Piloto do MH370 terá controlado o avião “até ao fim”

(cv)

Investigador franceses sugerem que o piloto do voo MH370 da Malaysia Airlines terá controlado o avião “até ao fim”, podendo tratar-se de suicídio.

Depois de analisar informações do desaparecimento da aeronave, investigadores franceses acreditam que o piloto do voo MH370 terá cometido suicídio, tendo pilotado a aeronave contra o mar. Os especialistas chegaram a estas suposições após terem acesso a relatórios concedidos pela Boeing.

Ao que tudo indica, o piloto estava com uma depressão, que terá contribuído para que cortasse o oxigénio aos passageiros antes de despenhar a aeronave da companhia malaia. A bordo viajavam entre Kuala Lumpur e Beijing 239 pessoas, não restando qualquer sobrevivente.

A França é o único país que continua com uma investigação judicial ao desaparecimento do avião. Três passageiros franceses morreram no incidente. A persistência nas investigações levaram a Boeing a permitir que os investigadores consultassem informações cruciais do voo MH370.

Segundo o jornal britânico The Telegraph, uma vez que foram obrigados a assinar um acordo de confidencialidade, os documentos não vão puder ser citado em tribunal. Para analisar a imensidão de dados será necessário “um ano” e, de acordo com a advogado dos queixosos, Marie Dosé, “nada permite dizer que o piloto esteve envolvido”.

No entanto, os investigadores franceses alegam que as informações às quais tiveram acesso sugerem que “alguém estava a controlar a aeronave quando caiu no mar”. Isto porque, “certas manobras feitas pela aeronave só podem ter sido feitas manualmente”. Contudo, admitem que ainda é cedo para dizer com certezas, apesar de haver indícios de que mais ninguém entrou no cockpit.

Wattrelos, que perdeu familiares no acidente, diz que o caso está cheio de inconsistências. “Por exemplo, sabemos que os dados inicialmente fornecidos pelas autoridades malaias na altitude do avião estavam errados. E espero que, analisando todos os dados recolhido na Boeing, eles descubram o problema”, disse ao Le Parisien.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. O caso continua cheio de inconsistências. Porque estavam errados os dados fornecidos pelas autoridades malaias, e de resto, praticamente todos os que seguiram? Porque foram os franceses obrigados a assinar um acordo de confidencialidade com a Boeing, sobre documentos que não vão puder ser citado em tribunal ? O que têm a esconder? Porque continuam as omissões e dúvidas?
    Chamem-lhe teoria de conspiração, mas cheira-me que a verdade sobre tudo isto, resultaria num grosso escândalo.

  2. Não tem pé nem cabeça suicidar escondido, para que voar para o polo sul se queria suicidar. Fosse suicidio, jogava logo o avião no mar. Avião foi sequestrado, desviado para Australia, e abatido pelos australianos, o premier australiano Abbot tinha política de abater ou afundar, aviões hostis rumando para Australia. Resto é operação abafa.

RESPONDER

China está a vender drones assassinos ao Médio Oriente

A China está a vender drones capazes de matar automaticamente, sem necessidade de controlo humano. Os seus principais clientes serão a Arábia Saudita e o Paquistão. Segundo o site Defense One, uma empresa chamada Ziyan está …

Aumento da temperatura pode vir a matar 1,5 milhões de indianos por ano

Se as emissões globais de gases de efeito de estufa não forem interrompidas, cerca de 1,5 milhões de indianos podem vir a morrer anualmente até 2100 devido ao aumento das temperaturas. Os números contam de …

O vencedor do Tour de France, Egan Bernal, pode ter beneficiado de uma vantagem genética

O ponto de viragem da Tour de France deste verão ocorreu no alto de uma montanha nos Alpes franceses. Foi o resultado de anos de treinamento e, de acordo com um estudo divulgado na segunda-feira, …

Mina Chang utilizou uma capa falsa da Time no CV e conseguiu chegar ao Governo de Trump

Mina Chang, vice-secretária adjunta do Gabinete de Operações de Conflitos e Estabilização do Departamento de Estado dos Estados Unidos, mentiu no seu currículo para conseguir alcançar um lugar no Governo de Donald Trump. De acordo com …

Jovem norueguesa controla 450 perfis no Instagram para tentar evitar suicídios

Uma norueguesa de 22 controla 450 perfis privados no Instagram para tentar evitar suicídios, conta a emissora britânica BBC, revelando ainda que a jovem recebeu já o apelido de "salva-vidas" devido ao trabalho que leva …

Espanha vai tentar exumar 31 corpos que se encontram no Vale dos Caídos

As autoridades espanholas vão tentar exumar 31 dos milhares de corpos de pessoas enterradas no Vale dos Caídos, um grande mausoléu onde esteve enterrado o ditador Francisco Franco até ao mês passado. Segundo a agência Associated …

Holanda reduz velocidade máxima nas autoestradas em prol da qualidade do ar (e deixa o primeiro-ministro "muito infeliz")

O Governo holandês vai baixar os limites de velocidade nas autoestradas do país para travar as emissões de monóxido de nitrogénio, que contribui para a degradação da camada de ozono. O primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, anunciou …

Facebook para iOS utiliza câmara do iPhone sem que o utilizador note

Há um erro na aplicação do Facebook para iOS - sistema operativo do iPhone - que liga a câmara do telemóvel sem que o utilizador se aperceba quando este faz scrool no feed de …

Tesla vai abrir a sua primeira fábrica na Europa

O construtor de carros elétricos Tesla vai abrir uma fábrica nos arredores de Berlim, anunciou o presidente executivo da empresa, Elon Musk, na terça-feira à noite ao receber um prémio na capital alemã. “Tenho uma informação …

Continental vai contratar 300 engenheiros para o Porto

A Continental vai instalar no Porto um centro de desenvolvimento de tecnologias que poderá empregar "cerca de 300 engenheiros" e apoiará o desenvolvimento de soluções para veículos elétricos, condução autónoma e cibersegurança, anunciou esta quarta-feira …