Coligação PSD-CDS ultrapassa PS nas intenções de voto

João Relvas / Lusa

Os presidentes do CDS-PP, Paulo Portas, e do PSD, Pedro Passos Coelho

Os presidentes do CDS-PP, Paulo Portas, e do PSD, Pedro Passos Coelho

A menos de quatro meses das eleições legislativas, o Partido Socialista de António Costa é ultrapassado pelo PSD/CDS nas intenções de voto, apesar da mínima diferença de um ponto percentual constituir um empate técnico.

A sondagem de junho do Centro de Estudos e Sondagens de Opinião (CESOP) da Universidade Católica para o Diário de Notícias e a RTP atribui 38% das intenções de voto à coligação PSD/CDS e 37% ao PS, o que constitui um empate técnico devido à margem de erro de 3%.

O último barómetro do CESOP, quando António Costa assumiu a liderança do PS, colocava os socialistas perto da maioria absoluta, com 45% das intenções de votos, mas desde outubro do ano passado o partido caiu oito pontos percentuais nas intenções de voto para 37%, enquanto o PSD e o CDS (que na altura ainda não tinham oficializado a coligação) subiram seis pontos, de uma soma de 32% para 38%.

A última vez que a coligação tinha ultrapassado o PS foi em março de 2013, quando recolhiam 33% das intenções de voto contra 31% dos socialistas, registando-se um empate nos 35% em julho desse ano.

A CDU, que integra o PCP e Os Verdes, mantém-se nos 10%, enquanto o Bloco de Esquerda duplicou o seu resultado para 8% das intenções de voto.

Livre/Tempo de Avançar, de Rui Tavares e Ana Drago, e o Partido Democrático Republicano, de Marinho e Pinto, não aparecerem discriminadas no barómetro, mas estão incluídos na categoria de “outros” – que não somam mais do que 3%.

Há uma semana, os resultados da Eurosondagem para o Expresso e a SIC mostravam um cenário um pouco diferente, dando ao PS 36,9% das intenções de voto, seguido de perto pelos 33,3% dos partidos da maioria.

63% considera o Governo “mau” ou “muito mau”

A sondagem mostra ainda que a avaliação do Governo é bastante negativa, com 28% dos inquiridos a considerar o desempenho “muito mau” e 35% “mau”. Por outro lado, 29% dos inquiridos classificam o mandato como “bom” e apenas 2% como “muito bom”.

Apesar de grande parte dos portugueses não considerar o desemprenho do Governo positivo, 55% não acredita que outro partido pudesse fazer um melhor trabalho.

Entre os que acreditam numa alternativa, 48% apontam o PS como melhor opção, 18% a CDU e 10% o BE.

Por outro lado, a sondagem mostra que se as eleições fossem hoje 4% dos inquiridos votariam branco ou nulo e 16% não se deslocariam sequer às urnas.

“Com estas estimativas é muito complicado dizer se PDS/CDS ou PS estão à frente“, garante João António, investigador e responsável do CESOP, contudo “o número de indecisos é gigante” – 26% dos inquiridos respondeu “não sabe”-, pelo que a decisão destes será definitiva para o resultado das próximas legislativas.

ZAP

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Estranho artigo/noticia que em manchete faz uma afirmação categórica e se desdiz no último parágafo. Que jornalismo tão pouco esclarecedor.Ou talvez seja, se estivermos atentos.

  2. Os Portugueses devem andar muito contentes com a vida imposta pela coligação, melhor com a vida imposta pela coligação nos últimos 4 anos e com a vida imposta pelo PS, PSD e CDS nos últimos 41 anos.
    Estes são 3 partidos que juntos não fazem 1, é urgente mudar ou vamos terminar pior que a Grécia, com tanta corrupção, esquecimentos, e falta de civismo, solidariedade… Só podemos terminar bem lá no fundo do poço…
    Deviam ter vergonha estes políticos e quem ainda pensa em votar neles sem ser do partido ou familiar dos mesmo, sendo que até estes não têm desculpas mas como também comem do mesmo tacho…

    Esta mensagem não nenhuma apologia pois em Portugal não se aproveita um politico, um único partido e mesmo na Europa são muito poucos…

    Cps.

  3. São factos: As intensões de voto PS/coligação – 37% e 38% e os indecisos – 26%!
    De resto, a coligação 38% e ps 37% em nada se confunde com a análise, que não sendo do(s) jornalista(s), é de João António, investigador e responsável do CESOP – sobre “o número de indecisos é gigante” – 26% dos inquiridos respondeu “não sabe”-,e assim, inevitavelmente são os indecisos de agora que vão decidir os resultados das próximas legislativas. Outro dado que poderá conter alguma relevância é que dos inquiridos “55% não acredita que outro partido pudesse fazer um melhor trabalho”.

