Proposta do PSD para descida do IVA da luz é para levar “até ao fim”. Bloco admite votar a favor

Estela Silva / Lusa

Nuno Morais Sarmento com Rui Rio

A proposta do PSD para a descida do IVA da eletricidade para uso doméstico “é para levar até ao fim” e não está condicionada “a coisíssima nenhuma”.

O aviso ao Governo foi feito pelo vice-presidente do PSD, Nuno Morais Sarmento, numa entrevista ao Diário de Notícias e à TSF. “É para levar até ao fim, aí não há dúvida nenhuma”, disse Nuno Morais Sarmento.

Por isso, se outros partidos quiserem votar a favor, como o Bloco de Esquerda e o PCP, serão bem-vindos, mas sem negociações: “O PSD não condiciona a sua proposta a coisíssima nenhuma. Apresentou-a qual tal e é qual tal que, se entenderem, outros partidos poderão a ela aderir. Não há deve e haver aqui. Não há negociação nenhuma”, indicou.

Sobre se o PSD pode “deixar cair” a sua própria proposta para aprovar a do BE, Morais Sarmento rejeita a ideia. No entanto, salienta que vota as medidas sem olhar a partidos: “Deixar cair a sua não deixa. O PSD leva a sua proposta a votos. Mas o PSD não olha as propostas que sejam apresentadas em função da origem política da proposta, mas do mérito da proposta”, garantiu.

Já Catarina Martins, do BE, reafirmou que o partido vai aprovar qualquer proposta que baixe aquele imposto, uma vez que um dos objetivos do programa do partido é “baixar o IVA da energia”.

A medida que o BE propõe é diferente da do PSD: os bloquistas propõem uma descida faseada – primeiro para a taxa intermédia, de 13%. Já o PSD propõe uma descida para a taxa mínima, mas apenas dos consumidores domésticos o que levanta dúvidas de legalidade, segundo defende tanto António Costa e Mário Centeno.

Tendo em conta o objetivo, o partido de Catarina Martins concordou em manter a estratégia: “Se o PS não votar [favoravelmente a proposta do BE], o BE votará as propostas seguintes, incluindo a do PSD”, disse aos jornalistas, de acordo com o semanário Expresso.

Catarina Martins quis ainda deixar claro ao PSD que os bloquistas votam “a proposta para baixar o IVA”, mas não as compensações, que aparecem num artigo à parte.

Esta segunda-feira, começa a maratona de quatro dias para votar o OE2020 na especialidade. A maratona termina na quinta-feira com a votação final global do documento. O tema do IVA da eletricidade pode causar polémica, sendo que o PSD já garantiu que não aprova a ideia sem “contrapartidas”.

Este domingo, no seu espaço habitual de comentário da SIC, Marques Mendes disse que a oposição anda numa “competição” sobre quem fica com os louros da baixa do IVA da eletricidade e que isso é um “exercício de populismo”. Contudo, está confiante que “provavelmente não vai passar”.

Segundo o comentador, o BE e o PCP “não vão permitir passar” as compensações à medida que o PSD prevê e como tal a medida cairá.

ZAP //

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. E agora Sr. Costa?
    Vai chantagear/jogar com o povo Português da mesma forma aquando da proposta dos Professores?
    para Mediocre, medriocre e meio…
    A ver Vamos…

  2. Populismo, a quanto obrigas! O BE, o PCP e o PSD só fazem propostas para aumentar as despesas e ou reduzir as receitas. E depois? Estas almas penadas não percebem que mesmo no nosso orçamento familiar precisamos estabelecer um equilíbrio entre o que arrecadamos no final de cada mês e o que PODEMOS gastar durante o mês? Está visto que caminho tomaria o nosso país com os Blocos, os PCs e os Rios. O grave disto tudo é que se as coisas correrem mal mais tarde ainda estarão eles na primeira fila a dizer mal dos outros. eu que não percebo nada de política chamo a isso uma sacanice.

