Dizer que Tancos é conspiração “é sinal de desespero”

Carlos Barroso / Lusa

No seu comentário semanal da SIC, Marques Mendes falou do caso Tancos, grande tema nacional. Para o comentador, foi “muito mau” para as Forças Armadas, para o Governo, para António Costa e para o Partido Socialista.

“O Partido Socialista dizer que isto é conspiração do Ministério Público (MP) não faz sentido e é mesmo um gesto de delírio e sinal de desespero. Toda a gente sabe que o MP não tinha alternativa a fazer esta acusação em campanha eleitoral, há prazos legais a cumprir, há arguidos presos, tinha de ser”, disse Marques Mendes. “Se o PS quiser queixar-se não é do Ministério Público [que se deve queixar], é do comportamento do seu ex-governante”, Azeredo Lopes, apontou o antigo líder do PSD .

Também as Forças Armadas, acrescentou Marques Mendes, “queixam-se que são desprestigiadas” mas aqui “foram as responsáveis” por uma situação que “acrescenta desprestígio ao desprestígio”. “Só se podem queixar delas próprias”, concluiu.

O processo judicial também afeta o Governo, por ter tido um ex-ministro da Defesa que “não falou completamente verdade ao Parlamento, terá omitido questões essenciais ao primeiro-ministro [PM] e terá compactuado numa tramóia, segundo o que consta da acusação”, disse, citado pelo Observador.

O caso afeta António Costa, mesmo que o primeiro-ministro não tenha estado a par do processo de recuperação ilegal das armas, defendeu Marques Mendes. Afinal, num primeiro plano, foi o líder socialista “quem escolheu Azeredo Lopes” para ministro da Defesa. Acresce que “ainda não teve uma palavra para criticar ou pelo menos para se demarcar. Deveria ter dito: ‘se for verdade, é inaceitável’. Deu cobertura”.

Governo PS-PAN é “provável”, mas “tipo queijo limiano”

Relativamente à campanha eleitoral e às sondagens recentes, que mostram uma aproximação do PSD ao PS, Marques Mendes diz que esta subida favorece os dois grandes partidos – por fomentar a ideia de voto útil e por dar a impressão de que nada está decidido -, mas prejudica os pequenos partidos.

O comentador disse que um Governo minoritário do PS com “acordo de incidência parlamentar feito com o PAN”, caso os dois partidos elejam pelo menos 116 deputados, será uma solução que “talvez possa ser muito provável”, porque “para o PS é uma solução baratinha — não tem de dar grandes concessões — e provavelmente o PAN também gosta”.

Porém, não seria era um Governo credível. “Faz-me lembrar até um Governo tipo queijo limiano, pouco credível e pouco consistente

Uma nova geringonça é o cenário “mais difícil”, mais improvável, antevê Marques Mendes. “O quadro que se vive vai ter uma fatura muito elevada para o PS. O PCP, podendo esvaziar-se nas urnas, vai querer compensar com exigências fortes. O BE vai tentar vingar-se, impor um caderno reivindicativo muito pesado, tentar fazer a vida negra ao PS”.

Discurso de Greta Thunberg “quase a tocar no fanatismo”

O antigo líder do PSD e atual Conselheiro de Estado diz acompanhar as “intervenções” de Greta Thunberg, adolescente e popular ativista climática, e por isso não ter dúvidas das suas “retas e boas intenções”.

No entanto, o discurso desta ativista na Cimeira do Clima foi “demasiado obsessivo, demasiado radical, quase a tocar o fanatismo e o fundamentalismo”, entende Luís Marques Mendes. “Foi exagerado e tudo o que é demais… pode ser autêntica, acredito que seja, mas um discurso tão radical, tão fanático, retira-lhe autenticidade. Os fanatismos nunca são bons”, disse ainda.

Apesar de não ter gostado do discurso da adolescente sueca, Marques Mendes defendeu o “mérito incalculável” de um dos seus feitos. “Em poucos meses, conseguiu fazer o que muitas personalidades e organizações governamentais durante anos não conseguiram: colocar a questão do clima na agenda mundial. O mundo inteiro está a mobilizar-se nesta questão”.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Nada tendencioso…
    Alias, em tempo de campanha estes senhores comentadores e filiados de partidos, deviam ver suspenso o seu habitual tempo de antena que lhes é dado nas televisões.
    Desespero é Rui Rio fazer insinuações caluniosas contra um adversário politico, que são do mais baixo que já vi em politica!

