EDP pode ser responsabilizada pelo incêndio de Pedrógão Grande

António Cotrim / Lusa

A EDP pode vir a ser alvo de processos judiciais por causa das responsabilidades que terá tido no início do grande incêndio de Pedrógão Grande, que matou 64 pessoas. A eléctrica nacional pode ser alvo de responsabilização civil e até criminal.

Este cenário é admitido por vários juristas contactados pela TSF que têm por base as conclusões dos relatórios da Comissão Técnica Independente (CTI) e do Centro de Estudos sobre Incêndios Florestais (CEIF) da Universidade de Coimbra.

Estes dois documentos, o primeiro entregue no Parlamento e o segundo encomendado pelo Ministério da Administração Interna, apontam falhas à EDP pela falta de limpeza das matas junto aos cabos de média tensão, onde terão começado os dois fogos que originaram o grande incêndio de Pedrógão Grande.

A EDP já negou as conclusões, com o presidente do Conselho de Administração a manifestar-se “chocado” e “surpreendido”, alegando que os locais visados foram alvo de uma inspecção dois meses antes dos fogos.

Todavia, juristas como o juiz Eurico Reis e o advogado Ricardo Sá Fernandes defendem na TSF que a eléctrica pode mesmo vir a ser responsabilizada, civil e até criminalmente.

Os dois relatórios citados incluem diversas imagens, também divulgadas pela TSF, que atestam a alegada falta de cuidado da EDP com a protecção das linhas de média tensão.

CEIF / Universidade de Coimbra

Local de início do fogo em Escalos Fundeiros. A amarelo assinalado o provável ponto de contacto da linha eléctrica com a vegetação.

No relatório do CEIF, os peritos concluem mesmo que o grande incêndio de Pedrógão Grande começou por causa de uma linha de média tensão da EDP, que terá entrado em contacto com a vegetação, apontando a “deficiente gestão de combustíveis na faixa de protecção da linha, por parte da entidade gestora”.

“As árvores nas imediações do suposto local de origem quase que tocam nos cabos eléctricos, sendo possível que, em períodos de vento, como a altura em que se deu a ignição, os seus ramos embatam nas linhas eléctricas“, apontam. “Há vários indícios de que as árvores terão tocado nestes cabos várias vezes porque apresentam várias zonas queimadas perto dos cabos”, constatam ainda os peritos do CEIF.

CEIF / Universidade de Coimbra

Local de início do fogo em Regadas onde é possível ver a proximidade entre a linha eléctrica e os sobreiros.

Já o documento da CTI não atribui responsabilidade directa à EDP, quanto ao início do incêndio, mas constata que a linha de média tensão estava “muito próxima da copa das árvores” e que “o ponto de ignição situa-se num troço da linha de média tensão que, numa extensão de 500 metros, estava desprovido de faixa de protecção”.

A CTI também realça que “não existem evidências de gestão de combustível (mesmo que só superficial)” no troço sob a linha de média tensão que passa por onde terá começado o fogo, em Escalos Fundeiros, revelando a imagem seguinte para o atestar.

Comissão Técnica Independente

Relatório sobre incêndio de Pedrógão Grande da Comissão Técnica Independente mostra alegada deficiente gestão de combustível por parte da EDP.

SV, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. EDP-Mas não foi vendida ao Governo Chinês? E quem vendeu? Grande negócio! E quem lá está? O Sr Catroga que se vangloriou ter negociado com a TroiKa em representação do PSD e que depois foi para a EDP

    Enfim……

  2. A EDP ? Não acredito…. ! Aquela que quando os velhotes se atrazam no pagamento envia logo a carta a ameaçar ( nos termos legais e referidos ameaçadores Decretos de lei ) cortar a electricidade? Aquela que quando se reclama qualquer coisa analisa por contra própria e tem sempre razão? Não acredito. Uma empresa tão cumpridora da legalidade? Tinha os cabos electricos descuidados?Não acredito,… e pronto ! Quando muito vão analisar e comunicar que a culpa foi das arvores,… e nos termos do artº ” trá lará troca o passo e vem cá ontem,…. ” esta Empresa não tem responsabilidade no que refere árvores que não cumprem a lei e abusadamente provocam acidentes que nos termos legais prejudicam a acção da Empresa. – Está dito e paga a conta.