    • Mais populista que o seu primeiro ministro nunca vi nos anos da democracia.
      A salvação do Costa foi á 4 anos quando a página da Austeridade foi virada. Não se lembra?
      Tornou-nos a todos ainda mais pobres…

    • Populista? Em que medida, onde já se viu o IVA da energia, um bem essencial a 23%? Era suposta já ter descido faz muito tempo, aliás, nunca devia ter subido! Tivessem cortado antes nas PPP criminosas e nas ajudas à Banca. A quebra de receita com a descida do IVA da electricidade não chega a mil milhões, quantos mil milhões foram queimados com o caso BES apenas? E o gatuno nem preso está! Estes parasitas (da esquerda à direita) é que não conseguem largar qualquer mama que se lhes dê, já se estava mesmo a ver, todos os cortes feitos e sacrifícios feitos em tempos de crise passaram a novos vícios de um estado mal governado. É por estas e por outras que infelizmente se vê partidos de extrema direita a ganhar cada vez mais balanço.

  3. Pois, a descida do IVA na electricidade é uma medida justa, totalmente justificada e socialmente abrangente!
    A descida do IVA na electricidade tem a concordância de partidos/deputados suficientes para ser aprovada!
    Mas, infelizmente, algo me diz que a medida não irá passar!
    PORQUÊ? Precisamente PORQUE é uma medida justa, totalmente justificada e socialmente abrangente!

RESPONDER

Bloco apoia travão ao desconfinamento na região de Lisboa

O Bloco de Esquerda apoiou o adiamento do levantamento de restrições impostas pela pandemia na região de Lisboa e Vale do Tejo, destacando que é importante aumentar a vigilância nas empresas de construção e trabalho …

Descoberto "cemitério" de mamutes nos arredores da Cidade do México

Investigadores descobriram um "cemitério" com cerca de 60 mamutes nos arredores da Cidade do México, avança o Instituto Nacional de Antropologia e História (INAH) do país. De acordo com o site Live Science, a descoberta aconteceu, …

David Luiz confirma rumores. Regresso "vai acontecer se o presidente permitir e os adeptos quiserem"

David Luiz confirmou este sábado os rumores que davam conta que o Benfica e o jogador estavam a negociar um eventual regresso do brasileiro à Luz. Em entrevista ao desportivo Record, David Luiz confirmou a …

Cães treinados para proteger animais selvagens salvam 45 rinocerontes

Há inúmeras razões que explicam o motivo pelo qual os cães são conhecidos como o melhor amigo do Homem. Além de leais e inteligentes, dão sempre o corpo às balas, mesmo nos piores momentos. Quarenta e …

Fez-se história. Foguetão da SpaceX lançado com sucesso rumo à EEI

O primeiro foguetão concebido e construído por uma empresa privada, a SpaceX, de Elon Musk, levando a bordo dois astronautas foi lançado este sábado na presença do Presidente do Estados Unidos, Donald Trump. O lançamento decorreu …

"A Rússia não permitirá a privatização da Lua", avisa Roscosmos

A Rússia não permitirá a privatização da Lua, independentemente de quem avance a iniciativa, avisou o chefe da agência espacial russa (Roscosmos), Dmitri Rogozin, em entrevista ao jornal Komsomólskaya Pravda. "Não permitiremos que ninguém privatize a …

Plataforma flutuante extrai energia das ondas, do vento e do Sol

A empresa alemã Sinn Power criou uma plataforma marítima flutuante capaz de gerar energia renovável a partir de ondas, vento e energia solar. A plataforma híbrida combina turbinas eólicas, painéis solares e coletores de energia das …

Balneários proibidos e 3 metros de distância. As regras da DGS para a prática de exercício físico

A Direção-Geral da Saúde (DGS) recomenda uma distância mínima de três metros entre pessoas que pratiquem exercício físico, no âmbito das medidas de prevenção da pandemia de covid-19. A orientação, intitulada “Procedimentos de Prevenção e Controlo …

Astronautas da NASA já se preparam para voo histórico a bordo do foguetão da Space X

Dois astronautas da NASA já estão a equipar-se para o lançamento histórico de um foguetão concebido e construído pela empresa SpaceX, de Elon Musk, apesar de as previsões meteorológicas indicarem mais tempestades. Com o voo já …

Há dez anos, Portugal adotou a lei que permitiu o casamento entre pessoas do mesmo sexo

Portugal adotou há 10 anos a lei que permitiu o casamento entre pessoas do mesmo sexo, após um debate fraturante que remeteu para mais tarde a adoção de crianças por estes casais, possível apenas desde …