Inquéritos contra André Ventura por discriminação racial arquivados

André Ventura / Facebook

André Ventura, candidato PSD à Câmara de Loures

O Ministério Público arquivou dois inquéritos que tinham sido instaurados contra o candidato do PSD à Câmara Municipal de Loures (André Ventura) pelo crime de discriminação racial, anunciou hoje a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa.

Segundo a PGDL, os inquéritos tiveram origem em participações originadas com o teor de algumas declarações públicas do candidato sobre a comunidade cigana, proferidas em 12 e 17 de julho último ao jornal online Notícias ao Minuto e ao jornal I.

Realizada a investigação e analisada “toda a documentação relevante”, o MP concluiu pela “insuficiência de indícios probatórios da prática do crime de discriminação em função da raça designadamente quanto ao dolo específico e à intenção de ofender a honra, o bom nome da comunidade cigana, dadas as circunstâncias e natureza das declarações e o respetivo objeto factual”.

Segundo adianta a PGDL, o MP concluiu pela “existência de excessos na forma de expressão do candidato à Câmara (de Loures), no modo generalista como colocou a questão”, mas entendeu que tais afirmações “não preenchiam suficientemente todos os elementos típicos do crime denunciado, sendo que acabaram por contribuir para o debate político sobre a exigência de não descriminação das minorias”.

O inquérito foi exclusivamente dirigido pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa. André Ventura foi ouvido a 26 de setembro no Departamento de Investigação e Ação Penal, em Lisboa, a propósito das recorrentes declarações sobre a comunidade cigana do concelho de Loures (distrito de Lisboa), não tendo sido constituído arguido.

Nas declarações, o candidato nas eleições autárquicas disse, entre outros, que há um problema de integração com a comunidade cigana no concelho de Loures e criticou os elementos daquela etnia que “vivem quase exclusivamente de subsídios do Estado”.

Na sequência dessas declarações, o CDS-PP, que apoiava a candidatura de André Ventura a Loures em coligação com o PSD, retirou-lhe o apoio político e a candidatura do Bloco de Esquerda a Loures, encabeçada por Fabian Figueiredo, apresentou uma queixa-crime.

Seria uma mancha para a democracia

“A justiça deu uma garantia de que somos uma democracia moderna, que pode debater estes temas com serenidade como acontece já noutros países europeus”, afirmou esta quinta-feira André Ventura ao jornal i.

Se fosse condenado, seria uma mancha para a democracia“, acrescentou o candidato. “Fico contente de ver este sinal do Ministério Público, que mostra um país capaz de discutir as minorias e uma justiça que não se deixa contaminar pela política”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Polaris Slingshot chega ao mercado com um sistema de transmissão inovador

A nova versão do Polaris Slingshot vem equipado com um sistema de transmissão que mescla a condução do manual com o conforto do automático. Para quem não conhece o Polaris Slingshot, apresentado pela primeira vez em …

Turistas estão a invadir Hallstatt, a aldeia austríaca que terá inspirado "Frozen"

Considerado Património Mundial pela UNESCO desde 1997, Hallstatt, na Áustria, possui apenas 778 moradores e tem uma sequência de casas em estilo alpino. Em 2010, antes do lançamento do primeiro filme da Disney, "Frozen", a cidade …

Teerão vai enviar caixa negra do avião abatido para a Ucrânia

O Irão vai enviar para a Ucrânia as gravações da caixa negra do avião ucraniano que abateu acidentalmente, na semana passada, para que sejam sujeitas a análises adicionais. Hassan Rezaeifer, chefe de investigações de acidentes do …

António Folha já não é treinador do Portimonense

O treinador apresentou a demissão do comando técnico do Portimonense, este sábado, depois de perder na deslocação ao lanterna-vermelha Desportivo das Aves, por 3-0. "Antes de me fazerem qualquer pergunta sobre o jogo, queria transmitir que …

Há pombos cowboys em Las Vegas (e voluntários estão a tentar salvá-los)

Por alguma razão, alguém decidiu colar chapéus vermelhos minúsculos de cowboy em pombos de Las Vegas, nos Estados Unidos. Agora, a equipa do Lofty Hopes Pigeon Rescue está a tentar salvá-los. Há uma missão para resgatar …

Youtube encaminha milhões de utilizadores para desinformação climática

Os algoritmos do YouTube estão a encaminhar milhões de utilizadores de vídeos de empresas para a desinformação sobre as alterações climáticas, através de serviços de publicidade online, de acordo com uma investigação da comunidade virtual …

Paulo Gomes é o novo presidente do Vitória de Setúbal

O ex-vice-presidente, líder da lista D, foi eleito presidente do Vitória de Setúbal para o mandato 2020-2023, com um total de 875 votos. Paulo Gomes, de 50 anos, foi o mais votado das cinco listas candidatas, …

O mercado online de leite materno está a crescer (mas pode ser mau para os bebés)

https://vimeo.com/385229063 Para os pais que querem que o seu filho beba leite materno, mas que não conseguem produzi-lo, a possibilidade de o poder comprar na Internet pode parecer uma boa solução. No entanto, este mercado não …

Regina Duarte convidada para suceder a secretário da Cultura demitido

A atriz brasileira confirmou, na sexta-feira, ter sido convidada pelo Presidente do país para liderar a Secretaria da Cultura do Governo, após a exoneração de Roberto Alvim por ter parafraseado um discurso nazi. "É isso, recebi …

Universidade de Harvard quer criar 127 novos estados nos EUA

A Harvard Law Journal, da Universidade de Harvard, publicou um plano ousado - mas, segundo os autores, completamente constitucional - para salvar a democracia: criar 127 novos e minúsculos estados. Atualmente, todos os estados dos Estados …