Marcelo “já não pode ver à frente” Azeredo Lopes e quer saída na próxima remodelação

José Sena Goulão / Lusa

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa (D), conversa com o ministro da Defesa, José Azeredo Lopes (esq)

A próxima remodelação governamental prevê-se para a seguir à aprovação do Orçamento de Estado. Marcelo Rebelo de Sousa quer que Azeredo Lopes, Ministro da Defesa, saia do Governo já nessa altura.

A entrevista que o Ministro da Defesa, Azeredo Lopes, deu ao Diário de Notícias/TSF, na qual declarava que “no limite, pode não ter havido furto nenhum“, referindo-se ao assalto em Tancos, provocou grande agitação no Governo.

Na altura da entrevista, várias vozes se levantaram contra Azeredo Lopes, tornando-o em alvo da chacota dos militares e colocando-o debaixo do fogo dos políticos, com o CDS a pedir a demissão do ministro, e o Bloco e o PCP a pedirem mais explicações sobre as declarações prestadas em entrevista.

Por isso, a pedido do CDS e do PSD, o Parlamento debate esta segunda-feira o furto de material de guerra do paiol de Tancos. PSD e CDS requereram o debate de atualidade, designado “o alegado furto no paiol de Tancos“, na sequência da entrevista em que Azeredo Lopes se referiu à falta de provas visuais, testemunhais ou confissão.

Em torno do assunto, outra questão se levanta. Segundo o Sol, Marcelo espera a saída de Azeredo Lopes do Executivo, aquando da próxima remodelação que, previsivelmente, acontecerá após a aprovação do Orçamento de Estado para 2018.

Segundo fonte de Belém, citada pelo Sol, “o Presidente já nem pode ver o Ministro à frente”. Até à próxima remodelação governamental, é “aguentar”, como diz a fonte, já que não há nada que Marcelo possa fazer.

O mesmo jornal adianta ainda que Marcelo Rebelo de Sousa, enquanto comandante supremo das Forças Armadas, já não reconhece em Azeredo Lopes o papel de Ministro da Defesa, uma quebra de confiança que pode ter consequências no Governo.

As declarações do Ministro da Defesa surgiram poucos dias depois do Presidente da República se ter deslocado a Tancos para pedir celeridade nas investigações. “Não só é importante apurar factos e eventuais responsabilidades, como apurar num tempo que seja um tempo o mais curto possível, por um lado, para o prestígio da instituição militar, e por outro lado também para a própria atuação interna da instituição militar”.

ZAP //

PARTILHAR

14 COMENTÁRIOS

  1. Não defendo o ministro mas agora o PR é que diz quem deve ou não sair do governo porque “já não o pode ver à frente”??? Apesar do PR ser o Comandante supremo das Forças Armadas??? Mas que raio de ingerência é esta na esfera governativa por parte do PR? Acabou-se o casamento??? Para quando o divórcio oficial?

    • O senhor diz-se e contradiz-se… Então refere, e bem, que:”…Apesar do PR ser o Comandante supremo das Forças Armadas???…” E então isso é ingerência? Achar que o seu número dois não anda bem?
      Quanto à geringonça prefiro apelidá-la de ACE…

    • Adivinhe quem tem o dever de indigitar os Ministros? E quem tem o dever de manter as instituições democráticas a funcionar?
      Se pensar um bocadinho, vai perceber que o PR tem de cumprir com estes deveres, a bem de Portugal.

  2. Somos dois, Sr. Presidente. Abençoada seja a sua clarividência numa terra de ladrões, vigaristas e artistas, ainda que plagiantes…

    • Eh lá!… essa sua terra é mesmo uma desgraça!!
      Mas vocês aí são mesmo todos assim?
      Não acredito… ainda deve haver por aí alguém honesto!…

      • Não serás tu seguramente. Quanto ao resto, pior que ser cego é mesmo não querer ver…
        Acorda e aproveita para pelo menos lavar a cara, pode ser que fiques com um pouco mais de discernimento.

