Inscrição nos exames e provas nacionais feita a partir de casa

USP Imagens

O Ministério da Educação divulgou, esta terça-feira, quais os procedimentos a usar e alargou o prazo da inscrição até dia 3 de abril.

Os alunos dos ensinos básico e secundário vão ter mais tempo para se inscrever nas provas finais e exames nacionais, depois de o Ministério da Educação alargar os prazos, e podem fazê-lo a partir de casa.

Numa nota enviada aos diretores, o Júri Nacional de Exames (JNE), responsável pela gestão do processo de avaliação externa, informa que as escolas deverão disponibilizar boletins de inscrição que os alunos possam preencher em formato digital, deixando de ser necessária a inscrição presencial.

A decisão é anunciada na sequência da suspensão das atividades letivas em todos os estabelecimentos de ensino até dia 13 de abril.

Na mesma nota, a tutela informa que o prazo de inscrição para as provas finais de ciclo e exames nacionais dos ensinos básico e secundário, que deveria terminar no dia 24 de março, é agora prolongado até dia 3 de abril, permitindo que os alunos tenham mais tempo para se inscrever.

Além de pedir a distribuição dos boletins de inscrição digitais, o JNE pede igualmente às escolas que acompanhem todo o processo de inscrição e que mantenham contacto com os encarregados de educação, incluindo no caso de os alunos ainda não se terem inscrito, sugerindo também que os diretores possam optar por outros modos de inscrição que considerem mais adequados.

O JNE sublinha, no entanto, que estas alterações não dispensam a entrega presencial do boletim de inscrição assinado pelos encarregados de educação, que poderá ser feita quando forem retomadas as atividades letivas.

À semelhança das inscrições nos exames nacionais, também o requerimento para aplicação de adaptações na avaliação externa (como provas em braille ou em formato digital) poderá ser preenchido e submetido remotamente, devendo o documento original ser igualmente entregue assim que retomadas as aulas.

As atividades letivas presenciais de todos os estabelecimentos de ensino, desde creches a politécnicos, estão suspensas desde segunda-feira, para conter a pandemia em Portugal.

O coronavírus responsável pela pandemia da Covid-19 infetou mais de 180 mil pessoas, das quais mais de 7.000 morreram. Das pessoas infetadas em todo o mundo, mais de 75 mil recuperaram da doença.

O número de infetados pelo novo coronavírus subiu para 642, mais 194 do que os contabilizados nesta terça-feira, anunciou a Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o organismo liderando por Graça Freitas, há ainda 351 casos a aguardar resultados laboratoriais, 6656 pessoas em vigilância e 20 casos internados em Unidades de Cuidados Intensivos.

Ao todo, há 24 cadeias de transmissão ativas, mais cinco do que esta terça-feira. A DGS dá ainda conta de três casos recuperados, um número que terá entretanto subido para quatro, apesar de este caso não constar do boletim divulgado esta quarta-feira. Portugal regista duas vítimas mortais.

O país está em estado de alerta desde sexta-feira, e o Governo colocou os meios de proteção civil e as forças e serviços de segurança em prontidão.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Recibos verdes podem pedir apoio a partir desta quarta-feira. Será pago ainda este mês

O apoio por quebra de atividade destina-se a trabalhadores independentes que nos últimos 12 meses tenham tido obrigação contributiva em pelo menos 3 meses consecutivos. O formulário para os trabalhadores independentes pedirem apoio por redução de …

"Este mês é perigosíssimo!" Costa avisa que "não podem ir à terra" na Páscoa

"As pessoas não podem ir à terra!" O alerta é de António Costa que avisa que este mês de Abril "é perigosíssimo" por causa da Páscoa. O primeiro-ministro recomenda também aos emigrantes que não venham …

13% dos casos de covid-19 em Portugal são profissionais de saúde. Há 10 médicos nos cuidados intensivos

Um em cada oito infetados com o novo coronavírus em Portugal é profissional de saúde. O número de médicos, enfermeiros, auxiliares e outros trabalhadores de hospitais e centros de saúde que estão contagiados não pára …

Curva em Itália parece estar a aplanar. Confirmado primeiro caso num campo de refugiados grego

A Itália registou mais 4.053 casos positivos e mais 837 mortes em 24 horas, valores semelhantes aos de segunda-feira e que sugerem que a curva da covid-19 parede estar a estabilizar. De acordo com o Observador, …

Há mais de 8 mil infetados e 187 mortes por covid-19 em Portugal

Há mais 27 mortes em relação a terça-feira, aumentando o número total de óbitos para 87. O número de casos confirmados em Portugal já ascende as 8 mil pessoas. O boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da …

Há falhas no sistema que regista casos de covid-19. A "esmagadora maioria" não vai ser contabilizada

O sistema que regista os casos de covid-19 em Portugal é "um pesadelo burocrático", denunciam os infecciologistas. A "esmagadora maioria" dos casos vai acabar por não ser notificada, acrescentam. O problema tornou-se público quando a Direção-Geral …

Mais de 3600 empresas já pediram acesso ao lay-off simplificado

O Governo já recebeu 3600 pedidos de empresas para aderirem ao regime lay-off lançado na semana passada, disse, esta terça-feira, a ministra do Trabalho e da Segurança Social. Ana Mendes Godinho, que falava aos jornalistas no …

Em tempos de crise, os emprestados podem ser a solução do Benfica

Bruno Varela, Cristián Lema, Filip Krovinovic, Gedson Fernandes e Diogo Gonçalves são hipóteses que Bruno Lage tem a seu dispor para regressar dos empréstimos. A suspensão das competições desportivas deixa muitos clubes entre a espada e …

Trump muda de discurso. Próximas duas semanas serão "dolorosas" e podem morrer 100 mil pessoas

Esta terça-feira, o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, falou ao país com um discurso mudado, mais pessimista e alarmista. Com o número de doentes infetados com covid-19 nos Estados Unidos a superar os 187 mil …

Autódromo do Algarve já pode receber corridas de Fórmula 1

Pista de Portimão deverá receber ainda este ano testes privados de uma das equipas do pelotão da Fórmula 1 e pretende candidatar-se a receber os testes de inverno a partir de 2021. O Autódromo Internacional do …