Mais de 2.300 pessoas externas às Finanças podem aceder a dados fiscais

KaiChanVong / Flickr

-

A Comissão Nacional de Proteção de Dados apurou que existem 2.302 utilizadores externos à Autoridade Tributária (AT), como estagiários e subcontratados, que podem conhecer a situação contributiva de qualquer cidadão.

Numa deliberação datada da semana passada e divulgada hoje, a Comissão Nacional de Proteção de Dados (CNPD) afirma que há um total de 11.600 utilizadores com “perfil básico” de acesso aos sistemas de informação da AT, ou seja, que podem aceder à situação contributiva de qualquer cidadão, designadamente as suas declarações de rendimento.

Deste total, 9.298 utilizadores são trabalhadores da AT (direções de finanças, serviços centrais, serviços de finanças e serviços aduaneiros) e 2.302 são externos e têm “os mesmos níveis de permissão”.

A CNPD afirma que no conceito de utilizadores externos integram-se “tarefeiros nos serviços de finanças, estagiários, equipas de desenvolvimento e manutenção em regime de subcontratação, administradores de bases de dados e ainda funcionários da AT a prestar serviço num segundo local”.

Analisando a lista de utilizadores externos, a CNPD verifica “haver um grande número de empresas privadas com permissão de acesso a dados contributivos”, espantando-se com o “número francamente excessivo de utilizadores” destas empresas privadas com acesso, como as consultoras Accenture (com 120 utilizadores), Novabase (90 utilizadores) e Opensoft (com mais de 60 utilizadores).

A entidade destaca que “mais de 75% dos funcionários da AT têm privilégios para aceder à situação contributiva de qualquer cidadão e isto independentemente da sua localização geográfica ou das funções desempenhadas”.

“Só em situações muito específicas, como as relacionadas com o ‘e-fatura’, é que há um maior controlo das permissões de acesso aos dados”, acrescenta.

Assim, admite a comissão, “o risco de acesso abusivo aumenta substancialmente, tornando-se mais difícil controlar a atividade do universo de utilizadores”, considerando ser “manifesta a falta de ação preventiva da parte da AT”, que salvaguarde a privacidade “de cada um e de todos os seus cidadãos”.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Voyerismo na ponta dos dedos?
    Filtro para todos e ‘sirene’ para acessos indevidos… Ó informáticos estudem lá isso… Não é política. É devassa…

RESPONDER

Banco de Fomento está a integrar trabalhadores do antigo BPN

O Banco Português de Fomento está a recrutar colaboradores do antigo BPN para desempenhar funções técnicas, numa altura em que a Parvalorem, onde estão integrados, solicitou ao Executivo o estatuto de empresa em reestruturação. Segundo apurou …

PAN começa a ser julgado por falsos recibos verdes

O PAN vai começar a ser julgado este mês devido ao caso dos falsos recibos verdes. O partido enfrenta três processos judiciais, sendo que o arranque do julgamento do primeiro está marcado para 17 de …

Radovan Karadzic vai ser transferido para o Reino Unido

Radovan Karadzic, antigo líder dos sérvios da Bósnia condenado por genocídio no massacre de mais oito mil muçulmanos bósnios em Srebrenica, em 1995, vai ser transferido para o Reino Unido, onde vai continuar a cumprir …

Adjunta de Matos Fernandes era sócia de empresa que fez negócios com o ministério

Entre 2016 e 2019, a secretária de Estado do Ambiente, Inês Santos Costa, acumulou funções quando integrou o gabinete de João Pedro Matos Fernandes, na qualidade de adjunta, sendo, na altura, sócia de uma empresa, …

Cavaco acusa Governo de Costa de continuar a alimentar "monstro" da despesa pública

Cavaco Silva volta a criticar o Governo de Costa, desta vez por criar “impostos adicionais” sobre “tudo o que mexe” para alimentar “o monstro” da despesa pública. O ex-primeiro-ministro e antigo Presidente da República Aníbal Cavaco …

Dívidas de Vieira investigadas. Com falência à vista, grupo do líder do Benfica pagou viagens de luxo

Afinal, o Fundo de Resolução nunca aceitou a reestruturação das dívidas do grupo empresarial de Luís Filipe Vieira, ao contrário do que foi dito aos deputados na Comissão Parlamentar de Inquérito aos grandes devedores do …

João Rendeiro condenado a 10 anos de prisão

João Rendeiro, antigo presidente do Banco Privado Português (BPP), foi condenado a 10 anos de prisão efetiva esta sexta-feira. O tribunal condenou o ex-presidente do Banco Privado Português (BPP), João Rendeiro, a 10 anos de prisão …

Bloqueio de migrantes. Salvini não vai a julgamento

Matteo Salvini, líder do Liga, não vai a julgamento na sequência do bloqueio do desembarque de migrantes a bordo do navio da Guarda Costeira italiana "Gregoretti", em julho de 2019. Esta sexta-feira, um tribunal italiano decidiu …

Promulgado diploma sobre acesso às praias (com alerta para novo regime de multas)

O "regime contraordenacional, que está previsto para o não cumprimento de um conjunto de regras que temos na área covid, também é aplicado" às regras relativas às praias. O Presidente da República promulgou, esta sexta-feira, o …

PCP vai votar contra reforma das Forças Armadas

Os comunistas consideram tratar-se de uma "alteração significativa" da estrutura de comando, sem dar resposta "a problemas que persistem há largos anos" na instituição militar". O PCP vai votar contra as propostas do Governo para a …