  2. Olha o papagaio mor… quem diria que um anão mafioso (e que nunca diz nada de jeito!) teria tanto tempo de antena!…
    Para relembrar uma das melhores “postas” desse “artista”:
    “Não ter um pingo de vergonha na cara, aula prática”
    youtube.com/watch?v=QeQnAsZaiFE

  3. A mediocridade da Politica e dos seus protagonistas, não deixam duvidas sobre o desinteresse cada vez mais evidente dos Eleitores em cumprirem o direito de voto !!!!……….. O superior interesse das decisões Politicas em termos de Vida Social, ficam por ser debatidas em prol de ataques pessoais neste momento pré- eleitoral . Politica e Políticos Sujos!

RESPONDER

Cabrita fala em "ano terrível" e rejeita alívio de medidas para já

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, fez o balanço de um ano de pandemia em Portugal, admitindo ter sido um "ano terrível" para os portugueses e afastando perspetivas de um alívio de medidas por …

Muçulmanos invadiram a Sicília e revolucionaram o comércio de vinho

Uma equipa de investigadores da Universidade de York encontrou resíduos químicos de uvas em ânforas, um tipo de recipiente medieval, sugerindo um próspero comércio de vinho na Sicília islâmica. Foram ainda encontrados cacos encharcados de vinho …

Com as famílias em dificuldades, escolas alimentam 40% dos alunos que serviam antes do confinamento

Mesmo com as aulas online, as cantinas continuam a trabalhar para alimentar alunos com carências. Só na última semana, as escolas públicas serviram em média 45 mil refeições por dia. O número significa que estão …

2 de março de 2020. Confinamentos, recordes, três vagas e um "milagre" depois

O primeiro caso de covid-19 em Portugal foi registado há, precisamente, um ano. 365 dias depois, o medo esfumou-se, mas a incerteza permanece. A 2 de março de 2020 foram confirmados em Portugal os primeiros casos …

Genoma do urso-das-cavernas sequenciado graças a minúsculo osso com 360 mil anos

Investigadores sequenciaram o genoma do urso-das-cavernas graças a um pequeno osso com 360 mil anos. A história evolutiva deste animal mudou drasticamente. Os ursos-das-cavernas eram enormes ursos herbívoros que vagueavam pela Europa e norte da Ásia …

Um ano após o primeiro caso, Marcelo elogia SNS, mas relembra que a pandemia ainda não acabou

Para o chefe de Estado, ao longo de 12 meses, Portugal "foi-se ajustando à pandemia, umas vezes mais proativamente outras, infelizmente, mais reativamente". Marcelo diz que "é desejável" melhorar a "capacidade de planear e antecipar …

Plano de Recuperação tem alto risco de fraude (e chovem críticas)

Um grupo de reflexão, constituído no âmbito do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), concluiu que o Programa de Recuperação e Resiliência (PRR) comporta um sério risco de fraude e necessita de várias …

Moedas quer unir a direita contra Medina. Objetivo é incluir IL e Aliança na coligação PSD/CDS

Carlos Moedas está a tentar alargar a coligação PSD/CDS para construir uma frente de direita contra o socialista Fernando Medina, atual presidente da Câmara Municipal de Lisboa. O Público avança esta terça-feira que Carlos Moedas, candidato do …

Faz pequenas pausas antes de responder a uma questão? Pode parecer menos sincero

Costuma fazer pequenas pausas antes de responder a uma questão? Este comportamento pode fazer com que a resposta pareça menos sincera e confiável, de acordo com uma nova investigação da American Psychological Association. Segundo a …

Portugal entra no 12.º estado de emergência. Restrições são as mesmas dos últimos 15 dias

Portugal entrou esta terça-feira no 12.º período de estado de emergência para conter a pandemia da covid-19, mas mantendo, até 16 de março, as mesmas regras que vigoraram nos últimos 15 dias em território continental. O …