Tribunal dá razão ao Correio da Manhã contra Sócrates

José Goulão / Flickr

Ex-primeiro ministro e ex-líder do PS, José Sócrates

Ex-primeiro ministro e ex-líder do PS, José Sócrates

O Tribunal Cível de Lisboa deu razão ao Correio da Manhã na sequência da providência cautelar apresentada por José Sócrates, que exigia 250 mil euros devido à investigação jornalística acerca da vida luxuosa do ex-primeiro-ministro em Paris.

De acordo com o Correio da Manhã, o Tribunal absolveu 14 jornalistas, ficando agora o ex-primeiro ministro obrigado a pagar as custas judiciais, no valor de 1.600 euros.

Na ação cível interposta por José Sócrates contra o Correio da Manhã, e contestada pelo jornal, o tribunal confirmou a veracidade de grande parte das notícias referentes a investigações do jornal sobre o processo que envolve o ex-chefe de Governo.

Eduardo Dâmaso, diretor-adjunto do jornal, considera a “sentença histórica” na defesa da liberdade de imprensa.

Algumas das notícias do CM contestadas por Sócrates dão conta da “vida de luxo” do antigo governante em Paris, alegadamente ultrapassando os meios financeiros possuídos pelo socialista, que depois de abandonar o Governo não tinha nenhuma fonte de rendimento.

O jornal publicou que José Sócrates gastava cerca de 15 mil euros por mês. Sete mil euros seriam para a renda, enquanto o restante era gasto em alimentação, propinas, viagens e outras despesas gerais – valores que foram confirmados pelo Tribunal.

José Sócrates não prestou informações sobre quanto pagava de renda, negando apenas o valor de sete mil euros e alegando que o dinheiro provinha da mãe e de um empréstimo de 120 mil euros contraído na Caixa Geral de Depósitos.

No entanto, de acordo com o acórdão do Tribunal Cível citado pelo CM, o juiz José António Capacete sublinha “disparidade entre os seus rendimentos e a vida de luxo que ostentava”, considerando provado que após a saída do governo Sócrates não tinha fontes de rendimento, estava desempregado e sem fortuna conhecida.

No processo interposto por Sócrates, outra alegação era a de que a sua honra tinha sido afetada após a publicação das notícias, à qual o juiz respondeu que quem gere a coisa pública tem “responsabilidades acrescidas” e é “alvo de enorme interesse público” e, por isso, sujeito ao “permanente escrutínio da opinião pública, ao comentário e à investigação jornalística“, devendo estar preparado para que a sua vida seja “fortemente sindicada”.

ZAP

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Não é de Elvas, é de Évora, Zé… Então mas ainda não houve nenhuma acusação contra este gaijo? Dão razão aos jornalistas, confirmam as trafolhices que este homem andou a fazer, e nada fazem… Viva Portugal e viva os corruptos!!!!

  2. Quanto aos 1.600 das custas não há problema porque tem sempre o AMIGO Santos Silva para o resolver. Sobre o resto, porque não apelar ao salvador da Pátria, Rui Rangel???

RESPONDER

Detetado surto de covid-19 em lar do Barreiro. Há pelo menos 47 infetados

Um surto de covid-19 no Lar São José, no Barreiro, contabiliza 47 casos positivos e dois internamentos de idosos, mas a "situação está controlada", disse, este domingo, o delegado de saúde adjunto regional de Lisboa …

Índia regista recorde diário de mortes. Reino Unido atinge marca negra

O novo coronavírus continua a alastrar-se um pouco por todo o mundo. Enquanto alguns países estão a conseguir lidar com a pandemia de covid-19, outros estão a fracassar nessa tarefa. Este domingo, no total, registaram-se 6.106 …

"Um disparate". Presidente nega envolvimento na vinda de Juan Carlos para Cascais

O Presidente da República afirmou que “qualquer pessoa minimamente inteligente e sensata” perceberia que o chefe de Estado não se poderia envolver na questão do rei emérito de Espanha, classificando essa ideia como um "disparate". Em …

Plano do hidrogénio vai sair "muito caro" aos portugueses

Os fundadores da Tertúlia Energia defendem que o plano do hidrogénio do Governo tem várias lacunas e vai custar "muito caro" aos consumidores portugueses. Num artigo publicado no jonal ECO, os fundadores da Tertúlia Energia, Abel …

Governo vai lançar plano para salvar empresas viáveis em dificuldades (e perdoar juros ao Fisco)

O Governo vai lançar um plano para salvar empresas viáveis que será um novo mecanismo temporário para ajudar empresas que se encontrem em situação económica difícil ou em insolvência devido à pandemia. O plano, que se …

Fábio Silva a prazo no Dragão. Avançado deverá sair por 40 milhões

Fábio Silva deverá abandonar o FC Porto dentro dos próximos dias. O jovem avançado permitirá um encaixe de 40 milhões de euros para os cofres portistas. A saída de Fábio Silva do FC Porto parece praticamente …

"Há filhos e enteados?". Marques Mendes arrasa decisão "inacreditável" de realizar festa do Avante

Luís Marques Mendes criticou este domingo a realização da festa do Avante, considerando "inacreditável" que a habitual festa comunista seja realizada no atual contexto da pandemia de covid-19 em Portugal. No seu habitual espaço de …

Varandas só tem espaço para 24 jogadores. Metade será de Alcochete

Com o intuito de reduzir custos, o presidente sportinguista, Frederico Varandas, diz que quer um plantel com 24 jogadores para a próxima época. Cerca de metade são produtos de Alcochete. Frederico Varandas pretende encurtar o plantel …

Duas demissões no Governo do Líbano. Beirute ficou com cratera de 43 metros de profundidade

Duas demissões no Governo do Líbano foram anunciadas nas últimas horas depois da explosão no porto de Beirute que provocou pelo menos pelo menos 158 mortos, 6.000 feridos e dezenas de desaparecidos. A ministra da …

Benfica na corrida por Jan Vertonghen

A SAD encarnada está disposta a fazer alguns esforços pela contratação do futebolista belga que, neste momento, se encontra sem clube e a passar férias em Portugal. De acordo com o jornal Record, depois de a …