Governo passa culpas de maus resultados a Matemática. Nuno Crato contra-ataca

Rodrigo Gatinho / portugal.gov.pt

O ministro da Educação, Nuno Crato

O ex-ministro da Educação e Ciência Nuno Crato (2011-2015) criticou hoje “as acusações irresponsáveis e falsas” do atual secretário de Estado da Educação, que lhe atribuiu responsabilidades pelos maus resultados obtidos pelos alunos do 4.º ano a Matemática.

“Nunca, na história da nossa democracia, se assistira a um passa-culpas deste nível”, lamentou o ex-ministro da Educação, Nuno Crato, que é também professor catedrático de Matemática, a propósito de declarações hoje divulgadas do secretário de Estado da Educação, João Costa.

Nuno Crato considerou que “depois de quase uma década de melhorias contínuas que nos levaram, em 2015, aos melhores resultados internacionais de sempre, tanto no PISA como no TIMSS, esta é uma descida que exige ser muito seriamente analisada”.

“É lamentável que essa análise seja evitada e substituída por acusações irresponsáveis e falsas por parte desta equipa ministerial”, afirma Nuno Crato, numa declaração enviada à Lusa.

O TIMMS – Trends in International Mathematics and Science Study, hoje divulgado, mostra que os alunos pioraram o seu desempenho a Matemática, tendo descido de 541 pontos nas provas de 2015 para 525 pontos, numa escala de 1 a 1000.

Em Portugal, 4.300 alunos do 4.º ano fizeram as provas de Matemática e de Ciências e a pontuação média baixou nas duas disciplinas quando comparada com os resultados em 2015.

Segundo Luís Pereira dos Santos, presidente do Instituto de Avaliação Educativa (IAVE), esta descida a Matemática é “estatisticamente significativa”.

O secretário de Estado da Educação, João Costa, atribuiu os maus resultados obtidos na disciplina às políticas educativas do antigo ministro da Educação. Em seu entender, houve mudanças feitas pela equipa de Nuno Crato que geraram “maiores dificuldades na aprendizagem”.

Houve uma grande antecipação de conteúdos nas metas, alguns dos itens que eram ensinados no 5.º ano passaram para o 3.º ano, por exemplo”, referiu, sublinhando que esta mudança feita durante o mandato de Nuno Crato “gerou maiores dificuldades na aprendizagem”.

O que mudou “foi a avaliação, ou a falta dela”

Numa reação às declarações de João Costa, o ex-ministro da Educação Nuno Crato considerou que a equipa de João Costa “é que tem conduzido desde 2016 a educação em Portugal e que deveria refletir sobre as suas responsabilidades”.

Para Nuno Crato, “a reversão do progresso comprovado em 2015 é, certamente, resultado de uma série de medidas entretanto adotadas.

A avaliação externa no 4.º ano, que vinha desde 2001 com provas de aferição e depois com provas finais em 2014, foi abolida e não foi substituída por nenhuma forma de avaliação externa. A obrigatoriedade de mais horas em Matemática e em Português e da frequência do apoio ao estudo também foi eliminada, acusa o ex-ministro.

“As metas curriculares, que estavam em vigor em 2015 e pelas quais foram preparados os alunos então avaliados, não sofreram alterações até hoje“, considera Nuno Crato”

O que mudou foi a avaliação, ou a falta dela, e foi a ‘flexibilidade curricular’ e a natureza vaga das ‘aprendizagens essenciais’ que aboliram as prioridades curriculares e geraram um discurso e prática de menor ambição, menosprezando as metas e reduzindo em muito o seu impacto positivo”, sustenta o ex-governante.

Em 2015, “os estudantes do 4.º que nos encheram de orgulho tinham feito todo o seu percurso escolar entre 2011 e 2015, numa cultura de exigência, de avaliação e de valorização do conhecimento. Os alunos avaliados pelo TIMSS em 2019 não tiveram esse percurso. É sobre isto que é preciso tirar lições”, sublinhou.

O ex-ministro da Educação disse ainda ter ficado “profundamente preocupado com a descida significativa a Matemática dos alunos de 4.º ano, nas avaliações do TIMSS. Não só com a descida, como também com o perverso aumento das desigualdades revelado” pelo estudo.