  3. “A eléctrica nacional”???? Já foi, mas um engravatado Dr. Eng. Adv. qualquer resolveu…ganhar uns trocos e pronto.
    Se a EDP é nacional, então a China também já não é China, é Portugal.
    Ou seja, a EDP já não se devia chamar EDP devia Chamar-se EDC ( Electricidade da China)
    Miséria das misérias!!! Qualquer dia para fazer uns trocos começam a vender os Portugueses.
    Se não nos pomos a pau vai ser assim: (10 cabeças custam X se levarem 15 fazemos um desconto de 50%, se levarem um camião cheio até fica de borla)

RESPONDER

Engenheiros japoneses fizeram levitar objectos com "armadilha acústica"

Engenheiros japoneses descobriram uma forma de fazer pequenos objectos levitar usando apenas ondas sonoras, o que pode ser um passo importante para a tecnologia. A engenharia biomédica, o desenvolvimento de farmacêuticos e a nanotecnologia podem vir …

Juno fez a maior aproximação a Ganimedes das duas últimas décadas (e as imagens são de cortar a respiração)

A NASA divulgou, recentemente, um vídeo da sonda Juno a passar por Júpiter e Ganimedes, uma das suas luas. As imagens são de cortar a respiração. Juno visitou Ganimedes em junho. As imagens foram captadas no …

Homicídio com 32 anos resolvido com a menor amostra de ADN de sempre

Um caso de homicídio ocorrido há 32 anos, que muitos consideraram impossível de ser resolvido, foi finalmente desvendado (e tudo graças à amostra de ADN mais pequena de sempre usada para decifrar um caso). De acordo …

Braços robóticos controlados remotamente podem vir a realizar cirurgias delicadas

Um equipa de investigadores está a trabalhar para eliminar movimentos rígidos nos braços robóticos, de modo a torná-los mais ágeis. O objetivo é que no futuro estes possam empilhar pratos ou até realizar cirurgias delicadas. Os …

Alemão foi forçado a remover estátua do pai por esta se parecer com Hitler

Um alemão foi obrigado a retirar uma figura de madeira de um cemitério, que seria para homenagear o seu falecido pai, por ter semelhanças com o antigo ditador nazi. As autoridades do município de Weil im …

Podcast evita morte de um condenado (seis vezes)

Curtis Flowers foi julgado seis vezes pelo mesmo promotor de justiça. Um programa de investigação mudou o seu destino. O promotor continua a acreditar que Curtis é culpado. A própria equipa responsável pelo 60 Minutes, programa …

EUA venderam álbum único dos Wu-Tang Clan (que pertencia a Martin Shkreli)

O álbum do grupo Wu-Tang Clan, confiscado em 2018 ao antigo gestor de fundos Martin Shkreli, também conhecido como "o empresário mais odiado do mundo", foi agora vendido pelo Governo norte-americano. Num comunicado divulgado esta terça-feira, …

Bezos ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA para entrar na corrida da próxima viagem à Lua

O empresário norte-americano ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA numa tentativa de reacender a batalha espacial entre a sua empresa, a Blue Origin, e a do "rival" Elon Musk, a SpaceX. De acordo com …

Clientes com certificado digital válido impedidos de entrar em restaurantes

Estão a ser reportados vários casos de clientes que, ao apresentarem o certificado digital para poderem entrar num restaurante, não conseguem fazê-lo porque o documento está a ser considerado inválido pelos dispositivos eletrónicos. Segundo a rádio …

Covid-19 trouxe "paranoia" ao mercado

Diretor do Norwich City, da Premier League, acha que os responsáveis por alguns clubes não sabem bem o que estão a fazer nos últimos tempos. O Norwich City iria jogar contra o Coventry City, num encontro …