Atuação de Centeno é “preocupante”. Bloco quer que Parlamento tenha de autorizar injeções no Novo Banco

Rodrigo Antunes / Lusa

A coordenadora do Bloco de Esquerda (BE), Catarina Martins

Catarina Martins considerou, esta segunda-feira, “preocupante” que o ministro das Finanças, Mário Centeno, tenha autorizado um empréstimo no valor de 850 milhões ao Novo Banco sem informar o primeiro-ministro.

Em entrevista à TSF Catarina Martins, coordenador do Bloco de Esquerda, disse que era “preocupante” que Centeno tenha autorizado o empréstimo de 850 milhões de euros ao Novo Banco sem informar Costa. Além disso, a líder bloquista diz ser “inadmissível” que a injeção tenha sido feita antes de a auditoria ao banto ter sido concluída.

Catarina Martins revelou que o Bloco vai voltar a levar ao Parlamento uma proposta que já tinha apresentado no Orçamento do Estado para 2020 que impõe “que qualquer injeção no Novo Banco tem de ser previamente aprovada pelo Parlamento”.

Na primeira vez, a proposta foi chumbada com os votos contra do PSD, que apresentaram uma proposta em que os empréstimos superiores a 850 milhões tinham de ser aprovados.  “Agora vejo como o PSD está chocado, mas tem oportunidade de rever a sua posição”, disse Catarina Martins. “Não podemos ter injeções como esta que nem o primeiro-ministro sabia”.

O Novo Banco recebeu, na semana passada, um empréstimo público de 850 milhões de euros. António Costa garantiu que não haveria mais ajudas até que os resultados da auditoria ao banco fossem conhecidos. O primeiro-ministro não sabia da transferência e pediu desculpas pelo engano. O pedido para a transferência terá chegado ao Ministério das Finanças em abril, recebendo o aval do gabinete de Mário Centeno.

Catarina Martins diz que acredita na palavra do primeiro-ministro e desvaloriza o trabalho de Centeno no ministério das Finanças dizendo que “se as contas públicas melhoraram deve-se à economia estar muito melhor por motivos internacionais e por medidas tomadas no país”.

Orçamento suplementar com o Governo

Na entrevista à TSF, Catarina Martins disse que PS “terá alguma tentação” para se juntar à direita para aprovar o orçamento suplementar, mas o Bloco estará disponível para negociá-lo à esquerda. “Não será por falta de disponibilidade do BE que o PS procurará a direita para obter a maioria de que necessita”.

Em relação à TAP, Catarina Martins regista que o “Governo tem dado sinais contraditórios”. A líder bloquista disse que “a direita quer que o Estado injete todo o dinheiro possível nas empresas privadas, mas não mandem nada”.  Para Catarina Martins, “se é o Estado a pagar, deve ser o Estado a mandar”. “Portugal não pode ficar sem a TAP”, alertou.

Para Catarina Martins, a Festa do Avante! é uma “ação política”, mas é também “um festival”. Sobre a possível realização quando todos os outros festivais foram cancelados, a líder diz que tem “dificuldade em perceber quem já sabe hoje como vai ser o primeiro fim-de-semana de setembro”. “É preciso seguir a ciência”, disse.

Em relação ao crescimento do Chega de André Ventura, Catarina Martins diz que existe um fenómeno de populismo em toda a Europa”. A líder do Bloco disse que “quando há precariedade, o desespero é grande”, sendo “fácil o discurso populista que põe os pobres contra os miseráveis”. O discurso de Ventura é um “discurso que a Europa conhece muito bem e que levou à II Guerra mundial”, adverte.

Em relação à resposta à pandemia de covid-19, o Governo “esteve bem” na aprendizagem com outros países das respostas sanitárias, mas diz que “tem faltado uma estratégia para o dia seguinte” nos apoios às empresas e pessoas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Fisco alerta para mensagens falsas enviadas a contribuintes

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) alertou os contribuintes, numa mensagem no portal das Finanças, para o envio de mensagens falsas para o telemóvel nas quais é pedido que se carregue em 'links' que são …

"Pandemia do medo". Crianças brincam cada vez menos e isso pode aumentar a ansiedade

A pandemia assim o obriga. Mais tempo fechadas em salas de aula e sem oportunidades para brincarem com os amigos, as crianças estão cada vez mais sedentárias e isso não é positivo para o seu …

Convívio deve ser limitado às pessoas com quem se vive, apela DGS

A diretora-geral da Saúde apelou aos portugueses, esta segunda-feira, na conferência de imprensa sobre a evolução da pandemia em Portugal, para limitarem os contactos físicos às pessoas com quem vivem. "Ao conviver em presença com familiares …

"Lembranças da Lua." China prepara missão para recolher amostras do solo lunar

A China vai fazer a primeira tentativa desde os anos 70 de ir à Lua recolher rochas. A missão ficará a cargo da Chang'e 5, que será lançada esta terça-feira. A Chang'e 5 vai realizar a …

Hotéis já podem ser usados como escritórios e centros de dia

Os estabelecimentos hoteleiros, de turismo de habitação e resorts já estão autorizados a serem temporariamente usados como escritórios, showrooms e centros de dia, segundo o decreto-lei publicado em Diário da República. O diploma publicado no domingo, …

Bolsonaro critica "ataques injustificados" sobre a desflorestação da Amazónia

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, considerou durante a cimeira virtual do G20, que as críticas sobre o aumento da desflorestação são "ataques injustificados" e "demagógicos" que surgem de países "menos competitivos". “Eu apresento factos, dados …

Dois novos casos de legionella diagnosticados no Grande Porto

Mais duas pessoas foram diagnosticadas com legionella, esta segunda-feira, na região do Grande Porto, elevando para 87 o número de casos identificados desde o início do surto. Fonte da Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-Norte) …

Reformaram-se 1.649 professores este ano. É o valor mais alto desde 2013

Este ano, reformaram-se mais 1.649 professores em Portugal continental. É o valor mais alto dos últimos sete anos. De acordo com o Correio da Manhã, entre janeiro e dezembro deste ano, aposentaram-se 1.649 professores em Portugal …

Já foram assassinadas 30 mulheres este ano, metade por violência doméstica

O Observatório das Mulheres Assassinadas (OMA) contabilizou 30 mulheres assassinadas entre 1 de janeiro e o dia 15 de novembro, 16 das quais em contexto de relações de intimidade, um valor abaixo das 21 registadas …

Netanyahu terá visitado Arábia Saudita (e reunido com Mike Pompeo e o príncipe herdeiro em segredo)

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, terá viajado no domingo em segredo à Arábia Saudita para se encontrar com o príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman, divulgaram esta segunda-feira vários meios de comunicação de Israel. De acordo …