Linha SNS24 não atendeu um quarto das chamadas em dia de pico

António Cotrim / Lusa

Esta segunda-feira, a Linha SNS24 atingiu um máximo histórico. Perante a afluência de chamadas, os enfermeiros não conseguiram dar resposta.

Logo após a confirmação dos dois primeiros casos de infeção pelo novo coronavírus em Portugal, na segunda-feira, a Linha SNS24 atingiu um máximo histórico. No entanto, perante a afluência de chamadas, os enfermeiros não conseguiram dar resposta suficiente, ficando um quarto das chamadas por atender em tempo útil.

Segundo dados do Portal da Transparência do SNS, consultados pelo jornal Público, nessa segunda-feira, dia 2 de março, a Linha SNS24 recebeu 13.532 chamadas, sendo que 3.569 pessoas desistiram de esperar pelo atendimento, tendo abandonado a chamada após 15 segundos.

Mas a situação é ainda mais preocupante na linha que tem como objetivo orientar os médicos de todo o país para validar eventuais casos suspeitos – a chamada Linha de Apoio ao Médico (LAM), criada há semanas.

De acordo com o diário, há relatos de médicos que esperaram várias horas para serem atendidos, sem sucesso. Há ainda casos de profissionais de saúde que insistiram dezenas de vezes, sem resposta, e de doentes que se cansam e se vão embora.

Roque da Cunha, secretário-geral do Sindicato Independente dos Médicos (SIM), contou ao Público que tem vários emails de colegas “desesperados com o silêncio da linha“.

“É de lamentar que a Direção-Geral da Saúde (DGS) tenha como primeira linha de vigilância epidemiológica um call center”, criticou o responsável Roque da Cunha, insistindo que deveriam ser médicos de saúde pública a “estar na frente desta batalha em vez de estarem imersos em burocracia”.

A ministra da Saúde, Marta Temido, reconheceu o problema, e esta quarta-feira, no Parlamento, anunciou que esta linha de apoio aos médicos “vai ser reforçada”, sendo que já estão a “trabalhar com médicos que se voluntariaram para receber a formação necessária” para desempenhar esta tarefa.

Temido defendeu ainda que os médicos que estão nesta linha não podem desempenhar outras atividades.

MAPA INTERATIVO: CASOS CONFIRMADOS DE CORONAVIRUS Fonte: Johns Hopkins University
 

ZAP ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Eu, apesar de nunca ter utilizado este serviço, até o considero útil, apenas com a agravante de utilizar um número telefónico começado por 808, que, supostamente, serviria para que os utentes pagassem menos e todos o mesmo valor tendo o custo de uma chamada local e, na prática, seja uma chamada paga para todos, parece um negócio, não sei de quem. Se houvesse uma linha começada por 2 a chamada seria gratuita para a grande maioria dos portugueses, que têm contratos de telecomunicações com as chamadas incluídas, com excepção das 808 e de valor acrescentado. Assim todos são obrigados a pagar, quem sabe a que custos quando o tempo de atendimento se prolonga. Será que não é devido aos custos que os utentes desistem quando o atendimento demora? Não fica bem ao estado fazer negócio com os serviços que presta, estes já estão pagos com os nossos impostos.

    • Aí é que está o atraso do atendimento, até parece aquele passatempo #não desista # uma mamadeira que arrecadou mais de 600.000, 00€.
      Agora, alguém diga quanto arrecadou a linha 24 até agora e para onde está a ir esse dinheiro.

RESPONDER

Físico cria algoritmo de IA que pode provar que a realidade é uma simulação

Hong Qin, do Laboratório de Física de Plasma de Princeton (PPPL) do Departamento de Energia dos EUA, criou um algoritmo de Inteligência Artificial que pode provar que a realidade é, na verdade, uma simulação. O algoritmo …

Quase 10 anos depois, avião de Gaddafi continua parado num aeródromo em França

Quase uma década depois de ter aterrado em solo francês, o avião presidencial do ex-ditador líbio continua parado num aeródromo no sul do país, estando no meio de vários processos judiciais que parecem não ter …

Governo recebeu 1.600 ideias para a bazuca. Costa agradece mobilização

Durante a fase de discussão pública, o Plano de Recuperação e Resiliência recebeu mais de 1.600 contribuições e mais de 65 mil consultas. O primeiro-ministro António Costa disse que, durante a fase de discussão pública, …

"Honjok" é o nome do movimento sul-coreano que reivindica a solidão

A solidão tornou-se um tema recorrente devido à pandemia de covid-19. Na Coreia do Sul, existe um movimento chamado "honjok", que promove um estilo de vida solitário. O isolamento imposto pela pandemia de covid-19 está a …

Do subsolo sírio à nomeação ao Óscar: hospitais em tempos de guerra numa "era de impunidade"

The Cave é o nome de uma produção que esteve nomeada para o Óscar de Melhor Documentário de 2020. É também o lugar onde hospitais sírios se escondem para salvar vidas longe de bombardeamentos e …

Patrícia Mamona sagra-se campeã no triplo salto em pista coberta

Esta tarde, Patrícia Mamona tornou-se a terceira atleta portuguesa a garantir a medalha de ouro para Portugal no Campeonato da Europa em pista coberta. A portuguesa Patrícia Mamona conquistou, este domingo, a medalha de ouro na …

Dias de aulas mais longos, férias mais curtas e cinco períodos. Em Inglaterra, já se equacionam formas de recuperar o tempo perdido

Há três medidas em cima de mesa que podem vir a ser adotadas para combater os atrasos na aprendizagem dos alunos. Na Inglaterra, as escolas reabrem para aulas presenciais esta segunda-feira, mas já se pensa …

Índia abre centro de bem-estar para hóspedes abraçarem vacas e "esquecerem todos os problemas"

Animais de conforto e apoio emocional são cada vez mais populares em todo o mundo. Embora a maioria das pessoas use cães ou gatos, há também algumas escolhas mais bizarras, incluindo pavões, macacos e cobras. Os …

Abel Ferreira tentou levar jogador do Benfica para o Palmeiras

O treinador português Abel Ferreira, no comando técnico dos brasileiros do Palmeiras, pediu a contratação de Franco Cervi, que alinha pelo Benfica, mas acabou por ver a sua proposta recusada pelo jogador argentino. A notícia …

Governo aperta regras. Passageiros do Brasil ou Reino Unido têm de ter teste negativo e cumprir isolamento

Os passageiros provenientes do Brasil e do Reino Unido vão ser obrigados a apresentar um teste negativo e a cumprir 14 dias de isolamento profilático. A partir deste domingo, os passageiros provenientes do Brasil e do …