Costa prepara regresso à nova “normalidade”. Confiança é a palavra chave

Mário Cruz / Lusa

O Governo de António Costa prepara o regresso do país à nova “normalidade”, estando a ser traçado um plano para a retoma económica, que deverá acontecer de forma gradual dentro de algumas semanas.

O primeiro-ministro, António Costa, e o ministro de Estado e da Economia, Pedro Siza Vieira, reuniram durante todo o dia desta terça-feira com mais de 20 economistas e académicos para começar a delinear o plano de retoma económica.

No fim da reunião, Siza Vieira falou aos jornalistas, dando conta que o país está a entrar no tempo de preparar o regresso da atividade económica.

Sem adiantar uma data específica para a retoma ou se a renovação do estado de emergência, que o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, já disse estar convencido de ser necessário renovar até 1 de maio, o responsável pela pasta da Economia revelou que a confiança será a palavra chave neste processo.

“Não vou entrar em detalhes sobre o conjunto de reflexões feitas, mas, de uma maneira geral, há uma partilha importante da ideia de que temos de ir construindo uma confiança coletiva na capacidade de proteger as populações, e os elementos mais frágeis, à medida que vamos preparando o levantamento das restrições à atividade económica e circulação dos cidadãos”, disse Pedro Siza Vieira.

Tal como frisa o jornal Público, a economia só reabre se as pessoas tiverem confiança para voltar à rua para trabalhar e consumir sem correrem o risco de contraírem a covid-19, doença que já fez 126 mil vítimas mortais e quase dois milhões de infetados no mundo.

Siza Vieira reforçou essa mesma ideia, sem muito adiantar: “Temos de começar a pensar na forma como vamos ser capazes de criar, na nossa população e nas empresas, a confiança de que estão reunidas as condições para o retorno à atividade”, explicou.

Muitas máscaras?

Partindo do pressuposto da confiança, Pedro Siza Vieira destacou, na mesma declaração que fez a partir de São Bento, em Lisboa, que, após a retoma, as empresas terão de assegurar aos seus trabalhadores um ambiente de trabalho seguro.

Sem adiantar como é que as entidades patronais farão este reforço de segurança para os seus trabalhadores, Siza Vieira deixou indícios de que esta adaptação: o reforço de segurança no seio empresarial se poderá fazer através de máscaras.

O governante frisou que há já empresas portuguesas com capacidade de fabricar máscaras de proteção individual em “grande quantidade”, dando conta que estas “poderão ser distribuídas pelos circuitos de comercialização”.

Siza Vieira recordou ainda que não decretou o encerramento de sectores de atividade em massa. “Foram os sectores que encerraram por sua iniciativa – e bem – e, obviamente, serão eles a decidir qual o momento mais seguro para voltarem à atividade”.

Por isso, quaisquer medidas que o Governo venha a tomar sobre a reabertura da atividade, incidirão sobre as atividades em que houve a decisão de fecho, isto é, o comércio.

O Governo não adiantou ainda quando é que pretende retomar ou dar início à atividade económica, mas o Correio da Manhã aponta que será em maio.

A reunião de António Costa e Siza Vieira com os especialistas ocorreu no mesmo dia em que Fundo Monetário Internacional (FMI) previu uma recessão de 8% da economia portuguesa e uma taxa de desemprego de 13,9% em 2020.

Para 2021 o cenário inverte-se, com a instituição a apontar para uma recuperação de 5,0% do PIB e uma taxa de desemprego de 8,7%.

Também o ministro das Finanças, Mário Centeno, já vaticinou uma quebra inédita do PIB no segundo trimestre deste ano. “As estimativas que existem – e apresentaremos brevemente números nesse sentido – estão enquadradas em factos que vão desde 6,5% do PIB anual por cada 30 dias úteis em que a economia esteja parada, como está hoje em Portugal”, referiu Mário Centeno em entrevista à TVI.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Desemprego sobe 52% entre jovens até aos 24 anos

O desemprego entre os jovens até aos 24 anos disparou à boleia da pandemia de covid-19, que já fez mais de 1.300 vítimas mortais em Portugal. De acordo com o Jornal de Notícias, que avança …

Orçamento Retificativo: entre um cocktail de propostas e os apoios que Costa prefere segurar

António Costa decidiu ouvir todos os partidos com assento parlamentar antes de desenhar o esboço final do Orçamento Retificativo. Os encontros decorrem entre segunda e terça-feira. O primeiro-ministro recebe, entre hoje a amanhã, todos os partidos …

Descobertos fósseis do maior canguru do mundo e lagarto com seis metros

Os fósseis do maior canguru do mundo e de um lagarto com 6 metros de comprimento foram alguns dos achados de uma equipa de paleontólogos na Austrália. Uma equipa de paleontólogos relatou a descoberta de uma …

"Resolvia metade dos problemas sociais". PCP critica verba para o Novo Banco

O secretário-geral do Partido Comunista Português (PCP) disse este domingo que os 850 milhões de euros transferidos recentemente para o Novo Banco davam para “resolver metade dos problemas sociais que neste momento existem”. “Tantas vezes nos …

Schumacher "está numa fase difícil", revela antigo colega do piloto

Michael Schumacher "está numa fase difícil", disse este domingo Felipe Massa, que foi colega do piloto alemão na Ferrari, em 2006. "Sei como está, tenho informações. A minha relação com [Michael Schumacher] sempre foi muito próxima. …

Centeno deixa na gaveta reforma que tira poder ao governador do BdP

O ministro das Finanças, Mário Centeno, deixou na gaveta uma reforma da supervisão financeira que retirava poder ao governador do Banco de Portugal (BdP), avança este domingo o jornal Expresso. Em causa está uma reforma …

Um supercomputador culpou a nossa espécie por aniquilar os neandertais

De acordo com modelos desenvolvidos num supercomputador, a extinção dos neandertais não foi causada por mudanças repentinas no clima glacial nem por cruzamentos com o Homo sapiens. Os neandertais viveram na Eurásia durante, pelo menos, 300.00 …

Liverpool-Atlético levou a 41 mortes por covid-19, revela estudo

Um estudo publicado pelo jornal Sunday Times conclui que o jogo da Liga dos Campeões de futebol entre Liverpool e Atlético de Madrid, em 11 de março, levou a 41 mortes por infeção de covid-19. O …

Trump proíbe entrada nos Estados Unidos de estrangeiros oriundos do Brasil

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decretou este domingo a proibição de entrada no país de todos os estrangeiros que tenham estado no Brasil nos 14 dias anteriores à tentativa de entrada, devido à …

Covid-19. Doentes curados continuaram internados por falta de respostas sociais

De acordo com o barómetro especial sobre internamentos sociais, da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH), quase 20% dos doentes curados continuaram internados por falta de respostas sociais. O barómetro especial sobre internamentos sociais, da Associação …