PJ apanhou director do SIS a ajudar suspeito dos Vistos Gold

striatic / Flickr

-

O Director do SIS e dois funcionários do mesmo serviço foram fotografados pela PJ a detectar e eliminar escutas no escritório de António Figueiredo, um dos principais suspeitos dos vistos gold, revela o jornal Expresso na sua edição deste sábado.

Segundo o semanário, os inspectores da Polícia Judiciária que se encontravam em acção de vigilância da sede do Instituto dos Registos e Notariado (IRN) foram surpreendidos com a chegada inesperada ao edifício de três desconhecidos que traziam uma mala.

Os três homens terão entrado no gabinete do presidente do Instituto, António Figueiredo, detido esta semana por suspeita de corrupção no âmbito da Operação Labirinto, que investiga a atribuição de vistos gold a cidadãos estrangeiros.

Uma vez no gabinete de António Figueiredo, os três homens terão usado equipamento electrónico para procurar e eliminar dispositivos de escuta, tendo sido fotografados pelos agentes da PJ em vigilância no local e mais tarde identificados.

Um dos indivíduos envolvidos na acção é o próprio director nacional do Serviço de Informação e Segurança, Horácio Pinto. Os outros dois homens são funcionários da instituição.

De acordo com o Expresso, “os homens do SIS foram fazer um varrimento a pedido expresso de António Figueiredo”, que teria suspeitas de que estaria sob escuta.

O objectivo da operação do SIS seria verificar se o presidente do IRN estava sob escuta e se tinha o computador monitorizado.

Segundo uma fonte citada pelo Expresso, esta acção do SIS é não apenas “um atropelo à investigação da PJ e do Ministério Público”, como absolutamente ilegal, porque “os Serviços de Informações estão impedidos de fazer este tipo de acções, muito menos a pedido“.

Contactado pelo jornal, o Serviço de Informações da República Portuguesa, que tutela o SIS, não fez comentários.

Horácio Pinto é juíz desembargador e foi nomeado Director do SIS a 1 de Março de 2011. Entre 2005 e 2011 foi director adjunto da instituição.

Segundo o Observador, Horácio Pinto saiu do cargo há cerca de duas semanas, e o primeiro-ministro Pedro Passos Coelho procura substituto, pretendendo escolher alguém sem relações com a maçonaria.

ZAP

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Mais uns quantos que vão a tribunal gastar o nosso dinheirinho, além dos desvios, e não dá em nada, seja ainda vão gastar mais do nosso para se defenderem.

RESPONDER

Estudo europeu releva que carros híbridos são “desastre ambiental”

Um estudo europeu chamou aos carros híbridos plug-in um "desastre ambiental" - as emissões de dióxido de carbono destes carros encontrar-se-ão acima do legalmente declarado e a associação ambientalista Zero pede o fim dos benefícios …

Fisco alerta para mensagens falsas enviadas a contribuintes

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) alertou os contribuintes, numa mensagem no portal das Finanças, para o envio de mensagens falsas para o telemóvel nas quais é pedido que se carregue em 'links' que são …

"Pandemia do medo". Crianças brincam cada vez menos e isso pode aumentar a ansiedade

A pandemia assim o obriga. Mais tempo fechadas em salas de aula e sem oportunidades para brincarem com os amigos, as crianças estão cada vez mais sedentárias e isso não é positivo para o seu …

Convívio deve ser limitado às pessoas com quem se vive, apela DGS

A diretora-geral da Saúde apelou aos portugueses, esta segunda-feira, na conferência de imprensa sobre a evolução da pandemia em Portugal, para limitarem os contactos físicos às pessoas com quem vivem. "Ao conviver em presença com familiares …

"Lembranças da Lua." China prepara missão para recolher amostras do solo lunar

A China vai fazer a primeira tentativa desde os anos 70 de ir à Lua recolher rochas. A missão ficará a cargo da Chang'e 5, que será lançada esta terça-feira. A Chang'e 5 vai realizar a …

Hotéis já podem ser usados como escritórios e centros de dia

Os estabelecimentos hoteleiros, de turismo de habitação e resorts já estão autorizados a serem temporariamente usados como escritórios, showrooms e centros de dia, segundo o decreto-lei publicado em Diário da República. O diploma publicado no domingo, …

Bolsonaro critica "ataques injustificados" sobre a desflorestação da Amazónia

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, considerou durante a cimeira virtual do G20, que as críticas sobre o aumento da desflorestação são "ataques injustificados" e "demagógicos" que surgem de países "menos competitivos". “Eu apresento factos, dados …

Dois novos casos de legionella diagnosticados no Grande Porto

Mais duas pessoas foram diagnosticadas com legionella, esta segunda-feira, na região do Grande Porto, elevando para 87 o número de casos identificados desde o início do surto. Fonte da Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-Norte) …

Reformaram-se 1.649 professores este ano. É o valor mais alto desde 2013

Este ano, reformaram-se mais 1.649 professores em Portugal continental. É o valor mais alto dos últimos sete anos. De acordo com o Correio da Manhã, entre janeiro e dezembro deste ano, aposentaram-se 1.649 professores em Portugal …

Já foram assassinadas 30 mulheres este ano, metade por violência doméstica

O Observatório das Mulheres Assassinadas (OMA) contabilizou 30 mulheres assassinadas entre 1 de janeiro e o dia 15 de novembro, 16 das quais em contexto de relações de intimidade, um valor abaixo das 21 registadas …