  4. Masoquista, Medroso e Medíocre.
    Só um povo com estas características pode aceitar continuar a ser humilhado, ao assumir uma intenção de voto como a refletida na sondagem.

    • Democracia e defeitos democráticos… O povo pode não aceitar mas compreender…
      “Defeitos” intrínsecos da própria democracia!
      … São leis do “jogo” democrático… Salvo melhor opinião, outra coisa seria autocracia ou ditadura!

  5. Os saudosistas do preso da cela 44 em Évora foram finalmente ultrapassados. O seu lacaio e ex-presidente da Câmara Municipal de Lisboa está a ficar em maus lençóis perante os seus apaniguados. Mesmo assim é incrível e inconcebível que haja ainda 37% de votantes a preferirem o partido político que conduziu o país à banca rota. Povo sebastianista que continua a ter vistas curtas e, pasme-se o descaramento, já colocam em locais estratégicos, placas com a fotografia do facínora que vive à custa do mesmo povo em Évora e que recusou vir para casa em prisão domiciliária.

  6. Não é nada estranha está sondagem… Para mim é clarissima.
    O António Costa só diz asneiras e promete coisas impossíveis.
    Se só pudéssemos escolher entre as asneiras e a coligação então ganharia a coligação (é isso que dá a sondagem). Entre estas duas opções não vou escolher nenhuma, logo sou um indeciso!…

RESPONDER

Um carro movido a energia solar? Bom. Um carro-casa movido a energia solar para fazer 3 mil km? Melhor ainda

Projeto foi desenvolvido por estudantes universitários holandeses, cujo trabalho em veículos movidos a energia solar é já conhecido. O Stella Vita será testado numa viagem de longo curso pelo sul de Espanha já este mês, …

Há uma rua no Texas onde todas as casas foram impressas em 3D

Esta é a primeira comunidade de casas impressas em 3D nos EUA que está pronta a receber habitantes. A construção torna as habitações mais resistentes ao fogo e a inundações. Chama-se East 17th Street e fica …

A filha de Picasso doou nove obras do artista espanhol a França

A família de Pablo Picasso doou nove obras do artista ao Estado francês, que serão agora integradas no Museu Picasso, em Paris. Maya, a filha de Pablo Picasso, doou nove obras do artista como parte de …

Dormir bem? Depois da pandemia, não

O novo coronavírus criou uma "nação" de pessoas com insónias. Trabalhar menos horas pode ajudar. Insónias. Já eram um problema para muita gente até ao início de 2020 mas a pandemia que mudou o mundo também …

"Não posso ficar sentado a ver-nos voltar a 1972". Médico desafia a lei no Texas e admite que já fez um aborto

Um médico texano escreveu uma coluna de opinião no Washington Post a admitir que já fez um aborto no estado, depois da lei que proíbe interromper as gravidezes após seis semanas ter entrado em vigor. Em …

A cidade mais segura do mundo foi revelada (e é europeia)

Copenhaga foi eleita a cidade mais segura do mundo em 2021 pelo Índice de Cidades Seguras (SCI), da Economist Intelligence Unit. Quando se trata de escolher o destino a visitar, a segurança é um dos aspetos …

Benfica 3-1 Boavista | Águia evolui com Darwin para a vitória

Desde 1982/83 que o Benfica não vencia os primeiros seis jogos no Campeonato. Pois bem, na noite desta segunda-feira, os encarnados venceram o duelo ante o Boavista e fizeram xeque-mate graças ao bis de Darwin …

Milhões de pessoas em risco de tráfico e escravidão devido à crise climática, revela relatório

Milhões de pessoas forçadas a deixar as suas casas por causa da seca severa e ciclones correm o risco da escravidão moderna e de tráfico humano nas próximas décadas, alertou um novo relatório publicado esta …

Mercado teme corrida ao imobiliário com o fim dos vistos gold

A partir de janeiro, segundo as novas regras aplicáveis aos vistos gold, vão deixar de estar abrangidos os investimentos em imobiliário com destino a habitação em Lisboa, no Porto e no litoral. O regime que visa …

Desempregados inscritos no IEFP caem 10% em agosto

O número de desempregados inscritos no Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a cair, pelo quinto mês consecutivo. Agosto fechou com 368.404 desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego De acordo com os dados …