Ministro da Defesa falhou entrega de documento sobre Tancos

EU2017EE / Flickr

O ministro da Defesa Nacional, José Azeredo Lopes

Em janeiro, o ministro da Defesa prometeu entregar no Parlamento um dossier sobre Tancos. No entanto, o dossier ainda se “encontra-se em preparação”, de acordo com um assessor do ministro.

Até hoje, o Parlamento ainda nada sabe sobre as medidas que foram tomadas a seguir ao roubo de material militar em Tancos.

Em janeiro, Azeredo Lopes, ministro da Defesa, comprometeu-se a entregar lá um dossier documental com todas as medidas estruturais tomadas com o fim de apurar o que aconteceu em Tancos.

O prazo acabou há sete dias e o dossier ainda não chegou ao Parlamento, porque “encontra-se ainda em fase de preparação“, esclareceu ao Público o assessor do ministro.

De acordo com revelações do gabinete da Defesa, o documento teria informação que seria depois tornada pública e outra, “mais sensível”, que seria classificada. No entanto, o documento não deve ser visto como “uma declaração formal do encerramento do caso”.

No início de fevereiro, o ministro dizia em entrevista que, da parte do seu ministério, a única coisa que faltava era a entrega do referido dossier.

“Falta aquilo a que me comprometi: um dossier em que, de forma sistemática, se descreva o que já se sabe quanto ao que aconteceu. Repito, sem nunca interferir na investigação criminal quanto à autoria, cumplicidade e comparticipação, sabendo que esse elemento é absolutamente decisivo para conseguir compreender o que aconteceu”, dizia na altura.

Na semana passada, Marcelo Rebelo de Sousa desafiou as Forças Armadas a irem “mais longe e a fundo” na investigação relativa ao assalto a Tancos, durante a cerimónia de tomada de posse do novo chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas, o Almirante António Maria Mendes Calado.

Sem se referir diretamente ao furto de armas em Tancos, em junho de 2017, o Presidente da República falou em “casos que conhecemos bem” para frisar que o “apuramento pelas estruturas internas” permitiu “identificar omissões, insuficiências, erros estruturais antigos, propor e decidir mudanças imediatas de procedimento, detetar falhas individualizadas, concretas e punidas”.

O assalto a Tancos aconteceu em junho do ano passado e foram roubadas 120 granadas ofensivas e 1500 munições de calibre 9 mm – apenas autorizado a forças de segurança e militares -, 20 granadas de gás lacrimogéneo, 44 lança-granadas e quatro engenhos explosivos “prontos a detonar” das instalações militares dos Paióis Nacionais de Tancos.

Em outubro, o armamento foi recuperado na Chamusca. Junto ao material estava uma caixa de petardos que não tinha sido dada como desaparecida.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. O melhor é varrer todo este triste episódio de Tancos para debaixo do tapete.
    Esta novela foi ridícula, apalermou este ministro e o primeiro-ministro e revelou que com este governo estamos…desgovernados.

Luanda Leaks. Mário Leite Silva renuncia à presidência do Banco de Fomento Angola

O presidente do Conselho de Administração do Banco de Fomento Angola (BFA), Mário Leite Silva, gestor de Isabel dos Santos, renunciou ao cargo, com efeitos a partir de 22 de janeiro. A informação foi transmitida …

Tempestade “Glória” faz pelo menos nove mortos em Espanha

Pelo menos nove pessoas morreram e outras quatro estão dadas como desaparecidas em Espanha na sequência da passagem da tempestade “Glória”, intempérie que atinge o país desde o passado fim de semana. As autoridades confirmaram cinco …

Há um "milagre da multiplicação" dos votos que os deputados querem travar

Todos os partidos concordam: é preciso travar o "milagre da multiplicação" dos votos na Assembleia da República. Estabelecer regras objetivas para o fazer é o mais complicado. Os deputados começaram esta quarta-feira a discutir como “regrar” …

Pensões entre 877 e 2600 euros têm aumento mínimo de 6,14 euros

Os pensionistas que ganham entre 877,6 e os 2558 euros brutos por mês vão ter aumentos acima dos 0,24% que inicialmente se calculou com base na taxa de inflação (sem habitação) apurada até novembro do …

PCP quer travar "ameaça de despejos" no final deste ano

O PCP entregou uma proposta de alteração ao Orçamento do estado para 2020 para manter congeladas as rendas antigas, quando os locatários tenham um rendimento inferior a cinco salários mínimos nacionais. O PCP quer manter congeladas …

CDS/Congresso: Carlos Meira disponível para acordo que vença João Almeida

Carlos Meira, candidato à liderança do CDS-PP, admite estar disponível para se unir a Filipe Lobo d'Ávila e Francisco Rodrigues dos Santos para vencer João Almeida e lutar "contra o sistema". Carlos Meira, militante de Viana …

Manuais gratuitos também no privado e no cooperativo. Iniciativa Liberal quer igualdade na Educação

O Iniciativa Liberal (IL) propôs uma alteração ao Orçamento do Estado para 2020 (OE2020) na área da educação, que passa por fornecer manuais escolares gratuitos a todos os alunos da escolaridade obrigatória, quer frequentem o ensino …

Bezos lembra que Governo saudita assassinou um jornalista. ONU pede investigação a pirataria

Dois peritos das Nações Unidas dizem que Mohammed Bin Salman acedeu a informações pessoais de Jeff Bezos para tentar influenciar cobertura do The Washington Post sobre a Arábia Saudita. Depois de uma investigação do The Guardian …

MAI abre inquérito à "atuação policial" no caso da mulher alegadamente agredida por agente da PSP

O Ministério da Administração Interna (MAI) já abriu um inquérito à "atuação policial" no caso da mulher alegadamente agredida por um agente da PSP, na Amadora, de maneira a apurar responsabilidades. "O Ministro da Administração Interna …

Ronaldo volta a marcar e Sarri só tem de agradecer a Dolores por criar um espécime assim

Cristiano Ronaldo leva quatro jogos consecutivos a marcar e mais de 30 golos esta temporada, entre clube e seleção. Sarri disse que o mérito é de Dolores, "por criar uma espécime assim". A Juventus derrotou, esta …