Polícia afastou testemunhas do local onde Marielle foi assassinada

midianinja / Flickr

Sessão Solene em Homenagem à memória de Marielle Franco, em Brasilia

Meios de comunicação brasileiros relatam que testemunhas do assassinato de Marielle terão sido orientadas a deixar o local do crime pela Polícia Militar sem serem ouvidas.

As duas testemunhas em causa revelaram que ficaram no local do crime até à chegada da polícia, mas quando as autoridades lá chegaram ordenaram a retirada de todas as testemunhas sem que fossem ouvidas.

A denúncia pariu de uma reportagem do jornal O Globo, que revela novos detalhes sobre a execução da vereadora Marielle Franco e do seu motorista Anderson Gomes.

A informação baseia-se no relato de duas testemunhas que não foram ouvidas pela polícia e que afirmaram que as autoridades, ao chegar ao local, ordenaram a retirada de todas as testemunhas.

Em separado, ao Globo as duas testemunhas deram a mesma versão dos acontecimentos, que inclui detalhes sobre o momento da abordagem, a rota de fuga e as características físicas do autor dos disparos que atingiram mortalmente a vereadora e o motorista.

Segundo os relatos daquelas testemunhas, o carro onde seguia o assassino terá bloqueado o veículo conduzido por Anderson, onde também se encontrava Marielle e uma assessora parlamentar. O carro quase terá subido a calçada, relatam. Ambas disseram também só terem visto um veículo no momento dos disparos.

Esta informação última contrasta com as imagens das câmaras de vigilância que sugerem que dois veículos perseguiram o carro onde estava Marielle.

As testemunhas alegam ter visto um homem negro sentado no banco de trás do carro do assassino. O homem terá colocado fora do veículo uma arma de cano alongado e, segundo os relatos, o armamento parecia ter um silenciador.

As duas pessoas ouvidas pelo jornal O Globo afirmaram que o carro usado pelos criminosos deu uma guinada e fugiu. Além disso, as testemunhas contrariaram a teoria formulada até então, que previa uma rota de fuga pela Rua João Paulo Primeiro, ao dizerem que o carro terá seguido pela Rua Joaquim Palhares, perpendicular à rua teorizada.

ZAP // Forum

PARTILHAR

RESPONDER

A três meses dos Jogos Olímpicos, há novo estado de emergência em Tóquio

O primeiro-ministro japonês declarou, esta sexta-feira, o terceiro estado de emergência para Tóquio e três outras prefeituras ocidentais para conter a propagação da covid-19. "Hoje, decidimos declarar o estado de emergência nos departamentos de Tóquio, Kyoto, …

Jogos de Portugal no Euro 2020 terão público

Os jogos da seleção portuguesa de futebol na fase de grupos do Euro2020 vão disputar-se, tal como inicialmente previsto, em Munique e Budapeste, com público, anunciou esta sexta-feira a UEFA, após alterar locais da competição. Assim, …

EUA. Homem que detonou bomba no metro em 2017 condenado a prisão perpétua

O autor do ataque à bomba na estação de metro perto de Times Square, em Nova Iorque, nos Estados Unidos (EUA), em dezembro de 2017, foi na quinta-feira condenado a prisão perpétua. Segundo revelou o New …

Bruxelas aprova auxílio intercalar de 462 milhões de euros à TAP

A Comissão Europeia aprovou, esta sexta-feira, um auxílio estatal intercalar de Portugal à TAP, no valor de 462 milhões de euros, para compensar prejuízos devido à pandemia de covid-19. "A Comissão Europeia considera que a medida …

Da despromoção ao ataque dos adeptos. Jogadores do Schalke ponderam não jogar mais esta época

Após a despromoção histórica da equipa, os jogadores foram atacados pelos adeptos nas imediações do estádio. Agora, alguns ponderam não voltar a jogar esta época. Esta semana confirmou-se a despromoção do Schalke 04 à segunda divisão …

Funcionária da polícia esfaqueada mortalmente em França. Agressor abatido

Uma funcionária da polícia francesa morreu, esta sexta-feira, após ter sido esfaqueada por um homem, que foi morto a tiro durante a sua detenção, informaram as autoridades. A polícia identificou o agressor como um tunisino de …

EMA defende administração da segunda dose da vacina da AstraZeneca

A Agência Europeia do Medicamento (EMA) defendeu, esta sexta-feira, a administração da segunda dose da vacina da AstraZeneca, mesmo com os riscos associados à possibilidade de ocorrência de coágulos sanguíneos. O diretor executivo adjunto da EMA, …

Ex-diretor da PJM sentiu-se "desconsiderado" com retirada de investigação de Tancos

O ex-diretor da PJ Militar disse, esta quinta-feira, ter-se sentido "desconsiderado" com a decisão da ex-PGR de afastá-lo da investigação do furto de armamento de Tancos e rejeitou o envolvimento de uma organização terrorista …

Hackers russos tentam extorquir 50 milhões de dólares à Apple

Um grupo de piratas informáticos radicados na Rússia exigiu à Apple 50 milhões de dólares (mais de 41 milhões de euros) para evitar a divulgação de informações sobre os próximos modelos do MacBook. A informação é …

Vacinação no Superior. Há professores que estão a recusar dar aulas presenciais

Há professores do Ensino Superior que estão a recusar dar aulas presenciais enquanto não forem vacinados contra a covid-19, tal como está a acontecer com os docentes e não docentes de outros níveis de ensino. O …