André Ventura arguido por assédio étnico queixa-se de “perseguição a quem pensa diferente”

PSD Loures / Facebook

André Ventura, candidato PSD à Câmara de Loures (ao centro).

André Ventura, vereador da Câmara Municipal de Loures e comentador desportivo, foi constituído arguido por “assédio étnico” e “práticas discriminatórias”, no seguimento de declarações que fez sobre a comunidade cigana. Ele fala em “perseguição a quem pensa diferente”.

O cabeça-de-lista do PSD à Câmara de Loures, nas últimas eleições legislativas, foi constituído arguido após denúncia da Comissão para a Igualdade e Contra a Discriminação Racial devido a uma publicação que fez no seu perfil do Facebook, no passado dia 15 de Novembro de 2017.

“Ainda esta semana uma família de etnia cigana espancou uma enfermeira e um segurança do hospital de Beja. A RTP ficou em silêncio. Quando se deram as agressões de Coimbra, os principais órgãos de informação públicos recusaram-se a referir a etnia dos agressores. Está a tornar-se uma obsessão”, notou André Ventura, cita o jornal i.

Em declarações a este diário, o vereador refere-se “espantado com o enquadramento jurídico, porque fala de discriminação racial e de assédio étnico”.

“Acho que é um ataque violentíssimo à liberdade de expressão“, destaca, falando em “perseguição a quem pensa diferente” e notando que vai argumentar com a “inconstitucionalidade” do processo.

Quanto à publicação do Facebook, André Ventura repara que só pretendeu “falar sobre o assunto para percebermos os problemas específicos que esta comunidade tem”, mas “aparentemente isto também é racismo e não se pode dizer”, lamenta.

O vereador do PSD já tinha sido acusado de racismo em Setembro de 2017, após queixa do Bloco de Esquerda, também depois de declarações que fez sobre a comunidade cigana de Loures. Esse inquérito acabou por ser arquivado.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Se calhar, ele pensa e diz o que muita gente também pensa mas não tem a coragem de dizer. Infelizmente, há uma fobia tão grande em respeitar minorias (o que, em si, até nem é mau), mas, para isso, muitas vezes, desrespeitam-se as maiorias.
    Quem reclama igualdade de direitos, deve aceitar igualdade de deveres e obrigações; ora, o que se verifica quanto à etnia em causa não é bem isso.
    Se todas as pessoas / etnias usassem os “métodos” que pessoas dessa etnia usam em tantas situações e em tantos locais, seria o caos…
    São agressões a médicos, a enfermeiros, a professores, a funcionários de serviços públicos e outros… e até a agentes da autoridade e a seguranças…
    Onde é que vamos parar?
    Embora as generalizações sejam incorrectas, pois também há indivíduos dessa etnia que actuam com urbanidade, em muitos casos o André Ventura tem total razão naquilo que tem vindo a afirmar.

  2. Este gajo é um palerma, mas tem toda a razão no que diz/escreve em relação à ciganada (e a outras “minorias” de parasitas/bandidos)!
    Esta queixa não faz qualquer sentido!!
    Era só o que faltava: não se puder dar opiniões sobre determinado assunto – ainda por cima, apresentando factos!
    Esta “Comissão” não deve ter nada de útil para fazer…

  3. André Ventura tem toda a razão!

    Loures é o concelho com mais rendas de bairros sociais por pagar. A taxa de incumprimento ronda os 40,5%, com uma dívida a rondar os 10.6 milhões de euros. Isto com rendas mensais a rondar os meros 40 euros!!

    O clima de impunidade no concelho de Loures é total.

    Essa Comissão para a Igualdade e Contra a Discriminação Racial é um comité ideológico pago com o dinheiro dos nossos impostos. Outros tal como a CIG. É urgente uma vassourada nestas comissões.