Segundo o TIMMS, os alunos do 4.º ano pioraram nas três áreas em análise a Matemática. Numa comparação entre as suas capacidades para “Conhecer”, “Aplicar” e “Raciocinar”, nota-se que os alunos pioraram nas três áreas, sendo que aquela onde mais pioraram foi na dimensão de “Conhecer”.

Em declarações aos jornalistas, o secretário de Estado da Educação disse que o ensino da Matemática nas escolas está a ser alvo de uma revisão e prevê-se mudanças que serão implementadas de forma gradual.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Com este governo adotou-se o SIMPLEX a Matemática. Já no tempo de Sócrates criaram os cursos “à la minute”. Qualquer labrego, mal sabendo ler, tirou o 2º ciclo. Até Sócrates andou a entregar diplomas ! E até o “Magalhães” se tornou famoso ! Com esta gentalha, o governar é puro ilusionismo. Por isso é que não passamos desta pobreza portuguesa.

RESPONDER

Confronto de Titãs. Hubble identifica colisão cósmica cataclísmica

Com a ajuda do Telescópio Espacial Hubble, uma equipa de astrónomos capturou uma nova fotografia do sistema de galáxias em interação IC 1623. Também conhecido como Arp 236, ESO 541-23 e IRAS 01053-1746, o par de …

"Dois ingleses de fora? Então a seleção escocesa não vai ter jogadores"

O escocês Billy Gilmour testou positivo à COVID-19 e, por precaução, dois jogadores da seleção inglesa não vão defrontar a República Checa. Lineker não entende esta decisão. Billy Gilmour vai falhar o último jogo da Escócia …

Tribunais franceses "contratam" cães para ajudar a aliviar stress das vítimas

Há dois anos, Lol tornou-se no primeiro cão da Europa a dar apoio a vítimas de crimes quando estas são sujeitas à pressão dos tribunais, e muitas das vezes, têm de enfrentar os seus agressores. …

Finlândia 0-2 Bélgica | Diabos vermelhos picam o ponto

A Bélgica, que já estava apurada, completou o pleno de triunfos no seu grupo, com uma vitória por 2-0 frente à Finlândia, relegando os nórdicos para o terceiro lugar A Bélgica venceu hoje a Finlândia, por …

Rússia 1-4 Dinamarca | Muito coração, por Eriksen

A Dinamarca conquistou hoje um lugar nos oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao bater por 4-1 a Rússia, que eliminou, numa terceira jornada do Grupo B que originou a qualificação de mais cinco …

Netflix consegue acordo importante com produtora de filmes de Steven Spielberg

A Netflix anunciou, esta segunda-feira, que assinou um acordo para a realização de vários filmes com a produtora Amblin Partners, de Steven Spielberg. A plataforma streaming de filmes e séries Netflix conseguiu um acordo com a …

Abel Ferreira tem (mais) um problema no Palmeiras

Patrick de Paula, que Jorge Jesus gostaria de ter no Benfica, foi apanhado numa festa. O mesmo jogador protagonizou um episódio insólito contra o América Mineiro. Patrick de Paula envolveu-se em dois problemas no Palmeiras, no …

Bebé mais prematuro do mundo celebra primeiro aniversário. Tinha 0% de probabilidade de sobreviver

As probabilidades de sobrevivência eram nulas, mas Richard superou todas as expectativas e, passado um ano, celebrou o seu primeiro aniversário. Fica na história como o bebé mais prematuro de sempre a sobreviver, de acordo …

Lula da Silva absolvido em caso sobre alegados favorecimentos ao setor automóvel

A justiça brasileira absolveu esta segunda-feira o ex-presidente do Brasil Lula da Silva, o ex-ministro Gilberto Carvalho e outros cinco acusados numa das ações da operação Zelotes, que investigava alegados favorecimentos a empresas do setor …

Ucrânia 0 - 1 Áustria | Ambição de Foda garante segundo lugar

A Áustria qualificou-se hoje para os oitavos de final do Euro2020 de futebol, marcando encontro com a Itália, ao vencer a Ucrânia por 1-0 e conquistar o segundo lugar do Grupo C. Um golo de Christoph …