Polícia descobre impressões digitais do assassino de Marielle Franco

jeso.carneiro / Flickr

A vereadora brasileira Marielle Franco

A Polícia Federal encontrou fragmentos parciais nas cápsulas da arma usada para matar a vereadora brasileira Marielle Franco e o seu motorista Anderson Gomes.

De acordo com o jornal brasileiro O Globo, a polícia civil e federal que está a trabalhar no caso do assassinato da vereadora Marielle Franco conseguiu recolher impressões digitais parciais do assassino ou da pessoa responsável por colocar as munições na pistola de 9mm usada para cometer o crime.

As impressões, avança o jornal, foram encontradas em cápsulas descobertas por peritos na esquina do local onde aconteceu o ataque.

Os especialistas examinaram nove cápsulas, sendo oito delas do lote UZZ 18, vendido pela Companhia Brasileira de Cartuchos em dezembro de 2006 ao Departamento da Polícia Federal em Brasília e distribuído para todo o país.

A nona bala faz parte de um carregamento importado e, de acordo com os investigadores, tem características especiais, semelhantes às de um projétil disparado num homicídio que ocorreu noutro ponto da Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

As impressões encontradas nas cápsulas estão, de acordo com os peritos, “microscópicas, fragmentadas. Estamos a fazer todo o esforço possível”. Isso significa que, num primeiro momento, não podem ser comparadas com as armazenadas no banco de dados das autoridades do Rio de Janeiro.

No entanto, de acordo com os agentes que estão a investigar o caso, é possível confrontá-las com as de um eventual suspeito.

O uso de pelo menos um projétil especial na morte de Marielle e Anderson reforça a suspeita de que, nas palavras de um investigador, “há ADN de um grupo paramilitar no crime”. Além disso, é ainda tida em conta a possibilidade de existir um elo entre o duplo homicídio e cinco assassinatos praticados em Niterói e São Gonçalo.

A vereadora da câmara do Rio de Janeiro era conhecida por fazer duras críticas à atuação da Polícia Militar e da intervenção do Exército na segurança do Rio de Janeiro.

Marielle Franco tinha acabado de sair de uma sessão sobre o papel das mulheres negras na sociedade brasileira quando foi atingida. O condutor, Anderson Gomes, de 39 anos, também foi morto. Uma assessora que também seguia no veículo, Fernanda Chaves, sofreu ferimentos ligeiros provocados pelos estilhaços.

A política era uma conhecida ativista em defesa dos direitos humanos, especialmente das mulheres negras, e foi a quinta mais votada nas eleições de 2016 para o Conselho do Rio de Janeiro.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Tusk aceitou pedido de adiamento do Brexit (mas com uma condição)

O presidente do Conselho Europeu condicionou uma "curta extensão" do 'Brexit' a uma "votação positiva" do Acordo de Saída, mas reconheceu que a esperança de um desfecho bem-sucedido parece cada vez mais ilusória. “À luz das …

ADN num cachimbo com 200 anos revela detalhes da vida de uma escrava

Um grupo de arqueólogos e geneticistas dos Estados Unidos mostrou que um fragmento partido de um cachimbo encontrado numa plantação de tabaco pode ser um testemunho substancial da história e da antropologia do século XIX. O …

Professora que revelou o que ia sair no exame de Português vai ser demitida

A professora, que foi presidente da Associação de Professores de Português, que em 2017 divulgou o conteúdo do exame de Português foi demitida pelo Ministério da Educação. Edviges Ferreira foi considerada culpada por ter partilhado o …

Asteróide passa esta sexta-feira entre a Terra e a Lua

Um asteróide de grandes dimensões, recentemente descoberto, voará esta semana a uma distância relativamente próxima da Terra, avança o o Centro de Estudos de Objetos Próximo da Terra da agência espacial norte-americana. O asteróide, designado como …

A Física diz que nunca tocamos realmente num objeto

Se está, neste momento, com o telemóvel na mão ou a tocar no seu computador para conseguir ler esta notícia, desengane-se: segundo a Física, não está a tocar em nada. Tudo o que conseguimos ver, tocar …

Se os buracos negros o confundem, prepare-se para os buracos brancos

Os buracos negros podem ser o mistério mais atraente do Universo, mas não são o único tipo de "buraco" no Espaço. Os buracos negros atraem a atenção de muitos amantes de astronomia por serem tão misteriosos. …

MySpace perdeu 12 anos de músicas, fotografias e vídeos

A rede social MySpace anunciou que perdeu todas as músicas, fotografias e vídeos com mais de três anos. A perda de conteúdo deveu-se a uma falha na migração de servidor. O MySpace, outrora uma das maiores …

Pela primeira vez uma mulher vence o prémio Abel, o "Nobel" da matemática

A matemática pioneira Karen Uhlenbeck, antiga professora da Universidade do Texas, em Austin (Estados Unidos), recebeu o Prémio Abel de 2019, tornando-se a primeira mulher a receber a distinção, uma das mais ilustres na área. A …

Após 65 anos, diário revela romance entre rei belga e a madrasta

O rei Balduíno da Bélgica terá mantido uma relação secreta com a madrasta, a princesa Lilian, segunda esposa do seu pai, Leopoldo III. A revelação foi feita 65 anos depois, através dos diários do ex-primeiro-ministro …

Estudo revela que consumo diário de canábis aumenta risco de psicose

O consumo diário de canábis, sobretudo de elevada potência, está fortemente ligado ao risco de desenvolver uma psicose, conclui um estudo, que analisou pessoas em 11 locais da Europa e um no Brasil. Vários estudos observacionais …