17. O Dr Passos: Cheio de frases feitas e teorias. Subserviente, só não soube governar um país, uma economia de consumo. Vai-te embora ó betinho|!

  18. Peço desculpa, mas Passos Coelho na altura guinou tanto para a Direita que lá deixou como discípulos André Ventura e o Chega. Recentrou o CDS e esteve quase sempre à sua direita. Esteve longe de ser fiel a uma linha moderada popular e social democrata, ao estilo português, e isso não foi benéfico para o cidadão comum. Era necessário fazer sacrifícios, claro, mas dispensava-se uma retórica que culpava os portugueses, entre outras coisas, de forma velada, por terem feito o 25 de abril e almejarem uma vida melhor em democracia.

  19. Já não bastava o covid19 e agora volta outro virus dos mais destrutivos de sempre!
    Para quando a vacina para curar este definitivamente?

  20. Este já deu o que tinha a dar, já se viu quem ele é. Que vá trabalhar, e se não houver trabalho (não emprego) para ele, que emigre.

  21. Ele já pagou as dívidas à Seg.Social?
    Ele e o Relvas, já devolveram os 6,7 milhões exigidos pela UE do embuste da Tecnoforma?
    Depois disso, apareça!.
    Alguém sabe explicar como é que este sujeito só conseguiu acabar o curso aos 34 anos com
    o beneplácito da MARILU e depois virou “Professor Catedrático”?? é de fazer chorar as pedras da calçada.

  22. Quando é que dão por terminado o imposto sobre os combustíveis, que dá milhões e milhões por ano ao Estado e que o Centeno introduziu para apenas valer pelo espaço de meio ano?

RESPONDER

"Polskie Babcie", as avós que lutam pela democracia na Polónia

Um grupo de idosas polacas organiza protestos, todas as semanas, para lutar pela democracia no país, governado pelo partido de direita nacional-conservador e democrata-cristão Lei e Justiça (PiS). É hora de ponta em Varsóvia, capital da …

Cimeira Social. Jerónimo de Sousa diz que não se respondeu aos verdadeiros problemas

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, afirmou este sábado, no Porto, que a Cimeira Social da União Europeia não respondeu às necessidades associadas ao emprego, à valorização dos salários e ao fim da precarização …

Babbage escreveu uma carta a Tennyson. Exigia a "correção matemática" de um poema

A perspicácia matemática de Charles Babbage levou-o a escrever uma carta ao poeta Alfred Tennyson, que exigia, de certa forma, rigor e precisão no poema The Vision Of Sin. Charles Babbage é conhecido como o pai …

Covid-19: Portugal com uma morte e 324 novos casos nas últimas 24 horas

Portugal registou hoje uma morte atribuída à covid-19, 324 novos casos de infeção pelo novo coronavírus e uma ligeira subida no número de internamentos em enfermaria, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o …

Roma já tem uma máquina de venda automática de pizza

A capital italiana tem agora uma máquina de venda automática que faz pizzas em apenas três minutos. Os preços variam de 4,50 aos seis euros (e as opiniões sobre esta ideia também). Raffaele Esposito, o napolitano …

Morreu Bo, o cão de água português de Barack Obama

Bo, o cão de água português que o ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, adotou em 2009 morreu este domingo com 13 anos, em consequência de um cancro, anunciou o político nas redes sociais. O cão …

Futuro pós-vacinação entre reforço de dose, controlo de variantes e medicamentos

A incerteza sobre a duração da imunidade das vacinas contra a covid-19 deixa o futuro do combate à doença entre o reforço da vacinação, a monitorização de novas variantes e o desenvolvimento de terapêuticas alternativas, …

Presidente da República promulga Carta de Direitos Humanos na Era Digital

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, promulgou este sábado a Carta de Direitos Humanos na Era Digital, aprovada em abril na Assembleia da República, segundo uma nota divulgada no site da Presidência. A lei, …

Depois de 17 anos no subsolo, biliões de cigarras vão emergir nos Estados Unidos

Biliões de cigarras vão emergir nos Estados Unidos. O aviso é de um grupo de cientistas que alerta que, dentro de alguns dias ou semanas, as cigarras da Ninhada X vão surgir depois de 17 …

Foguetão chinês regressou à Terra (e a maior parte desintegrou-se)

Um importante segmento do foguetão chinês desintegrou-se este domingo ao reentrar na atmosfera terrestre e caiu no oceano Índico, perto das Maldivas, anunciou a agência espacial da China. "De acordo com o percurso e análise, pelas …