Explosões no Galaxy Note 7 são causadas por erro de produção

galaxynote7info.com

Samsung Galaxy Note 7

Uma pequena falha na produção do Galaxy Note 7 terá causado o sobreaquecimento e explosões que levaram a Samsung a pedir um recall total dos smartphones. São conclusões preliminares de uma investigação que a fabricante está a fazer ao sucedido.

Esse pequeno erro ocorreu no sistema de manufatura das baterias do Galaxy Note 7, de acordo com o relatório inicial enviado à agência de standards tecnológicos da Coreia do Sul – Korean Agency for Technology and Standards.

A notícia foi avançada pela Blomberg, que teve acesso ao texto da investigação. A agência age como entidade reguladora e responde ao Ministério do Comércio, Indústria e Energia daquele país.

De acordo com o texto, o erro colocou demasiada pressão nas placas contidas dentro das células da bateria, o que provocou um contato entre os pólos positivos e negativos, gerando calor excessivo.

Ainda assim, a Samsung avisa que precisa de investigar mais a fundo para determinar “a causa exata” dos danos na bateria, depois de dezenas de casos de explosão. A investigação procurava erros no desenho das próprias baterias.

A crise, que obrigou a marca a ordenar o recall de mais de 2,5 milhões de unidades, está a  pressionar as ações da empresa – gerando perdas de mais de 2 mil milhões de dólares em poucos dias. As ações já perderam quase 10% do valor, apesar de uma recuperação na sessão de ontem.

“Mesmo antes de finalizarmos nossa investigação, planeamos estabelecer a melhor forma de dar apoio aos nossos clientes”, disse a companhia no relatório enviado à agência.

“Estamos a investigar o problema da bateria em cooperação com as fabricantes de baterias”, acrescenta a empresa.

A Bloomberg cita uma fonte anónima segundo a qual a Samsung SDI Co. é a principal fornecedora das baterias do Galaxy Note 7.

Entretanto, diversos reguladores e companhias aéreas, entre as quais a portuguesa TAP, avisaram os consumidores para pararem de usar o telemóvel imediatamente.

A TAP juntou-se às companhias aéreas a proibir a utilização do Galaxy Note 7, procurando evitar explosões acidentais dos smartphones a bordo dos seus aviões, tendo publicado no seu site diretrizes sobre o uso do smartphone em voo.

Recall em curso

A Samsung vai disponibilizar novos Galaxy Note 7 com baterias melhoradas já na próxima semana, a partir de 19 de setembro.

Mas esta crise chega num momento crítico.

O telemóvel até obteve críticas excelentes e chegou ao mercado numa altura estratégica, algumas semanas antes do novo iPhone 7, da Apple.

Agora, analistas e investidores questionam-se sobre o impacto das explosões junto da mentalidade do consumidor e para a reputação da marca.

As ações da Samsung começaram entretanto a a afundar-se. Depois de ter perdido 10 mil milhões de euros em bolsa num só dia, as perdas chegam já aos 22 mil milhões de euros.

E enquanto a Samsung suspendeu as vendas e continua a recolher os equipamentos, a Apple prepara-se para lançar o novo iPhone 7, já esta sexta-feira, em vários países do mundo.

ZAP / B!T

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Barack Obama vai publicar um livro de memórias (mas só depois da eleições de novembro)

O livro de memórias do antigo Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, só vai ser publicado depois das eleições presidenciais de novembro. Uma enxurrada de livros políticos chegou às prateleiras nas últimas semanas, no final da …

Confrontos em Londres entre polícia e opositores das restrições devido à pandemia

A polícia de Londres, Inglaterra, entrou hoje em confronto com manifestantes que protestavam contra as restrições que visam conter a disseminação do novo coronavírus. De acordo com a agência Associated Press (AP), os confrontos ocorreram quando …

Milhares infetados por bactéria após fuga em fábrica farmacêutica chinesa

Milhares de pessoas no noroeste da China contraíram uma doença bacteriana depois de uma fuga que causou um surto numa biofarmacêutica no ano passado. De acordo com a CNN, que cita relatos dos media locais, mais …

Guardas da Revolução do Irão prometem vingar morte do general Soleimani

O chefe dos Guardas da Revolução, o exército ideológico do Irão, garantiu hoje que a morte do general Qassem Soleimani, alvo de um raide aéreo dos Estados Unidos, será vingada em “todos os seus implicados”. “Senhor …

"O mundo está no momento mais perigoso da história humana", diz Noam Chomsky

O professor norte-americano Noam Chomsky, conhecido como o pai da linguística moderna, advertiu que o mundo está no momento mais perigoso da história da humanidade devido à crise climática, à ameaça de guerra nuclear e …

Portugal com 849 novas infecções por covid-19. Há 20.722 casos activos

Portugal registou 849 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, mantendo-se a tendência de subida verificada nos dias anteriores. Mas o número de pacientes recuperados também não era tão alto desde Julho. O boletim da …

A Grândola Vila Morena abafou "a maior marcha alguma vez vista" do Chega

Com a Praça do Giraldo, em Évora, dividida por barreiras anti-motim, os participantes da concentração "Pela Liberdade" receberam os apoiantes do Chega de André Ventura ao som de "Grândola Vila Morena" e empunhando cravos vermelhos …

Pandemia assola Irão. EUA com mais 888 mortos. 19 países europeus bateram recorde de casos

Naquele que é o número mais elevado de casos diários desde abril, a Alemanha registou 2.297 novos contágios, 19 países europeus já ultrapassaram o recorde de casos do pico da pandemia. O Irão ultrapassou as …

Rangel "é um turista do carago". SMS atestam que Vieira usou Benfica em "benefício pessoal"

Luís Filipe Vieira é um dos acusados da Operação Lex, com o Ministério Público (MP) a alegar que o presidente do Benfica utilizou o clube em "benefício pessoal" para obter uma cunha do juiz Rui Rangel. O …

Farmácias em risco de não ter vacinas da gripe para tantos pedidos

As farmácias privadas receiam não ter doses suficientes de vacina contra a gripe para dar resposta a todos os pedidos. As encomendas da vacina já sãocinco vezes mais do que as registadas em 2019. A preocupação …