Nem marteladas nem acordo conseguiram tirar os moradores do Prédio Coutinho

O presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, José Maria Costa, anunciou na tarde desta sexta-feira não ter chegado a acordo com os últimos moradores do prédio Coutinho, mas referiu que as negociações estão a decorrer bem no sentido de um eventual entendimento.

José Maria Costa falava aos jornalistas à saída de uma reunião com os residentes dos seis apartamentos do Edifício Jardim (Prédio Coutinho), no mesmo dia em que se iniciaram os trabalhos para a demolição do edifício habitacional de 13 andares.

No prédio Coutinho estão ocupados quatro apartamentos no Bloco Poente e dois no Bloco Nascente, onde José Maria Costa se deslocou, acompanhado por responsáveis da empresa VianaPolis, e escoltado por vários agentes do Comando Distrital da PSP de Viana do Castelo. O autarca anunciou que, entre as seis casas ainda ocupadas, está em fase de “pré-acordo” com um casal de ex-emigrantes em França, Fernando e Fernanda Rocha.

“Alguns moradores estão mais renitentes, mas pelo menos eu fiquei com a consciência de que fiz tudo, tudo, o que estava ao nosso alcance para que as pessoas saiam a bem e, sobretudo, a VianaPolis quer que as pessoas saiam com dignidade e por isso mesmo nós vamos continuar a reunir com os advogados dos moradores”, disse o socialista ao jornal Sol.

A filha do casal de ex-emigrantes, Manuela da Cunha, acompanhou a visita do presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo e declarou que “ainda não há acordo”, mas que “está quase”. Manuela da Cunha elogia ainda o facto de o autarca ter aceitado o desafio de se deslocar ao prédio Coutinho.

Os operários começaram a realizar a demolição junto aos apartamentos e o procedimento não está a ser feito de acordo com o que havia sido anunciado. “[A demolição está a ser realizada] por cima e por baixo dos únicos apartamentos que estão ocupados, é para pressionar as pessoas a saírem de qualquer maneira”, afirmou Raimundo Correia, filho de Agostinho Correia, de 88 anos, que é o habitante mais idoso do edifício.

Esta manhã de sábado, de acordo com o Observador, está tudo calmo no local. Entraram seis garrafões de água no prédio. Há um dia e meio que não entrava água.

Na sexta-feira, o ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, disse que os moradores do prédio Coutinho, têm de sair do edifício e refere que os “abusados” no processo são os poderes públicos. O governante relembrou que os moradores perderam em tribunal todas as ações que interpuseram para impedir a demolição do edifício e que esta está prevista há 19 anos. Segundo João Matos Fernandes, os moradores têm “casas à espera deles”.

O prazo para os moradores abandonarem as suas casas terminou na segunda-feira, mas vários ainda se recusam a entregar as chaves do seu apartamento. Os habitantes estão a viver há quatro dias sem água e há três dias sem gás, depois de ter sido dada a ordem para o corte. Na quarta-feira, um médico visitou os moradores, a pedido do advogado, e alertou para existência de um “problema de saúde pública” no prédio.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Obrigado aos moradores que estão a impedir a demolição de um simbolo de uma referencia, de um prédio que caracteriza uma cidade.
    Obrigado aos moradores porque estão a impedir os gastos desnecessarios numa demolição. Deviamos ser nós todos a impor-nos contra essa demolição, afinal isso custa uma “pipa” de massa a um país tão pobre e com tantos impostos.
    Deviamos ser nós a impor-nos contra esta demolição tambem para evitar os problemas ambientais que essas obras acarretam.
    Deviamos ser nós a impor-nos contra esta demolição porque afinal o que estão a fazer contra os moradores, é no fim a fazer contra nos todos. Demolir o prédio coutinho significa derrubar ainda mais o nosso país que já está tão debilitado.

