Matemáticos apontam possível local da queda do MH370

Usando um modelo matemático complexo, cientistas americanos revelam mais um lugar onde poderia ter caído o Boeing 777 da Malaysia Airlines.

O Boeing 777 da Malaysia Airlines, que desapareceu em 8 de março de 2014 no trajeto de Kuala Lumpur para Pequim com 239 pessoas a bordo, poderia ter caído a norte da região onde foi concentrada a maioria dos esforços de busca, informou a revista Chaos.

Uma nova abordagem matemática para analisar como os destroços de um avião se movem pelo oceano poderia servir para desvendar um dos maiores mistérios da aviação. Usando esse novo método matemático, conhecido como modelo de cadeias de Markov, uma equipa internacional de cientistas reduziu o local onde poderia ter caído o avião.

O modelo de Markov refere-se a uma série de eventos, na qual a probabilidade de um evento acontecer depende de como decorreu o evento anterior. Esse tipo de cadeias foi usado para melhorar os algoritmos de busca do Google, assim como em modelos do mercado financeiro, revelou o Instituto Americano de Física, que realizou estudo.

Os cientistas utilizaram dados de satélites para monitorizar boias esféricas movidas pelas correntes oceânicas, ondas e ventos ao longo do tempo, para simular para onde flutuariam os restos do avião. Uma das dificuldades é que até agora muito poucos destroços do avião foram encontrados no mar.

A variação sazonal no oceano Índico também exigiu que a equipa desenvolvesse três modelos separados para prever com precisão o movimento de destroços durante a pesquisa. Após a análise, a área de busca estimada pelos cientistas varia de 33 a 17 graus de latitude sul no arco do satélite Inmarsat que detetou pela última vez o voo MH370.

Esta área está localizada a norte da última área de busca recomendada pela Organização de Ciência e Pesquisa Industrial da Commonwealth.

O desaparecimento do voo MH370 aconteceu no dia 8 de março de 2014, quando voava de Kuala Lumpur para Pequim com 239 passageiros a bordo. Em 2015, um fragmento da asa do avião foi descoberto a leste de Madagáscar, na ilha francesa de Reunião, e confirmado como proveniente do Boeing 777.

Enquanto que, em julho de 2018, investigadores malaios emitiram um longo relatório, dizendo que o Boeing terá sido provavelmente desviado da rota de propósito, mas não conseguiram encontrar o responsável.

Em maio do ano passado, o programa australiano 60 minutos reuniu um painel de especialistas que acredita ter desfeito o mistério do desaparecimento do Boeing 777 da Malaysia Airlines.

Os especialistas revelaram que a tese mais plausível seria a de que o piloto do voo MH370, Zaharie Ahmad Shah, de 53 anos terá sido o responsável pelo desaparecimento da aeronave que culminou na morte de todas as 238 pessoas que seguiam viagem ali, num ato “planeado, deliberado”.

A teoria a que estes especialistas chegaram agora aponta então para o suicídio do piloto, antecedido por um ato premeditado de homicídio em massa. Para isso, Zaharie terá provocado a despressurização da cabine, deixando todos os ocupantes inconscientes, à exceção do próprio piloto que usaria uma máscara de oxigénio. De acordo com a teoria, o piloto desligou o sistema de comunicação deliberadamente.

Buscas subaquáticas e de superfícies na parte sul do oceano Índico foram realizadas durante três anos pela Malásia, China e Austrália. Foram gastos mais de 125 milhões de euros.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

O cometa interestelar 2I/Borisov partiu-se em dois

O cometa interestelar 2I/Borisov, o primeiro do seu tipo a ser descoberto em agosto do ano passado, começou a dividir-se em duas partes na semana passada. As imagens contínuas do telescópio espacial Hubble do objeto interestelar …

Estudo estima 471 mortes em Portugal até agosto (e que o pico foi atingido a 3 de abril)

De acordo com as estimativas do estudo, cerca de 151.680 pessoas vão morrer na Europa durante a "primeira vaga" da doença. Um estudo divulgado esta terça-feira nos Estados Unidos estima que a covid-19 venha a provocar …

Mais de metade da população mundial está fechada em casa

Mais de metade da população mundial (52%) está atualmente confinada nas suas casas por ordem das autoridades para combater a propagação da doença covid-19. Segundo um balanço feito pela agência France Fresse (AFP), mais de quatro …

Documentário da Netflix reacende debate sobre os milhares de tigres em cativeiro nos Estados Unidos

A minissérie documental da Netflix "Tiger King: Morte, Caos e Loucura" veio reacender o debate sobre os grandes felinos que estão em cativeiro, frisando que há cerca de 10.000 espécimes nestas condições nos Estados Unidos. …

Luciano venceu a covid-19 aos 100 anos. Teve direito a bolo, a um desenho e a uma alta hospitalar

Luciano Marques da Silva completou 100 anos no hospital de São João, no Porto, onde se encontrava hospitalizado devido à infeção por covid-19. Depois de dez dias de internamento, conseguiu vencer e recebeu alta. No dia …

Geneinno S2, a scooter subaquática que o impulsiona entre as ondas

Há dois anos, foi anunciada a Trident, uma scooter subaquática fabricada pela startup chinesa Geneinno. Agora, a empresa lançou um modelo mais barato e portátil, conhecido como Geneinno S2. O Trident - ou Geneinno S1 - …

WhatsApp restringe opção de reencaminhar mensagens para evitar desinformação

A rede social anunciou que vai passar a restringir o reencaminhamento de mensagens para tentar diminuir a disseminação de informação falsa sobre a pandemia de covid-19. De acordo com a revista Newsweek, a partir desta terça-feira, …

"Mostre-me a sua identificação." Na Tunísia, um robô pergunta às pessoas por que não estão em casa

Nas ruas de Túnis, a capital da Tunísia, um robô não pilotado aborda as pessoas na rua e pergunta-lhes por que não estão em casa, exigindo-lhes um documento de identificação. A Tunísia está em confinamento obrigatório …

Putin não quer repetir os erros dos outros países

Vladimir Putin diz que "o pico da epidemia ainda não foi superado", mas garante que tem "em consideração as experiências positivas e negativas de outros países". O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, alertou esta terça-feira para …

É possível fazer uma máscara de tecido em apenas alguns segundos

O cirurgião-geral norte-americano Jerome Adams disse que as máscaras faciais de pano podem ser feitas a partir de utensílios domésticos comuns. No início do mês, Jerome Adams, cirurgião-geral dos Estados Unidos, deixou um aviso ao público …