Gabinetes dos novos membros do Governo custam 71 milhões de euros

Manuel Araújo / Lusa

Reunião do Conselho de Ministros para assinalar os dois anos de Governo, em Aveiro

O novo Governo terá 70 gabinetes no total, que representarão uma despesa anual de, pelo menos, 71 milhões de euros aos cofres públicos, mais sete milhões de euros do que o último.

O primeiro-ministro, António Costa, apresentou ao Presidente da República o maior Executivo governamental desde 1976.

Os cálculos foram feitos e divulgados esta terça-feira pelo Correio da Manhã, cruzando os números do atual Governo e orçamentos dos respetivos gabinetes com as despesas incluídas no Orçamento do Estado para 2019 — em linhas gerais, 64 milhões de euros para manter em funcionamento 60 gabinetes ministeriais.

De acordo com o jornal, os ministros têm, no mínimo, uma verba de um milhão de euros, enquanto os secretários de Estado dispõem de uma verba a rondar os 700 mil euros, em média.

O Jornal de Notícias dá conta que o novo Executivo de António Costa vai custar, durante os próximos quatro anos, mais 15% em salários do que na legislatura anterior, uma vez que há mais nove elementos na equipa de Governo.

António Costa irá auferir 4.900 euros brutos mensais (por 14 meses), mais 1.960 euros de ajudas de custo (por 12 meses). Por sua vez, cada um dos 19 ministros irá receber 4.200 euros brutos e 1.680 euros de ajudas. Já os 50 secretários de Estado, vão receber 3.900 euros mensais e 1.365 em subsídios.

Costa levou esta segunda-feira a Belém a lista dos 50 secretários de Estado do Governo para a próxima legislatura – mais sete do que o Executivo anterior -, de onde se destacam nomes como o de Nuno Artur Silva, ex-administrador da RTP, ou promoções como a de João Galamba, atual secretário de Estado da Energia, que passa a ser também Adjunto e torna-se o número dois do Ministério do Ambiente.

Patrícia Gaspar, a segunda comandante nacional da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), vai ser uma das novas secretárias de Estado. O diário frisa que a comandante, que foi conhecida pelas conferências de imprensa durante os incêndios de 2017, será a primeira mulher a ocupar a cadeira da Secretaria de Estado da Proteção Civil.

Os ministros das Finanças e das Infraestruturas e da Habitação, Mário Centeno e Pedro Nuno Santos, mantém as equipas da anterior legislatura.

Quanto à lista dos 19 ministros que compõem o Executivo, foi conhecida na passada terça-feira. Houve saídas, como a de José Vieira da Silva e a de Luís Capoulas Santos, e também promoções de atuais secretários de Estado a ministros, como foi o caso de Maria do Céu Albuquerque, que se prepara para ser a nova ministra da Agricultura.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Finlândia 0-1 Rússia | Miranchuk recoloca russos na corrida

A anfitriã Rússia conseguiu hoje uma determinante vitória na luta pelo apuramento para os oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao bater a Finlândia por 1-0, em São Petersburgo. No primeiro jogo da segunda jornada …

Nove militares da GNR acusados de tortura

O Ministério Público (MP) do Porto acusou nove militares da GNR dos crimes de tortura e outros tratamentos cruéis, degradantes ou desumanos e sequestro agravado. O Ministério Público (MP) do Porto acusou nove militares da GNR, …

Costa garante que Lisboa terá o mesmo tratamento que os outros concelhos

Esta quarta-feira, num dia em que Portugal registou 1.350 novos casos ( 928 dos quais na região de Lisboa e Vale do Tejo), o primeiro-ministro afirmou que a capital terá o mesmo tratamento que os …

Salgado disposto a pagar à massa falida do GES para ficar isento de cumprir pena

Ricardo Salgado está disposto a pagar à massa falida do GES para ser dispensado de cumprir pena no processo que o irá julgar por três crimes de abuso de confiança, segundo a contestação da defesa …

PJ detém 12 pessoas por suspeitas de corrupção na Câmara de Loures

Entre os detidos pela Polícia Judiciária (PJ) estão dois empreiteiros, um arquiteto, um empresário ligado a uma obra particular e oito fiscais. Através da Unidade Nacional de Combate à Corrupção e no âmbito de inquérito dirigido …

Casos disparam: 1350 novas infeções e seis óbitos

Nas últimas 24 horas, houve 1.350 novos casos positivos de covid-19 e morreram seis pessoas, segundo os dados do boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). Portugal registou 1.350 novos casos e seis óbitos por covid-19 …

Parlamento vai ouvir Medina e ministro dos Negócios Estrangeiros

Fernando Medina e Augusto Santos Silva vão ser ouvidos no Parlamento sobre o caso da partilha de dados pessoais de ativistas russos. O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, e o ministro dos Negócios …

Mudanças na lei laboral podem prejudicar a retoma, avisa Centeno

É crucial para a retoma que haja "estabilidade e previsibilidade na legislação laboral", de forma a estimular o investimento empresarial e o crescimento económico, afirmou esta quarta-feira o governador do Banco de Portugal (BdP), Mário …

Costa, Von der Leyen na Cimeira Social no Porto

Von der Leyen dá luz verde ao Plano de Recuperação e Resiliência português. E "não é por acaso"

O primeiro-ministro, António Costa, e a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, anunciaram esta quarta-feira que o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) foi aprovado por Bruxelas.  A presidente da Comissão Europeia, Ursula von …

Kim Jong-un reconhece que país enfrenta "situação de tensão alimentar"

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, reconheceu que o país está a enfrentar uma "situação de tensão alimentar", informaram hoje os meios de comunicação oficiais. O país, cuja economia é alvo de múltiplas sanções internacionais impostas em …