    Isto já vem do tempo do Eng. Socrates e vem mal. Queiram os que estão agora com esta questão em mãos reflectir e retrocedam. Vianapolis admitam o erro que tem estado a cometer e saem desta situação de forma honrada. Deixem habitar de novo o prédio coutinho, usem o dinheiro da demolição para os sem abrigos, para os hospitais, centros de saude, segurança social, para ajudar as vitimas dos incendios… É uma lista interminavel de carencias.

    A camara municipal cuja funcao devia ser a de preservar o predio coutinho tem uma atitude completamente oposta.

    O que era expectavel da camara municipal, era impedir a demolicao daquele edificio no caso dos proprietarios o pretenderem demolir… Mas anda tudo ao contrário.

    Cortar a agua a moradores, nao os deixar sair nem entrar na sua habitacao, cortar electricidade, isto é usar de tortura. Parem por favor enquanto é tempo.

RESPONDER

Qual o tamanho mínimo para que um planeta possa ser habitável? Cientistas responderam

Uma equipa de cientistas de Harvard revelou o tamanho crítico abaixo do qual um planeta nunca pode ser habitável, mesmo que esteja numa área com uma distância à sua estrela que permita a existência de …

Criatura com "cabeça de canivete suíço" deu origem aos escorpiões e às aranhas

Encontrada no Canadá, esta nova espécie de fóssil provou ser o quelicerado mais antigo, situando a origem dos escorpiões e das aranhas há 500 milhões de anos. Com o tamanho de um dedo polegar, olhos em …

Benfica 2-0 Gil Vicente | "Águia" q.b. bate minhotos aguerridos

O Benfica cumpriu frente ao Gil Vicente, no Estádio da Luz, e venceu por 2-0, com um golo a fechar a primeira parte e outro a abrir a segunda. A formação “encarnada” sentiu muitas dificuldades para …

Há cidades que, em 2050, vão ser quentes demais para se visitar

Em 2050, há cidades que vão ser vítimas do flagelo das alterações climáticas. As altas temperaturas vão impedir que os turistas explorem cada recanto destas metrópoles. Os efeitos das alterações climáticas são cada vez mais visíveis.. …

As legislativas não se ganham nas sondagens, alerta Costa

Após ter sido divulgada mais uma sondagem este sábado, António Costa afirmou que as eleições não se ganham nas sondagens e apelou para a mobilização de modo a garantir a vitória. O secretário-geral do PS, António …

Prémios IgNobel: uma máquina para mudar fraldas e uma pizza anticancro

Os vencedores da 29.ª edição dos prémios IgNobel foram anunciados na quinta-feira, na Universidade de Harvard, no Estado norte-americano do Massachusetts. Os prémios IgNobel - uma paródia dos prémios atribuídos pelas academias suecas e norueguesa - …

Atriz Felicity Huffman condenada a 14 dias de prisão

A atriz de "Donas de Casa Desesperadas" foi ainda multada em 30 mil dólares e terá de cumprir 250 horas de serviço comunitário. Depois de cumprido o tempo de prisão, Felicity Huffman ficará um ano …

Casa Branca confirma morte de um dos filhos de Osama Bin Laden

Hamza Bin Laden, que teria cerca de 30 anos, era um dirigente destacado da al-Qaeda. “A morte de Hamza Bin Laden priva a al-Qaeda das suas relevantes capacidades de liderança e da ligação simbólica ao …

Portugal perde na Taça Davis frente à Bielorrússia

Pedro Sousa, colocado em 123.º no 'ranking' ATP, perdeu por 3-2 contra a Bielorrússia, na eliminatória do Grupo I da Zona Europa/África da Taça Davis. Este sábado, o tenista Pedro Sousa foi derrotado no último encontro …

Governo abre mais de 2000 vagas para estágios na Administração Local

Há mais de 2000 estágios para atribuir em todo o país e as candidaturas estão abertas até 11 de outubro. Norte e Centro lideram o número de vagas. Na quarta-feira, foi divulgado, em Diário da República, …