VianaPolis acorda “expropriação amigável” com proprietário de casa no prédio Coutinho

Abel F.Dantas / ZAP

A VianaPolis acordou a “expropriação amigável” com o proprietário de uma fração no prédio Coutinho, em Viana do Castelo, onde permanecem sete pessoas, em cinco casas, que aguardam o desfecho da providência cautelar que travou a desconstrução do edifício.

Fonte da sociedade que gere o programa Polis de Viana do Castelo adiantou que aquela “habitação integrava um conjunto de seis frações, pertencentes a cinco proprietários” que, em junho, a VianaPolis tentou despejar na sequência de uma decisão do Tribunal Administrativo e Fiscal de Braga (TAFB) que declarou improcedente a providência cautelar movida pelos últimos moradores do edifício, em março de 2018.

No entanto, aqueles moradores recusaram sair e, em julho, o mesmo tribunal aceitou uma nova providência cautelar e suspendeu os despejos e a desconstrução do edifício. A contestação à habilitação de herdeiros da mulher de um dos moradores no prédio, que morreu em julho, continua a atrasar o desfecho daquele processo judicial.

Em comunicado enviado esta terça-feira à imprensa, a VianaPolis explicou que com o acordo, “recentemente firmado, a fração em causa fica propriedade plena da VianaPolis e como tal totalmente libertada”.

“Com este acordo, homologado pelo tribunal competente, a VianaPolis desiste da ação cível de indemnização que intentou que apresentou contra estes expropriados, mantendo-as para os restantes ocupantes do Edifício Jardim”. A VianaPolis destaca ainda ser a “titular de todas as frações, quer por acordos amigáveis quer por adjudicações judiciais”.

Em janeiro, a VianaPolis interpôs uma ação de responsabilidade civil contra os “ocupantes” do prédio para ser ressarcida de 845.197,80 euros pelo adiar da desconstrução do edifício.

A ação deu entrada no dia 14 no tribunal judicial de Viana do Castelo, na sequência da “não entrega voluntária das chaves das frações, o que deveria ter ocorrido após a posse administrativa e, de modo ainda mais evidente, após a propriedade das frações ter sido judicialmente adjudicada à VianaPolis”.

Anteriormente à Lusa, fonte da sociedade justificou aquela ação com a “ocupação ilegal” das frações do edifício de 13 andares que “obrigou a nova prorrogação do prazo de vida da VianaPolis, por mais um ano”. “A ação judicial dará entrada até final de Janeiro reclamando uma indemnização por todos os custos associados à desobediência das decisões judiciais”, sustentou na altura a fonte da sociedade.

A 5 de julho do ano passado, em declarações aos jornalistas, em Viana do Castelo, o ministro Matos Fernandes disse que os últimos moradores no prédio Coutinho iriam ser processados pelos custos causados ao Estado, desde outubro de 2016, com o adiar da desconstrução do edifício. Matos Fernandes adiantou que a sociedade VianaPolis “custa cerca de 30 mil euros por mês”.

Além daquela ação, os últimos moradores começaram a ser ouvidos, em dezembro, no âmbito de uma queixa-crime interposta, em junho último, pela sociedade, por “ocupação ilegal de bem público”.

Nesse mês, a VianaPolis iniciou o despejo “de seis frações”, na sequência de uma decisão do Tribunal Administrativo e Fiscal de Braga (TAFB) que declarou improcedente a providência cautelar movida em março de 2018.

No entanto, aqueles moradores recusaram sair e, em julho, o mesmo tribunal aceitou uma nova providência cautelar e suspendeu os despejos e a desconstrução do edifício.

O edifício Jardim, localmente conhecido como prédio Coutinho, tem desconstrução prevista desde 2000, ao abrigo do programa Polis, mas a batalha judicial iniciada desde então pelos moradores tem vindo a travar o processo.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

O anonimato de Banksy teve um custo. Perdeu os direitos sobre uma das suas obras mais icónicas

O famoso artista de rua britânico Banksy perdeu uma longa batalha judicial pelos direitos autorais da obra "The Flower Thrower", contra a Full Colour Black, empresa que produz postais de felicitações. Banksy, o misterioso artista que, …

Reino Unido e Espanha aumentam restrições. Itália e Alemanha com quase dois mil casos

Madrid restringe movimentos de 850 mil pessoas, Itália regista um aumento dos casos de infeção nas últimas 24 horas, britânicos enfrentam novas restrições no país e Alemanha com dois mil novos casos de covid-19. A região …

Trump novamente acusado de assédio sexual. "Enfiou a língua na minha garganta", disse Amy Doris

O Presidente dos EUA, Donald Trump, foi acusado esta quinta-feira de agressão sexual por uma ex-modelo, num episódio que alegadamente terá ocorrido num torneio de ténis, em 1997. A ex-modelo Amy Dorris relatou ao jornal britânico …

Ventura pondera suspender mandato para se dedicar à campanha presidencial

O presidente do Chega afirmou hoje que o seu partido "está a analisar" no plano jurídico a questão da suspensão temporária do seu mandato de deputado para se dedicar às campanhas dos Açores e presidenciais. Em …

Schumacher está em estado vegetativo e dificilmente recupera, avisa neurologista

Um neurologista ouvido num documentário da RMC Sport diz que o ex-piloto de Fórmula 1 Michael Schumacher está em estado vegetativo e dificilmente recuperará. Já passaram quase sete anos desde que Michael Schumacher sofreu um acidente …

Processos com acórdãos a meias entre Rangel e Galante estão em risco

Durante dez anos, centenas de acórdãos do Tribunal da Relação de Lisboa foram feitos a meias entre Rui Rangel e Fátima Galante. Agora, esses processos estão em risco. A Procuradoria-Geral da República anunciou esta sexta-feira a …

Espanha. Jovem é esfaqueado após alertar para o uso de máscara

Três homens foram detidos em Madrid sob suspeita de terem esfaqueado um jovem que chamou a atenção de um deles por não usar máscara no interior de uma mercearia. Espanha é dos países do mundo mais …

Dez apostas que podem despontar o seu talento na Liga NOS

Nos últimos anos, dificilmente se encontra um mercado de Verão tão interessante como este. Contra todas as expectativas, dado que a pandemia trouxe alguma incerteza, os clubes portugueses têm investido mais e melhor, desde o …

Mulher morre devido a um ataque de ransomware a um hospital na Alemanha

Uma mulher morreu esta semana devido a um ataque de ransomware direcionado ao sistema operativo de um hospital em Duesseldorf, na Alemanha. Segundo as autoridades alemãs, a mulher precisava de cuidados médicos urgentes e foi encaminhada …

Portugal está "numa terceira fase de crescimento" da pandemia, avisa epidemiologista

"Estamos numa terceira fase de crescimento" de novos casos de covid-19, garante Baltazar Nunes, epidemiologista do Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge. O número de novos casos voltou a aumentar esta sexta-feira, batendo o recorde …