  4. Chega de politicamente corretos. Anda toda a gente com medo de dizer o que quer que seja porque vem logo um iluminado qualquer de uma suposta organização avançar com um processo ! Ciganos são ciganos, brancos são brancos, pretos são pretos e gente parva, essa há de todas as cores. Se é conhecido e sabido que os ciganos são trafulhas e arruaceiros então isso tem de ser dito. Se também os há ordeiros e integrados ? Há sim e a esses também dou o devido crédito.

  5. A geringonça universal .Politica ,Jurídica a pide disto tudo.No passado era Peniche,Cachias etc .Agora já não há um lugar é todo lado.

  6. Acontece exactamente o mesmo quando sao ataques islamicos. Ainda se lembram do homem que disparou no Canadá uma pistola? Tambem ninguem ouviu nos canais portugueses a religiao do mesmo.
    Vivemos em tempos de inicio de censura legalizada basta ver como os artigos da ZAP sao facistas, apenas mostram a facção de extrema esquerda anti-trump, omitindo qualquer noticia positiva pro-direita. Alguém já encontrou a noticia ZAP a mostrar o aumento do PIB nos EUA em 4.1%?

Depois da polémica, Hank Azaria deixa de dar voz a Apu dos "Simpsons"

O ator que dá voz à personagem indiana Apu Nahasapeemapetilon, da série "Os Simpsons", anunciou que vai deixar de o fazer, depois de vários anos de polémica. Segundo a BBC, Hank Azaria anunciou, este fim-de-semana, que …

"Parasite" vence prémio principal do Sindicato dos Atores dos EUA

O filme do realizador sul-coreano Bong Joon-ho venceu, no domingo, o prémio mais importante do Sindicato dos Atores dos Estados Unidos (SAG), tornando-se o primeiro filme em língua estrangeira a receber tal distinção. A comédia negra …

Cientistas criam método inovador para tratamento de lesões agudas da pele

Investigadores do Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) de Coimbra desenvolveram um método “inovador e sensível à luz”, que poderá ser útil no tratamento de lesões agudas da pele. Um grupo de investigadores do CNC …

Elon Musk quer enviar 10 mil pessoas a Marte até 2050

O CEO da Space X, Elon Musk, quer construir cem naves por ano e levar pelo menos dez mil pessoas a Marte até 2050, embora os protótipos das naves espaciais Starship ainda estejam sujeitos a …

Como será um iPhone daqui a um milhão de anos? Artista mostra o impacto de lixo eletrónico

https://vimeo.com/386000590 A exposição The World After Us: Imaging techno-aestethic futures tem instalações onde se pode ver a natureza a tomar conta de telemóveis, computadores, tablets e outros dispositivos, mostrando que dificilmente se desintegrarão nos próximos anos. Os …

Marca japonesa acusada de apropriação cultural por perucas de modelos

A marca japonesa Comme Des Garçons foi acusada de apropriação cultural devido às perucas usadas pelos seus modelos caucasianos num desfile na Paris Fashion Week, em França. De acordo com a BBC, as perucas com tranças …

Índia suspende a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop

As autoridades estatais do estado indiano de Maharashtra decidiram suspender a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop, que iria ligar as movimentadas cidades de Bombaim e Pune. O Governo local decidiu não avançar para …

Regina Duarte inicia "período de testes" na Secretaria da Cultura do Brasil

A atriz brasileira afirmou, esta segunda-feira, que iniciou um "período de testes" na Secretaria Especial da Cultura, pasta que foi convidada a liderar após a exoneração de um governante que parafraseou um discurso nazi. "Nós vamos …

Malásia devolve 150 contentores ilegais de lixo a países desenvolvidos

As autoridades da Malásia anunciaram, esta segunda-feira, que devolveram 150 contentores ilegais de lixo para os seus países de origem e afirmaram que não se querem tornar num "aterro sanitário" dos países desenvolvidos. Os países da …

Vietname contorna Huawei ao desenvolver tecnologia própria para o 5G

O maior grupo de telecomunicações do Vietname vai implementar este ano o 5G com recurso à sua própria tecnologia, contornando os chineses da Huawei, num sinal das implicações geopolíticas da rede de quinta geração. A empresa …