Vacinação em Portugal poderá começar no dia 27. Profissionais de saúde são os primeiros a receber a vacina

António Pedro Santos / Lusa

A ministra da Saúde, Marta Temido

A ministra da Saúde anunciou, esta quinta-feira, que a vacinação contra a covid-19 pode começar no dia 27 de dezembro em Portugal e noutros países europeus, com a vacina desenvolvida pela Pfizer/BioNTech.

Em conferência de imprensa após uma reunião com responsáveis do planeamento da vacinação, Marta Temido declarou que a Agência Europeia do Medicamento poderá emitir a 23 de dezembro a autorização condicional de introdução no mercado e que as primeiras doses de vacina poderão chegar a Portugal no dia 26.

Segundo o jornal Público, a ministra da Saúde adiantou que o país irá receber ainda este mês 9750 doses da vacina da Pfizer/BioNTech, com o plano de vacinação a ser iniciado entre os dias 27 e 29 de dezembro.

“Relativamente à questão das quantidades de vacinas, a nossa previsão de entrega colocava a primeira tranche em Janeiro. Temos a mais recente que se materializará ainda no mês de dezembro e, como hoje já está a ser comunicado pela Comissão Europeia, aquilo que os países estimam que possa acontecer é que o calendário de vacinação possa ser alinhado entre todos e começar no dia 27 de dezembro”, afirmou.

Hoje, a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, já tinha anunciado, através da sua conta no Twitter, que a vacinação contra a covid-19 irá começar a 27, 28 e 29 de dezembro em todos os Estados-membros da União Europeia.

O anúncio tinha já sido feito momentos pela Alemanha, mais concretamente pelo ministro da Saúde, Jens Spahn, que, depois da Conferência de Ministros de Saúde do país, anunciou que a vacinação contra o novo coronavírus iria iniciar-se no dia 27.

De acordo com o mesmo jornal, a governante portuguesa também adiantou que, em janeiro do próximo ano, devem ser administradas 312.975 doses, valor inferior ao inicialmente comunicado devido à redução de produção da fabricante (algo que já tinha sido anunciado, esta quarta-feira, pelo coordenador da task-force criada pelo Governo para gerir o plano de vacinação).

Temido explicou que as vacinas que chegam ainda este mês serão destinadas aos profissionais de saúde, “na medida em que são os que nos podem ajudar, na primeira linha, a proteger os restantes”.

“Estamos a ultimar o processo de seleção do grupo que vai ser vacinado com este primeiro lote. Esse grupo respeitará aquelas que são as prioridades clínicas que foram definidas tecnicamente e, face à dimensão deste lote, será focado na componente dos profissionais de saúde, na medida em que são os que nos podem ajudar, na primeira linha, a proteger os restantes”, declarou.

A governante acrescentou que, entretanto, a partir de 4 de janeiro, chegarão ao país mais doses, “cerca de 300 mil vacinas”. Temido quis ainda tranquilizar os restantes grupos prioritários, esclarecendo que não sofrem qualquer alteração.

“A definição de grupos prioritários mantém-se. O que fizemos foi a identificação de um subgrupo para este primeiro lote de vacinas que nos chegará ainda este ano. Em janeiro, iremos continuar a vacinar de acordo com a identificação previamente realizada”, garantiu.

Para além dos profissionais de saúde, estão entre os grupos prioritários as pessoas com mais de 50 anos com patologias associadas e residentes e trabalhadores em lares de idosos.

Questionada sobre o facto de o Exército não ser o responsável pelo transporte das vacinas, a ministra esclareceu que este processo será assegurado por empresas especialmente dedicadas ao setor, devido às “características técnicas próprias” que os materiais exigem.

Na mesma conferência de imprensa, a ministra mostrou-se confiante em todo o processo, apesar de este ser “exigente e novo” para todos.

“O que posso dizer é que os serviços desenvolvidos, quer do Ministério da Saúde quer de outras áreas sectoriais, nos permitem confiar em que será um processo que correrá bem e que contará com o envolvimento dos portugueses que podem ter confiança na sua vacinação”, destacou.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. …se as vacinas não forem todas desviadas para outro país, já que o conceito em que estamos é do maior rasquido da Europa.

    • Há sempre desvio de “bens”, em alturas importantes.
      E o pensamento dos papagaios comunistas é o seguinte:

      “Se não podes ter, não tens.
      Se tenho mais do que tu, apesar de não poder, tenho na mesma.
      Se podes ter, não terás, porque eu posso mais do que tu, mesmo não podendo.”

RESPONDER

Haiti. Viúva do presidente assassinado implica seguranças no crime

Martine Moise, a viúva do presidente haitiano Jovenel Moise — assassinado na sua residência por um comando armado no início de julho — descreveu abertamente o ataque e partilhou as suas suspeitas sobre o crime …

Covid-19. Portugal regista 2.306 novos casos e aumento nos internados

Portugal registou este domingo 2.306 novos casos de infeção por covid-19 e mais oito mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).  Portugal regista este domingo oito mortes atribuídas à covid-19, 2.306 novos casos …

Birmânia. Líder da junta volta a prometer eleições até 2023, seis meses depois do golpe militar

O líder da junta militar birmanesa, no poder desde o golpe de 1 de fevereiro, comprometeu-se novamente a realizar eleições "até agosto de 2023". “Estamos a trabalhar para estabelecer um sistema multipartidário democrático”, disse, este domingo, …

Tóquio2020. Patrícia Mamona conquista medalha de prata no triplo salto (e melhora recorde nacional)

Patrícia Mamona conquistou este domingo a medalha de prata no triplo salto dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, ao conseguir 15,01 metros, novo recorde nacional, arrebatando a segunda medalha por atletas portugueses depois do bronze do judoca …

Trabalhadores da CP e IP iniciam hoje greve ao trabalho extraordinário e feriados

Os trabalhadores da CP - Comboios de Portugal e da Infraestruturas de Portugal (IP) entram este domingo em greve ao trabalho extraordinário e feriados, até 31 de agosto, por aumentos salariais. A greve, convocada pelo Sindicato …

Mesmo longe da Casa Branca, Trump foi o político republicano que mais arrecadou dinheiro em 2021

O ex-Presidente dos Estados Unidos Donald Trump é o político do Partido Republicano que mais arrecadou dinheiro este ano, apesar de ter deixado o cargo a 20 de janeiro, segundo a imprensa local. Os comités políticos …

Marcelo satisfeito com reabertura “sensata”. Alívio das restrições arranca hoje

O levantamento gradual das restrições em função da vacinação contra a covid-19 arranca este domingo com regras aplicáveis em todo o território continental, inclusive o limite de horário de encerramento até às 2h00 para restauração …

Restos mortais de morcego-vampiro podem desvendar mistérios sobre a espécie extinta

A descoberta da mandíbula de um morcego que viveu há 100 mil anos pode ajudar a responder a algumas incógnitas sobre a espécie extinta. Os restos mortais foram encontrados numa caverna na Argentina. De acordo com …

Vacinação de crianças saudáveis está aberta à "livre escolha dos pais"

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, salientou este sábado que as autoridades de saúde não proibiram a vacinação contra a covid-19 para crianças saudáveis, considerando que “esse espaço continua aberto à livre escolha …

Tal como nos humanos, a cafeína ajuda as abelhas a aumentar o foco e a eficácia

Um novo estudo indica que, tal como em muitos humanos, uma injeção de cafeína ajuda as abelhas a manterem-se mais concentradas e a realizarem o trabalho com mais eficiência. Uma equipa da Universidade de Greenwich percebeu …