Prazo para validar faturas no e-fatura alargado até 22 de fevereiro

marsmet473a / Flickr

-

O Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Fernando Rocha Andrade, decidiu prorrogar o prazo de validação das faturas no portal e-fatura até dia 22 de fevereiro. Os prazos para entrega das declarações do IRS também foram esticados.

O prazo das Finanças para validação de faturas terminava esta segunda-feira, mas durante a manhã o site apresentava erros que rejeitavam alterações nas faturas do ano passado.

Quando o contribuinte tentava, por exemplo, alterar a categoria da despesa, surge o aviso: “Já não é possível completar a informação das faturas dos anos anteriores a 2016“. O ministério das Finanças explicou que se tratava de “um erro do sistema”, que já estava “a ser tratado”.

Entretanto, as Finanças publicaram novas tabelas com os prazos de validação das faturas e de entrega das declarações do IRS.

Ministério das Finanças

-

Domingos Azevedo, bastonário da Ordem dos Oficiais de Contas (OTOC), sublinhou à TSF que a situação não deverá afetar as despesas relativas a saúde, educação, imóveis e lares, com direito a deduções, que podem ser declaradas no IRS mesmo sem estarem validadas no e-fatura.

As Finanças admitem a eventual alteração dos valores – que vão aparecer pré-preenchidos no IRS -, mas exige aos contribuintes conseguirem comprovar, através das respectivas faturas em papel, os valores declarados, nomeadamente na “parte que exceda o valor que foi previamente comunicado à Autoridade Tributária e Aduaneira” e que está no e-fatura.

O portal e-fatura da Autoridade Tributária não esteve a funcionar em pleno já nos últimos dias, quando muitos contribuintes não conseguiram terminar o processo.

A DECO e o Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos defendiam o alargamento do prazo, uma possibilidade que já tinha sido assumida pelo Governo na semana passada.

Outro motivo que poderia levar ao alagamento do prazo para validação das faturas – e possível alargamento dos prazos de entrega das declarações do IRS – é o facto de as entidades públicas que não são obrigadas a passar faturas (como hospitais ou centros de saúde) terem até 19 de fevereiro para enviar a informação das despesas dos contribuintes, o que significa que algumas despesas de Saúde ainda não vão aparecer no e-fatura.

A Autoridade Tributária já anunciou que vai criar outra página onde vai ser possível consultar e verificar essas faturas em março.

ZAP

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Nem uma única despesa de seguradoras, ou bancos estava registada por estas entiddes no e-fatura. Tanto quanto sei não estao isentos do pagamento de impostos. Como regularizar isto?????

  2. esta nova ditadura ,que obriga o contribuinte a ter pc e internet ,e conhecimentos de informática,anti vírus,atualizaçao do material etc ,os velhotes a serem enganados pois quando não sabem ,tem de confiar em terceiros ,tudo isto para poupar trabalho aos funcionários públicos ,que dizem ser em excesso,ca para mim estão mal geridos .

RESPONDER

FC Porto 1-0 Guimarães | Dragão já vê Sporting no horizonte

O Porto venceu no fecho da 28ª jornada da Liga NOS pela margem mínima, na recepção ao Vitória SC, e conseguiu o principal objectivo, que passava por somar os três pontos e reduzir para quatro …

Italiano faltou ao trabalho durante 15 anos, mas ganhou quase 600 mil euros

Um funcionário de um hospital no sul de Itália recebeu o salário durante 15 anos, apesar de nunca ter aparecido para trabalhar. De acordo com a polícia italiana, citada pela cadeia televisiva CNN, Salvatore Scumace está …

Google ficou sem o domínio na Argentina (e Nicolás achou que ia ser o novo dono)

Na última quarta-feira, um jovem argentino achou que ia ficar rico à custa da distração da Google no seu país. Acabou por não acontecer e tudo ficou resolvido. "Que pague a dívida externa", "que compre vacinas", …

Lola, a robô humanóide, dá "passos de bebé" (e equilibra-se com as mãos)

Uma equipa de cientistas está a ensinar a robô humanóide Lola a dar "passos de bebé", equilibrando-se com as suas mãos em vários pontos de contacto. Há muito tempo que os investigadores estudam a locomoção de …

Presidente da República veta decreto sobre inseminação post mortem

O Presidente da República vetou, esta quinta-feira, o decreto do Parlamento sobre inseminação post mortem, considerando que suscita dúvidas no plano do direito sucessório e questionando a sua aplicação retroativa. Na mensagem dirigida à Assembleia da …

Primeiro-ministro francês está a receber centenas de peças de lingerie no correio

O primeiro-ministro francês tem estado a receber roupa interior feminina na sua caixa de correio. Foi a forma encontrada pelas lojas de lingerie para protestarem contra as restrições da pandemia que as obrigam a estar …

Inteligência artificial "identifica" autores dos Manuscritos do Mar Morto

Investigadores da Universidade de Groningen, nos Países Baixos, recorreram à inteligência artificial para concluir que os Manuscritos do Mar Morto foram redigidos por vários escribas, o que abre uma "nova janela" para o estudo do …

Inteligência Artificial vai ajudar a identificar fontes de poluição no Bangladesh

A produção de tijolos é uma fonte de poluição que ameaça a saúde da população e do planeta, mas regular esta indústria pode ser uma tarefa difícil para as autoridades. Para resolver o problema, uma …

Portimonense 1-5 Benfica | "Águia" arrasa em solo algarvio

O Benfica regressou aos triunfos depois de ter vencido o Portimonense por 5-1, numa partida relativa à 28.ª jornada da Liga NOS, após o desaire registado na recepção ao Gil Vicente.  Porém, não foi um duelo …

Vigaristas burlaram mulher de 90 anos em 32 milhões de dólares

Uma mulher de Hong Kong, de 90 anos, foi defraudada em 32 milhões de dólares por burlões que se fizeram passar por agentes policiais chineses, via chamada telefónica. A Agence France-Presse (AFP) escreve que um jovem …