        • Claro que não sou eu; de certeza absoluta!!
          Até porque, ao contrário de ti, eu não vivo numa “terra de ladrões, vigaristas e artistas”!
          E, sempre andei de “cara lavada”, o que não parece ser o seu caso – tendo em conta a “qualidade” do seu comentário!!
          Mas, “enquanto há vida, há esperança”, e, ainda pode tentar fazer alguma coisa de útil pela sociedade!
          Claro que acobardar-se e mandar “bitatites” na Internet é muito mais fácil!…

  3. Já o afirmei várias vezes e cada vez estou mais convencido de que assim virá a acontecer, por parte do governo e da hierarquia militar o PR não está a conseguir o que exigiu, esclarecimento de toda a verdade, mas a verdade é que parece estarmos perante uma situação em que nenhuma das partes parece estar interessada em desvendar o mistério talvez os dois nem pelas mesmas razões mas o certo é que parece não se molestarem um ao outro (governo e militares) e no final o que me convence é que quem vai ficar ainda nos cornos do touro é mesmo o PR no mínimo com algum esclarecimento esfarrapado por parte dos visados para espanto de todos nós.

RESPONDER

Boris responsabiliza Irão por ataque a petrolífera saudita

Boris Johnson diz que o país atribui ao Irão, "com muito alto grau de probabilidade, os ataques à gigante petrolífera saudita". O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, acusou esta segunda-feira o Irão de ser, muito provavelmente, responsável …

41 países comprometem-se com iniciativa "Clima e Qualidade do Ar"

A iniciativa "Clima e Qualidade do Ar", apresentada na véspera da Cimeira da Ação Climática, propõe alcançar até 2030 uma qualidade do ar saudável e a harmonização das políticas de luta contra as alterações …

Reino Unido. Trabalhistas querem abolir ensino privado se forem Governo

O Partido Trabalhista britânico compromete-se a abolir o ensino privado no Reino Unido caso venha a formar Governo. O plano do partido liderado por Jeremy Corbyn implica nacionalizar e integrar no sistema educativo público todas …

Rio acusa PS de se comportar como "dono disto tudo" (e diz que também tem um "Centeno")

No último debate a dois antes das legislativas de 6 outubro, os líderes do PSD e PS trocaram esta segunda-feira críticas - em tom leve e cordial -, recordando telhados de vidro de cada força …

Em decisão histórica, partidos árabes recomendam Gantz como primeiro-ministro de Israel

O Presidente de Israel, Reuven Rivlin, iniciou este domingo as suas consultas para a formação de um novo Governo. A Lista Conjunta, uma coligação que reúne os principais partidos árabes do país (Balad, Hadash, Ta’al …

Tancos. Azeredo Lopes teve "exercício perverso" de funções públicas, diz Ministério Público

O Ministério Público (MP) já terá terminado a acusação do caso de Tancos, na qual sustenta que o antigo ministro da Defesa Azeredo Lopes soube de toda a encenação, tendo ainda tentado tirar louros políticos …

Salário de 273 mil euros brutos anuais para Varandas revolta accionistas do Sporting

Um grupo de acionistas do Sporting fez chegar ao presidente da Mesa da Assembleia Geral (AG) da Sporting SAD, Bernardo Ayala, um pedido em que exige a retirada da proposta de aumento salarial para o …

Eleições na Madeira. A noite em que quem perdeu ganhou e quem ganhou perdeu

Depois de 43 anos de poder absoluto, o PSD perdeu este domingo pela primeira vez a maioria do parlamento da Madeira. O PS, que atingiu um valor histórico na região, também reclamou louros de vitória. …

Jesus "nunca treinou um grande clube da Europa" e "nunca conquistou nada"

O treinador do Grémio, Renato Gaúcho, voltou a criticar Jorge Jesus, dizendo que o técnico português, aos 65 anos, nunca treinou um grande clube na Europa. "O Jorge Jesus ganhou 2/3 títulos portugueses. Saiu de Portugal …

Governo promove 5.000 militares antes das eleições

Quase 5.000 militares dos três ramos das Forças Armadas, Exército, Marinha e Força Aérea vão ser promovidos este ano. De acordo com o Correio da Manhã, o Ministério da Defesa enviou a lista dos 4.945 nomes …